26 May 2009
18 comentários

Istanbul

Dicas de Viagens, Instanbul, Turquia

Qualquer pessoa que goste de historia da mesma maneira que eu gosto (ADORO) sabe a importancia que Istanbul tem na historia da humanidade, e disputa com Roma e Atenas o podio das cidades ocidentais mais interessantes e de historia mais conturbada da regiao.

A cidade que hoje eh Istanbul, jah foi Bizantiun, capital do imperio Bizantino, e depois Constantinopla, quando foi conquistada pelo imprador Romano Constantinus, e no seculo 15 foi finalmente invadida pelos muculmanos, e entao virando Islam-Bol, ou Istanbul – a cidade do Islam.

A cidade (e pais) eh dividida entre dois continentes – Europa e Asia – e corredor de passagem de dois grandes mares: Mediterraneo e Negro (estreito de Bosforo), e jah assistiu batalhas como a conquista de Alexandre, o Grande, virou a “Roma do leste” pelas maos de Constantinus; foi aqui que Aquiles lutou contra os Troianos; onde os Ottomanos comandaram seu imperio, e que foi invadida e convertida pelos muculmanos comandados pelo Sultao Mehmed, o Conquistador em Maio de 1453.

Como nosso voo chegava super tarde sexta feira, decidimos pedir um trasfer do hotel. Sai um pouco mais caro, mas eh um preco que vale a pena ao aterrisar tarde numa cidade desconhecida que tenha “mah fama” – todos nos aconselharam a ter muito cuidado com os Turcos, negociar bem os precos, conferir troco, nao dar bobeira com a bolsa, maquinas fotograficas e tal. Boa parte dos conselhos foram bem exagerados, mas nao custa nada prevenir, certo? Ainda mais saindo do aeroporto a 1 da manha!

Nosso motorista parecia ser bem gente boa, tentando se comunicar nas 5 palavras que falava em Ingles, e foi nos levando dando voltas e mais voltas pela cidade, para vermos os pontos turisticos – se fosse um taxi comum, estariamos morrendo de raiva de sermos enrolados e “dando uma voltinha”, mas com o motorista do hotel, estava tudo otimo!

Uma coisa uqe me surpreendeu em Istanbul foi que nao existe pobreza. Tudo bem que nao viajamos pelo interior do pais, e basicamente nao saimos da area turistica da cidade, mas mesmo no caminho entre o aeroporto e a cidade, nao vimos nenhuma area que tivesse cara de “periferia”, ou uma area mais perigosa. E apesar de tudo que nos falaram sobre os Turcos, me senti extremamente segura o tempo todo. Logicamente, tem que ficar esperta com bolsas e tal, e como qualquer cidade grande do mundo nao dah pra dar bobeira, mas andamos com maquina fotografica pra tudo quanto eh canto, andamos pela rua de noite, nos embrenhamos por ruelas mal ilumindas, e em nenhum momento me senti em perigo. Nao vi criancas na rua, e nem sequer pedintes… e o unico mendigo que vi na rua, quando jogou um papel no chao, uma mulher que andava atras dele (bem vestida), parou, catou seu papel no chao e jogou na lata de lixo.

Fiquei muito bem impressionada, mesmo! Nao sei porque, mas imaginava um lugar diferente, talvez por imaginar que seria um pouco como Marrocos, e provavelmente por causa do estereotipo que os Turcos tem pela Europa, de perigosos e imigrantes ilegais, principalmente na Europa central.

mas muito pelo contrario, descobrimos uma cidade milenar, cheia de historia pra contar, mas ao memso tempo jovem e cheia de vida, colorida e tolerante.

Mas mesmo assim, alguns cuidados foram tomados, pois por mais que eu tenha adorado a cidade, e quebrado varios de meus estereotipos e preconceitos, a cultura e religiao eh muito diferente da nossa, e por mais cabeca aberta que eles sejam em relacao ao turismo ocidental, temos que respeitar seus costumes e culturas, oque inclui:

– Roupas: Na Turquia nem todas as mulheres usam vem cobrindo os cabelos ou rosto, mas mesmo assim, todas andam muito cobertas, e nao eh pemitido a entrada em mesquitas e templos para mulheres com ombros, colo e pernas a mostra, ou homens de bermuda. E nao soh pelo respeito a religiao, mas por seu proprio bem! Os Turcos sao descarados e bem “machos latinos” nesse aspecto, e seja voce de que religiao for, sozinha ou acompanhada, a cada passo recebera uma cantada, ouvira um fiu-fiu na rua ou uma piadinha de gosto duvidoso. Tanto homens quanto mulher encaram as mulheres ocidentais sem piedade (por motivos diferentes, obviamente!), e basta um micro decote para virar a atracao do restaurante/bar/mercado, etc. Eu vi umas meninas bem “assanhadinhas” de short curto ou blusa decotada, e dava ateh pena coitadas… E o Aaron, que eh o homem mais pacato e seguro do universo volta e meia saia bufando e pensando alto que queria “quebrar a cara do idiota” (convenhamos que vindo dele chega a ser comico!) pois os homens sao mesmo descarados!

– Bebida alcoolicas: No geral, Muculmanos nao bebem, mas os Turcos sao tolerantes com quem queira beber. Nem todos os bares servem cerveja, vinho, ou qualquer outra coisa, e alguns servem soh depois de uma certa hora; mas de qualquer maneira, nao chegamos a ver turistas bebados nem anda do genero (e ficamos numa area cheia de albergues, e barzinhos).

– Negociacao: negocie, negocie, negocie. Nuca, jamais pague o preco que eles pecam, em nada! O Aaron fica pra morrer, pois ele odeia essa coisas, mas eu me divirto! Sou cara de pau, bato boca com vendedor, e soh compro pelo preco que quero. mas os vendedores Turcos tem toda uma tecnica bem convicente – e presenciamos a mesma tecnica varias vezes, e situacaoes e lojas diferentes!

Nos ficamos hospedados no Hotel Agan, que eh tipo uma pensao/albergue. Super recomendo, para quem nao tem frescuras de hotel. Os quartos sao bem simples, mas limpos, com tv a cabo, frigobar e banheiro (o banheiro deixou a desejar, mas nada a perfeito, certo?), alem de um cafe da manha legalzinho e tipico Turco e um restaurante com almofadas na varanda que era uma delicia!

Mas a melhor parte foi mesmo a localizacao! O Hotel fica a menos de 5 minutos de todas as principais atracoes turisticas em Istanbul, no centrao da cidade antiga, Sultanahmet e passamos o feriado inteiro andando a peh pra cima e pra baixo, sem precisar de pegar taxi ou tram uma unica vez! Ah! E eles organizaram nosso transfer de chegada e saida pro aeroporto por um preco bem bom, e pra quem vai pra Turquia com mais tempo pra passear, eles tem uma mini agencia de viagem na recepcao do hotel que pode organixar uma infinidade de passeios bem legais pelo pais todo! De viagens mochileiras de onibus noturno, a passeios romanticos de balao por Capadoccia!

Saindo de Londres, existem varias opcoes de voos diretos pra Istanbul, incluindo algumas opcoes low cost, como a EasyJet. Acabamos achando uma super promocao da Expedia meses e meses atras que incluia hotel e voo da British Airways, no fim de semana do feriado, que acabou saindo mais barato que o voo da EasyJet! Entao eh bom ficar de olho nas promocoes, e logicamente, planejar com muito tempo de antecedencia!

Tiramos muitas, MUITAS fotos (eu quase 500, e o Aaron quase 700!!) e jah estao AQUI.

 

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Denver, Colorado, nos EUA, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

Adriana Miller
18 comentários
Comente pelo Facebook
Escreva o seu Comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui!
18 comentários
  1. Anathalia - 26/05/09 - 15h13

    Dri, as fotos estão lindas! Mas fiquei curiosa: como você consegue andar um dia inteiro de sandalinha? Mesmo detestando tênis, quando eu vou andar muito, não tenho outra opção… Sandália ou sapato junto com muita caminhada é sinônimo de bolhas nos pés pra mim… Fiquei com invejinha!… rs!

    Responder
  2. Adriana - 26/05/09 - 15h32

    Oi Anathalia,
    Soh tenho duas sandalias que aguentam o tranco: Essa ai, que eh uma gladiadora velha e super batida, de um couro bem molinho… da epoca que gladiadora nem era moda ainda… heheheh
    E a outra eh o FitFlop, um chinelo especial de caminhada, que “balanceia” os musculos e a postura (um dia escrevo sobre esse chinelo, que eh a invencao do seculo! Me arrependi de ter esquecido de usar ele na Turquia)

    Responder
  3. Anonima - 26/05/09 - 15h48

    Dri muito tri as fotos… adorei

    Responder
  4. Anonima - 26/05/09 - 15h48

    Dri muito tri as fotos… adorei

    Responder
  5. Raquel - 26/05/09 - 17h04

    Dri,

    Eu tava assim super curiosa acerca da tua opinião da cidade e das tuas fotos(LINDAS), pois apesar de também não conhecer Marrocos, sempre atirei a Turquia para o grupo de países parecidos com Marrocos.
    Eu sempre digo que adorava conhecer Turquia exactamente pela história que representa, mas sempre achei que seria muito suja, muita pobreza, ambiente meio barra pesada, maaasss pelos vistos surpreendeu-te nesse aspecto né? Assim sinto-me mais confiante para um dia me arriscar também.

    Já disseste que não te sentiste insegura, creio que te referias a assaltos… e essas coisas, mas com te sentiste em relação aos conflitos políticos, sente-se alguma insegurança face a esse factor, existe alguma agitação ou os turistas nem se apercebem disso?

    Bjs

    Responder
  6. Carol - 26/05/09 - 17h13

    Adorei as fotos…muitas cores!!! Lugares lindos!!!

    Responder
  7. Mile - 26/05/09 - 17h19

    Cheguei ontem acabada, nunca andei tanto na minha vida. Mas estou maravilhada com a cidade. Sábado e domingo andava olhando pra todos os lados pra ver se te encontrava, onde vc se meteu menina?
    Ainda nao fiz nenhum post falando sobre a minha experiência, vou ver se no decorrer da semana escrevo algo.
    Bjoks…vou ver as fotos

    Responder
  8. Adriana - 26/05/09 - 17h35

    Oi Raquel, eh isso mesmo, me senti bem segura em todos os sentidos. E principalmente no aspecto politico. Todos os turcos foram super simpaticos e gentis com a gente, ateh mesmo os homens abusados (!), e nao senti nenhum tipo de medo ou inseguranca em nada nada.
    Nao ficamos com medo de falar que o Aaron era Americano (no Vietnam as pessoas ficavam metralhando com os olhos quando sabiam que ele era Americano!), ou que moravamos em Londres nem nada do tipo.
    Logico que nao dah pra dar bobeira nunca, mas no geral foi super, super tranquilo.
    Vai na feh!

    Responder
  9. CarlaZ - 27/05/09 - 02h28

    Oi Dri eu super acompanho seu blog mas nunca comento…mas dessa vez…Turquia é o que planejo e cada vez que vejo comentários positivos fico mais feliz.
    Vou ver as fotos já!
    Ah…adoro o blog!

    Responder
  10. CarlaZ - 27/05/09 - 02h29

    Oi Dri eu super acompanho seu blog mas nunca comento…mas dessa vez…Turquia é o que planejo e cada vez que vejo comentários positivos fico mais feliz.
    Vou ver as fotos já!
    Ah…adoro o blog!

    Responder
  11. luciana r. - 04/06/09 - 22h22

    Istambul foi uma das viagens mais lindas que eu fiz. Amei tudo e tomei litros e mais litros de cha de maça gelado.

    Responder
  12. Joana - 08/08/10 - 15h30

    Adriana, pra começar, eu realmente adoro seu blog, e visito sempre. =)
    Eu estava pensando em visitar a turquia no fim de outubro, e queria saber quanto tempo você ficou por lá, pra saber como devo me planejar.
    E outra coisa.. vc sabe se em outubro/novembro Istambul é bom de se visitar?
    Obrigada!!!!

    Responder
  13. Rita Cordas - 23/06/11 - 03h27

    Olá Adriana!

    Sigo o teu blog faz agora quase 2 anos. Gosto imenso do que relatas em todas as duas viagens! Sinceramente tenho um bocadinho de inveja por conseguires viajar tanto. Eu também adoro viajar e quando tenho oportunidade vou dar uma volta por este mundo.
    A semana passada fui a Istambul e tirei do teu blog muitas dicas. Do local onde ficaste hospedada, dos principais sitios a visitar, do banho turco… foi tudo muito útil. Confesso que fartei-me de me rir de algumas passagens, principalmente do Aaron no banho turco e no bazar.

    Obrigada por partilhares as tuas viagens.

    Beijinhos

    Rita Cordas
    (Portugal)

    Responder
    • Adriana - 23/06/11 - 05h20

      Que bom!!! Obrigada por voltar aqui pra me contar!!

      Responder
  14. Thais - 25/05/12 - 13h15

    Oi Adriana,
    Planejei minha viagem para Istambul com pouca antencedência e usei várias dicas aqui do seu blog (banho turco, hotel etc). Também fiquei no Hotel Agan e gostei muito, a localização é excelente. Como você falou, eles tem uma agência de viagens na recepção. Marquei um tour até a Capadócia com eles e correu tudo bem. Ótima dica. :)
    Bj

    Responder
  15. […] 7 dicas para curtir istambul solo numa boa | LINK 104. @drimiller | istanbul por adriana miller | LINK 105. @rotas&destinos | dicas de istambul | LINK 106. @uolmulher | dois universos se encontram […]

    Responder
  16. Denise - 13/05/13 - 00h21

    Ola Adriana, encontrei seus relatos sobre a viagem a Turquia e estou usando suas valiosas dicas para planejar minha viagem em 2014.

    Infelizmente, nao consegui acessar o link com as fotos apesar de haver me cadastrado no site FOTKI. As fotos ainda estao la? Eh possivel vc me passar o novo link?

    Obrigada,
    Denise

    Responder
    • Adriana Miller - 15/05/13 - 13h26

      Oi Denise,
      Esse site não é mais de visualização aberta, então as unicas fotos disponiveis são as que estão no post.

      Responder