15 Nov 2010
26 comentários

Sofia

Bulgaria, Dicas de Viagens

Antes de desembarcar no modernissimo aeroporto de Sofia, pouco sabia oque esperar. Claro que devorei o livro de viagens e fiz varias pesquisas na Internet, mas ainda assim, existe pouco informacao por ai sobre o pais.

Ja oque eu imaginava encontrar, formava uma lista enorme!

Principalmente os estereotipos espalhados pelo resto da Europa… Eu cresci numa cidade em Portugal onde quando os ciganos Bulgaros passavam perto, todo mundo se escondia, as portas eram (finalmente) trancadas, e as criancas nao podiam mais brincar nas ruas. Os metros de Madrid e Barcelona sao abarrotados de meninas Bulgaras de cabelao ate a bunda e saia ate o chao carregando bebes recen nascidos e pedindo dinheiro aos passageiros; e as ruas de Paris sao cheias de senhoras de meia idade oferecendo flores em troca de leitura de palma da mao enquanto aplicam golpes a turistas.

Foi difícil conseguir convencer o Aaron a querer conhecer Sofia, que ele poderia levar sua camera fotografica sem problemas e que poderiamos usar nossas aliancas de casamento nas ruas sem medo…!

Mas tem tambem o lado encantador da historia Bulgara, que tem entre seus ancestrais um dos primeiros povos “desenvolvidos” da Europa, os Tracianos, que foram uma grande influencia ao desenvolvimento doque conhecemos hoje pela Historia e Mitologia Grega (algunas teorias defendem que alguns dos principias deuses Gregos foram na verdade “desenvolvidos” pela crenca Traciana), criaram e desenvolveram a lingua Eslava que aos poucos tomou conta de todo leste Europeu (foram os monges Bulgaros que criaram o alfabeto Cirilico, usado ate hoje por Gregos, Russos, e Eslavos em geral, influenciando ate mesmo o Alemao moderno) e depois pasaram seculos sub dominacao Otomana Turca, depois finalmente libertados pelos Russos, formaram aliancas com os Alemaes e Austro-Hungaros e finalmente passaram os ultimos 40 anos trancados atrás da cortina de ferro Sovietica.

Entao com isso tudo na cabeca chegamos ao centro de Sofia e foi aquela surpresa!

Por uma lado eu imaginava uma cidade pobre, mal cuidada e com poucas coisas a oferecer ao turista (acho que meu sub-conciente imaginava Sofia sendo bem parecida a Tallin, na Estonia, meio misturada com Atenas, na Grecia), mas chegamos numa cidade cheia de parques e jardins floridos (as Rosas cor de rosa da Bulgaria equivalem a mais de 50% da producao mundial de oleos e essencia de flores de mundo, fornecendo materia prima para mais de 50% da industria mundial de perfumes e fragrancias!), avenidas largas e arejadas, e predios de arquitetura sensacional!

Eh verdade que nao tem tanta coisa a se fazer na cidade, e a nao ser que voce realmente queria passar horas visitando museus e galerias de arte pela cidade, um fim de semana esta de bom tamanho!

Uma das principias caracteristicas da arquitetura da cidade sao suas Igrejas Crista Ortodoxa, e surpreendentemente a Bulgaria eh considerada um dos paises mais religiosos e devotos do mundo, e nao entramos em nenhuma igreja que nao estivesse lotada de fieis, pessoas de todas as idades de joelhos e ascendendo velas! Quase todas as igrejas dao livre acesso a turistas e inclusive permitem fotografia em seu interior (coisa rara, principalmente em Igrejas Ortodoxas que sao super bonitas e rebuscadas por dentro), mas acabavamos nem fazendo fotos, por respeito aos fieis (que eh um clima ebm diferente das igrejas da Inglaterra por ejemplo, que temu m clima muito mais comercial e turistico).

Outra coisa que me chamou a atencao foi o orgullo que os Bulgaros tem de suas Igrejas Ortodoxas de arquitetura Russa! Enquanto que a mayoría dos paises do Leste Europeu tenta renegar seu passado socialista e alianzas com a ex-URSS, a Bulgaria tem uma historia e conexao com a Russia que vai muito alem de Lenine e cia, e eles sao eternamente agradecidos ao Russos por sua libertacao dos Ottomanos e da opressao religiosa que por seculos tentos impar o Islamismo como religiao oficial do pais.

Entao nosso passeio comecou pela Igreja Sveta Nedelya, que eh uma das principias e mais antigas da cidade, construida em estilo Bizantino e que abriga os ossos do Rei Servio Sveti Kral Stefan Milotin, que dizem ter poderes milagrosos e atrai pelegrinos vindo de toda regiao Balcanica para Sofia ate hoje.

O nosso hotel era bem pertinho do predio da Presidencia da Bulgaria, e a cada hora ha uma ceremonia de troca de guarda. Logicamente nao eh a mesma pompa e grandeza da troca da guarda Britanica, mas nao deixa de ser interessante a formalidade da cerimonia! E dentro do predio da presidencia esta a igreja Sveti Giorgi

E eh impressionante a quantidade das avenidas largas e organizadas da cidade, os jardins, os mercados de antiguidades…

E duas das outras atracoes sao tambem…. Igrejas!

Porem nao apenas Igrejas Ortodoxas “normais” e sim Ortodoxas Russas, que sao ainda mais bonitas e mais imponentes…

A menorzinha eh a Igreja Russa, que a pesar do exterior super decorado, eh bem pequenininha por fora e por dentro. Aliais, por dentro a Igreja eh praticamente apena o altar e nada mais…

Mas aos fundos de seu jardim esta a avenida que se abre na Catedral Aleksander Nevisk, que nao soh eh o simbolo de Sofia, mas de toda Bulgaria, e simboliza justamente a gratidao do povo Bulgaro aos Russos, e esse catedral foi construida em homenagem ao santo Russo de mesmo nome, em comemoracao ao fim da dominacao Otomana.

A Igreja, assim como a maioria das Igrejas em estilo RUsso sao impresionantes, de todos os angulos. Sempre muito coloridas, com deus domos multiplos em formato de cebola.

Uma coisa que achei bem interessante nessa Igreja em particular sao as cruzes Ortodoxa Bulgara que tem na verdade dois deportes, em vez do formato de cruz tradicional que estamos acostumados a ver.

Bem ao lado da Catedral esta a Sveta Sofia, que eh a Igreja Ortodoxa mais antiga da capital, e que eventualmente deu o nome a cidade!

A pesar de termos dado muita sorte com o clima no fim de semana que fomos a Sofia, por ser inverno, o sol baixou super rapido e acabamos nao tendo muito tempo para ficar perambulando demais pela cidade e nem conseguimos sair do circuito mais turistao…

Mas ainda deu tempo de ir conhecer o outro lado da cidade, onde fica o mercado municipal, cheio de lojinhas e barraquinhas com comidas tipicas e muitas lojinhas vendendo produtos feitos com oleos de rosa.

E na mesma pracinha do mercado municipal (que fica numa parte nao tao turistica, e portanto nao tao bonitinha da cidade), esta o Oriental Baths, que é um antigo Spa natural construido onde nasce uma fonte de agua minieral no meio da cidade. Cos os Romanos e os Otomanos eram chegados num Spa, o Oriental Spa existiu como banho publico por seculos na cidade, mas agora esta fechado e passando por uma super revitalização e vai virar um spa mais condizente com os tempos modernos…

E foi impressionante como assim que o sol baixou a cidade de repente esvaziou! E sofia esta longe de ser uma cidade super cosmopolita, e mesmo estando hospedados na parte mais central e turistica da cidade tivemos certa dificuldade de achar um lugar para comer por exemplo… Entao acabamos nos refugiando no hotel o resro da noite mesmo…

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Denver, Colorado, nos EUA, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

Adriana Miller
26 comentários
Comente pelo Facebook
Escreva o seu Comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui!
26 comentários
  1. Thais Mittmann - 15/11/10 - 20h58

    Adoreiiiii!!!!!!! Legal só agora descobrir de onde são aquelas senhorinhas pedintes (bem chatinhas, por sinal) de Paris!!! beijos
    Teremos 2 parte, né?????

    Responder
    • Adriana - 15/11/10 - 21h30

      Na verdade não sao todas da Bulgaria não, muitas tambem sao da Romenia, que dividem com a Bulgaria a “tribo” dos Romas, tambem conhecidos como Getae (ou ciganos), mas como os Bulgaros são mais aceitos como imigrantes que a Romenia, as senhorias Bulgaras se espalham mais rapidamente…

      Responder
  2. Viviane - 15/11/10 - 23h19

    AqUelas chatas de paris que dão o golpe do anel? É pura chatisse. E em sevilha então? São cheias das ” gitanas”,haja paciência viu, infelizmente muitas dessas pessoas vivem assim. Linda a cidade. Bjus

    Responder
    • Adriana - 16/11/10 - 11h06

      Bem, em Sevilla o problema ja eh meio diferente porque la ja tem os Getaes que se estabeleceram na regiao da Andaluzia ha seculos e agora sao de la mesmo… sa igualmente chatos mas nao acho que tenham nada a ver com os ciganos da Bulgaria e Romania.

      Responder
  3. cristina - 16/11/10 - 00h17

    e como foi a questao da seguranca? ha policiais nas ruas? vcs se sentiram seguros o tempo todo?
    eu sou louca para conhecer a Bosnia!! mas acho q vou esperar para ir na prox primavera, deve ser muito frio e escuro agora no inverno :(

    Responder
    • Adriana - 16/11/10 - 11h05

      Sim, super seguros o tempo todo!
      E so vimos uma unica velinha tentando vender flores em troca de ler as maos, que bastou dizer nao e ela foi logo em bora (que em Paris e Madrid elas colam que nem chiclete!).
      Ha policias nas ruas, mas nao muitos… nao acho que seja preciso nao…

      Responder
  4. fernanda - 16/11/10 - 01h25

    Oi, Dri, como várias pessoas devem fazer eu já leio o teu blog há mto tempo (desde q tu casaste) e amoooo as tuas dicas de viagem. Quero mto conhecer os países da ex Iuguslávia e dos Balkans tb. oq me impressionou em Sofia foi a semelhança com Atenas! Óbvio q Atenas é mto mais cosmopolita e tal… mas até o jeito dos guardinhas marcharem é igual! Eu sou uma apaixonada por viagem e pra ser BEM sincera tenho uma invejinha boa de ti! =) de morar aí tão perto de tudo… de estar a pcas horas de viagem de um outro país. Mas fico viajando pelas tuas viagens tb (plagiando o riq) e entro every single day no teu blog pra ver oq q tu tais planejando de novo! Ta na minha barra de favoritos! heheheh
    Bjos, querida!

    Responder
    • Adriana - 16/11/10 - 11h03

      Obrigada Fernanda!
      Eu imagina que Sofia seria parecida com Atenas, mas na verdade nao tem NADA em comum, alem da maneira como os guardinhas marcham!
      Sofia eh infinitamente mais bonita que Atenas!
      Tudo bem que Atenas tem o Partenon e tal, que eh uma parte da cidade incomparavel com nada no mundo, mas a cidade em si eh super feia, mal cuidada, suja, fedorenta e super insegura. Ja Sofia eh exatamente o oposto!
      Linda, limap, bem cuidada, pessoas super educadas e bastante segura.

      Responder
  5. Carol G - 16/11/10 - 03h45

    Que lugar lindo! Como foi a questão da segurança? (Como se eu, 100% carioca, tivesse moral para me preocupar com a segurança dos outros lugares! hahahaha)

    Fiquei encantada com as fotos da igreja! Nossa, parece que nem existe de tão linda! Amei! Imagina um casamento lá? Uau!!

    Beijos

    Responder
    • Adriana - 16/11/10 - 11h01

      Foi muito, muito tranquilo!
      Ate eu fiquei meio desconfiada depois de tanta gente me olhar como se eu fosse uma louca por querer ir pra Bulgaria (Bulgaros tem pessima reputacao por aqui!), mas a questao da seguranca foi ate melhor doque muitos outros paises Europeus.
      Muita seguranca nas ruas (mas sem a sensacao de batalhao de guerra de quando tem evento internacional no Rio, sabe?) e nao tivemos NENHUM momento de medo nem de sensacao de inseguranca.

      Responder
  6. Luisa - 16/11/10 - 06h35

    Que maximo, Dri, que vc foi pra Bulgaria!!
    Eu to tentando convencer o marido a ir pra là em junho (pro festival das rosas em Kazanlak), mas acho que è uma batalha perdida…
    Quando digo “Bulgaria” a unica coisa que ele pensa sao os imigrantes… como se ele nao fosse casado com uma!
    Vou mostrar seu post pra ele! :)
    Bjs
    .-= Luisa´s last blog ..Aquileia =-.

    Responder
    • Adriana - 16/11/10 - 10h58

      Aqui foi a mesma coisa! Quando eu sugeri “Bulgaria” a reacao do Aaron foi tipo “vamos passar as ferias na fronteira do Iran com Iraque?”
      Mas olha, vai na fe que foi super tranquilo!

      Responder
  7. aline - 16/11/10 - 12h26

    E o tempo contribuiu muito pelo que perceb, ceu azul!

    Responder
    • Adriana - 16/11/10 - 12h27

      Sim! O tempo tava lindo! E a temperatura otima tambem, sme estar muito frio…

      Responder
  8. cristina - 16/11/10 - 13h18

    Eu tenho que pegar um voo que sai de Heathrow para a Africa as 21horas e queria ir de Milao para Londres de ryanair durante o dia chegando por Gatwick ou Sansted , qual desses aeroportos eh mais facil e/ou barato para ir para Heathrow?

    desculpa se vc ja escreveu isso antes mas nao achei no site!!!

    beijos e obrigada!!

    Responder
    • Adriana - 16/11/10 - 13h20

      Mais facil e barato ir chegar pelo Gatwick, e de la voce pode pegar um onibus da National Express direto pra Heathrow.

      Responder
  9. Thaís Nascimento - 16/11/10 - 14h19

    Olha, eu sou suspeita pra falar porque Sofia está no meu top 10 de cidades européias que quero conhecer.. Mas é lindo demaissss né? Na verdade ainda mais lindo do que o que eu tinha em mente *-* OMG!

    Responder
  10. Valentina - 16/11/10 - 16h02

    Adorei seu oculos !
    Qual é a marca ?

    mil beijos

    Responder
    • Adriana - 16/11/10 - 16h27

      Nao tem marca, comprei numa lojinha em Sofia, pois estava o maior sol e eu tinha esquecido meus oculos!

      Responder
  11. Valentina - 16/11/10 - 20h13

    obrigada :)
    pq vc nao atualiza o beauty every where com suas roupas ?
    adoro ver o dia a dia das pessoas !

    bj

    Responder
    • Adriana - 16/11/10 - 21h41

      Vou atualizar! Mas morro de vergonha de ficar postando os looks e as roupas que uso… Sei lá… Meio estranho, não?

      Responder
      • Daiane Tozzi - 17/11/10 - 01h32

        as bloguetchis adoram ver o look!

        Responder
        • Adriana - 17/11/10 - 09h23

          Hahahahaha!
          Esse apelido ainda vai colar! :-)

          Responder
  12. […] duas semanas atras fui passar um fim de semana em Sofia, na Bulgaria e pegamos um clima dalicioso de […]

    Responder
  13. Sónia - 08/02/11 - 14h05

    Olá!
    Descobri o teu blog por casualidade e gostei bastante!
    Os Balcas sao os parentes pobres da Europa e,também, a grande surpresa. Penso que por todos os preconceitos que temos em relaçao, chegamos e ficamos surpreendidos pela beleza e simpatia dos lugares e pessoas.
    Eu tive o privilegio de viver na Macedonia (not FYROM) e cada dia foi uma surpresa. Ao nao haver quase nenhumas infraestructuras para turismo de grande escala, tudo se torna magico. As paisagens sao tao virgens que parece que nos sentimos o primeiro ser humano a cruzar os caminhos…e as pessoas sao o melhor e super tranquilas. E é assim em todos os paises que conheci na “Europa pobre”…Boas Viagens

    Responder
  14. Inês - 09/07/14 - 18h50

    Olá Dri,
    Quantos dias você acha que serão precisos para conhecer a cidade? Estarei lá de sábado à hora de almoço até uma segunda ao fim da tarde, queria ir a Rila Monastery mas ainda estou indecisa se tento ou não encarar mais algum passeio. Obrigada pelas dicas…

    Responder