09 Feb 2011
18 comentários

Hotel Embassy Beirute

Beirute, Dicas de Viagens, Libano

Quando eu decidi esticar minha viagem ao Libano e passar mais um dia por conta propria na cidade, eu sabia que teria uma missão pela frente: encontrar um novo hotel!

Sabia que pagar por conta propria uma diaria no Phoenicia estava fora de cogitação, mas por outro lado Beirute é uma cidade onde as opções baratas, porém com qualidade, são limitaddissimas.

Mas como seria apenas uma noite, e ia passar o dia todo passeando e conhecendo outras partes do pais, resolvi eliminar todas as frescuras e reservar direto a opção mais barata que achei no Booking.com.

Ainda assim, 60 dolares por uma noite, num quarto de ocupação por apenas 1 pessoa nao eh exatamente das opções mais baratas. Cheguei a pensar num albergue, mas como estava viajando com material de trabalho, computador do banco e malona com roupas e sapatos para trabalhar a semana inteira (em vez da malinha de mao ou mochila de costume), achei que seria menos confusão ficar num quarto sozinha.

O Embassy foi uma situação tipica de hotel que não é albergue – na verdade eles alegam ter 3 estrelas! – mas não chega aser hotel… uma mistura de pensão com residencial, mas que cumpriu com todas as minhas exigencias: preço, boa localizaçnao (na rua paralela do Rua Hamra), limpo e com banheiro no quarto. E de quebra ainda tinha ar condicionado/aquecimento, tv a cabo com canais em Ingles e frigobar. Nada mal!

Adriana Miller
18 comentários
Comente pelo Facebook
Escreva o seu Comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui!
18 comentários
  1. Fê Costta - viaggio mondo - 09/02/11 - 18h50

    hahaha que coincidência!! Também fiquei no Embassy!! Bem fraquinho, mas atende bem para quem não fica dentro do hotel de jeito nenhum… rs

    Responder
    • Adriana - 09/02/11 - 19h52

      Eu sei! O Hussein me falou! Aliais, otima dica viu Fe! Adorei ele!

      Responder
      • Fê Costta - viaggio mondo - 10/02/11 - 20h05

        Ah, ele é jóia, né?! Para onde ele te levou?

        Responder
        • Adriana - 10/02/11 - 20h52

          Fomos pra Baalbek e pra Anjaar.
          Eu queria ir pra Byblos, mas ai ele disse que Ballbek era melhor, e que voce tirou mais fotos la que eh Byblos! Achei hilario e foi tudo que precisei pra me convencer! hahahah

          Responder
          • Fê Costta - viaggio mondo - 12/02/11 - 06h47

            hahahahah Foi isso mesmo!! Tirei umas 500 em Baalbeck e Anjar contra no máximo 50 de Byblos.

            Sua opção foi a melhor, sem dúvida. Byblos é pequenina demais, sem dúvida Baalbeck é um must see no Líbano! :)

            Menina, escutei seu podcast de Londres no Aprendiz de Viajante, ficou show!!

            Responder
  2. viviane - 09/02/11 - 19h40

    Oi Dri

    Vc pretende fazer post sobre sua viagem a Lisboa?
    ¨
    É que vou para Lisboa em abril e estou procurando hoteis, mas claro, tenho estado a espera do teu post, para ver sua dica de hotel!!

    SE vc nao pretende fazer post, poderia me dizer que hotel vc ficou e o que achou?
    Thanks!

    Responder
    • Adriana - 09/02/11 - 19h52

      Claro! Os posts já começam a entrar nos proximos dias!

      Responder
  3. Lucia - 09/02/11 - 20h28

    Ai Dri! Achei esse preco super, hiper barato. Ja ouvi estorias de terror de albergues por aqui (das minhas irmas e amigas) e sei que ha excessoes, mas eu tenho um certo receio de ate cogitar em ficar em lugares baratinhos assim. Voce eh a unica pessoa que conheco que teve sorte de ficar em hostels bons. bjos

    Responder
    • Adriana - 09/02/11 - 20h33

      Imagina Lucia!
      Um dos melhores albergues que já fiquei, em Luxor no Egito, custou apenas 5 dolares por noite! (incluindo cafe da manha!).

      O problema de albergues o hoteis baratinhos assim, é que realmente nao é pra todo mundo, e tem gente que opta por albergue por causa do preço, mas tem expectativas de hotel 5 estrelas… ai nao da mesmo!

      Responder
      • Lucia - 09/02/11 - 20h42

        Nossa, $5.00!! Mas eu nao tenho essa expectativa, nao. Eu quando viajo, nao preciso de um hotel 5 estrelas, somente quero algo limpo e confortavel.

        Pra te dar uma ideia meu terror vem de estorias assim: uma amiga ficou num hostel onde o carpete estava visivelmente sujo e ate acharam um half eaten TV dinner under the bed… A outra me contou que teve que tomar banho de chinelo e segurando o chuveiro, pois estava meio que despencando emcima dela e o piso do chao estava nojento… uma outra teve uma experiencia parecida, mas com gente gritando e fazendo barulho dia e noite… Nem morta, sabe? So faltava terem achado bed bugs and baratas no lugar. Eca! rsrsrs

        Lucia

        Responder
        • Adriana - 09/02/11 - 20h56

          Mas ai é que esta o problema, pois todas essas historias “de horror” que vc já ouviu sobre albergues são assim mesmo.
          Nao da pra esperar um super servico nem ultra qualidade pagando tao pouco. Eu sempre levo havaianas pra tomar banho quando viajo, e se tiver agua quente, já estou no lucro entao nem ligo se tiver que tomar banho segurando o chuveirinho (aliais bem comum na Europa, inclusive em casas de familias). Quem dorme em dormitorio divindo o quarto tem que saber lidar com os barulhos alheios, banheiro compatilhado com estranhos e afins.

          Por isso que digo que albergues são uma otima maneira de viajar pagando bem pouco, mas não é pra todo mundo. Eu consigo abstrair tudo isso e me divertir ainda mais sabendo que nao estou “desperdicando” dinheiro com hotel, enquanto que pra outras pessoas ter que tomar banh de chinelo pode, potencialmente, estragar completamente as ferias!

          Responder
          • Lucia - 09/02/11 - 21h07

            Ah, entao eles sao assim mesmo? Como voce disse, nao eh pra todo mundo, pois isso realmente estragaria minhas ferias, rs. Eu preciso de um quarto limpo, banheiro limpo e tudo funcionando direitinho e nao quero precisar usar chinelo pra tomar banho, pois se fosse o caso, ficaria ate com receio das toalhas e lencoes tb serem sujos. E um lugar/quarto quieto eh essencial (nao quero ouvir vizinho nenhum). Eh muito bom saber disso, pois pensei que voce foi sortuda de achar uns bons (sem esses problemas todos – que seria problema pra mim). LOL

            Responder
            • Adriana - 09/02/11 - 22h20

              Nao, nem todos sao assim nao. Na verdade a grande maioria dos albergues que eu me hospedo sao confortaveis, limpos, camas macias, quartos silenciosos e com todas as amenidades “basicas”.
              Mas volta e meia me deparo com alguem albergue “tipico”, e ai nem da pra reclamar neh? Pagando tao pouco, as expectativas tem que ser baixas mesmo, e oque vier eh lucro!

              Responder
  4. dani - 10/02/11 - 15h40

    menina, seu segundo nome é coragem!!!! Isso é bom pq vc curte a vida mais q qq um..beijos,Dani

    Responder
  5. Si - 11/02/11 - 00h13

    Oie!
    Acabei de le todos os posts sobre Beirute e estou realmente pasma com a beleza do lugar! Acho q sempre associamos a ruinas – derivadas de guerra. Outro q tb me surpreendeu foi a Bulgaria… Trabalho com uma mo;a de la, e ela sempre fala dos problemas economicos, como foi sua infancia- adolescencia vivendo em um pais socialista. Ate comentei e mostrei p/ ela o post e as foots lindas q tirou de la. Ela entao come;ou a falar das belezas naturais. Foi o seu post q me fez v esse pais de uma outra maneira e nao uma Bulgara! :-)
    Dri everywhere e cultura!
    Thanks

    Responder
  6. claudia liechavicius - 12/02/11 - 20h02

    Dri.
    Que coincidência. Você e a Fê Costta publicaram matérias sobre o Líbano na mesma época. Um país tão fora do roteiro habitual dos viajantes (mesmo dos contumazes). Bacana.
    Bj
    Calaudia Liechavicius
    http://www.viajarpelomundo.com

    Responder
  7. Angélica - 02/05/11 - 03h28

    Adriana
    Boa noite
    Eu e meu marido estamos com muita vontade de conhecer o Libano, porém já encontramos vários problemas:
    1° Agência de viagem com pacote somente para o Líbano, teria que ser feito um pacote exclusivo ( ou seja o preço ira lá em cima), o único mês disponível para nós é janeiro.
    2° Pensamos em ir com a cara e a coragem, porém não falamos inglês, arranhamos um pouco no espanhol, mas como li no seu blog que a língua é o francês e o inglês.
    3º Não conhecemos nínguém que more lá.

    Você conhece alguém que tenha uma agência de viagem?
    Desde já agradeço deixo meu e-mail angel.tabet@hotmail.com

    Responder
  8. Maria Carlota Boabaid de Carvalho - 04/05/18 - 22h31

    Procuro um guia turístico em Beirute….estou indo em outubro deste ano 2018…vejo que os posts aqui são antigos…

    Responder