19 May 2011
3 comentários

Fatehpur Sikri

Agra, Dicas de Viagens, India

Nossa ultima parada no circuito do Triangulo Dourado, antes de voltar a Delhi, foi a cidade-fortaleza Fatehpur Sikri, a cerca de 40km de Agra.

A fortaleza foi planejada e construida pelo imperador Mugal Akbar em 1570, que queria homenagem a crenca do Sufismo Islamico. A arquitetura teve influencia Islamicas, Hindus e Cristas, e sao justamente essas 3 religioes que fazem com que esse palacio seja tao interessante.

Akbar era muculmano de origem Mugal, mas era um amante das religioes e estudante de teologia – alem de otimo estrategista de guerra, e sabia que quanto mais conhecesse e respeitasse as demais religioes da regiao, mais bem sucediso e pacifico sei reino seria.

Entao Akbar teve tres mulheres (esposas oficiais), cada uma delas de uma religiao diferente: Uma esposa Muculmana Turca, uma Indiana Hindu, e uma Portuguesa Crista (que se chamava Marilia, e era Portuguesa de Goa – da epoca que Goa ainda era parte do Imperio Portugues. E o guia fez questao de repetir isso um milhao de vezes pra me deixar “orgulhosa”).

Cada uma de suas rainhas morava em um palacio diferente dentro das muralhas da fortaleza, com carcteristicas arquittonicas e religiosas de acordo com sua religiao. No centro de tudo ficava o aposento do Rei Akbar, com vistas para a “piscina” e a area de jogos onde as mulheres do palacio (esposa e comcubinas) brincavam durante o dia.

Uma das lendas de Fatehpur Sikri eh que o Rei Akbar gostava de “entreter” seus convidados e comcubinas com festivais, musica e jogos. Por exemplo, no centro do fonte/piscina do palacio fica um palco enorme, onde musicos vindos de toda a India cantavam pra ele e seus convidados (ele tinha vista privilegiada do palco direto de sua cama), e varios outros jogos pintados no chao, em tamanho “real”.

Uma das areas de jogos, tinha um “tabuleiro” gigante no chao do patio, que parecia tipo um jogo de xadrez, e segundo nosso guia, diz a lenda que o Rei usava suas comcubinas – nuas! – como pecas do jogo!

O Palacio demorou cerca de 14 anos pra ser construido, mas foi abandonado depois de apenas 4 anos de uso – devido ao material usado na construcao (tudo 100% em marmore vermelho!) sob o sol do deserto faziam com que o palacio fosse quente demais (nos presenciamos o quao infernal o lugar eh!!), alem da dificuldade de transportar agua potavel pra abastecer a fortaleza. Entao o Rei e sua familia se mudaram novamente pra Agra.

Mas oque eu gostei mesmo em Fatehpur Sikri foi a mesquita (Templo Teologico, ja que tem um pouco de tudo) Jama Masjid!

Logo na entrada, vemos desde la longe as torres do portal Persa Buland Darwaza, uma especia de “arco do triunfo” construido por Akbar para comemorar a vitoria de uma batalha. O Portao, considerado o maior do mundo Islamico ate hoje, tem influencias Persas e Mugals em sua arquitetura, mas eu achei super interessante que ao contrario do que seria normal numa mesuita, as inscricoes no alto do portao sao na verdade de origem crista, e diz: “Jesus, filho de maria, disse: O mundo eh uma ponte, cruze-a, mas nao construa casas nela. Ele que espera por uma hora, talvez esperara por toda eternidade. O mundo se acabara em uma hora, gaste-a em oracao, pois o resto nao eh previsivel”.

Eu nao consegui descobrir a citacao original de onde essa inscricao foi retirada, mas achei o maximo a mistura de estilos e religioes, que no fundo nos passam sempre a mesma mensagem!

Mas uma das atracoes principais da mesquita eh a tomba do santo Sufi Salim (O Sufismo eh uma versao “mistica” do Islamismo na India, originado na regiao que hoje em dia eh o Afeganistao), e ainda muito adorado por varias faccoes do Islamismo.

A tomba eh uma construcao contrastante dentro da mesquita, pois eh interamente construida em marmore branco, todo entalhado e bordado de pedras semi preciosas, usando a tecnica Pietra Dura, a mesma tecnica Mugal usada na decoracao do Taj Mahal.

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Denver, Colorado, nos EUA, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

Adriana Miller
3 comentários
Comente pelo Facebook
Escreva o seu Comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui!
3 comentários
  1. Vivian - 19/05/11 - 01h00

    vc narrou tudo comtanta naturalidadeque eu mesenti dentro da história !! Imagino que essa viagem seja mágica

    Responder
  2. Joaninha - 19/05/11 - 09h34

    Adorei!
    Tenho que comprar uma lente grande angular…!! Ai, a inveja é um pecado tão grande!!! lololo
    Adoro as suas fotos!

    Responder
  3. Marília Lucena - 25/05/11 - 01h20

    e´tudo muito grandioso,ne?? to adorando a narraçao )

    Responder