30 Oct 2012
66 comentários

Maldivas – Tudo que voce precisa saber sobre acomodacao, transporte, visto, custos, clima, quando e onde ir e oque fazer por la (e oque levar na mala!!)

Babymoon, Dicas de Viagens, Estilos de Viagem, Maldivas

Planejar uma viagem pras Maldivas eh facil – mas eh dificil!

A oferta eh limitada… mas as opcoes sao muitas… os precos sao altos, mas com bastante discrepancia (diarias podem varias de cento e poucos dolareas a 5 mil dolares por noite), e afinal, quel a melhor ilha ficar, como identificar diferencas e como saber que nao vamos ficar – literalmente – ilhados numa roubada?

E isso eh crucial pro sucesso da viagem – as ilhas nao sao “cidades”, nem tem “bairros”. Cada ilha eh minuscula e inteiramente ocupada por seu hotel. Voce nao tera “saida” e muito menos outras alternativas (de cosias pra fazer, restaurantes etc) caso nao esteja satisfeito com sua escolha.

Entao meu processo pra escolher um hotel-ilha ideal pra gente foi assim:

Acomodacao:

Recebemos varias “dicas” e recomendacoes de amigos que ja tinham visitado o pais, e claro, todo mundo sempre acha que seua escolha foi a melhor. Mas rapidinho vimos que nem sempre, oque deu certo pra outro casal, era exatamente oque queriamos fazer.

Quando se trata de acomodacao nas Maldivas, o primeirissimo item a levar em conta sao os custos e seu orcamento. Afinal, sua viagem “sera” o hotel escolhido, e eh essa escolha que define todo o resto.

Nos dois por exemplo nao faziamos questao alguma de ficar em quartos sobre a agua (nas palafitas). Eh bonito, parece ser legal e tal, mas nunca foi um fator determinante e muito menos um “sonho”. Por outro lado, conheco pessoas que nem sequer cogitariam ir pras Maldivas e nao ficar nos quartos sobre as aguas…

Entao de cara pudemos eliminar um gigantesco custo da viagem: o almejado quarto sobre as aguas faz com que qualquer viagem ao pais fique pelo menos 3 ou 4 vezes mais caro, com diarias que beiram os 1.000 dolares por casal, ate o infinito (dependendo de quao exclusivo sera seu hotel).

Mas por outro lado, fizemos questao absoluta de ficar na beirissima da praia – e portanto nao queriamos hoteis que tivesse quartos em estilo “apartamento”, nem espalhados pelo centro (“jardim”) da ilha.

Entao algumas das opcoes mais baratas tambem nao entraram na nossa lista, ja que focamos nos hoteis que oferecessem “Beach Bungalows” (Bangalo na Praia), oque geralmente eh o segundo “nivel” de quarto oferecido pela maioria dos hoteis.

Mais detalhes sobre o hotel/ilha escolhido para nossa hospedagem, nesse post aqui.

– All Inclusive, ou nao All Inclusive…. Eis a questao.

O segundo fator de selecao de hoteis foi o tipo de “pacote” oferecido, e de maneira geral, as redes internacionais “ocidentais” (leia-se Hilton, W, Sheraton, Four Seasons, Conrad, etc) apenas oferecem pacotes de Cafe da Manha, ou no maximo meia pensao.

Mas quando voce comeca a pesquisar sobre os hoteis, geralmente aqueles que oferecem oba-oba de All Inclusive, tem as piores notas e feedback de servico e qualidade de comida, oque eh bem comum nesse tipo de hotel.

Eu pessoalmente tenho um certo pavor (e muito preconceito) com hoteis All Inclusive, e tenho aquela visao dos infernos das filas no buffet, servindo uma gororoba nao identificada enquanto o “animador” comanda a coreografia de lambairobica na piscina!

Porem, ao conversar com amigos que estiveram recentemente nas Maldivas, e lendo reviews em sites como o TripAdvisor, vimos que a media de custo de uma refeicao avulsa num resort que nao seja All Inclusive pode variar entre os 100 a 200 dolares por refeicao (pro casal).

Ai basta fazer as contas: digamos uma media de $150 por refeicao, duas vezes por dia, mas uns belisquetes e bebidas aqui e acola ao longo do dia, podendo facilmente ultrapassar os $400 por dia, por 7 dias…

E tambem nao queriamos cair na cilada de ter que ficar fazendo contas e nos privando de comer e beber isso ou aquilo quando desse vontade por medo da conta no fim da viagem. (uma cerveja nos bares a la carte do nosso resort custavam $8 dolares, so pra dar uma ideia).

Entao a decisao foi achar um resort que oferecesse All Inclusive, mas com a opcao de restaurantes a la carte avulsos. Assim, pelo menos sabiamos que se a comida do All Inclusive nao fosse boa, ou muito repetitiva depois de uns dias, teriamos a opcao de pagar extra por outros restaurantes – mas sem a obrigacao de gastar X por dia, todos os dias.

Porque afinal de contas, quando vc para pra pensar, todas as desvantagens de um All Inclusive (falta de opcoes, repeticao, etc) eh um problema em qualquer hotel nas Maldivas, ja que voce sempre estara limitado aqueles 3 ou 4 restaurantes que sua ilha oferecer, e so. Voce nunca tera a oportunidade de dar um pulinho em outro lugar se enjoar ou nao gostar das ofertas da ilha…

(Os detalhes sobre o resort que ficamos sera publicado em outro post especificoPost sobre o hotel, AQUI)

– Transporte:

Outro item a levar em consideracao na escolha de seu hotel, eh o meio de transporte disponivel pra chegar ate la.

O pais nao tem estradas, nem ferrovias nem transporte publico – e tendo um unico aeroporto na capital Male, as distancias entre o aeroporto e seu hotel podem ser enormes.

Uma outra questao que fizemos foi ficar num hotel em que precisassemos pegar um hidroaviao!

Eu sei que eles sao assustadores pra maioria dos mortais (e olha que eu tenho PAVOR MORTAL de altura!), mas eu sabia que a experiencia de sobrevoar as Maldivas seria incomparavel! E assim como muita gente acha que ir pras Maldivas eh sinonimo de se hospedar sobre as aguas, pra mim, ir pras maldivas eh sinonimo de voar de hidroaviao, e nao cogitaria ficar num hotel em pudesse ser alcancado de barco a partir da capital!

A viagem de hidroaviao em si foi muito mais tranquila doque poderia imaginar!! E olha que alem do medo de altura, eu ainda estava um pouco apreensiva com os possiveis solavancos e turbulencias na minha barriga de quase 6 meses de gravidez!

Mas que nada… o aviao decola e voce nem se da conta… a altitude alcancada eh baixissima entao nao ha riscos de turbulencia, e o pouso eh ate mais tranquilo e calmo doque o pouso de um aviao “de verdade” ja que a agua amortece qualquer possivel solavanco.

E a verdade eh que uma vez la em cima, a vista eh tao espetacular que nossos 45 minutos de voo passaram voando!! Simplesmente nao da pra acreditar que voce esta mesmo ali…

dicas de viagem para ilhas maldivas

Mas um outro aspecto importantissimo a levar em consideracao em relacao a transporte, sao os horarios dos voos que chegam e saem das Maldivas.

Eu nunca tinha parado pra pensar nisso, mas uma amiga me deu a dica e foi nossa salvacao!

Atente para o horario de seu voo de ida pra Male e faca questao de aterrisar no pais na parte da manha. Os hidroavioes so voam durante o dia, e tem horarios bem restritos na parte da tarde.

Entao oque muitas vezes acontece eh que os voos “promocionais” que saem do Oriente Medio (principalmente Dubai) e Asia chegam nas Maldivas na parte da tarde, e voce acaba tendo que passar uma noite nao planejada em Male por que os hidroavioes ja nao estao em operacao, ou o tempo virou e os voos foram cancelados etc.

O mesmo vale para os voos de volta, e de preferencia  voos que saiam das Maldivas na parte da manha, ou inicio da tarde – os hoteis tem horarios restritos de checkout e voce tem que sair de seu quarto/hotel pela manha, e consequentemente pegar um dos voos de hidroaviao no comeco do dia – oque significa que voce pode acabar passando horas e mais horas tendo que esperar do lado de fora do (precario) aeroporto de Male (uma reclamacao super comum, ja que o aeroporto eh bem pequeno e eles so te deixam entrar no saguao de embarque 2 horas antes do seu check in)

Por isso, nos escolhemos um voo da British Airways, direto entre Londres e Male, que foi um voo noturno na ida (chegamos la as 9 da manha horario local) e um voo diurno na volta (saimo de Mala as 11 da manha, e por causa do fuso horario chegamos em Londres ainda no mesmo dia).

 

 

– Visto e entrada no pais:

 

Uma vez chegando la, eh tudo bem tranquilo, sem grandes burocracias nem exigencias: Brasileiros, Europeus e Americanos nao precisam pedir visto com antecedencia, e a entrada no pais eh cedida na hora.

Porem eh preciso ficar atento a certas exigencias. As Maldivas sao um pais com leis e regras super rigidas e guiadas pelo Islamismo, oque os torna um pouco intransigentes.

Por exemplo, eh expressamente proibido a entrada no pais com bebidas alcoolicas. Um pouco paradoxal, ja que o alcool rola solto nos hoteis, mas por uma questao de controle, eles nao permitem a entrada a bebidas e garrafas “avulsas” – entao guarde suas compras de Wiskey no free shop pra viagem de volta.

E alem disso eles tem varias placas espalhadas pelo aeroporto avisando que comportamentos e materiais que sejam contra a fe Islamica serao confiscados e os proprietarios encarceirados, e essa lista de “material” pode varias desde publicacoes consideradas “eroticas” ou anti Islam, passando por alcool e drogas…

Uma outra dica importantissima eh que passageiros vindos da America do Sul ou que passaram pela Africa ate 6 dias antes de entrar nas maldivas devem apresentar a carteirinha de vacinacao contra a febre amarela, entao quem vai chegar nas Maldivas com voos originarios no Brasil (independen de qual seu passaporte) ou deu aquela passadinha rapida pela Africa, nao esquecam sua carteirinha internacional da Anvisa!

 

 

– Clima e Quando ir:

As Maldivas nao sao o “paraiso na Terra” a toa… A Localizacao privilegiada no equador, bem no meio do Oceano Indico, protegido geograficamente pela India de um lado e o Oriente medio de outros, faz com que o pais tenha um clima relativamente estavel o ano todo, e com temperaturas SEMPRE na media dos 30 graus, sendo que a agua do mar sempre beira uma media de 25 a 28 graus (delicia!).

A melhor epoco do ano pra visitar o pais eh entre Novembro e Maio, que eh considerada a epoca seca – ou seja, suas chances de dias claros, muito sol e temperaturas altissimas sao muito mais altas.

Mas essa eh tambem a alta temporada no pais – que trazem consigo hoteis lotados, precos mais altos e os muitos Europeus que querem fugir do inverno no hemisferio norte.

As maldivas tem uma unica Moncao chuvosa por ano, de Junho a Agosto, mas que ainda assim nao se compara com outras regioes do mundo, e as temperaturas continuam altas e o sol continua presente – mas com mais possibilidades de chuvas ao longo do dia e dos dias. (mas oque faz dessa epoca a preferida de muita gente, ja que os precos sao drasticamente reduzidos, e as temperaturas nao sao tao opressivas!).

Ja Setembro, Outubro e Novembro sao epocas de entre-safra primaveril, quando as temperaturas comecam a subir, as chuvas ja sao mais raras e os turistas ainda nao voltaram em peso pras ilhas.

Nos conseguimos coincidir nossas ferias, com o final do meu segundo trimestre de gravidez com o comecinho de Outubro e foi uma escolha perfeita!

Conseguimos boas promocoes de hospedagem, os voos estavam vazios, as temperaturas altas, porem amenas, o clima seco e o sol super presente todos os dias!

– Oque fazer por la?!

Meu maior preconceito em relacao as Maldivas sempre foi essa imagem de “nao ter nada pra fazer” numa ilha deserta (aliais, o mesmo motivo que sempre me preveniu de sequer sentir vontade de conhecer as Maldivas, o Caribe, etc). Nos chegamos a marcar passagem e reservar hotel pras Maldivas ano passado, mas de ultima hora me deu uma saricutico e cancelei tudo – preferi mil vezes ir pra China doque “gastar” meu tempo pra nao fazer nada nas Maldivas.

Ah… como eu me enganei!!! E eu acho que foi justamente por isso que me encantei TANTO e me surpreendi tanto com nossa viagem!

Mas eh claro que isso vai de cada um. Se sua intencao eh puramente sentar na beira da praia com uma cerveja na mao e nao fazer mais nada a nao ser torrar no sol e ler um livro, oque nao faltam sao oportunidades de fazer isso!

Mas em compensacao, se voce pretende “aproveitar” as ferias, nao ha horas no dia suficiente pra tanta coisa legal pra fazer!

E meu outro medo era ficar numa desses resorts cheios de “animadores” e “atividades”, e funcionarios tentando te empurrar coisas pra fazer e atividades “extras” o tempo todo, sabe?!

Mas no nosso caso, escolhemos um resort que tivesse um centro de mergulho e um centro de esportes, mas sem saber muito bem oque eles ofereciam – e um Spa de primeira, claro!

Quando chegamos la, pra nossa surpresa, todos os dias tinhamos inumeras opcoes de passeios e atividades (todas opcionais e extras), que variavam entre aulas de windsurf e aluguem de jet ski, ate certificacao de mergulho, picnic nas ilhas desertas do atol, snorkel em varios corais e reefs diferentes, pesca noturna, visitas a ilhas vilarejos,  etc, etc e oque mais voce pudesse imaginar!

Acabamos fazendo passeios e atividades diferentes todos os dias, e ficou ate dificil “administrar” nossa agenda diaria!

Alem disso, na propria ilha tinhamos a opcao de quadras de tenis, quadras de Badminton, academia de primeira, Spa, diferentes praias (em diferentes lados da ilha), piscinas, bares e os prorpio coral que cercava nossa ilhasinha.

Resultado: a verdade eh que “relaxamos” muito pouco e aproveitamos muito, MUITO todos os dias, e uma semana depois, voltamos pra casa com a sensacao que ainda faltava tanta coisa pra fazer e “conhecer” nas Maldivas!

– E oque levar na mala?!?!?

Oh duvida cruel?!?! Oque levar numa viagem pras Maldivas?

Sinceramente?! As unicas cosias que voce vai precisar MESMO sao biquines/sungas/shorts e chinelo. Esse sera seu uniforme o dia todo! E leve muitos! Quantas opcoes voce tiver!

Podem esquecer e deixar em casa os sapatos altos ou fechados – alem do calor, os caminhos e “trilhas” pela sua ilha serao sempre em areia e terra batida (por exemplo, entre seu quarto e o restaurante, o spa e o bar), e mesmo nos hoteis mais chiques, ou nas partes mais sociais do seu hotel, o clima ainda eh 100% praiano e descontraido.

O memso vale pra roupas. Ate vale a pena levar uma blusinha mais quentinha, caso o vento aperte de noite (nao pegamos nenhuma noite “fresca”, e umas opcoes mais arrumadinhas pra ir jantar ou frequentar os bares do resort de noite. Mas ainda assim, oque me refiro sao vestidinhos de verao, bermudas com camisetas mais sociais e coisas do tipo. Memso minhas sandalias rasteirinhas nao sairam da mala (variei entre duas Havaianas a semana toda)

Outras coisas totalmente desnecessarias que nem sequer sairam de nossas malas?! Secador de cabelo e maquiagem!

So me lembrei que tinha levado esses itens pra la quando voltei pra casa e fui desfazer a mala…!

Ah, e claro – qualquer viagem pras Maldivas tem um limite de peso super restrito (seja sua viagem de hidroaviao ou barco) e voce nao sera permitido caso sua bagagem despacahda tenha mais de 15 quilos e sua bagagem de mao mais de 5 quilos! (e eles pesam esmo, peca por peca).

E os outros itens indispensaveis sao: MUITO filtro solar (e altissimo, tipo de 50 pra cima, mesmo que voce ja seja naturalmente moreno), pois o sol por la eh super forte, e como voce acaba ficando tempo demais na agua (porque a agua eh deliciosa demais!), nos acabamos queimando demais sem nem perceber!

E consequentemente, muito hidratante e  pos sol, pra amenizar os efeitos do dia…

E outras dicas uteis: Leve uma camera a prova d’agua com cartao de memoria e baterias extras (alem de sua camera normal, claro! Mas acredite, as Maldivas sao ainda mais bonitas debaixo d’agua doque acima da superficie – e voce vai querer registar oque vera por la!!), e seu proprio kit de snorkel e mascara.

Voce ate pode alugar ou comprar por la, mas os precos serao altissimos (custo de uma mascara de mergulho mais snorkel de plastico na lojinha do nosso hotel: 120 dolares!!) e as opcoes limitadas.

 

Planejando uma viagem para as Maldivas ou a Lua de Mel dos seus sonhos?

Aqui você encontra todas as dicas e recursos para planejar sua viagem, e podemos cuidar dos detalhes práticos para você:

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Denver, Colorado, nos EUA, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

Adriana Miller
66 comentários
Comente pelo Facebook
Escreva o seu Comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui!
66 comentários
  1. Marta FG - 30/10/12 - 13h10

    Adorei suas dicas…afinal existe o paraíso na terra…agora vou esperar pelo post sobre o “resort” ansiosamente. Não lhe apetece ver novos destinos paradisiacos tipo “Seychelles” e “Caraibas”?

    http://www.viajarso.blogspot.com

    Responder
    • Adriana Miller - 30/10/12 - 14h12

      Agora sim! Ate uns meses atras nunca tive vontade de conhecer esses lugares, agora ja estou conhando em conhecer o Caribe, as ILhas Mauricio, as Seychelles…
      Ainda bem que todos ao destinos faceis de visitar com crianca pequena! :-)

      Responder
  2. Suzane Neumeister - 30/10/12 - 14h41

    Um dia encontrei seu blog, por acaso, pesquisando sobre algum país por ai. Fiquei completamente apaixonada! Entro todo dia pra ver as atualizações! A forma que você descreve os locais, da uma vontade imeeensa de estar neles! E Maldivas, já entrou no TOP FIVE da minha lista de lugares para conhecer! Lindo Post!!

    Responder
  3. vanessa cprreia - 30/10/12 - 14h53

    qual camera a prova dagua vc usou,?

    Responder
    • Adriana Miller - 30/10/12 - 15h00

      Uma Kodak Power Share antiga. Nao recomendo.

      Responder
  4. Tatiana - 30/10/12 - 15h13

    Dri, eu nem tinha tanta vontade de ir pras Maldivas até ver no seu blog! Ai, muito lindo!!
    Tenho uma filha de 4 meses e to sonhando já em fazer viagens com ela! Quero muito voltar ao Caribe, pois é um destino super tranquilo com crianças!!

    Responder
    • Adriana Miller - 30/10/12 - 16h49

      Achei bem tranquilo ir pras maldivas com criancas e bebes, e no nosso hotel tinham varias familias.
      E o Caribe tambem entrou no nosso mapa agora!

      Responder
  5. Mari - 30/10/12 - 16h03

    Nossa, tudo que eu queria agora era estar nesse paraíso! hahah
    Dri, vc vai fazer post sobre seu baby shower? Vi no twitter e achei uma gracinha as coisas que vc fez :)

    Responder
    • Adriana Miller - 30/10/12 - 16h08

      Vou sim, claro!
      Mas ainda nao baixei as fotos que tirei no sabado – foi realmente uma delicia! :-)

      Responder
  6. dani - 30/10/12 - 17h03

    Adriana, fiquei com umas duvidas: voce disse que a escolha do hotel tambem determina a distancia de Male ate um deles. Tem hoteis muito proximos e outros mais distantes? Minha resistencia em ir para as Maldivas e justamente o deslocamento nesta parte da viagem. Eu sofro de enjoo de uma forma fora do normal e sou daquelas que estraga a viagem mesmo por causa disso. De barco sempre e um verdadeiro horror, um pesadelo e de aviao, nestes assim muito pequenos eu passo muito mal. Isso nao me impede de viajar, claro, ja que a sensibilidade e grande e nao tem muito jeito, mas se eu puder diminuir o tempo do trajeto pra mim ja esta maravilhoso. Queria saber justamente isso, voce ficou no hotel mais proximo de todos? Tem alguns mais proximos de aviao ou barco?? bjs e obrigada, Dani

    Responder
    • Adriana Miller - 31/10/12 - 10h26

      Sim, ha hoteis perto e hoteis bem longe, ja que as mil e poucas ilhas do pais estao espalhadas por uma area de mais de 90.000 quilometro quadrado.
      Eu escolhi de proposito um hotel que fosse nos Atois do Norte, pois tem um clima mais seco que no sul, e consequementemente sao mais longe do aeroporto.
      O nosso hotel por exemplo ficava a 45 minutos de hidroaviao de Male, e se nao me engano a regra geral eh que qualquer distancia que seja maior que 45 min de barco, voce tem que usar o aviao. E acho que tambem existe um limite em relacao a navegacao fora/entre os Atois, e portanto muitos hoteis, ainda que nao sejam tao distantes de Male, apenas oferecem translado de hidroavaio.
      Mas sim, existem varios hoteis relativamente perto de Male (no Atol Male, mas nao em Male) e que podem ser acessiveis de Dhoni (o barquinho tipico das Maldivas – mas eu passei mal um dia…) ou de lancha.

      Responder
  7. Michelle - 30/10/12 - 17h36

    Dri, suas dicas sao realmente otimas! Quando voce fizer o post sobre o hotel, voce pode dar uma detalhada na diferenca entre ficar nas palafitas e na praia? Como voce disse, isso impacta muito o custo da viagem. E comenta tambem sobre o all inclusive do seu hotel porque esse item eh muito relativo. Sempre que vou a Cancun (praia mais proxima do TX) e fico no mesmo hotel porque sei que a comida eh de primeira.
    Fico feliz que tenha descoberto esse estilo de viagem agora que a familia vai aumentar. Eh uma questao de fase mesmo!

    Responder
    • Adriana Miller - 31/10/12 - 10h21

      Pode deixar que vou falar sobre isso tudo sim, por isso mesmo achei melhor fazer um post separado.
      Mas adorei a comida do All Inclusive, foi um dos pontos altos da viagem!

      Responder
  8. Kenia - 30/10/12 - 17h39

    Incrível, o vício que é esse seu blog! Toda vez que vou viajar pra algum lugar que vc nao foi eu tenho MUITA dificuldade de planejar, chega a me dar raiva! É que vc parece ter mais ou menos as mesmas prioridades que eu… Sabe quando vc encontra o guia de viagens que responde a todas as suas perguntas?? É seu blog, então morro de raiva quando procuro em outros blogs e não encontro as informaçoes que procuro!
    Mas to só desabafando… bjo bjo! saúde pra vcs!!

    Responder
    • Adriana Miller - 30/10/12 - 19h15

      Ô desabafo bom! :-)
      Cheio de elogios!

      Responder
  9. Taís Buss - 30/10/12 - 18h47

    Dri .. que paraíso !!
    Lindo!!

    Esperando o post sobre o hotel ;)

    Responder
  10. Liliana - 30/10/12 - 20h00

    Estou super feliz em ler seus posts sobre as Maldivas, assim quebro meu preconceito também. Na verdade sempre desejei ir as Maldivas, mas depois de ter filhos, por achar exatamente que ficaria entendiada e que com filhos seria um descanso ideal. Mas pensando bem, como alguém pode ficar entendiado de olhar para esse paraíso?

    Responder
    • Adriana Miller - 31/10/12 - 10h19

      Pois eh! Eu tb pensava assim… Mas dessa vez o Aaron foi categorico e Babymoon so se fosse nas Maldivas (ja que ano passado eu dei chilique e cancelei tudo! Hahahaha).
      MUdei completmante meu ponto de vista!

      Responder
  11. Jo - 30/10/12 - 21h14

    Amei o relato. Que delîcia de ler!

    Responder
  12. Juliana P. Galvao - 30/10/12 - 23h08

    Dri,

    Mas e aí, em materia de comida, vc aprovou o “all Inclusive” oferecido pelo seu hotel?

    Bjs

    Responder
    • Adriana Miller - 31/10/12 - 10h18

      Super aprovei!
      Acabamos nao comendo em nenhum dos restaurantes avulsos nenhum dia! A comida era realmente muito boa, muito variada e muito “fresca” todos os dias.

      Responder
  13. H Jr - 30/10/12 - 23h35

    Dri,
    Muito bom! Cheguei a pensar em voltar a Londres no proximo ano e partir dai para as Maldivas!
    Mas surgiram dois obstaculos! Primeiro deles, somos um casal gay e trata-se de um pais islamico. Como fica isso?
    Segundo, nao posso tomar vacina contra febre amarela, será que serve o atestado internacional da Anvisa alegando o motivo da nao vacinação, como aqueles entregues as gestantes que nao haviam sido vacinadas?

    Responder
    • Adriana Miller - 31/10/12 - 10h17

      Nao acho que isso seria um problema nao.
      Nao reparei se tinham casais gays no nosso resort, mas vi alguns no aeroporto e nao acredito que eles tiveram problemas na fronteira.
      Mas como em todos os paises Islamicos (e principalmente os mais restritos, como as Maldivas), qualquer casal, sejam Hetero ou Homo tem que ficar atentos ao comportamento, evitar excesso de contato fisico em publico e nada que pudesse ser encarado como ofensivo aos locais.

      Sobre a vacina de febre amarela, nao sei oque te dizer… acho que a melhor saida seria contactar a embaixada so pra ter certeza de qual o melhor procedimento…

      Responder
  14. TT - 31/10/12 - 04h17

    Como assim “pavor mortal de altura”?
    Vc viaja de avião toda hora!
    Meu marido acha ruim quando falo em destinos q tenham mais de 8h de avião.
    Ele viaja toda semana a trabalho. Mas detesta.
    Alguma dica?
    Ps. Tô no aguardo da resposta do seu email.
    Ps2. Tá lindona nas fotos. Nem precisa de maquiagem. :)

    Responder
    • Adriana Miller - 31/10/12 - 10h08

      Mas dentro do aviao me sinto “segura” e nao tenho medo algum!
      Oque tenho pavor sao varandas, “beiradas”, penhascos, escadas… Entao fiquei apreensiva com esse aviaozinho das Maldivas, mas foi super tranquilo!

      Responder
  15. Erika - 31/10/12 - 07h56

    Dri, que paraíso!!! Meu Próximo destino!!! Com todas essas dicas vai ficar bem mais facil organizar essa viagem! Obrigada por compartilhar conosco essa experiência!!!! Bjos!

    Responder
  16. […] disse no post anterior sobre planejamento de uma viagem as Maldivas, a escolha do hotel eh crucial e eh essa decisao que vai definir qual estilo de viagem, opcoes de […]

    Responder
  17. Boia Paulista - 01/11/12 - 13h55

    Oi, Dri. Tudo bem?

    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais :)
    Natalie – Boia Paulista

    Responder
  18. Marcia Palhares - 03/11/12 - 21h44

    Post maravilhoso, parabéns, Dri. Fiquei rindo sozinha da sua repulsa por All Inlcusives, pq penso igual…Seu blog é mesmo uma delícia!

    Responder
  19. Fabiola Dewet - 07/11/12 - 13h41

    Estava aguardando esses posts ansiosamente, e vc mais uma vez se superou… o detalhamento faz até com que a gente sinta nossos pés nas areias desse paraíso.
    Já tinha vontade de conhecer, agora virou meta! rs

    Responder
  20. Patricia A. - 17/03/13 - 17h30

    Dri como voce fez as reservas de voo e hospedagem? separadamente?
    E o hidroaviao?
    vi no site do hotel a opcao de tranfer, mas falava de speedboat…

    Pode me ajudar?
    obrigada :-)
    Patricia

    Responder
    • Adriana Miller - 17/03/13 - 18h15

      Oi Patricia,
      A reserva do hidroavião é feita diretamente pelo hotel, pois eles tem que juntar oblatou número de hospedes que cheguem mais ou menos juntos ora poder “fretar” um vôo ate aquela ilha. Nao sao serviços regulares que vc simplesmente compra uma passagem.
      Nos nem fizemos nada, apenas informamos que horas nosso vôo chegaria em Male e o resort se encarregou de tudo (sem nem perguntar nada tambem, já que essa era a única maneira de chegar ate lá).

      Se seu resort fala apenas de speedboat então é porque eles nao sao servidos pelas linhas de hidroavião e sao perto de Male o suficiente pra fazer o transporte por mar.
      Muitos resorts ficam nos Atóis mais próximos da capital e nao usam os aviões. (Oque muita gente prefere já que os avioezinhos podem ser assustadores!).

      Se vc faz questão de sobrevoar as Maldivas (como foi nosso caso) então voce tem que escolher outro hotel.

      Responder
    • Adriana Miller - 17/03/13 - 18h16

      Ah! O vôo Londres-Male eu fiz reserva separadamente sim. Comprei possa passagem com a British Airways e reservei o hotel no booking.com

      Responder
  21. Patricia A. - 18/03/13 - 03h50

    Dri mas o hotel em questao eh o que voce foi!!! Quero ver se vamos no mesmo q voce! eles comentam do speedboat exato no site do hotel q vcs ficaram por usso achei estranho!!! sempre sigo suas dicas na medida do possivel, confio muito! bjs e a Bella ta a coisa mais fofa!!!

    Responder
    • Adriana Miller - 18/03/13 - 06h25

      Serio?! Que estranho porque com certeza absoluta speedboat nao é uma opção! Muito longe!
      Tem certeza que é o mesmo hotel? Porque essa rede Adaraan tem 4 hotéis diferentes nas Maldivas…

      Lembro que quando fiz minha reserva, as “observações” no final eram justamente o oposto, que o vôo de hidroavião era obrigatório e cobrado a parte.

      Na duvida, manda um email pra eles – foram muito solícitos comigo (eu pedi preferencia no horário do hidroavião pq estava gravida e eles foram super prestativos).

      Responder
  22. Patricia A. - 19/03/13 - 07h24

    ACHEIII !!! Eh este o seu? beijo obrigada pela atencao! vc eh 100!

    http://reservations.adaaran.com/rooms?pr=3&ci=31-08-2013&co=08-09-2013

    Estava vendo outro hotel da rede!!!

    Responder
  23. Patricia A. - 19/03/13 - 08h12

    Vi sim e neste so tem opcao do hidroaviao!!Estou pensando em ir em setembro!!!beijo valeu Dri!!

    Responder
  24. Sonia - 20/04/13 - 18h10

    Adriana, Fiquei apaixonada pelas Maldivas depois de ler este post. Confesso que al como tu sempre tive um pouco de preconceito com este tipo de viagens: será que nao me vou aborrecer numa ilha pequenina por tanto tempo? Hotel all inclusive nunca, nunca me atraiu. Será que da pra conhecer algo da cultura local? … Enfim, varias coisinhas que sempre me deixaram um pouco receosa qt a este tipo de turismo. Mas, sinceramente, depois de seguir o teu relato aqui no blog fiquei com mta vontade de conhecer. Ideal para um baby Moon, sem duvida! Bjs

    Responder
  25. Vitor - 17/09/13 - 19h13

    Gostaria de saber se quando você chegou em Maldivas foi solicitada a carteira internacional de vacinação de febre amarela, e no caso de você estar gravida se você teve a isenção da vacina contra febre amarela pela ANVISA?

    Responder
    • Adriana Miller - 17/09/13 - 19h36

      OI Vitor,
      Não sei se poderei te ajudar – a vacinação de febre amaerela só é obrigatoória para viajantes provenientes de areas de risco (Brasil sendo um deles), e como moro em LOndres e portadora de passaporte Portugues, isso não se aplica a mim.
      Mas levei minha carteirinha assim mesmo (que não foi requisitada) e já tinha tomado minha vacina ha muitos anos, antes de estar grávida.

      Responder
  26. Valeria - 22/09/13 - 22h30

    Adorei seu port, o nenem já deve ter nascido né? Li em outro post que devido ao Tsumani era para evitar a regiao norte, mas vc ficou na regiao norte né? Vc notou alguma coisa?

    Responder
  27. Amanda Andrade - 02/01/14 - 15h00

    Boa Tarde Dri, achei seu post fantástico. Pretendo ir para as Maldivas em Lua de Mel no mês de novembro. Dei uma olhada no site do Resort que vc se hospedou o “Adaaran” mas pude ver que são vários não? Você poderia por favor me contar qual foi a ilha/Resort que vc se hospedou?
    Obrigada!!!
    Amanda

    Responder
    • Adriana Miller - 02/01/14 - 17h08

      Oi Amanda,
      Da uma olhadinja em todos os posts da categoria Maldivas, pois eu fiz um post especifico só sobre o hotel que fiquei (falando da ilha, com links etc).

      Responder
  28. Paulo Burlini - 23/01/14 - 03h17

    Simplesmente as melhores informacoes que encontrei na net a respeito das Maldivas,eu e minha esposa estamos indo em julho via Dubai..Nao vejo a hora de desfrutar desse paraiso…

    Responder
  29. TIAGO SOARES - 20/07/14 - 18h24

    ola adriana onde ta o post sobre o hotel não encontro poderoa me indicar colocando o link aqui obrigado

    Responder
  30. Ana Matias - 20/08/14 - 08h36

    Olá Adriana, estou agora a planear uma viagem pela India com um pulinho às Maldivas e reservei o mesmo hotel em que vocês ficaram.
    Estou com alguma dificuldade em encontrar informação relativamente ao preço da viagem de hidroavião. Será que podias dizer quanto foi o valor por pessoa cobrado pelo hotel, aproxidamente? Por uma questão de budget e organização dava-me jeito saber, estou a tentar directamente com o hotel mas não está fácil.

    Muito Obrigada

    Responder
    • Adriana Miller - 20/08/14 - 09h08

      OI Ana,
      Se me lembro bem, o hotel nos informou o preco do hidroaviao logo depois que fizemos a reserva pelo Booking.com (eles me mandaram um e-mail diretamente pedindo o horario do voo de chegada em Male, para que possam fazer a reserva do hidroaviao por nos).
      Mas acho que os valores ficaram em cerca de 350 US dolares para casa um, ida e volta.
      E como os hidroavioes sao os “taxis” das Maldivas, esse custo eh tabelado, depende da epoca do ano, do horario do dia e a distancia do hotel. Mas se vc quiser verificar com certeza antes do hotel entrar em contato com voce, voce pode dar uma olhada no site da Air Maldivian.

      Responder
  31. Aline - 29/09/14 - 16h03

    Olá boa tarde!!! Adorei tudo que você contou. Eu gostaria de saber quanto vc gastou no total, pois sabemos que esta viagem não é para todos, e sonhar não custa neh.
    Obrigada Beijinho

    Responder
  32. Rhy - 17/11/14 - 00h31

    Dri, estou com passagem comprada para a Europa em Maio (Londres, inclusive) e gostei muito da ideia de fazer as Maldivas também (eu e o marido estaremos comemorando nossos 10 anos juntos e pensamos ser uma boa oportunidade para realizar a viagem dos sonhos). No seu post consta que maio ainda é uma boa época para ir, mas sou a surtada das pesquisas hehehe e fui ler a respeito das monções e já li de tudo, que maio é o pior mês, pois é a época de transição, o que faz ter chuvas intermináveis. Li também que não preciso me preocupar, pois mesmo se chover, será muito pouco, o que não atrapalha a viagem! o Ricardo Freire, por outro lado, em um comentário disse para uma pessoa que não recomendava ir em maio… vi que a sua época era baixa temporada também e vc pegou sol, mas fui pesquisar e vi que a semana que vc foi para lá, foi a única semana do mês que fez sol (não te falei que pesquiso muito? hehehe) Enfim, não sou de perguntar muito, pois prefiro pesquisar do que incomodar com perguntas que muitas vezes já foram respondidas ou são fáceis de achar, mas estou confusa querendo um conselho de amiga, só pensei em vc para isso, pois confio muito nas suas dicas e pesquisas.
    Sei que não é fácil pra vc dar um palpite assim, mas pensa no que vc falaria para uma amiga (e prometo não te culpar por viajar e pegar chuva ou não ir e dar sol hehehe)
    Muito obrigada,
    Beijos

    Responder
    • Adriana Miller - 17/11/14 - 09h11

      Nós pegamos 2 dias de chuva nas Maldivas (tipo temporal, mas que só durava umas 2 horinhas e pronto, não chegou a atrapalhar), mas a previsão era de temporal todos os dias! Imagina o pavor na semana anterior a viagem?!?! Kkkkkk

      Olha, acho complicado pirar demais nas pesquisas, pois nenhuma previsão é 100% correta. Nós resolvemos arriscar e até que deu certo, mas por caso conheço dois casais que pegaram semanas intermináveis de chuva nas Maldivas na baixa temporada (um deles, na época, levou a namorada e ia surpreende-la com um pedido de casamento, mas choveu tanto e eles brigaram tanto – não tem nada pra fazer quando chove por lá! – que ele acabou desistindo e voltou pra casa com o anel no bolso! Hahahahhahahaha

      Meu conselho meeeeeesmo é não se afobar e tentar fazer demais numa viagem só… Mesmo a Europa sendo metade do caminho até as Maldivas pra quem vem do Brasil, ainda assim é longe pra caramba (voo direto de Londres pra Malé são mais de 8 horas e 5 de fuso….), acho que o melhor conselho que posso dar é focar essa viagem na Europa.

      Já será, por si só, uma viagem maravilhosa pra comemorar 10 anos juntos. Não se afobe e deixe de aproveitar certos aspectos da Europa em Maio (ÓTIMA época pra vir pra cá!) só pra tentar encaixar mais um destino na viagem…

      E se ainda rola dúvida e risco por causa do clima, aí mesmo que desaconselho total!

      Foca na Europa e curte a viagem sem afobações nem correrias…

      Responder
  33. Rhy - 18/11/14 - 17h24

    Muito obrigada pela super ajuda! Estava insegura de cancelar (já que o marido é daqueles otimistas incansáveis que sempre acham que o tempo vai render e os dias serão de sol interminável hehehe) e sua opinião me fez ter certeza do que eu já achava! Estou pensando em aproveitar pra conhecer a Holanda e as tulipas, enfim, o que não faltam são boas opções agora!
    Queria aproveitar que não sou de comentar muito pra fazer um elogio sincero! Acho você uma blogueira excepcional, minhas viagens nunca ficam sem dicas suas, vc é a melhor (e olha que meu hobby preferido é ler blogs de viagem)! Mas queria elogiar a mãe que você é! Não tenho filhos ainda, mas quero muito conseguir me inspirar em você e ser uma mãe tão prática, sem neuroses (ou sem muitas hehehe)… não digo nem pela questão de viajar com ela (o que pra mim é muito legal tb), mas pela naturalidade com a qual vc encara tudo! Enfim, sou sua fã, profissionalmente e pessoalmente!

    Responder
  34. Andrea - 16/12/14 - 20h39

    Olá Dri,
    Caramba… Este foi o blog mais completo sobre Maldivas que achei! Estou indo pra Maldivas em janeiro/15, ficarei la 15 dias e na volta ficaremos mais 5 dias em Dubai. Como são estilos de viagem diferentes, pensamos em levar uma terceira mala com roupas mais arrumadinhas e sapatos para curtir Dubai. Vc sabe se há um locker no Aeroporto de Male pra deixar a mala de Dubai por lá ? Como no hidroavião tem o limite de peso, fiquei preocupada se não tiver locker por la… E já que é praia e só chinelo, biquini e roupas leves vão pra lá, as roupas mesmo são só pra Dubai! rsrs
    E quanto aos descontos do período que vamos em Dubai, vc sabe se “vale a pena” mesmo ?
    Parabéns pelo blog e obrigada por compartilhar as informações.
    Se vc quiser, posso mandar minhas fotos e impressões do hotel que ficarei pra incorporar às informações de Maldivas do seu blog !

    Beijos e obrigada, Andréa

    Responder
    • Adriana Miller - 16/12/14 - 21h14

      Não lembro e nem reparei, mas acho dificil, pois o aeroporto de Malé é SUPER precário! Não lembro nem se tinha restaurante por lá…
      Então as malas tem que ser bem enxutas mesmo.
      Mas realmente nas maldivas você só vai precisar de biquine e chinelo… as “roupas” pra Dubai não cabem na mesma mala?! :-)

      Que descontos, de qual periodo? Não sei se entendi…
      Eu tenho vários posts sobre Dubai também, não sei se você leu…
      NO geral, Dubai (e qualquer lugar do mundo) vai ser mais barato que o Brasil, mas em comparação com a Europa/Inglaterra por exemplo, achei os preços os mesmos.. Então pra mim não valeu a pena fazer compras de nada por lá, pois os preços eram os mesmos e as marcas também. Mas vindo do Brasil pode ser que você ache diferente (mas de qualquer maneira, não dá pra esperar preços nivel Outlet em Orlando. Não é isso mesmo).

      Responder
  35. Andrea - 17/12/14 - 19h15

    Oi Dri, obrigada pela resposta! Os descontos são no período do Dubai Shopping Festival e em alguns lugares li que são descontos incríveis! Mas tudo depende do ponto de vista, né? rsr Como eu penso um pouco como vc, com relação a viagens, queria saber sua opinião. Obrigada mais uma vez! Andréa

    Responder
    • Adriana Miller - 18/12/14 - 09h59

      Pois eh, acho que eh questao de referencial… Desconto sempre eh desconto, ne?
      E acho que depende tambem do que voce pretende comprar: Dubai eh famoso pelas joias e diamentes e marcas de luxo, entao qualquer desconto de 15% em um anel de 20 mil dolares, ja eh uma baita grana. OU 10% numa bolsa Chanel de 5 mil dolares, ja eh uma ajuda. Por isso muita gente acha que vale a pena.
      Mas para marcas mais “normais” de fasta fashion, nao acho que venha a ser uma perdicao nao.
      MUita coisa pode valer a pena simplesmente por serem marcas que nao existem no Brasil, por exemplo, ou por causa dos precos da terrinha, mas como comentei, nao espere o oba-boa nivel outlet em Orlando.
      E outra coisa a notar eh que apesar de ter as mesmas marcas que vemos na Europa, por exemplo, as modelagens e colecoes sao SUPER diferentes, focadas pra cultura do Oriente Medio mesmo. Entao mesmo em lojas como Zara, H&M, etc nao consegui comprar nada, pois achei tudo bem estranho…

      Responder
  36. Andrea - 18/12/14 - 16h04

    Legal Dri, super obrigada! Prefiro passear mais e comprar menos, mas que uma bolsinha Chanel chama minha atençao, ah isso chama! rsrsrs
    Mas não é prioridade, então… Foca na viagem !!! rsrsr
    Muito obrigada por toda sua ajuda!
    Um bjo grande e boas festas pra vc! Andrea

    Responder
  37. Alessandro Almeida - 30/12/14 - 07h02

    Uauuuuuuuuuu Parabéns Adriana estava fazendo uma pesquisa bem inocente sem muitas expectativas quando me deparo com esse maravilhoso blog,como você também adoro viajar já salvei no meus favoritos em 2015 estou preparando uma viagem para Dubai mais uma esticadinha ao paraíso das Maldivas, Adorei tudo amei seu blog com certeza futuramente terei algumas perguntas mas por hora só elogios …

    Responder
  38. Jini - 24/01/15 - 19h55

    oi Dri, estou escolhendo o hotel em maldivas para a minha lua de mel e queria saber em qual voce ficou! Obrigada

    Responder
  39. Mayara - 31/01/17 - 21h42

    Olá! Estou planejando uma viagem para Maldivas e estarei com quase 5 meses de gravidez na data. Algumas pessoas sugeriram que não era uma boa opção por ser um local isolado e que se eu precisar de qualquer atendimento médico eu não conseguiria.. Vi que você foi grávida. Sentiu alguma dificuldade ou enfrentou algum obstáculo neste aspecto? Obrigada!

    Responder
  40. OSMAR RODRIGUES - 06/12/17 - 14h02

    Boa tarde Adriana

    você sabe mesmo como funciona uma ALL INCLUSIVE

    Responder
  41. Tamarah Alcon Espadilha - 26/02/18 - 21h16

    Adriana,

    Não pode entrar com bebida alcoolica nem na mala? Dentro da mala que desachamos?

    Vamos para espanha antes e queriamos trazer alguns vinhos.

    Responder
    • Adriana Miller - 26/02/18 - 21h20

      Não pode…. eles confiscam tudo.
      E como as Maldivas são um país muçulmano super tradicional, as penas pra quem descumpre as leis locais também são super severas…

      Responder