27 Sep 2013
6 comentários

Barbados – Naufrágios, tartarugas e praias!

Barbados, Bridgetown, Cruzeiro no Caribe, Dicas de Viagens

Conhecer o lado mais histórico de Barbados foi ótimo, mas não poderíamos ir embora antes de conhecer o que faz da ilha tão famosa: praias!

Como a ilha é bem grande, e as opções de praias e atividades aquáticas é gigantesca, fomos direto pra agência de excursões do navio e decidimos escolher um passeio organizado em vez de ficar peranbulando de praia em praia. Além disso, queríamos fazer algum mergulho/snorkel mas sem ter que ainda se preocupar em negociar com barcos, alugar equipamentos etc.

E nossa escolha foi perfeita!

Passamos boa parte do dia circulando a ilha em uma lancha ultra rápida que nos levou a uma reserva de tartarugas marinhas, um barco naufragado e uma praia paradisíaca!

Foi nossa primeira experiência com excursões do navio, e de cara ficamos muito bem impressionados: muito organizado, pontualíssimo e grupos pequenos! Então do cais do porto de Bridgtown nos levaram até um iate club, de onde pegamos a lancha- nossos guias eram super animados e muito, muito simpáticos!

A primeira parada foi a praia de conservação de tartarugas marinhas – Não é exatamente um parque marinho nem nada “sob proteção” não; as tartarugas “moram” naquela praia e nadam ali livrememte.

Então sempre existe o risco de chegarmos lá e não conseguir ver nada, já que elas não estão em cativeiro, e os guias ficavam repetindo isso incansavelmente (tanto que eu já estava até sem esperanças!).

DCIM100GOPRO

Mas quando chegamos lá, a baia era bem bonitinha, mas nada demais; e claro, nenhuma tartaruga pra contar história! Mas ficamos por lá um tempo, nadamos, tiramos fotos e tal, e de repente… elas chegaram!!!

DCIM100GOPRO

Que incrível!

Já tinhamos visto tartarugas marinhas em outros lugares (no Brasil, na Tailândia, nas Maldivas….), mas nunca, assim tão de pertinho! Elas devem estar tão acostumadas com turistas (seja isso bom ou ruim) que nadam direto pra cima da gente!

DCIM100GOPRO

Além de serem lindas e fofíssimas! Então foi difícil alguém querer voltar pro barco e seguir viagem…

A próxima parada foi um naufrágio – e quando o barco “estacionou” eu não dava nada por aquilo ali (esperar “ver” um barco naufragado, tipo os que vimos na Namíbia). Mas foi entrar na agua (ridiculamente cristalina, diga-se de passagem!) que entramos num outro mundo!

O barco não era muito grande, mas em perfeito estado de conservação e completamente coberto por corais, algas e moluscos – que por sua vez atraía uma multidão de diferentes tipos de peixes!

Ainda bem que levamos nossa câmera a prova d’agua!

Foi muito divertido!!

Eu confesso que não sou das mais fanáticas por mergulho não (acho meio claustrofóbico) e sempre achei snorkel tão sem graça que nem me animava, mas depois das últimas viagens que fizemos, onde tivemos a oportunidade de nadar em regiões marinhas riquíssimas, meu conceito mudou totalmente, e hoje em dia snorkel é uma dos meus programas preferidos pra fazer em viagens!

Por fim, nosso dia acabou na Sandy Beach, na costa sul da ilha, e que personificou toda aquela fantasia sobre ilhas e praias caribenhas: areia branquíssima, agua super azul e cristalina…

E pra completar, nosso guias contando o “causos” sobre a ilha e seus personagens ilustres enquanto nos serviam drinks a base de rum Caribenho e boiando no mar calminho e morno…

 

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Londres na Inglaterra, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!
Adriana Miller
6 comentários
Comente pelo Facebook
Escreva o seu Comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui!

6 comentários
  1. Danielle Bispo - 27/09/13 - 21h45

    Que legal Adriana,
    Olha não tive muitas experiências Caribenhas mas ano passado fui à Los Roques na Venezuela e voltei encantada! Aquele arquipélago é o paraiso #ficaadica
    Bjs
    Dani

    Responder
  2. Isadora - 07/05/14 - 12h13

    Dri, vc comentou sobre a câmera a prova d’água. Qual você tem? Você recomenda? Estou querendo comprar uma, mas gostaria de alguma indicação. Obrigada =)

    Responder
    • Adriana Miller - 07/05/14 - 14h48

      Eu tenho uma super antiga, pra falar a verdade eu nem lembro a marca e ela nao eh boa.
      Ano passado compramos a GoPro e detestamos (tanto a usabilidade da camera quanto a qualidade das imagens).
      Se fosse comprar outra camera a prova d’agua hoje em dia, compraria alguma Olympus que tenho ouvido falar super bem! (mas nunca usei)

      Responder
      • Isadora - 08/05/14 - 08h06

        Pois é Dri, pensei na GoPro mas logo desisti. Vi algumas imagens e acho q ela é legal mesmo só pra fazer vídeos de esportes e tals, aí não serve mt pra o que eu quero. Queria algo que valesse a pena para substituir o uso de uma câmera “normal” mesmo. Estou olhando umas Panasonic e vou dar uma olhada nas Olympus tb. Obrigada pela dica ;)

        Responder
  3. Ana Paula - 29/07/14 - 19h05

    Olá Adriana!
    Eu e meu marido estamos organizando uma viagem de 8 noites para Barbados. Do Caribe a gente só conhece Aruba e Cancun, sendo que este ultimo nao curtimos muito nao…
    Estamos na expectativa por Barbados, porque sei de gente que gostou e outras que não. Mas acho q o segredo é escolher o lado certo e a praia certa da ilha para se hospedar.
    Estou cotando hoteis (preços meios altos diga-se de passagem) e queria dicas de quem foi a Barbados. Você tem algum hotel q viu de fora, mas q pareceu bom, numa localização bacana?
    Obrigada
    Ana Paula

    Responder
  4. Maria Rita - 27/11/15 - 22h52

    Oi… estamos pensando em ir à Barbados em meados de janeiro/15 e queria alguma dica sobre onde nos hospedar. Realmente, os preços estão salgados, mas achei um pacote interessante com estadia no Coral Sands Beach Resort… podem informar se o conhecem e se a praia é bacana? Outra coisa, 10 dias na Ilha nos recomendaria já sair de carro do aeroporto?

    Grata,

    Responder