28 Sep 2013
19 comentários

St Lucia: Gros Piton e Petit Piton

Cruzeiro no Caribe, Dicas de Viagens, St Lucia

Depois da boa experiência que tivemos em Barbados fazendo excursões do navio, decidimos que St Lucia seria o lugar ideal para se avanturar um pouco mais nas escolhas e fazer um passeio menos tradicional – afinal, apesar da ilha ser linda, suas praias deixam a desejar.

Não que tenha nada de errado com elas, muito pelo contrário, mas St Lucia foi a ilha mais “tropical” de todas que passamos, no sentido de ser muito parecida com o Brasil: muita vegetação, areia amarelada e agua verde.

Então aproveitamos pra conhecer o outro lado da ilha: suas florestas, cidades, plantações e vulcões!

O navio ancorou no porto de Castries, no norte da ilha – uma cidade pequena, mas bem caótica e mal cuidada…

Mas de lá seguimos direção sul, pela costa leste da ilha.

A primeira parada foi Marigot Bay, que na ida vimos só de longe, mas na volta (de barco) entramos na baía e vimos de perto porque essa é a praia/area mais charmosa da ilha:

Essa pequena baía cercada pelas montanhas oferece uma proteção perfeita dos ventos e furações que atingem a ilha frequentemente (o último foi o tornado “Tomáz” em 2010 que destruiu boa parte da costa oeste da ilha), e que portanto abriga as maiores casas, os hotéis mais caros, marinas e beach clubs.

untitled (29 of 159)

Dando a baía uma cara bem “caribenha” que falta no resto da ilha.

Um pouco mais ao sul esta a cidade de Sufriére, aos pés do vulcão adormecido que domina a paisagem de St Lucia.

O nome francês faz jús a principal característica da cidade: o cheio fortíssimo de enxofre liberado pelo vulcão!

Adriana at St. Lucia

A cidade, apesar de ser a segunda maior do país e ter a vista privilegiada do principal cartão postal do país: a montanha Gros Piton (grande Piton) e Petit Piton (pequeno Piton) é bem decepcionante: casas caindo aos pedaços, muita sujeira e nada preparada para o turismo.

St. Lucia

Mas que não deixa de ter o seu charme! Os telhados coloridos, as pameiras e a floresta verdinha em volta…

untitled (360 of 381)

Então nossa passada por lá foi super rápida, a caminho da cratera do vulcão adormecido entre as duas montanhas.

O vulcão de St Lucia é conhecido como “drive through”, pois os carros e visitantes conseguem chegar até bem lá dentro, onde vemos os pedaços “abertos” do vulcão e as fumacinhas de enxofre que tomam conta da região.

A visita ao vulcão foi uma coisa assim meio Napoli (o cheiro forte) com Islândia (sempre fico hipnotizada quando vejo a natureza assim tão exposta!) – e logo depois da entrada principal, é possivel visitar o spa que usa a lama vulcânica, riquíssima em minerais, em seus tratamentos estéticos!

Na volta, passamos mais uma vez em Sufriére, e fomos em direção ao pequeno porto, de onde pegamos um barco, que foi nossa carona de volta pra casa.

Ver a costa da ilha “por fora” (do mar), deu uma nova perspectiva a ilha, mostrando praias imaculadas inacessíveis por terra, uma floresta riquíssima, e toda sorte de hotéis, resorts e mansões!

Adriana on the boat

Por fim, fizemos um muito esperado pit stop numa dessas pequenas praias, e pudemos nadar e relaxar um pouco, antes de voltar ao navio já no fim do dia.

Snorkelling at St. Lucia

  DCIM100GOPRO

 

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Londres na Inglaterra, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!
Adriana Miller
19 comentários
Comente pelo Facebook
Escreva o seu Comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui!
19 comentários
  1. Mariana Maccarini - 28/09/13 - 14h04

    Dri, tentei postar no topico no forum mas como aparecia que deu erro vou postar aqui tambem:

    Dri, moro em Toquio ha mais ou menos um ano e meio e sou apaixonada por essa cidade! Se vc tem em media 12 dias eu ficaria soh no Japao….mas entendo a tentacao de ir pra Seoul na mesma viagem jah que dificilmente vc sairia de Londres soh pra isso.

    Bom, eu ficaria 5 dias em Toquio:

    1- Toquio
    2-Toquio
    3- Toquio
    4- Day trip em Nikko ( http://www.japan-guide.com/e/e3800.html)
    5- Day trip em um dos ” Five Lakes” pra ver o Monte Fuji e tbm pra ver essas belezuras aqui: http://www.japan-guide.com/e/e6919.html ; http://www.japan-guide.com/e/e6917.html

    e ficaria 3 dias em Kyoto (com um dia em Nara) e o resto em Seoul!

    Eu nao sei voce, mas eu sou uma pessoa extremamente visual, e as vezes uma soh foto me faz ter certeza que TENHO que visitar tal lugar…eu nao tenho blog, mas adoro fotografia e acabo postando um monte de fotos no meu facebook (ateh demais segundo o marido! :P), entao se voce quiser dar uma olhadinha, o nome eh aquele que estah no comentario e minha foto de capa eh um Torii gigante…acho que vai ser facil saber que sou eu…rsrsrs (acho que minhas fotos sao bloqueadas mas vou liberar as do Japao caso vc tenha interesse)

    E por ultimo, tenho varias dicas de Toquio (algumas bem praticas como como por exemplo o Hyperdia.com para o metro) e outras nem tao praticas assim, mas que podem ajudar…qquer coisa eh soh gritar! ;)

    Responder
    • André Luis - 30/09/13 - 13h36

      Oi Mariana,

      É complicado andar por Tóquio? Sempre tive essa dúvida, acho que é devido ao idioma e ideogramas.
      Vc acha que um brasileiro curioso e que só sabe português e um pouco de inglês consegue se virar na capital japonesa?
      Obrigado

      Responder
      • Mariana - 01/10/13 - 01h43

        Oi Andre, acho super tranquilo!O sistema de metro eh incrivelmente bom (salvo a hora do rush…hehehe)e estah tudo em caracteres romanos. Os Japoneses realmente nao mandam muito bem no ingles mas sao extremamente solicitos e sao capazes de te levar pela mao ateh o lugar que vc esta procurando. Com boa vontade e um google maps na mao tah tudo certo! Soh nao aconselho vir no verao pq eh muuuuito quente e umido! Se vc for vir a Toquio e quiser um help pode mandar um email :) marianamaccarini@gmail.com

        Responder
        • André Luis - 01/10/13 - 16h29

          Muito obrigado pela resposta Mari.
          Aprendi com a Dri a pesquisar bastante os destinos e o Japão passou pelos meus planos tb.
          Vou guardar seu mail.
          Tks :-)

          Responder
  2. Denya - 29/09/13 - 14h38

    Dri, estou curtindo de montao esse seu passeio. As fotos sempre um espetaculo! Q delicia esse sol gostoso com aguas trasparentes. Hj em Firenze começou a chover (pra me dar a certeza que o verao acabou e q o frio vai começar a aparecer, snif…). Bacione, Denya

    Responder
  3. Mirella (@mikix10) - 29/09/13 - 14h59

    Que legal essa sua visão de Sta. Lucia Dri. Geralmente o povo acha que Caribe só tem praia, mas algumas ilhas oferecem outras coisas… adorei esse lance do vulcão :)
    E o visu da ilha de longe também é show de bola!!! Preciso tirar o Caribe da minha listinha, sempre invento alguma outra viagem e nunca vou :)

    Responder
  4. Fernanda Guimaraes - 29/09/13 - 17h19

    Dri, uma curiosidade…sua camera a prova dagua é fisheye? Pelo menos ta parecendo na foto com seu marido no mar…se sim qual a marca? Bjssss

    Responder
    • Adriana Miller - 29/09/13 - 18h07

      É uma Go Pro “Hero 3”. Não é fish Eye não, mas tem uma super grande angular!

      Responder
  5. Fernanda Guimaraes - 30/09/13 - 02h20

    Obrigada Dri! Nossa, bota grande nisso! Adoreiii! Pq achar uma fish eye a prova dagua em conta e dificilimo…bjssss

    Responder
  6. André Luis - 30/09/13 - 13h37

    Dri, algumas fotos não estão sendo exibidas.
    Talvez tenha que carregar (upload) novamente.

    Responder
  7. Nathalia Tosto - 30/09/13 - 18h14

    Dri! Algumas fotos não aparecem para mim também!
    Mas me diz uma coisa… a Bella ficou no navio com a vovó né!?

    Beijos

    Responder
    • Adriana Miller - 01/10/13 - 16h28

      Sim, nesse dia achamos que seria muita correria pra ela, e estava muit quente e meio chovendo, entao ela ficou no bem bom com a avo! :-)

      Responder
  8. Ana - 01/10/13 - 22h39

    Nada havet com o topico, algum problema no forum? Estou tentando participar e resposta nao segue, sai a mensagem: your reply can not be created! E ai?

    Responder
  9. Luciana Bordallo Misura - 23/10/13 - 06h33

    Dri, tem varias fotos que estao “quebradas” nesse post…so pra te avisar…

    Responder
  10. fernanda - 24/11/13 - 21h52

    Dri, vou fazer um cruzeiro desses em abril 2014 e queria saber mais detalhes se possivel! Vc desceu do cruzeiro e fez os passeios com a equipe do cruzeiro??

    Responder
    • Adriana Miller - 25/11/13 - 10h34

      Oi Fernanda!
      Isso!
      Já tem um post comoletissimo com todo passo a passo do nosso cruzeiro! :-)

      Responder
  11. […] St Lucia (que esta com os enfeites da Eslovaquia de um lado e Dubai do outro, e a Namibia escondidinho ali em baixo) […]

    Responder
  12. Robina - 14/01/15 - 03h36

    Dri, tudo bem, farei um cruzeiro similar ao seu em julho/2015 e queria algumas dicas:
    1. Quando o navio aporta nas cidades determinadas, como determinaste tua movimentação no local, tipo se pegarias um táxi ou uma van. Se irias num ônibus etc??? Recebes alguma orientação no navio? Pergunto isso porque se pesquisarmos St Lucia na internet, as informações são muito limitadas.

    2. Com quantas horas de antecedência retornavas ao navio?

    3. A comida do navio é boa? Vou levar meu filho de 06 anos e tenho pavor de infecção.

    Obrigada desde já. Bjs!!!!

    Responder
    • Adriana Miller - 14/01/15 - 09h56

      A comida do navio eh excelente, e tem muitas opcoes de restaurantes diferentes tambem! Era meu principal medo, e foi a melhor surpresa da experiencia!
      Sobre os passeios em cada ilha, eu comprei um livro sobre o Caribe e fiz algumas pesquisas on line, e alem disso no proprio navio e no site da Carnival eles dao bastante informacao. Mas geralmente decidiamos na hora de acordo com o tipo de passeio que queriamos fazer. Em St Lucia por exemplo, eu ja sabia que a ilha era bem precaria e nao era uma boa ideia tentar fazer nada muito independente, alem de que a ilha eh enorme, sem opcoes de transporte publico etc, entao optamos pela excursao do proprio navio.
      Outras ilhas fizemos por conta propria (como St Kitts e US Virgin Islands) e outras optamos por outros passeios organizados pelo navio, como Barbados e St Lucia (o custo eh o mesmo e bem menos estressante do que ter que ficar batendo boca e negociando preco com taxista no porto!).

      Quanto ao horario de retorno, a cada porto eles te dao um horario diferente, de acordo com a hora que o navio zarpa e quando todos devem estar de volta, que geralmente eh apenas meia hora antes de zarpar. As vezes era 4 da tarde, outros dias era as 6 da tarde. Nao tem uma regra fiza e eles te informam os horarios no comeco do cruzeiro e depois a cada dia vc recebe um lembrete na cabine.
      Outra vantagem de fazer excursoes organizadas pelo navio eh que nao temos esse tipo de estresse – os guias sempre sabem dos horarios e sao responsaveis por te trazer de volta na hora certinha.

      Responder