19 Dec 2014
1 Comentário

Chiltern Firehouse

Dicas de Londres, Dicas de Viagens, Inglaterra

A medida que novos restaurantes vao surgindo em Londres, podemos ter certeza de duas coisas: ou o novo endereco faz parte de uma operacao mundial (afinal se eu fosse um Mogul de hospitalidade tambem nao deixaria Londres fora da minha lista de jeito nenhum!), ou entao tem algum nome famoso por tras do lancamento.

E nao digo nome famoso no sentido celebridade da palavra nao: sera algum visionario, empreendedor, chef estrelado ou bilhardario-com-toque-de-midas e uma boa equipe de relacoes publicas.

E o Chiltern Firehouse nao fica atrás, sendo lancado cheio de estardalhaco com a assinatura do magnata André Balazs, que tambem eh o nome por tras do Chateau Marmont em Berveley Hills, na California.

Entao ele procurou, e achou, uma ambiente igualmente palacesco para sua nova empreitada – o predio, “Chiltern Firehouse” nao passava de uma construcao historica de arquitetura Gotica Victoriana, que outrora ja foi o endereco (Chiltern Street ora bolas) do corpo de bombeiros (Firehouse) do bairro em Marylebone, nos arredores da Oxford Street.

Mas nao se preocupe, a promessa – cumprida – vai muito alem das celebridades e socialites, com um menu a altura da fama que alcancou. E nem eh que seja super unico nem diferente. Apenas muito bom e muito bem feito. Um basico, porem muito melhorado.

Num bate papo Instagramico com uma amiga no outro dia eu confessei: se tivesse que comer apenas uma unica comida para todo o sempre, seria o Dounouts de Lagosta do Chiltern!

Gente, que ideia genial! Uma massa, salgada, porem levemente adocicada de dounouts (aquela da rosquinha americana), com recheio de Lagostas e temperinhos, sapicado por uma farofinha de queijo parmesao… Huuuummmm

Eh apenas uma das opcoes da entrada, mas ja aproveita e pede dois! Vai por mim!

Conseguir mesa eh irritante, e eles estao sempre meio que semi-abertos e semi-fechados para festas e eventos especiais (o lugar ferve nas semanas de moda ou de premiacoes), mas no verao (ou dias de sol ao longo do ano) a area externa eh so chegar-chegando, pedir uma mesa e esperar.

Se for verao mesmo, as arvores oferecem uma sombrinha boa e um clima de “jardim no campo”, mas se estiver mais friozinho, ainda assim a area externa funciona numa boa, com muitos aquecedores de ambiente.

Caso contrario, e se voce estiver com um grupo pequeno, ou so um casal, as mesas do bar tambem nao precisam de reserva (mas o menu eh o mesmo).

E dizem que o subsolo do Chiltern eh todo cheio de passagens secretas e salas privadas, onde os rich-and-famous fazem suas festas e jantares (com certeza se acabam da rosquinha de lagosta tambem!), e uma delas eh acessivel pelo banheiro feminino, a famosa e polemica porta “homens e cigarro”, uma passagem “secreta” a um jardim nos fundos da casa, onde fica a area de fumantes, e supostamente com alto potencial desencalhador (#SeEhQueVocesMeEntendem).

E eh tambem atravez das passagens secretas do subsolo que fica a entrada do Laddershed Club, atualmente conhecido como o night club mais exclusivo da Europa – os membros sao escolhidos a dedo pelo André Balazs (esse mesmo do Chateau Marmont). E nao, eu nao fui convidada! :-)

O Chiltern Firehouse tambem serve um famoso Brunch aos fins de semana, e ja esta na lista para o proximo verao! (quero ver como a varanda fica no verao! O espaco eh lindo!)

Chiltern Firehouse

1 Chiltern St, W1U 7PA

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Londres na Inglaterra, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

Adriana Miller
1 Comentário
Comente pelo Facebook
Escreva o seu Comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui!
1 Comentário
  1. Claudia - 21/12/14 - 10h05

    O lugar e realmente lindo no verão e o brunch delicioso. Caro, mas valeu super a pena. Quando ao Laddershed voce nao perdeu nada de mais, tem clubs melhores em Londres.

    Responder