16 Apr 2015
18 comentários

Dicas de Abu Dhabi na prática: Como chegar, como se locomover, onde se hospedar e como se vestir

Abu Dhabi, Dicas de Viagens, Emirados Arabes, Oriente Médio

Planejar uma viagem pra Abu Dhabi nao foi dificil, mas foi diferente de planejar uma viagem pra Dubai – ambos Emirados tem dinamicas bem diferentes, e hoje em dia Dubai ja esta bem mais desenvolvido turisticamente do que Abu Dhabi. Mas como nossos amigos (que viajaram com a gente) ja tinham ido a Abu Dhabi algumas vezes, eu ja fui a Dubai outras vezes tambem, e bem, adoro planejar uma viagem, acabei planejando nossos dias por la mais ou menos assim:

– Como chegar em Abu Dhabi:

A empresa aerea official do Emirado eh a Eitihad, considerada uma das melhores do mundo, e com muitas conexoes diretas para dezenas de paises, inclusive Sao Paulo, se nao me engano.

O aeroporto de Abu Dhabi nao eh gigantesco nao, mas tem tudo que um visitante pode precisar (ja fiz conexoes por la algumas vezes).

Mas dessa vez, decidimos voar para Dubai, em vez de ir direto pra Abu Dhabi.

Primeiro por causa da disponibilidade de voos – Londres x Dubai eh praticamente uma ponte aerea, com disponibilidade de cerca de 20 voos diarios ligando as duas cidades. Entao para maximizar a viagem, conseguimos um voo da British Airways perfeito saindo de Londres numa sexta a noite, e chegando em Dubai no sabado bem cedinho, entao aidna conseguimos apoveitar bem o dia por la.

(sobre a questao do voo noturno com criancas – eramos nos 3 e mais um casal de amigos com 2 filhos – eu ja falei aqui nesse post. Eu pessoalmente prefiro voos noturnos pois a Isabella dorme numa boa)

E consequentemente, por causa da abundancia de voo, os precos tambem sao bem mais economicos do que voo direto pra Abu Dhabi. Entao nem pensamo duas vezes!

Voamos direto pra Dubai e ja mesmo no aeroporto, alugamos nossos carros.

 

Pra completer, aluguel carro em Dubai eh MUITO barato e a gasolina eh praticamente de graca, entao de quebra ainda ficariamos com carros a disposicao, que depois usamos pra passear por Abu Dhabi, sair pra comer etc, em vez de ficar dependendo de taxis o tempo todo.

A estrada que conecta os dois Emirados eh sensacional, daquelas tao boas e perfeitinhas que ficar ate chato de dirigir!

Os carros sao grandes e modernos, e o limite de velocidade eh de ate 140Km por hora!

No total, entre sair do aeroporto com nosso carro, achar nosso caminho por Dubai ate chegarmos na Estrada E11 que conecta os dois Emirados, e finalmente chegar na porta do nosso hotel, demorou cerca de 1 hora e 20 minutos.

 

– Como se locomover por Abu Dhabi:

Antes de chegar por lá, o mais difícil pra mim era entender a dinâmica da cidade. Principalmente por já conhecer Dubai, achei que a cidade (não o Emirado como um todo, e sim a “Abu Dhabi City”, como a capital é conhecida)  seria como uma extensão de Dubai, e as coisas funcionariam mais ou menos da mesma maneira: um bairro mais antigo e tradicional, a região central e financeira, a parte turística e de praia, e assim por diante.

Mas era tanta referência de “ilha” disso, “ilha” daquilo, que fiquei bem perdida. Então vamos pra uma ilha? Vamos ficar ilhados num resort?!

Então vale ressaltar que a geografia de Abu Dhabi realmente é bem única, e a capital do Emirado é na verdade um arquipélago, com várias ilhas que se conectam e vão compondo seus diferentes bairros e regiões.

Mas não te dão aquela sensação de “ilha” não, sabe? Na verdade mal pra perceber quando cruzamos de uma ilha pra outra, graças as muitas pontes, viadutos e conexões entre elas e entre o continente.

Dicas Abu Dhabi

Então quando eu me refiro a “Ilha Yas” ou “Ilha Saadiyat“, fique subentendido que esses estão mais pra”bairros” na organização da viagem do que qualquer outra coisa.

Mas isso me leva a falar sobre transporte e locomoção por lá, já que ao contrário de Dubai, o transporte público é praticamente inexistente.

Por lá todo mundo depende mesmo de carro pra tudo, e os pontos de táxis formam filas quilométricas nas portas de todos os hotéis ou pontos turísticos.

Quem se hospedar tanto nas ilhas Saadyiat e Yas, como sao os principais polos turisticos da cidade, existem varios servicos de shuttle/translado de graca conectando os hoteis e atracoes.

Mas assim como Dubai, tudo em Abu Dhabi é muito longe, e por mais que táxis não sejam exorbitantes, como as distâncias são longe e as corridas acabam saindo caras, chegamos a conclusão de que alugar um carro realmente sai bem mais barato – principalmente se você estiver com 2 ou mais pessoas e pretender fazer alguns passeios turísticos por lá.

(pra dar algumas idéias de preços: um tanque completo de gasolina custou cerca de 15 dólares na nossa SUV alugada, e o preço do carro, saiu na casa dos 20€ por dia – a reserva foi feita com bastante antecedência, é claro)

 

– Onde se hospedar em Abu Dhabi:

Entao isso me leva a falar sobre hospedagem. Achoq ue se eu nao conhecesse a cidade, e tivesse ido pra la sem a sugestao de hotel de nossos amigos, eu teria acabado ficando hospedada em “Abu dhabi”, na ilha central, principal. O que teria sido uma grandissima furada!

Sem duvida alguma, os hoteis das ilhas sao bem melhores, alem de te deixar mais proximo das principais atracoes.

Nos ficamos hospedados no St Regis da ilha Saadyiat, como ja contei aqui nesse post. mas infelizmente a ilha so tem dois hoteis por enquanto, e ambos sao de 5 estrelas. mas no proximo ano o plano eh extender a capacidade hoteleira da ilha, para attender ao publico para o Distrito Cultural, que esta sendo construido em Saadiyat.

Entao Yas eh a outra otima (se nao a melhor) opcao de hospedagem em Abu Dhabi. E por ja ser um polo turistico bem desenvolvido e cheio de atracoes, as opcoes de hoteis sao abundante, pra todos os estilos e gostos. Com filiais de quase todas as bandeiras e cadeias internacionais de hoteis, com oferta variada de “estrelas”, e o apice da hospedagem eh o Viceroy, que eh o simbolo da ilha e um dos melhores hoteis do mundo.

Mas para quem vai fazer uma viagem rapida, so passer alguns dias, visitor todas as atracoes, mas sem grandes interesses em praia, piscine e afins, os hoteis da Corniche e na vicinidade da Mesquita tambem sao boas opcoes!

 

– Como se vestir em Abu Dhabi:

Na verdade eu já fiz um post bem parecido por aqui, quando fui a Dubai pela primeira vez: como se vestir no oriente medio eh sempre um topico de duvidas (principalmente entre as mulheres), e sempre gera polemica.

As opinioes divergem, e volta e meia aparece alguma foto de “look do dia” montado de blogueiras/atrizes/celebridades e suas marcas patrocinadoras que geram aquela sensacao de que “pode vestir o que quiser”.

Mas veja bem. Poder, pode vestir o que quiser!

Mas pra que?

Sim, tanto Dubai quanto Abu Dhabi são destinos “moderninhos” no Oriente Medio, e ninguem vai te linchar na rua, nem querer te prender caso voce esteja usando um short curto ou blusa decotada num dia de 52 graus a sombra.

Mas eles podem sim te impedir de entrar em shoppings, mesquitas, mercados e espacos publicos, por um simples motivo: respeito.

E esse eh o motivo pelo qual eu semre acho que vale a pena tocar no assunto Moda Vs Oriente Medio.

A cultura, principalmente no que diz respeito a mulheres, seus corpos e imagens, eh diferente e ponto final.

Entao o minimo que o visitante pode fazer, eh respeitar essa diferenca.

Sim, voce pode usar saia curta. Mas porque faria uma coisa dessas na casa dos outros?

Vamos combinar o seguinte? Se vestir o que voce quiser e bem entender, eh tao importante assim pra felicidade de sua viagem, entao porque não procurar outro destino ao redor do mundo?

Ne não?!

Viajar para Abu Dhabi, ou qualquer outro lugar do Oriente Medio tambem tem uma carga cultural riquissima, entao abrace a oportunidade, e se insira nessa cultura diferente.

Posso confessar que achei super interessante ter que usar uma burca completa?!?!

Claro que a “interessancia” eh fortemente influenciada pelo fato de que eu não vivo nessa cultura, não eh minha religiao nem a realidade do meu dia a dia. Mas sei la. Acho que usar Abayas, saias longas e veu na cabeca quando vou ao Oriente medio eh tao “ludico” e parte do componente cultural da viagem quanto comer um macarron na mesinha da calcada em Paris, ou andar no metro apertado em Nova Iorque, ou sempre lembrar de levar seu guarda chuva na bolsa em Londres.

Te dao um gostinho de como eh a vida naquele lugar, e as diferencas entre voce, sua vida, e esse novo destino que voce escolheu visitar.

Mas entao na pratica? O que levar na mala para uma viagem a Abu Dhabi?

Para mulheres:

– Saias e vestidos longos, ou que pelo menos cubram os joelhos

– Lencos e echarpes

– Blusas de manga ou ¾ ou que cubram os ombros

Para homens:

– Calcas compridas (pode ser jeans, mas como faz MUITO calor, as opcoes de sarja e linho são mais faceis de usar)

– Camisas de manga comprida (que podem ser dobradas ate o cotovelo se estiver quente demais – alem de ficar um charme!)

– Camisas e camisetas de manga curta (mas que cubram os ombros, nada de regatas!)

Essas epcas serao seu uniforme no dia a dia da viagem, nas atracoes turisticas, shoppings, parques e passeios em geral.

Se voce, como nos, ficar hospedado num resort, quiser curtir uma praia e não tiver contato com o “mundo” do lado de fora, ai pode usar o que quiser. Mesmo.

Os homens podem andar sem camisa (mas lembrando que no geral hoteis e restaurantes não deixam hospedes e clientes circular nas areas comuns de roupa de banho nem sem camisa), bermuda, camiseta regata.

Já as mulheres podem usar biquine, saia curta, saida de praia curta e ou decotada, short e blusinha, vestidos, etc.

Meu uniforme diario era mais ou menos assim:

– Biquine + saida de praia:

(na piscina e praia eu ficava e curculava de biquine numa boa, mas quando entrava no hotel, ia no restaurante ou outras areas comuns, colocava uma saida de praia)

– Para passear por Abu Dhabi usei vesidos longos, calca comprida com blusas de manga ¾ e saia midi (daquelas abaixo dos joelhos) com blusa regata e uma camisa soltinha amarrada por cima.

E ainda assim, mesmo com vestido longo cobrindo os ombros, e lenco no cabelo, ainda tive que usar uma Abaya pra entrar na mesquite.

Entao resumo da opera eh que não eh tao complicado assim fazer as malas para uma viagem ao oriente medio; mas lembre-se que a regiao tem sim uma cultura muito diferente da nossa e o minimo que podemos fazer eh simplesmente respeitar essa diferenca.

Entao pode se vestir “normal”? Pode claro que pode.

Mas pense bem: precisa?

Respeito os outros se voce quiser ser respeitado, e tenho certeza que não vai ser um lenco cobrindo seus cabelos ou não poder usar um short no colorao que vao estragar sua experiencia!

 

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Denver, Colorado, nos EUA, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

Adriana Miller
18 comentários
Comente pelo Facebook
Escreva o seu Comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui!
18 comentários
  1. Susana - 16/04/15 - 15h04

    Olha que continuo a espera do post sobre o mont de saint michel. Beijinhos

    Responder
  2. Inês Miranda - 16/04/15 - 15h58

    Era bacana ver o vestido que levavas por baixo da abaya para entrar na mesquita e que também não foi permitido. Pensei que se estivesse toda tapada não haveria problema…

    Responder
    • Adriana Miller - 17/04/15 - 08h24

      Era esse mesmo vestido longo que aparece nas outras fotos, preto de listras. Com uma camisa jeans por cima e lenco no cabelo. mas nao foi suficiente.

      Responder
  3. roberta - 16/04/15 - 17h26

    Excelentes dicas Adriana o seu blog está salvo entre os meus favoritos. Parabéns.

    Responder
  4. Luciana Rangel - 17/04/15 - 17h44

    Arrasou nos looks e a fofa da Bella tb :)
    Crianças (meninas) não precisam desse dress code? Tem ideia de qual a idade as meninas precisam começar a se vestir dessa forma nesses países?

    Responder
    • Adriana Miller - 20/04/15 - 15h18

      Acho que mai ou menos na época de adolescência.
      Mas iaao vai de cada família eu acho. Vi umas meninas bem pequenas de lenço na cabeça, e outra já bem com cara de adolescente, sem nada (apenas cobertas com “roupa normal”, saia longa e essas cosias). Então acho que é uma decisão familiar.
      Mas chegamos a perguntar se a Isabella iria precisar da Abaya, e nos disseram que não por ela ser criança.

      Responder
  5. Silvia - 17/04/15 - 20h07

    É por isso que eu AMO seu blog….Vamos ser práticos?? Se não gosta ou não consegue se inserir na cultura (pelo menos para conhecer) porque ir para o destino??? Concordo super com vc….bjus

    Responder
    • Adriana Miller - 20/04/15 - 15h16

      Pois é, também acho!
      Na época da viagem rolou um bate-boca no Instagram sobre eu estar “exagerando” e não ser “nada assim”, pois tal leitora viu muita gente de saia curta nas ruas.
      Ok, mas tem necessidade?
      Também vejo um monte de gente jogando papel no chão nas ruas e que não dizem “por favor” ou “obrigada”, mas não porque todo mundo faz que não deixa de ser falta de educação!

      Responder
  6. ju - 20/04/15 - 01h04

    Dri, vi que vc está sempre de sandalias aparecendo bem os pés…quanto a isso, sem problemas ??

    Responder
  7. Beatriz - 22/04/15 - 15h04

    Gente, mas seus posts de Abu Dhabi conseguiram me convencer a querer visitar! Nunca realmente pensei em visitar os Emirados Árabes Unidos, até porque tenho uma lista enoooorme de prioridades. Mas fiquei super com vontade :) Sobre a roupa: você teve que comprar a abaya?! Ou tinha disponível para usar e depois devolver?

    Responder
  8. Beatriz - 22/04/15 - 15h06

    Ops, já vi no post sobre a Mesquita que eles fornecem :)

    Responder
  9. Caroline Alvernaz - 30/04/15 - 12h25

    Dri, acabei de “te descobrir” rs.
    amando este post de Abu dabhi. Ficarei lá por um mês e queira mto esta ajuda! Obrigada! bjus

    Responder
  10. marcelo - 15/02/16 - 16h27

    Adriana,

    Boa tarde! Estamos indo para abu dhabi agora no dia 21/abril e ficamos apenas o dia 22 para conhecer a cidade! Temos algumas opções de tour como o bus turistico mas estamos buscando algo que seja possivel ir nos pontos turisticos (mesquita, passar no pq da ferrari e jantar no deserto) se desse demais pontos seria legal. Recomenda algum site ou lugar para fechar isso? Vamos ficar no Hilton e eles nos passaram algumas opções:
    – Desert Safari Tour 290 AED p.p.

    – Half day Abu Dhabi Tour 180 AED p.p.

    – Full day Abu Dhabi Tour 300 AED p.p.

    – Dubai Tour 300 AED p.p.

    Desde já agradeço sua ajuda.

    obrigado.

    Abraço,

    Marcelo Alonso

    Responder
  11. Barbara Cortat - 19/09/16 - 22h04

    Olá Adriana, vou fazer um stopover de 3 dias em Abu Dhabi (Vou ficar 1 em Abu Dhabi e dois em Dubai, provavelmente) a caminho do Japão. Lendo os blogs sobre transporte, estou cada vez mais tentada a alugar um carro mesmo. Minha pergunta é, como é para estacionar lá? Tem estacionamento gratuito, dá para parar na rua ou tem que pagar toda vez perto dos pontos turísticos? Qual seria mais ou menos o valor dos estacionamentos???
    Obrigada
    Barbara

    Responder
    • Adriana Miller - 19/09/16 - 22h16

      Alugar carro realmente é a melhor opção (a n~ao ser que você prefira contratar um transfer/motorista), pois n~ao d’a pra depender de transporte público por lá.
      Estacionamentos estão por todas as partes, o país todo vive à base de carro pra cima e pra baixo, você não terá o menor problema. E não me lembro de ter pago um único estacionamento por lá… a não ser que as coisas ten

      Responder
  12. Fabio - 12/01/17 - 09h04

    Olá!

    Precisa de carteira de motorista internacional para dirigir em Abu Dhabi?

    Responder