13 Nov 2014
36 comentários

Diaro de viagem: Nova Ioque dia 1 – e meio! (5a Avenida e muitas lojas!)

Dicas de Viagens, Nova Iorque, USA

Para os posts sobre nossa viagem para Nova Iorque vou fazer uma coisa diferente do que tenho feito últimamente, e vou escrever os posts mais em formato “diario”, registrando o que fizemos a cada dia e minhas recomendacoes, em vez de focar em coisas e lugares espcificos. Sempre acho super difícil dar “dicas” de lugares muito batidos, pois tudo sempre fica muito repetitivo, e o que nao falta por ai sao otimos blogs especilistas sobre NY para quem quiser saber de coisas e lugares mais especificas.

Alem disso, foi uma viagem bem diferente para nos, e nao foi exatamente uma viagem “turística” (a pesar de que turistamos bastante tambem!), mas o que nos leavou para Nova Iorque dessa vez foi o casamento de um dos melhores amigos do Aaron (que foi um dos nossos padrinhos de casamento tambem!), entao tivemos muitos eventos para participar, que tomaram conta de uma boa parte do nosso tempo na cidade.

Varios jantares, almocos, encontros e claro, o casamento, espalhados entre nossos días.

Por sorte, a mae e irma do Aaron foram nos encontrar por la, e alem de ter dado uma super ajuda para cuidar da Isabella de noite, ainda foi uma boa desculpa para fazer uma comemoracao “Acao de Gracas & Natal” fora de época com a familia dele.

Entao voltamos da viagem coma quela sensacao de que foi tudo muito corrido, sabe? Mas ao mesmo tempo, foi um otimo destino de viagem para ese tipo de situacao, pois como todos nos ja conhecemos NY muito bem, pelo menos nao rolou nenhuma afobacao de ter e querer fazer tudo ao mesmo tempo, nem ficar chateado por nao ter dado tempo de fazer isso ou aquilo. Planejamos, coletivamente, mais ou menos o que cada um quería fazer, ou re-visitar e tals e fomos espalhando os passeios ao longo dos nossos 5 dias por la, dependendo do clima, horario do dia, e quais outros compromisos teriamos.

Mas vamos la!

Nosso primeiro dia em NY foi na verdade apenas uma tarde, pois saimos de Londres de manha bem cedo, pousamos no aeroporto JFK na hora do almoco e demoramos nada menos que 2 horas para chegar em Manhattan!

Em outras viagens a cidade eu sempre preferí pegar o metro (super fácil e rápido!), mas com mala + carrinho + bebe + cansados do voo, optamos pelos taxis amarelos mesmo, e foi uma otima escolha, a pesar do engarrafamento (de JFK ate Manhattan so pagamos uma taxa fixa de 52$ pela corrida, mais gorjeta de pelo menos 10 ou 15%, entao achei um otimo negocio!).

Escolhemos um hotel em Midtown, bem pertinho da Time Square de proposito – muita gente nao gosta de ficar em Midtown, mas para mim aquele burburinho eh sinonimo de Nova Iorque!

Sim, a cidade tem varias outras areas e bairros mais bonitos e mais charmosos, com hotel para todos os gostos (e bolsos!), mas era ali mesmo que queríamos nos hospedar – e para completar o fato de ja conhecer a area, ainda ficamos em frente a estacao de trem Penn Station, de onde pegaríamos trens para Long Island, onde tivemos o casamento e alguns outros eventos, entao foi super pratico, e o fator decisivo final na nossa escolha! (depois escrevo sobre o hotel com calma, pois recebi muitas perguntas no Instagram).

Mas enfim, ate chegarmos no hotel, fazer check in, esperar a mae do Aaron chegar e finalmente sair para passear, nosso dia ja tinha praticamente acabado!

Mas claro, ainda assim saimos para passear na Time Square e jantamos por la mesmo – queríamos alguma coisa bem turística, fácil e se fosse brega melhor ainda! Hahahahaha!

Ja na quinta feira, que foi nosso primeiro dia de fato na cidade, o dia comecou cedissimo – um oferecimento jet lag e a vozinha que nos acordou as 4 da manha pedindo leite e colo :-)

Mas nao tivemos pressa para sair do hotel, pois o dia estava horrivel! Vento frio, escuro e muita chuva…

IMG_0718.JPG

Entao resolvemos subir a 5ª Avenida e ir parando de loja em loja, fazendo um roteiro “anti chuva”!

A primeira parada foi o Rockefeller Centre, mas acabamos nao subindo no “Top pf the Rock” (que eu fiz na ultima vez que estive em NY e acho imperdivel!), pois o tempo estava tao feio, mas tao feio, que mal dava para enxergar o topo dos predios, entao imaginamos que a vista estaría prejudicada (e pela ausencia total de fila na entrada, acho que todos os outros turistas concordaram com a gente!).

IMG_0672.JPG

Aproveitamos o mini shopping no subsolo do predio para esquentar (e secar) um pouco, entramos em algumas lojas (bem ali no Rockefeller Centre fica uma das maiores Anthropologies da cidade).

Na sequencia fomos na American Girl, tambem conhecida como loja-perdicao-para-pais -de-meninas ou entao loja-sugadora-de-dinheiro-de-pais-de-meninas!

A loja eh um barato, e incrivel como uma ideia tao simples, realmente deu certo!

O conceito da American Girl eh vender bonecas que sejam uma refelxao de uma “menina Americana”, fugindo dos estereotipos das Barbies e afins onde todas as bonecas sao loirinhas e de olhos azuis – porque convenhamos ne? Nem toda as meninas que consomem essas (e qualquer outra!) bonecas sao assim, entao porque nao ter bonecas que reflitam essa diversidade? Achei genial, pois lembro bem do fato de que todas as minhas bonecas serem “diferentes” de mim e nao entender porque.

Entao a loja ocupa uns 3 ou 4 andares de um predio/quarteirao inteiro na quinta avenida e eh uma cosia impresionante!

Loga de cara voce ve a “vitrine” das bonecas e o arco iris de tons de pele, olhos e cabelo, pasando por todas as posibilidades de loirice e morenice, asiáticas, negras, ruivas, cabelos longos, curtos, cacheados, de franjinha, e seja la o que mais caracterize sua filha.

Para decepcao da avo, a Isabella ainda eh novinha demais para se empolgar demais com as bonecas, mas achei bem fofo ver outras familias por la, com criancas e meninas tao diferentes umas das outras, escolhendo suas bonequinhas de acordo com seu tom de pele, olhos e cabelo!

E como nao podía deixar de ser, no melhor estilo da maquina Americana de fazer dinheiro, a loja tem uma infinidade de outras meneiras de sugar o dinheiro dos país, vendendo acessorios, roupas combinando, cabeleireiros para criancas E suas bonecas, brunch e cha da tarde para criancas e suas bonecas, e tudo que voce puder imaginar!

Almocamos por ali mesmo e seguimos nosso passeio pela 5ª Avenida, entrando e saindo de varias outras lojas, mas tentando focar nas lojas que nao temos na Europa (a pesar de que nao resisti e entrei na Zara!), como a Henri Bendel (incrivel, uma loja enorme so de acessorios e bijouterias “finas”), a Sack’s e Bergodrof Goodman – porque $onhar nao cu$ta nada!

IMG_0707.JPG

Quando a chuva apertou de novo, estavamos bem em frente a FAO Schwartz, a maior loja de brinquedos do mundo (em segundo lugar esta a Hamley’s aquí em Londres!), e nao resistimos e deixamos a Isabella “solta” la dentro!

Ela AMOU a secao dos bichos de pelucia gigantescos e pirou no piano (aquele do Filme “Big” – “Quero ser Grande”) onde ficou hooooooras pulando de um lado pro outro tocando música!

Quando a chuva parou, corremos pro Central Park e demos uma voltinha rápida, so para constar!

A Isabella estaba com a corda toda, e adorou pular nas pocas de lama (ela ta precisando ir para uma Rehab de Peppa Pig!), correr atrás dos esquilos e ficou espantadissima de ver um cavalo de verdade ao vivo! (acho que esta na hora de levar ela num zoológico!).

De la voltamos correndo pro hotel pois tinhamos que nos arrumar e encontrar com uns amigos do Aaron para jantar!

IMG_0755.JPG

A seguir, cenas dos próximos capítulos…

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Denver, Colorado, nos EUA, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

Adriana Miller
36 comentários
02 Dec 2013
17 comentários

Thanksgiving ao vivo!

Pittsburgh, USA

Começou a temporada oficial de festas de fim de ano!

Semana passada estivemos na Pensilvânia nos EUA visitando a família do Aaron para comemorar o feriado americano de Ação de Graças (e o primeiro da Isabella!).

20131202-114319.jpg

Visitar a família é sempre uma correria, mas sempre uma delicia – e agora com a Isabella ficou ainda mais legal (e ainda mais corrido!).

20131202-114445.jpg

20131202-114505.jpg

Conseguimos fazer quase tudo que planejamos, e principalmente ter bastante tempo com os avos, as bisas, tios e tias para que todo mundo pudesse curtir bastante a Belinha :-)

20131202-114654.jpg

20131202-114717.jpg

Foi também uma viagem emocionante e cheia de “primeiras”: a Isabella conheceu sua terceira Bisa, a bisa Ruth, com quem ela divide o aniversario de 10 de Janeiro – separadas por exatos 98 anos! (A Ruth nasceu em 1915, e a Isabella em 2013)

20131202-114924.jpg

20131202-114940.jpg

20131202-115005.jpg

Ela também conheceu os priminhos e vários filhos e filhas de amigos de infância do Aaron.

E claro, nao poderíamos esquecer seu primeiro ação de graças e sua primeira árvore de Natal!

20131202-115128.jpg

20131202-115152.jpg

20131202-115220.jpg

E por falar em agradecer, o ação de graças foi bem monotemático! :-)

20131202-115400.jpg

Eu já fiz vários outros posts sobre o feriado de ação de graças, mas não me canso de repetir que é uma de minhas tradições preferidas: uma festa super família, sem credo nem segregações, dedicado exclusivamente a agradecer pelo que temos na vida!

E parte da tradição de thanksgiving na família do Aaron é a montagem da árvore de Natal da avó.
Ela é uma senhorinha de 96 anos e na flor da idade! Mora sozinha, sai pra jantar com as amigas, participa de eventos e voluntariado na igreja da rua onde mora a 88 anos!

E nos duas compartilhamos a mania/paixão por colecionar enfeites de Natal (os meus sempre são relacionados a viagens, já ela coleciona enfeites vintage, que herdou se sua mãe).

20131202-115910.jpg

20131202-115927.jpg

20131202-115939.jpg

20131202-115953.jpg

A árvore dela é praticamente atração turística na cidade e ate hoje alguma dos amigos de infância do Aaron pedem pra ir lá ver a árvore!
E sim, dá uma trabalheira danada, e demoramos um dia inteiro pra organizar, montar, enfeitar e limpar tudo depois – mas é uma coisa que só se faz uma vez por ano, juntam a família toda e o evento vira uma festa por ai só!

Espero que um dia eu também chegue aos meus 90 e poucos anos ainda montando minha árvore de Natal cercada por amigos, filhos, netos e bisnetos!!

Mas infelizmente demos azar com o clima e pegamos muuuuito frio e neve a semana toda!

20131202-120705.jpg

20131202-120728.jpg

20131202-120749.jpg

Então alguns passeios pelos arredores e por Pittsburgh acabaram sendo cancelados, porque preferimos ficar de preguiça do lado da lareira!

E claro, onde tem Thanksgiving, também tem Black Friday!
Que é aquele dia louco de promoções que da o pontapé inicial na temporada de compras de Natal e fim de ano para os americanos!

Nós não encaramos a black Friday na sexta não (toda loucura tem limites), mas sempre tiramos o dia no sábado para ir ao outlet e shoppings da região!

(Que esse ano também foi mais tímido porque tava muito frio!)

20131202-121151.jpg

20131202-121203.jpg

Então daqui pra frente começa nossa temporada de festas, enfeites e comemorações – cujo ápice será nosso primeiro Natal como uma família de 3, no Brasil com minha família (e uma temperatura bem mais quentinha!!).

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Denver, Colorado, nos EUA, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

Adriana Miller
17 comentários
20 May 2013
3 comentários

Vail: The Ritz Hotel & Residences

Colorado, USA

Para nossa estadia em Vail queríamos algo especial – então aproveitamos o final da temporada de ski no Colorado e conseguimos achar a hospedagem perfeita: ótima localização (no coração de Lionhead Village), ultra confortável e o principal – comodidade, com um apartamento que juntasse a praticidade de um flat com o conforto de um hotel.

E portanto nossa escolha foi o The Ritz Carlton Hotel & Residences!

Quando fizemos a reserva nossa intenção era esquiar em Vail, portanto queríamos uma hospedagem que fosse confortável pra minha sogra ficar com a Bella, então reservamos um apartamento duplo na parte “residência” do The Ritz, pois assim poderíamos ficar junto com a mãe do Aaron, mas sem ter que “dividir” o quarto, o que seria muito mais confortável pra ela durante o dia com a Isabella.

Além disso teríamos um area comum e uma cozinha (como foi nossa primeira experiência em hotel com a Isabella, queríamos alguma coisa com cozinha).

E como acabamos não esquiando em Vail dessa vez, nossa escolha de hospedagem foi ainda mais perfeita, pois pudemos curtir bastante o apartamento e o hotel, e com direito a todo conforto e luxo!

Nosso apartamento tinha dois quartos (ambos suítes), mais uma salinha de TV separada da sala principal e um terceiro banheiro (e portanto acomodaria confortavelmente 6 adultos).

A cozinha super equipada, que abre pra sala de jantar e estar – também equipadas – perfeito pra quem for passar bastante tempo em Vail ou for pra cidade com um grupo de amigos ou família!

O apartamento abrir para uma varandinha com a vista das montanhas no térreo do hotel, e é nos andares de cima que fica o resto do hotel: com academia, restaurantes, um bar, uma área para churrasco e piscinas aquecidas!

O hotel é novíssimo, recentemente construído na nova área de Lionshead, a poucos passos da subida do ski lift e pertinho da Village (com lojinhas, mercados, coffee shops, restaurantes e etc).

Mas pra quem quiser explorar a cidade e região, o The Ritzdisponibiliza aos hospedes um serviço (cortesia) de translado, te levando e buscando onde quiser (nós utilizamos o serviço pra ir jantar no Flame e voltar do nosso passeio em Vail Village), oque é ótimo, pois tira a necessidade de alugar carro ou ter que ficar dependendo de taxis ou dos ônibus que fazem o transporte entre as duas cidades!

The Ritz-Carlton Vail

728 West Lionshead Circle,Vail, Colorado

 

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Denver, Colorado, nos EUA, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

Adriana Miller
3 comentários