15 Oct 2017
0 Comentários

Se arrume comigo na Escocia!

Aberdeen, Beauty Everywhere, Escocia, Fui Assim, Maquiagem, T.V. EveryWhere

Durante minha viagem a Aberdeen na Escocia umas semanas atras, eu tambem tinha feito varios videos e fotos no InstaStories (se voce ainda nao me segue, corre la: @DriMiller), e varias leitoras me perguntaram sobre a maquiagem que estava usando – Aliais, recebi mais perguntas sobre a maquiagem e o batom do que sobre a viagem em si!

Entao aproveitei a calmaria do quarto de hotel para gravar um “se arrume comigo”:

 

Se voce curte video e vlogs e ainda nao conhece o canal do blog no YouTube, passa la e assina (confesso que ultimamente tenho postado bem mais por la do que aqui no blog propriamente dito!).

Todos os produtos mencionados no video:

Blusa xadrez: http://fave.co/2ycrDOW
Jaqueta com pelos (antiga, da TopShop) – jaquetas parecidas:
http://fave.co/2gqkilh
http://fave.co/2ybBC7c

Relogio: http://fave.co/2hkTFRW
ou http://rstyle.me/n/cs5huvcbqnp

Produtos que usei no video:

Base Nars (cor Alaska): http://fave.co/2gqOVqM
Corretivo (cor Creme Brulle): http://fave.co/2gqYrdD
Delineador Tanya Burr: http://fave.co/2yaScnW
Bush mac (cor Blush Baby): http://fave.co/2ybXDTz
Paleta Charlotte Tilbury: http://fave.co/2yaSLy4
Rimel Dior: http://fave.co/2gpO8GD
Po Hourglass: http://fave.co/2ybDrB4
Sobrancelha: http://fave.co/2ycF5T6
Baton (cor Rikugien): http://fave.co/2ycsEH1
Iluminador Becca: (versao mini) http://fave.co/2ycz88A
(versao grande): http://fave.co/2gqWwWa

 

[Starbox]

Nos Acompanhe!

Além de todas as dicas que eu posto aqui no blog, você também pode me acompanhar nas redes sociais para mais notícias “ao vivo”:

 

Adriana Miller
0 Comentários
13 Oct 2017
3 comentários

Aberdeen – Escocia

Aberdeen, Dicas de Viagens, Escocia, Europa

Aberdeen eh uma cidade na costa noroeste da Escocia, e que definitivamente esta fora dos roeiros turisticos. Pode ate nao parecer, mas a Escocia eh um dos lugares mais bonitos da Europa, e entre tanta historia e paisagens exuberantes, uma ou outra cidade acabam ficando de lado.

Mas assim que me pareceu uma oportunidade de conhecer a cidade, nao pensei duas vezes!

Aproveitei um evento de trabalho e consegui esticar 1 tarde e 1 manha na cidade, o que ja foi suficiente pra ver bastante coisa!

Mas se voce esta planejando uma viagem pra la, dedique pelo menos uns 3 dias a Aberdeen e arredores, vai por mim!

Na minha primeira tarde pela cidade, fiquei apenas pelo centro da cidade “nova”, nos arredore da Union Street.

Comei meu roteiro pelo Marischal College, um dos simbolos da cidade. O edificio pertence a Universidade de Aberdeen, mas hoje em dia eh a seda do governo municiapl da cidade, e portanto nao eh possivel visitar por dentro.

Mas mesmo assim, vale a passadinha pra ver por fora!

O predio foi construido em 1835 (mas o college propriamente dito eh de 1593!), e eh a segunda maior construcao do mundo feita em granito solido  (que aliais eh a marca registrada da cidade!) e tem um estilo que lembra bastante o Parlamento Britanico, com sua torre principal e columas pontudas.

A Union Street eh o coracao da cidade “nova” de Aberdeen, sendo a principal avenida, e otimo ponto de partida. Ali por perto estao varios centros comerciais (mini shoppings espalhados pela cidade), e muitos edificios impressionantes.

Apesar da arquitetura imponente, a maioria das construcoes historicas da Union Street hoje dia sediam empresas e instituicoes, com pouca informacao sobre sua historia e arquitetura, como por exemplo o Castelo do Salvation Army, a praca do Mercat Cross (que era o “ponto central” da cidade no seculo 12, e representava o direito da cidade de comercializar suas mercadorias), e a impressionante torre do Town House de Aberdeen, que simbolozou o auge da industria de extracao de granito na cidade no seculo 18.

Mas o que eu queria conhecer mesmo era a parte antiga da cidade, a Old Aberdeen!

A cidade antiga cresceu e se desenvolveu durante o seculo 15, nos arredores da King’s College da Universidade de Aberdeem que foi fundade em 1495.

A capela da Universidade eh uma das igrejas mais autenticas e diferentes que eu ja vi, pois a torre da igreja eh em formato de um coroa de Rei!

Como ninguem tinha pensado nisso antes, ne? Se eu fosse Rei (ou Rainha, no caso) e construisse minha propria Universidade e capela, eu teria feito exatamente a mesma coisa!

E se por um segundo voce se sentir num cenario da Disney, a culpa eh das torres do Portao de Powis (Powis Gate)!

Na verdade as colunas do portao sao em estilo Turco (imitando os minaretes das Mesquitas de Constantinopla).

Hoje em dia o portao tambem pertence a Universidade de Aberdeen, mas quando foi construido em 1800 e pouco, ele demarcava a entrada da residencia de uma familia nobre da regiao, que mandou construir as torres para comemorar a abolicao da escravatura nas colonias Britanicas da Jamaica.

E ali pelas ruas de Old Aberdeen eh que fica bem aparente porque a Aberdeen eh conhecida como a “cidade de granito”, pois realmente todas as casas, e construcoes tem a mesma caractristica e estilo, sempre feitas de granito escuro, que da todo um caracter a mais na cidade!

As casinhas e cafes da High Street sao uma graca, e nos leva ate a Antiga Town House de Aberdeen, que ja foi a antiga prefeitura da cidade.

E bem ali em frente da Town House fica o St Machar Bar, que apesar de nem ser tao antigo assim (para padrao de Aberdeen!), esse pub eh um classico da cidade, e um otimo representante da alma de cidade universitaria que Aberdeen tem! Mas ele eh um pub um pouco diferente, pois estando no norte da Escocia, eles servem apenas 4 tipos de cerveja…. porem 150 tipos de Whisky Escoces! #ParaOsFortes

Entao depois de perambular pela cidade e suas ruelas por algumas horas, eu voltei em direcao a parte “nova” de Aberdeen, mas nao resisti e dei uma escapada ate a praia!

O dia estava um gelo e com muito vento (como eh normal na Escocia), mas com um ceu azul e sol incriveis (coisa rara na Escocia), entao na esisti e quis ir bem rapidinho ver de perto como seria uma praia do mar do norte!

E nap eh que tem cara de praia mesmo! Juro que esperava uma “areia” de pedrinhas (como eh comum no sul da Inglaterra e Mediterraneo), e nao quilometros e mais quilometros de praia de mar aberto com areia fina de verdade!

Obvio que em pleno Outubro nao tinha ninguem na praia (sera que alguem vai a praia por la? Mesmo no verao?), mas valeu demais o passeio!

Pra quem nao sabe, Aberdeen esta geograficamente “de frente” para a costa sul da Noruega, separados pelo Mar do Norte, entao eh um cidade costeira, “de praia”, com uma fortissima industria de pesca e de exploracao de oleo e gas.

 

Aberdeen na pratica:

O aeroporto de Aberdeen fica a cerca de 20 minutos do centro da cidade, e eh muito bem servido de voos vindos de Londres e outras cidades Inglesas, assim como varias capitais Europeias e Escandinavas.

Mas a cidade tambem pode ser facilmente acessada de trem a partir de Edinburgo ou Glasgow.

Eu fiquei hospedada no Hilton Garden Inn, bem no centro da cidade, com facilimo acesso tanto para a cidade “nova” quanto a “antiga”, pertissimo de muitos pubs, restaurantes e dois dos principaos shoppings da cidade (um deles, bem do outro lado da rua!). Adorei a localizacao, o servico e o conforto do quarto!

 

E tambem aproveitei a viagem sem muitos compromissos e fiz um vlog sobre o meu dia por la!

(Caso voce ainda nao acompanhe meu canal do YouTube, fica aqui a dica pois tenho postado bastante coisa legal por la!)

 

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Londres na Inglaterra, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

Adriana Miller
3 comentários
28 Jul 2010
9 comentários

Northumbria & The Borders

Dicas de Viagens, Edinburgo, Escocia, The Borders

No fim de semana fizemos um passeio bem interessante entre o norte da Inglaterra (regiao de Northumbria) e a fronteira/sul da Escocia, na regiao The Borders. Esse era um passeio que nos sempre queriamos fazer, mas sempre acabava ficando pra depois porque nao eh tao facil viajar por lah quanto eh facil viajar por outras regioes da Inglaterra ou da Europa por exemplo. Entao pegamos carona na viagem que o pai do Aaron esta fazendo pela regiao com a mulher dele e fomos nos encontrar com eles no fim de semana.

Foram apenas 2 dias, mas as cidades sao tao pertinho umas das outras que foi mais que suficiente pra fazer quase tudo e ainda curtir a compania do sograo que eh uma figura!

Pra economizar tempo de viagem, no sabado de manha voamos pra Newcastle-Upon-Tyme que eh a cidade (grande) Inglesa mais proxima da fronteira nordeste da Inglaterra com a Escocia, e mal chegamos no aeroporto e o sogro jah estava nos eperando por lah com carro e mapa na mao!

Entao nosso roteiro foi o seguinte: seguimos dirigindo no interior da Northumbria, pela regiao do parque nacional Housesteads ate chegarmos na regiao da Hadrian’s Wall, ou Muralha de Adriano que eh a construcao Romana que demarcava a fronteira mais ao norte do Imperio Romano, e foi construida nao soh como delimitacao do Imperio mas tambem para servir de barreira e protecao aos barbaros do norte (aka Escoceses e Vikings).

A muralha, construida a mando do Imperador Adriano eh realmente impressionante, que cobre a extencao horizontal do norte da Inglaterra e foi construida em 122 dc e reconhecido pela UNESCO como patrimonio da humanidade em 1987.

A muralha teve grande parte dos seus 180 km de extencao destruidos nos seculos pos Imperio Romano, onde suas pedras foram usadas pela populacoa local para construir casas, muros de fazendas, igrejas e qualquer outra construcao, mas memsoa ssim nao deixa de ser impressionante, e oque sobrou ainda eh gigante!

Os motivos que levaram Adriano a construir a muralha nao sao totalmente claros, mas acredita-se que o imperador queria nao apenas proteger as fronteiras do imperio, mas tambem “deixar” sua marca na regiao, pois apesar de ter fracassado na missao de conquistar todo norte da Europa (o imperador antes deles, Trojano conquistou o Egito, Siria e boa parte do norte da Africa e Oriente Medio) ele queria ser lembrado como alguem que fez alguma coisa grande. E bem, deu certo! 2000 anos depois ainda sabemos que ele eh gracas ao seu muro!

De lah, seguimos em direcao norte, cruzamos a fronteira da Escocia por carro e fizemos o roteiro das cidades historicas da fronteira, ou as The Bordes.

Essa regiao eh conhecida por ter uma serie de micro cidadezinhas que eram grandes polos na idade media, e principalmente por terem sido cidades Catolicas muito importantes, antes da queda do catolicismo na ilha. E por ter sido a area onde a guerra da independencia Escocesa, e depois a nova guerra de conquista aconteceu, e portanto a area eh recheada de ruinas, castelos Catedrais, Abadias, etc

E esse eh justamente o atratico da regiao: ruinas! Sao vilarejos atras de vilarejos, cidades atras de cidades com castelos magnificos e abadias impressionantes e recheados de historia. Todos cercados pela paisagem do norte da Bretanha, com seus pastos verdinhos e ovelhas por todos os lados!

A primeira cdade que paramos pra visitar foi Jedburgh, que tem (tinha) uma das principais abadias da regiao, e portanto uma das ruinas mais impressionantes! A Abadia que vimos hoje em dia, eh a estrutura original da igreja construida no seculo 11 por monges Agostinos que se estabeleceram na regiao, procurando isolamento para meditacao.

A Abadia de Jedburgh hoje em dia eh considerada uma das principais atracoes turisticas da regiao, e ha 8 seculos atras era tambem a principal centro religioso entre os dois reinos (Inglaterra e Escocia). A caida do poder da regiao comecou quando o Earl de Surrey foi assassinado por William Wallace em Stirling, e em reprimanda os Ingleses invadiaram a cidade e destruiram parte da entao Ingreja.

Oque vemos hoje, nao sobrou quase nada, mas eh impressionante como a estrutura milenar ainda esta lah, firme e forte, 100% de pedra. Os arcos da nave, as colunas, as escadas e as tumbas, assim como a area onde funcionava o monasterio dos monges.

De lah, seguimos a estrada em direcao a cidade de Melrose, que tem outra Abadia em ruinas.

A Abadia de Melrose foi inaugurada em 1.136 dc, toda construida em estilo Gotico a pedido do Rei David da Escocia, e ate hoje eh considerada uma das igrejas mais bonitas do reino, mesmo tendo sobrado apenas uma parte dela. E a Abadia de Melrose tambem eh famosa por ter em seu jardim o coracao do Rei Robert I da Escocia, conhecido como Robert the Bruce (O Bruto).

Apesar de que as ruinas de Melrose estao mais acabadinhas que Jedburgh, oque sobrou da estrutura eh muito mais impressionante e ornada, com muitas de suas colunas e esculturas ainda bem preservadas.

Pra fechar o dia seguimos para Kelso, cidade que escolhemos pra ser nossa cidade base e passar a noite num Bed & breakfast, e que tambem eh a sede da Kelso Abbey, outra abadia do seculo 12 que tem ruinas impressionantes.

A Igreja de Kelso tem suas ruinas em pior estado que as outras que visitamos, mas durante seu tempo “util” ela foi utilizada durante mais tempo, mais importante (foi ali que o Rei jammes II da Escocia foi coroado), mas devido a sua proximidade com a fronteira e sua importancia, tambem foi alvo durante as guerras de Reforma Protestante do seculo 16 (http://en.wikipedia.org/wiki/Protestant_Reformation ) e com a queda do catolicismo no reino no final do seculo 16, a Abadia foi considerada interditada e nunca mais usada.

No entando Kelso ainda eh sede da Nobreza, e onde o Duque e Duquesa de Roxburghe, que moram num castelo gigantemente impressionante no centro da cidade de Kelso e na beirada do Rio Twwed, mas que infelizmente nao deu tempo de visitar, pois eles jah tinham fechado as portas pros turistas…

Entao nos passamos a noite em Kelso, que eh uma das cidades “pitorescas” que jah vi! Nos hospedadmos num tipico Bed & Breakfast Britanico, o The Old Priory, gerenciado pelo dono da casa, o Robin e altamente recomendado (que depois descobri que eh a recomendacao numero 1 do Lonely Planet Escocia!), com quartos e salas saidos dieretamente de um conto de fadas!

E por recomendacao do dono da B&B fomos jantar no restaurante Oscar’s que eh o “point” de Kelso, bem ao lado do pub Black Swan que estava bombando pos procicao em comemoracao da semana civica da regiao (adorei a assistir a bandinha de gaita de foles com todos vesatidos de kilt!)

Na manha seguinte, Domingo, seguimos em direcao ao norte da Escocia ateh chegarmos em Edinburgo.

Como nos 4 jah conheciamos a cidade, concentramos nosso tempo na Royal Mile, a Catedral de Saint Giles e o Castelo de Edingurgo.

Infelizmente eu e Aaron voltamos pra Londres de Edimburgo mesmo, enquanto o sogro seguiu viagem rumo ao norte da Escocia, parando em cada cidadezinha por seu caminho, visitando castelos, palacios, Catedrais e Abadias historicas, ateh chegarem no Loch Ness e por fim na Ilha Sky, que eh a ilha mais ao norte do Reino Unido!

Uma viagem definitivamente recomendada pra quem quiser conhecer um pouco mais da historia e interior da Gran Bretanha!

Adriana Miller
9 comentários
Página 1 de 212