13
Jan
2011
Madrid by night
Escrito por Adriana Miller

Depois de um dia loooongo no escritorio, mas com uma noite maravilhosa de inverno na capital Espanhola, nao resisti e sai com minha camera por ai pra tirar umas fotos da cidade.

Subindo a Gran Via

Meu passeio foi curto e se concentrou no lado leste da cidade (Paseio del Prado e Gran Via), que eh a parte mais politica/administratica e cultural de Madrid, e tem uma arquitetura simplesmente sensacional.

Palacio de las Comunicaciones

Seja de dia ou de noite, eh impossivel nao ficar embasbacada com os predios dessa regiao.

Instituto Cervantes

Entao la fui eu, camera em punho, casaco aberto, sem luva nem cachecol, com a lua bem alta no ceu, clicking away!

Gran Via

As fotos nao ficaram das melhores pq nao trouxe meu tripe, entao eh sempre complicado tirar boas fotos noturnas sem ficar tudo borrado…

Puerta de Alcalá

Mas ainda assim, achei que ficaram otimas!

Categorias: Espanha, Madrid, Passeios & Roteiros, Viagens, Viagens pela Espanha
9
02
Dec
2010
Direto ao ponto em Madrid: Onde comer, onde comprar, onde badalar!
Escrito por Adriana Miller

Onde comer:

Restaurante St James – Considerado uma dos melhores restaurantes de paella da cidade, e com 3 enderecos diferentes, tamanho o sucesso que faz! O custo fica em torno de 50 Euros por pessoa, incluindo um bom vinho Español, entrada e MUITA paella! Nao deixe de pedir uma paella (de frutos do mar, de frango com coelho, ou a tradicional, que mistura um pouco de tudo!) e Lula a la Gallega e/ou Gambas al alioli (Camarao a alho e oleo) de entrada!

Paella de frutos do mar do St James

Cerveceria Cien Montaditos – Imposival viajar para Madrid e nao comer pelo menos 1 dos famosos “montaditos” espalhados pela cidade! A rede eh super baratinha, e cada “montadito” custa apenas 1 Euro! E nao faltam opcoes… no total eles tem 100 opcoes de recheio para seus mini-sanduiches com mini bisnaguinha assadas na hora, na propria loja. Se for verao, aproveite para sentar nas mesinhas da calcada e beber um “tinto de verano” (mistura de vinho tinto com “Gaseosa”, uma limonada com gas super doce) e se for inverno, opte por uma jarra de sangria!

La Musa: Imposivel pensar em Espanha e nao pensar em “Tapas”, certo? As opcoes sao infinitas e eh quase imposivel recomendar um unico restaurante! As melhores areas para sair para comer em Madrid sao os bairros “La Latina” que tem dezenas de barzinhos de “tapas” e “pintxos” um ao lado do outro, e em “Malasana”, e tem igualmente dezenas de restaurantes super legais um do lado do outro. Porem Malasana tem um clima mais moderno, mas conteporaneo, enquanto que na La Latina eh uma coisa mais boteco mesmo, de comer em peh no bar, batendo papo com estranhos (Madrid eh mesmo uma cidade maravilhosa!). MInha dica em Malasana eh o restaurante “La Musa” que tem otimas opcoes de pratos que fazem uma releitura conteporanea a alguns dos pratos tipicos Espanhois. Lah os esquema eh pedir muitas porcoes pequenas de tapas diferentes, e ir comendo de tudo um pouco. Os precos sao bem amigos e variam entre 5 e 15 euros, entao dah para comer bastante sem ir a falencia!

Tapas do La Musa

Churreria San Gines : Nao ha nada mais Madrilenho no mundo doque terminar a noite (ou comecar o dia) comendo um churros com chocolate quente na Churreria San Gines. O cafe fica escondido numa ruazinha atrás da Igreja San Gines, nos arredores da Puerta del Sol, e serve básicamente churros e chocolate quente. Voce pode escolher se quer o churros mais grosso ou o mais fininho, que deve ser comido mergulhando no chocolate quente, que eh o mais cremoso que vc vai provar na vida! A prova da qualidade eh que a Churreria jah existe a muitas decadas, fica aberto praticamente 24 horas por dia e NUNCA esta vazio, a qualquer hora do dia, ou a qualquer hora da noite!

Churros y Chocolate na San Gines

Já se a intenção não for sentar para comer e apenas “picar”, como disse acima os bares de tapas e Pinxtos da La Latina são os melhores da cidade! A dica não é nenhum lugar especifico, e sim sair do metro La Latina e seguir o fluxo de pessoas bairro abaixo, e entrar em qualquer restaurante que tiver espaço! A area é bastante popular entre os Madrileños e esta sempre lotada, qualquer dia da semana!

La Latina

Pintxos são mini sanduiches abertos adorados pelos Madrileõs!

Compras:

Madrid como uma boa capital Europeia tem todas as lojas e marcas possiveis e imaginaveis! Entao minhas dicas serao divididas por “areas” da cidade e oque vc pode encontrar em cada rua/bairro, jah que as opcoes sao muitas!

Designer descolado: Na Calle Fuencarral estao concentradas todas as opcoes de marcas designer mais moderninhas e voltadas ao publico jovem. A rua, que a principio asusta um pouco (eh bem estreita e meio escura) esconde nomes como Redley, Diesel, Pepe Jeans, e lojas Flagship da Converse, MAC, Sephora, Miss Sixty, Puma, Adidas, etc. Elas estao uma ao lado da outra, tocando musica o tempo todo e com decoracoes super legais!

Calle Fuencarral

Designer deluxe: Jah se voce quiser encontrar marcas mais Premium e deluxe, a melhor opcao eh a Calle Velásquez, perto da estacao de metro “Salamanca”. Ali voce encontra lojas das marcas Dior, Salvatore Ferragmo, Carolina Herrera, Hermes, Luis Vuitton, Gucci e todos os outros designers que vc puder imaginar, incluindo muitos exclusivos Espanhois, que difícilmente serao encontrados em outros lugares do mundo.

Fast Fashion: Em se tratando de fast fashion, nao ha melhor lugar do que a regiao da Puerta del Sol, que fica na area bem central de Madrid! Entre as ruas Calle Pricesa, Calle Carretas e Gran Via voce vai encontrar lojas enoooomes flagships de todas as grandes marcas internacionais de fast fashion, e principalmente as marcas Españolas, como Zara, Mango, Bershka, Pull and Bear, Stradivarius, Sfera e Blanco, entre muitas outras, alem das marcas internacionais H&M e Top Shop. A Top Shop de Madrid eh bem pequena, mas mesmo assim vale a pena a visita, e a H&M da Calle Princesa eh uma das mais organizadas que jah fui! (geralmente a H&M eh uma ZONA, mas por algum motivo cosmico, essa de Madrid eh super organizadinha e facil de achar pecas legais – missao imposivel em outras lojas da marca…). Alem disso, bem na praca da Puerta del Sol tem uma Sephora e varias outras perfumarias, uma do lado da outra.

Puerta del Sol: Conectando Calle Princesa, Calle Carretas e Gran Via

Barbabas: A grande dica de compras em Madrid sao os Outlet das marcas Espanholas! Nenhuma viagem a Madrid estara completa se voce nao der uma passadinha na ponta de estoque da Zara e da Mango! Infelizmente, como todo outlet, oque vc vai encontrar eh meio loteria… as vezes dah para renovar o guarda roupa, mas muitas vezes soh tem trapo!Mas jah consegui comprar grandes achados como camisas sociais por 5 Euros, sapatos por 10 Euros, trench coats e sobretudos por 30 Euros, blusinhas de linha por 8 Euros, etc.

Lefties, a versão outlet da Zara na Espanha

A Zara Off eh conhecida como “Lefties” (fazendo um trocadillo com a palavra Inglesa “left over” – sobras) e tem duas super lojas em Madrid: uma na Aveninda Gran Via, bem ao lado da loja normal da Zara, e a outra na rua Calle Carretas, tambem ao lado da loja da Zara. E além da Zara a Lefties vende peças com desconto de todas as marcas da rede Inditex: Massimo Dutti, Stradivarius, Berska, Pull and Bear, entre outras.

Lefties da Gran Via, bem do lado da nova Mango e da nova Sephora

Jah a Mango Off tem mais opcoes de pecas de qualidade em abundancia, mas os precos nao sao assim taaaao mais baixos que a loja normal. Mas sabendo procurar bem, jah comprei clutches por 3 Euros (tipo 1/15 do preco normal), e blusinhas e saias por menos de 10 euros, sem falar nos cintos, lencos, sapatos, bolsas etc. A Mango off esta no segundo andar da loja Mango da rua Calle Fuencarral (nao tem propaganda nenhuma na porta, tem que entrar na loja “normal” da Mango e ir lah pro fundao e subir as escadas).

Loja da Mango na Calle Fuencarral - a loja Outlet esta no andar de cima

Lojas de departamentos: A loja de departamento mais famosa da Espanha, e que pode ser achada em qualquer grande cidade do pais eh a “El Corte Ingles“. Eles tem de tudo: comida, papelaria, cosmeticos, livros, eletronicos, perfumes, e muitos andares dedicados a roupas, sapatos e moda! Se voce esta atrás de alguna marca de make ou perfume que nao conseguiu achar na Sephora ou em perfumarias de rua, vah no El Corte Ingles porque eles terao com certeza!

Mercadinhos: O mais tradicional de Madrid eh o “Mercado del Rastro” que acontece todos os domingos na cidade, na area que vai entre os bairros de Anton Martin e La Latina. Lah eh possivel encontrar de um tudo, desde otimos pecas de arte, artesanato local (alguns muito bons, e outros meio buginganga!), ateh roupas legais e muita porcaria e artigos falsificados… Se voce pretende comprar oculos, carteiras, cintos, bolsas e afins falsificados (Não, desculpe, a moda agora é chamar falsificado de “inspired”…), lah eh o seu lugar!

Baladas:

Madrid eh uma cidade que vive na noite 7 dias por semana. Eh uma coisa que jah faz muito parte da cultura dos Espanhois, sair todo dia, encontrar com os amigos, comer “tapas” e beber “cañas” pelas ruas.

Entao geralmente nao tem erro, pois voce sempre vai conseguir encontrar alguna coisa para fazer a noite, em qualquer dia da semana, que atenda aos mais variados gostos!

Uma das baladas mais famosas de Madrid eh a “Kapital”, que eh uma super-mega estrutura, um predio inteiro de 7 andares, distribuido em inumeras pistas de danca, agradandos aos gostos mais ecleticos! Tem a pista do techno, tem a pista do pop, tem a pista do rock, de musica latina, launges, etc. Imposivel nao achar alguna coisa que te agrade na Kapital, que fica nos arredores do Metro “Atocha”.

Pacha: A Pacha nao soh eh uma das baladas mais famosas de Madrid, mas tambem do mundo. Quase todas as grandes capitais Europeias tem uma filial da Pacha, que comecou em Madrid e tem seu auge todos os anos no verao de Ibiza! A Pacha de Madrid fica na praca Tribunal (metro de mesmo nome) e nao eh tao grande quanto a de Ibiza, mas esta sempre lotada! Uma boa dica, eh que por lah, a balada nao comeca antes das 2 ou 3 da manha! Entao faca como os locais e vah “aquecer” em algum bar na redondeza (Tribunal eh uma outra parte da cidade cheia de barzinhos legais) como o Milenium ou Cherokee, ou entao entre no clima Madrileno e faca um “botellón” na praca com os locais e leve sua propria bebida e fique por lah, ao ar livre!

Palacio de Gaviria: Mas se a sua parada nao for musica eletronica, uma otima opcao eh o “Palacio Gaviria” que fica na Calle Arenal, entre a Puerta del Sol e a Plaza Mayor. Essa boate foi construida num predio historico, uma antiga mansao do seculo 19, e seus 13 quartos/ambientes foram transformados em diferentes pistas de danca, cada uma com seu DJ e estilo musical, e todas animadas por Go Go dancers! Eh o tipo de balada para dancar ateh o peh nao aguantar mais! Tocando muito pop, rock, hip hop, e juro que uma vez jah ouvi o “Bonde do Tigrao” lah! Hahahahaha! Eh uma daquelas baladas para ir com as amigas e dancar ateh nao aguantar mais!

Sala Heineken

Sala Heineken Princesa (Antiga Sala Arena): Fica na Calle Arena, bem pertinho da Plaza de Espana (ao sul da Gran Via) e eh uma das baladas que mais duram em Madrid, e normalmente eh um lugar que tem muitas after parties tambem. Sao duas pistas enooormes, uma onde toca basicamente techno e musica eletronica, e outra onde de toca de tudo um pouco: pop, hip hop, musica Espanhola etc.

Alem dessas dicas “diretas ao ponto” eu tambem já dei dicas de hoteis e albergues em Madrid para agradar a todos os bolsos e gostos, dicas de passeios nos arredores da cidade, e claro, um roteiro de viagem especifico para Madrid e como ir e voltar do aeroporto Barajas.

Categorias: Compras, Espanha, Madrid, Passeios & Roteiros, Restaurantes, Viagens, Viagens pela Espanha
15
30
Nov
2010
Passeios bate e volta em Madrid
Escrito por Adriana Miller

Esse post nada mais eh que uma colagem de outros posts e dicas que ja aparecem por aqui ao longo dos anos, e servir de referencia pra quem esta de viagem marcada pra Madrid e que aproveitar pra conhecer outras cidades em volta da capital.

Uma otima opção pra combinar com o roteiro de 2 ou 3 dias em Madrid que já dei a dica AQUI.

Madrid tem uma posicao geografica super privilegiada na penisula Iberica, e eh (semi) literalmente o centro da penisula, oque facilita demais ir e vir pra qualquer lugar na Espanha. Alem de claro, ser a capital e esta lotada de opcoes de voos, trens, onibus e afins pra rodar o pais todo em algumas horas e poucos Euros.

E tambem por ser capital ha muitos seculos, Madrid acumula em seus “afueras” varias opcoes turisticas bem boas e faceis de serem exploras em passeios de bate e volta de um dia ou ate mesmo de algumas horas.

Toledo:

Essa cidade medieval a cerca de 1 hora de trem de Madrid eh a atracao pricipal pra quem quer sair da cidade e conhecer um pouco de seus arredores.

A cidade eh linda, sua muralha e estrutura medieval super bem conservada e facil de chegar ate lah e passear por lah.

No inverno, por estar na regiao da Serra Madrilena, faz um frio inacreditavel, entao recomendo passeios de verao pela cidade!

Salamanca:

Salamanca eh possivelmente a mais famosa da regiao, apesar de nao estar assim taaaaao pertinho de Madrid – se nao me engano a viagem varia entre 2 ou 3 horas pra chegar ate lah, mas tambem, nao eh o fim do mundo.

Salamanca  eh conhecida principalmente por sua consagrada universidade – e infinitas opcoes de cursos de Espanhol pra estrangeiros!

Uma das atracoes principais da cidade eh a catedral incrivelmente trabalhada, e como nao podia deixar de ser, a vida noturna da cidade nao deixa a desejar ao longo do ano todo!

Segovia:

Outra cidade Medieval nos arredores de Madrid, Segovia tem duas atracoes que definitivamente valema  viagem: O Aqueduto Romano (um dos maiores e mais bem conservados do mundo!) com quase 2.000 anos de historia e o monumento romano mais bem conservado da penisula Iberica.

E o castelo da Rainha Isabel, que diz a lenda, inspirou Walt Disney ao criar o castelo da Cinderela! (o castelo Neshwanstein na Alemanha diz o mesmo, mas como foi construido uns 300 ans depois do castelo de Segovia, eu acredito mais na lenda Espanhois!).

El Escorial:

O complexo monarquico de San Lorenzo de El Escorial fica bem pertinho de Madrid, a cercad e 30 quilometros e é a antiga residencia dos Reis e Rainhas Espanholas.

Alem do Palacio historico tambem é possivel visitar o monasterio real e o museu

Cuenca:

Infelizmente ainda nao tive o prazer de conhecer Cuenca – porque apesar de relativamente perto de Madrid, sua principal atracao, as Casas Colgadas sao de dificil acesso na cidade – e nunca achei que valeira a pena alugar um carro soh pra ir ate lah.

Mas as Casas “Penduradas” de Cuenca entraram pra lista de patrimonio da Humanidade porque realmente sao espetaculares – entao pra quem estiver com disposicao de alugar um carro e viajar pelos arredoresde Madrid, ai esta uma otima opcao!

E além disso, lembre-se que a Espanha é um pais relativamente pequeno, e tem uma infraestrutura turistica fasntastica e para os mais guerreiros até mesmo cidades como Valencia e Barcelona seriam otimas opções de “extensão” da viagem para mais uns 2 dias.

Categorias: Espanha, Madrid, Passeios & Roteiros, Salamanca, Segovia, Toledo, Viagens, Viagens pela Espanha
12
22
Aug
2010
Roteiro de viagens Madrid
Escrito por Adriana Miller

Depois de muito tempo de enrrolação, finalmente saiu o roteiro de viagens de Madrid.

Dicas de viagens sobre a Espanha é um dos principais motivos que tras muita gente até aqui, e pra mim, as dicas até que estão todas aqui, mas esta tudo tão espalhado, com posts aleatorios de quando eu morei lá e mais uns outros posts das viagens que fiz pra Madrid nos ultimos anos, e realmente faltava um guia completo e objetivo pra quem quer encaixar uma viagem a Madrid em seu roteiro.

Pra começar, quantos dias ficar em Madrid? Na verdade isso é o mais dificil de definir, pois “turisticamente” falando, Madrid é pequena, e tem relativamente poucas coisas pra ver, então teoricamente uns 2 ou 3 dias são mais que suficientes.

Mas por outro lado Madrid tem muita coisa pra fazer, e como já disse outras vezes, Madrid é uma cidade pra ser vivida e nao apenas “visitada”. Então mais importante que quantos dias ficar por lá, eu recomendaria quantas noites ficar por lá – mesmo que voce não tenha a menor intenção de cair na gandaia, aidna sim Madrid oferece uma inifnidade de otimos restaurantes, bares de tapas, lojas que ficam abertas até tarde noite e ruas sempre lotadas de pessoas passeando pra cima e pra baixo!

Mas independente doque tem pra fazer de noite pela cidade (que é tão imperdivel quanto qualquer outra coisa), eu organizaria uma viagem de 2 ou 3 dias pela acidade assim (lembrando que tudo isso pode ser espalhado por mais dias, numa viagem mais tranquila se voce quiser passar mais tempo por Madrid).

DIA 1:

Todo e qualquer roteiro por Madrid deve começar pela Puerta de Sol, que é a praça principal da cidade e que de lá voce poderá chegar a qualqer outro canto da cidade. E a Puerta del Sol tambem representa o centro da Espanha, e na calçada em frente a prefeitura esta a placa que marca o “ponto zero”, de onde todas as demais estradas Espanholas começam.

A nova estação de metro na Puerta del Sol

Puerta del Sol

A partir da Puerta del Sol, siga em direção da Calle Mayor que leva diretamente as ruelas da Plaza Mayor que é outra praça muito conhecida em Madrid, e uma das areas mais fotogenicas da cidade! Apesar de ser uma area ultra turistica, a praça é rodeada de bons restaurantes, e esta sempre lotada (de turistas E locais) nas noites de verão e tardes ensolaradas durante o ano todo!

Plaza Mayor

Tapas na Plaza Mayor

Depois da Plaza Mayor, ainda seguindo pela Calle Mayor, a rua termina bem em frente da Catedral de la Almudena que é uma das principais Igrejas de Madrid, que por sua vez fica exatamente em frente ao Palacio Real – é nessa igreja que acontecem todos os eventos reais, como por exemplo o casamento do Principe Felipe a Leticia Ortiz em 2005.

Catedral de La Almudena

E em frente da catedral esta o Palacio Real Espanhol, normalmente conhecido como Palacio del Oriente, e apesar de ser a residencia oficial da familia real Espanhola, o Palacio só é usado para eventos oficiais e visitas de Estado – o Palacio é aberto ao Publico e algumas de suas alas estão abertos a visitação o ano todo, inclusive a sala do trono e a sala das armaduras; e o jardin do Oriente que se estende por tras do Palacio e é lindo!

Entrada principal do Palacio Real

Palacio Real visto da parte de tras

De lá, siga pela Calle Bellen em direção a Plaza de España, que é outra das principais praças de Madrid, e é cercada por predios lindos, com alguns dos melhores exemplos de arquitetura Espanhola – e bem no centro da praça esta um enorme monumento a Miguel de Cervantes, o escritor e poeta Espanhol que escreveu Don Quijote de la Mancha.

Predios em volta da Plaza de Espanha

Nesse ponto, dependendo do seu ritmo e energia, aproveite pra dar um pulinho no Parque del Oeste, onde esta o Templo de Debod que é um templo Egipcio, original de 4 BC contruido na regiao de Answan – em 1960 durante a construção da represa de Answan o Governo Espanhol doou uma quantia consideraval que financiou o projeto de deslocamento do templo de Anbu Simbel, e como forma de pagamento e agradecimento o governo Egipcio doou o templo de Debod a cidade de Madrid.

Templo de Debod

Templo de Debod

A Plaza de España marca o final/inicio da Gran Via, uma das principais avenidas da cidade – e igualmente mais comercial, com mais teatros, hoteis, bares e muitas das inumeras lojas flagship das marcas Espanholas.

Gran Via

Mais ou menos no meio da Gran Via esta a Plaza Callao, de onde saem outras ruas que conectam a Gran Via e a Puerta del Sol – e essas ruas (Calle del Carmen e Calle Preciados) são tambem duas das principais ruas comerciais de Madrid.

Gran Via

Mas subindo a Gran Via até o fim ela se conecta com a Calle de Alcalá e termina na Plaza Cibeles e Puerta de Alcalá que é a entrada principal do Parque del Buen Retiro.

Puerta de Alcalá

Plaza Cibeles

Dependendo de que horas são (e epoca do ano, já que no inverno escure cedo), aproveite pra entrar no Parque del Retiro e descansar das andanças sentado na beira lago central e Glorieta, que fica lotado no fim da tarde e por do sol (principalmente no verão ou nas tardes ensolaradas de Domingo).

O Lago e a Glorieta do Retiro

Por do sol no lago do Retiro

DIA 2:

No segundo dia da viagem, aproveite que voce já viu praticamente a cidade inteira, pra se concentrar na pate mais cultural de Madrid, que é a região leste da cidade, entre o Parque do Retiro e a estação Atocha, também conhecida como “Triangulo Dourado”.

Então comece o dia pelo Parque Del Retiro onde estao não só o lago e a Glorieta, mas tambem o Palacio de Cristal, o Zoologico e Jardin Botanico.

Palacio de Cristal

O Museu del Prado esta diretamente proporcional ao Parque, e se voce tiver que escolher um unico museu pra ir em Madrid, sem duvidas recomendo o Prado. Lá estão as principais obras dos artistas classicos Espanhois, como Velazquez, Goya e El Greco, entre uma inifnidade de outros artistas Europeus renassentistas.

Museu del Prado

Museu del Prado

Os tres museus principais da cidade são o Museu del Prado, o Museu Reina Sofia e o MuseuThyssen-Bornemisza. Claro que voce pode acabar passando dias e mais dias em cada um desses museus, que estão entre os melhores da Europa, ou pode apenas escolher um deles pra se concentrar e passar parte de seu dia, ou então aproveitar o tempo e ir conhecer um pouquinho de cada um deles.

Triangulo dourado

Porem o Museu Reina Sofia, que é o museu de arte moderna de Madrid, e lá estão expostas algumas das obras mais conhecidas dos artistas modernos Espanhois tambem mais conhecidos do mundo, como Salvador Dali, Picasso e Miró – é indescritivel a sensaçnaod e estar cara a cara com a gigantesga Guernica de Picasso, original!

O Museu Thyssen-Bornemisza é um museu privado, que expoe a coleção particular da familia Thyssen-Bornemisza e fica praticamente na esquina do museu Del Prado (e em frente aos hoteis Villa Real e Westin Palace) e é considerado o melhor museu Impressionista e Expessionista da Europa.

Pra fechar o dia (se tiver sobrado algum tempo depois dos museus!) ainda vale a pena passar na estação Atocha, que apesar de ser apenas uma estação, é com certeza uma das maiores e mais impressionantes do mundo!

A Atocha foi a estação que sofreu atentados terroristas em 2004, e durante muito tempo virou um lugar onde as pessoas iam pra relembrar a guerra anti-terrorismo, mas foi recentemente renovada e ganhou uma gigantasta praça “tropical” dentro da estação.

Mas em hipotese alguma deixe de sair pra jantar, ir numa bar de tapas, e simplesmente parar numa praça ou parque qualquer no meio do dia, pedir um tinto de verano e ver a cidade passar… Porque essa é a melhor parte de Madrid!

Categorias: Espanha, Madrid, Passeios & Roteiros, Roteiros de Viagem, Viagens, Viagens pela Espanha
47
16
Sep
2008
Grandes Vias
Escrito por Adriana Miller

Duas das principais avenidas de Madrid (no ponto de vista de um turista) sao a Gran Via e a Calle Fuencarral (que nao eh avenida, mas eh uma rua muuuuuito comprida).

Eu morava perto da Fuencarral, e no inicio tinha um pouco de receio de passar por lah. A rua eh muito esquisita, super estreita, muitas arvores (que deixam um ambiente meio escuro), casas e quarteiroes inteiros caindo aos pedacos! Como Brasileiro eh gato escaldado (ainda mais porque eu FUI roubada em Madrid 2 vezes!), eu passava longe da Fuencarral.

 

 

Porem, mal sabia eu que ali estava uma das ruas mais estilosas de Madrid.

Entao, se voce esta vindo pra Madrid e quer fazer compras e tem e$$$$tilo, esse eh seu lugar. Nao se assuste com os quarteiros inteiros destruidos, as paredes pixadas e os punks andando pelas ruas. Se voce eh um trend setter cheio de e$tilo no bol$o, lah eh seu lugar! As casinhas caindo aos pedacos, disputam espacos com lojas como Diesel, Adidas, Puma, Pepe Jeans, Replay, Lush, Mac, Miss Sixty, Converse, etc. Pense no que ha de cool e caro no mundo da moda. Estao todos lah. Ah, e se seu orcamento eh mais modesto (no meu estilo) eh na Fuencarral que esta a MNG off (no segundo andar da MNG normal, bem escondida).

Ou faca como eu, e de uma passadinha lah, soh pra bater perna e ver gente!

 

 

 

A Fuencarral comeca na Glorieta de Bilbao e soh termina na Gran Via.

A Gran Via eh a espinha dorsal de Madrid. Parte dela, na parte “alta” eh uma hight Street como outra qualquer, mas eh larga e ampla, e todas as lojas padrao da Espanha (Zara, MNG, Stradivarius, H&M, Blanco, Sfera e uma Zara off enorme) esta lah, mas em tamanho super-mega!

 

 

De Callao pra baixo, a Gran Via se transforma e vira a Broadway de Madrid. Muito neon (apesar de que durante o dia, parace estar meio abandonado), teatros, cinemas, musicais, bares restaurantes, etc E assim segue ateh o final, quando chega na Plaza de Espana.

 

 

 

Eh aqui tambem que esta maior concentracao de hoteis e albergues por metro quadrado na cidade, um do lado do outro, um em cima do outro!

 

Categorias: Compras, Madrid, Passeios & Roteiros, Viagens, Viagens pela Espanha
7
20
Aug
2008
Vale! Venga! Vamos!
Escrito por Adriana Miller

Nas duas ultimas viagens pra Madrid eu fiqui num hotel diferente. Da primeira vez foi por falta de opcao, jah que o hotel que geralmente ficava estava lotado, entao a secretaria do CEO sugeriu um outro. Se eh bom pro CEO, eh bom pra mim!! HAHAHAH

Nao que o hotel seja melhor, mas eh infinitamente melhor localizado, e mais perto do segundo escritorio (olha que funcionaria boa, economizando o dinheiro da empresa). Entao dessa vez, jah vim direto pra cah!

Entao hoje quando sai do escritorio resolvi dar uma voltinha pela vizinhanca, antes de voltar pro hotel e trabalhar mais um pouco.

Meu hotel esta bem no centro, mas ligeiramente na zona “nobre” de Madrid. Entao um dos meus vizinhos eh o Museo del Prado, que eh um dos principais da Espanha. Eu acho que soh entrei no Prado uma unica vez, logo que cheguei em Madrid, e foi disparado um dos meu museus favoritos no mundo. Na verdade eles tem um monte de artistas Espanhois, e sinceramente eu nunca tinha ouvido falar em nenhum deles ateh entao (o mais famosos – Picasso, Miro, Dali, etc estao no Reina Sofia), mas me apaixonei, principalmente pelas obras do Velazquez. Dessa vez resolvi nao entrar… teria pouco tempo lah dentro pra aproveitar, entao resolvi seguir o passeio.


Continuei andando pelo Paseo del Prado e fui ateh a Plaza Cibeles, que eh uma das pracas mais famosas e fotografadas da cidade. Tem um escultura enorme da deusa “Cibeles” e com o Palacio de Comunicaciones como um espatacular pano de fundo.


De la, continuei minha caminhada (jah mencionei que o sol estava de rachar?!) ateh a Puerta de Alcala, que eh o cruzamento bem na entrada do Parque del Buen Retiro (ou apenas Retiro, para os intimos). E entao entrei.


Fiquei meio perdida no inicio, mas rapidinho me achei…

Engracado que durante o ano que morei em Madrid eu fiz pouquissimas coisas turisticas (tirando as primeiras semanas), porque na verdade Madrid tem pouquissimas coisas turisticas propriamente ditas pra fazer. Quer dizer, nao atirem pedras, Madrid tem um ZILHAO de coisas pra fazer e ver, mas nao eh aquele landmark, saca? Se vc pensa em Paris: Torre Eifel. Londres: Big Ben. Nova Iorque: Estatua de Liberdade. Moscow: Basilica. Barcelona: Sagrada Familia, etc, etc. Mas e Madrid?! Oque te vem a cabeca?

Yeah, yeah… se vc fez o dever de casa vai saber que tem o Museu do Prado, o Museu Reina Sofia, o Palacio real, a Plaza Mayor, etc… Mas vamos combinar que uma foto ao lado do Oso Y Madrono nao sera exatamente o ponto alto da sua viagem, certo?

Mas oque faz Madrid ser tao visitada? MADRID, ora bolas! A cidade, a experiencia. Sentar num cafe e passar a tarde toda tomando tinto de verano, sair de noite e comer tapas e depois ir pulando de bar em bar tomando chupitos e dancando ateh amanhacer ou fazendo un botellon no meio da rua. Ir na feira do Rastro no domingo, depois passar a tarde toda sentada na grama do Retiro. Isso eh Madrid.

Apesar de nao ter nenhuma foto minha posando na frente da Plaza Cibeles, nem na Plaza Colon, eu vivi como uma madrilena da gema por intensos 15 meses em 2004/2005.

Por isso que quando entrei de novo no Retiro, me deu quele deja vu e uma vontade de relembrar aquilo tudo! Comprei um helado e uma garrafa de agua, tirei o sapato, catei uma sombra (jah falei que o sol estava de rachar) e sentei na grama. Dane-se a roupa social!! Deitei na grama e fiquei pensando na vida. Tentando relembrar aquele ano, que foi, sem a menor duvida, um dos melhores anos da minah vida. Tudo.



E ISSO eh Madrizzzzzz!

P.S. Posto as fotos amanha, pq esqueci o cabo da maquina… 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias: Madrid, Passeios & Roteiros, Viagens, Viagens pela Espanha
14