05
Nov
2013
Segurança em Londres: fique de olho nos golpes
Escrito por Adriana Miller

Londres eh uma cidade super segura, principalmente se levarmos em consideracao suas dimensoes de metropole, e ainda mais com sua incrivel diversifidade social, cultural, racial e de credo.

Eh muita gente diferente convivendo pacificamente sob o memso “teto”!

Maaaas, nao podemos esquecer que Londres eh tambem uma cidade super turistca, e infelizmente onde ha turistas, ha oportunistas…

E infelizmente no ultimo ano eu tenho visto um aumento significativo de “golpes” e “quadrilhas” atuando em areas super turisticas da cidade, e apesar de que nenhuma deles eh perigoso nem violento, sempre avale a pena alertar quem estiver visitanto a cidade.

Eu sei que Brasileiro eh um povo atento por natureza (ou por forca das circunstancias) e sempre desconfiado, e geralmente nao acho  que sejamos “presas faceis” pra esse tipo de golpe, mas ao mesmo tempo, o turista Brasileiro tem uma tendencia  a baixar a guarda quando esta de ferias, e achar que no “primeiro mundo” tudo eh perfeito e que nunca ha nenhum perigo, afinal “la fora” as coisas sempre sao diferentes!

As principais areas de risco sao regioes tradiconalmente lotadas, como so mercados de fim de semana.

Principalmente nos mercados de Portobello e Camden existem muito pick pockets andando a paisana pela multidao, de olho em bolsas e bolsos desavisados.

Em Portobello o problema eh antigo e grave (para padroes Britanicos, claro) e nao eh de hoje que a feira de Portobello Road eh lotada de policiais em todas as esquinas alem de muitos cartazes alertando os turistas.

O motivo eh simples: eh um mercado que alem de muito popular (= a multidao, muita gente andando junta, se esbarrando e se amontoando), eh uma feira cara e fashion. Eles vendem muitas joias, pecas de antiquario e vintage e pouca coisa por la eh baratinha – ou seja, um publico alvo ideal para os oportunistas: turistas desavisados e com bolsos recheados!

Outra area da cidade alvo das quadrilhas eh a ponte Westminster, bem ali embaixo do Big Ben (principalmente no lado leste da ponte – o lado direito de quem esta de frente pro Big Ben, de costas pro London Eye).

Outra area que esta sempre lotada de turistas aglomerados – a calcada eh apertada, mais alguns vendedores ambulantes, e todo mundo quer parar pra tirar uma foto ali embaixo, contribuindo para o caos.

E eh assim que os oportunistas se aproveitam! Enquanto voce esta ali se contorcendo pra conseguir pegar um bom angulo do Big Ben, alguem vem por tras e leva sua carteira, rapidinho se perdendo na multidao.

E para se aproveitar dessa situacao de caos, eu andei reparando nos ultimos meses duas novas “modalidades” de golpes sendo aplicados a turistas desavisados:

A primeira eh um grupo de pessoas fazendo “truques” – aqueles joguinhos de apostas, onde se esconde uma bolinha embaixo de um potinho, o “dealer” mexe e embaralha 3 ou 4 potinhos e o apostador tem que adivinhar onde esta a bolinha.

A quadrilha eh sempre a mesma, se dividindo em 2 ou 3 grupos ao longo da ponte e se revezando entre “jogadores” apostando e o carinha embaralhando as caixinhas.

E eles fazem uma algazarra, cantam, gritam, riem, chamam bastante atencao mesmo! E sempre tem alguem que “ganha” a posta e adivinha onde estava a bolinha (que tambem faz parte da quadrilha). E assim ele atraem a atencao dos turistas, que param pra assistir o jogo, tiram fotos e ficam ali distraidos dando bobeira, enquanto alguem da quadrilha vem por tras e leva alguma coisa da sua bolsa ou mochila.

E outro golpe sendo aplicado na mesma ponte (mas mais pro lado do London Eye) sao os golpes das ciganas: um grupo de mulheres e meninas ficam “dando” flores para os turistas e se oferecendo para ler a palma da mao ou algo do tipo – quando o turista aceita a flor ou da papo pra elas, elas prendem sua atencao enquanto as outras levam alguma coisa sua.

Ou entao o famoso golpe do “anel” (muito comum nas grandes cidades Europeias e que infelizmente chegou a Londres), onde uma pessoa (geralmente mulher) muito bem vestida aborda um turista alegando que voce perdeu um anel, ou que deixou cair alguma coisa do seu bolso ou bolsa – e enquanto voce se distrai procurando o que pode ter sido, eles saem correndo levando dua bolsa, ou camera, ou qualquer outra coisa de valor.

 

No geral, Londres continua sendo uma cidade super segura – e nos quase 9 anos que moro aqui nunca sequer passei por uma situacao de “medo” – mesmo andando sozinha a noite, ou pegando onibus de madrugada, andando por parques ou ruas desertas e afins.

Claro que os cuidados basicos de seguranca pessoal nao fazem mal a ninguem (por mais segura que seja um lugar, nunca se sabe quando um louco vai cruzar nosso caminho) – e sobretudo para quem esta de ferias pela cidade, que com certeza vai passar por alguns desses lugares “alvos” e potencialmente mais distraido que o normal.

Afinal, quem avisa amiga eh – e o seguro morreu de velho! :-)

 

Categorias: Aleatorios, Conhecendo Londres, Dicas Uteis, Inglaterra, Viagens
34
07
Oct
2013
London Restaurant Festival 2013
Escrito por Adriana Miller

Que Londres nao para nunca, todo mundo ja sabe – e todos os meses sao varios eventos imperdiveis pra quem esta na cidade!

E outubro eh a vez do London Restaurant Festival, um “festival” gastronomico que reune os melhores restaurantes e chefs da cidade com eventos e menus especiais e precos especialissimos!

Os precos variam de 10 libras a 40 libras (geralmente incluem 2 ou 3 pratos e ate mesmo opcoes de bebidas ou menu degustacao) espalhados por toda cidade e com o mais variado gosto culinario!

O festival desse ano comecou esse fim de semana e vai ate o final de Outubro, entao corre que ainda da tempo de fazer suas reservas e curtir os melhores restaurantes de Londres – as minhas ja estao feitas e essas sao algumas de minhas recomendacoes de restaurantes que fazem parte do festival esse ano!

- Hakkasan

- Sketch

- The Ritz

- L’Atelier de Joel Rebuchon

- Spice Market

- Kensington Roof Gardens

- Oxo Tower

- The Palm

- Asia de Cuba

- Blue Door

Bom apetite!

 

Categorias: Conhecendo Londres, Dicas Uteis, Eventos, Inglaterra, Pub & Restaurantes, Viagens
11
17
Jun
2013
Londres com crianças: Transporte e locomoção, pubs e dia a dia
Escrito por Adriana Miller

Esse ainda não vai ser um post com dicas de coisas a fazer em Londres com crianças, e sim um post de caráter mais, huum… prático.

3129014120_48af2c4e8b

Volta e meia, quando eu posto alguma foto (lá no Instagram!) dos meus passeios por Londres com a Isabella, sempre me perguntam como é navegar a cidade com crianças pequenas e bebês de colo. Afinal, não é novidade pra ninguém que Londres é uma cidade onde se usa transporte público 99% das vezes, e como as condições de ruas, calçadas e transporte público varia bastante de país pra país, muitas vezes, famílias com crianças ainda em idade de andar de carrinho ficam na dúvida se Londres é um destino viável ou não.

Sem falar que sempre rola um mito (principalmente entre os Brasileiros) que a Europa não é muito amigável para famílias. Já vi muita gente comentando que Europa não é um lugar interessante para crianças (oi?!), que é tudo muito velho, apertado, difícil.

Realmente, se compararmos o conforto e facilidade de empurrar um carrinho de bebê pelos corredores de um outlet em Miami ou pelas calçadas estreitas de um vilarejo na Provence… mas por outro lado – no meu ponto de vista – nem sequer podemos comprar o nível de interssância pra família toda!

Mas enfim, não cabe a mim decidir nem debater qual o melhor destino de viagem para uma família. Mas e Londres? Dá pra visitar a cidade tranquilamente com crianças e bebês?

Bem, resumidamente, sim. Londres é uma cidade muito amiga de carrinhos de bebê e afins. Claro que como toda cidade centenária Europeia, muitas calçadas são estreitas com piso de pedrinhas, as portas são apertadas e no geral não ha muito espaço de sobra em lugar nenhum pra ninguém. Mas bastam alguns cuidados simples e muito bom senso pra conseguir curtir demais a cidade, mesmo com um bebê a tiracolo!

- Metrô

Incrível como eu nunca tinha parado pra reparar muito na acessibilidade das estações de metrô até uns meses atrás, quando estava gravida e me vi as voltas com a decisão sobre qual carrinho comprar.

Infelizmente 80% das estações de metrô de Londres não são 100% acessíveis (com elevador que conecta a rua com a plataforma), mas muitas delas pelo menos tem escadas rolantes, o que torna a viagem com carrinho de bebe mais viável.

Tudo bem que não é todo mundo que se sente confortável em subir e descer escadas rolantes com um carrinho de bebê, mas é uma questão de prática (a primeira vez fiquei até de perna bamba, hoje em dia tiro de letra!) e de se tomar certos cuidados, como por exemplo: mesmo com carrinho, tome cuidado pra não bloquear a passagem dos outros passageiros na escada rolante. A regrinha “invisível” das escadarias do metrô de Londres é “ande pela esquerda, pare na direita”. Logo, quanto mais compacto for seu carrinho, melhor! E sempre pela direita!

Já dentro dos vagões, quase todos tem um cantinho em cada vagão para cadeiras de roda, malas e carrinho de bebê, então não tenha cerimônia de pedir pras pessoas saírem do espaço preferencial para você estacionar seu “possante”. As únicas pessoas que tem mais prioridade que você e seu carrinho são cadeirantes, mas de resto – malas, sacolas ou pessoas em pé tem que se mover para você entrar. E no geral, os Londrinos são muito educados e ao ver um carrinho de bebê, logo logo saem da frente.

Mas não esqueça do bom senso – não adianta querer atochar seu carrinho dentro de um metrô no auge do horário do rush!

E para saber quais estações são acessíveis, basta consultar o mapa das linhas de metrô – as estações que tem o símbolo de cadeira de rodas, são 100% acessíveis, as outras não. (eles até disponibilizam um mapa com todas as estações “step free”, ou seja, sem degraus).

Então na dúvida, vá de ônibus…!

- Ônibus:

Mesmo conhecendo bem as estações de metrô de Londres, sempre me bate uma dúvida se a estação tal tem ou não escadas rolantes, ou se tem escadas rolantes ou elevadores entre uma linha e outra (para fazer as conexões e baldeações), então ultimamente eu tenho dado preferência aos ônibus da cidade!

Então eu planejo minha viagem usando o “Journey Planner” e consultando as opções de ônibus, que apesar de geralmente demorarem mais, pelo menos não terei que subir e descer escadas carregando um bebê, mais suas tralhas, mais o carrinho.

E o ônibus são SUPER fáceis pra quem está com carrinho – todos tem uma area reservada para cadeirantes e carrinhos de bebê, onde dá pra estacionar direitinho e deixar o carrinho bem trancado e seguro, sem ficar no meio da passagem das outras pessoas.

Assim como no metrô, essa area é preferencial, então não tenha cerimônia pra pedir pras pessoas tirarem suas malas, sacolas do caminho (mas na verdade – de maneira generalizada – as pessoas aqui tem um bom nível de “cimancól” e já saem numa boa quando veem um carrinho entrando.

8442634732_e93fd0762e

O único problema é que os ônibus só conseguem acomodar no máximo 2 ou 3 carrinhos de cada vez, então se o cantinho dos carrinhos já estiver lotado e você fizer sinal pra parar o ônibus, o motorista não vai parar pra você, a não ser que você concorde em fechar o carrinho e viajar com seu bebê no colo.

Mas isso não chega a ser um problema. Se o primeiro ônibus que passar estiver lotado, basta esperar pelo próximo. Ou então, vá de taxi!

- Táxi (Black Cab e mini cab):

A boa notícia é que todos os taxis Londrinos (os Balck Cabs pretinhos) são 100% acessíveis para cadeirantes, e portanto conseguem acomodar um carrinho de bebê numa boa – e são licenciados pra isso, então você não precisa tirar o bebê do carrinho, nem levar cadeirinha de carro (bebê conforto) etc, podendo até usar o cinto de segurança para cadeiras de roda pra segurar bem seu carrinho.

Já os mini cabs, que não passam de carros normais, como são serviços de pré reserva apenas, você já pode pedir o seu com uma cadeirinha pra bebê (como é o caso do motorista Brasileiro para translados e passeios em Londres) caso não queria levar a sua, ou então levar seu bebê num canguru preso a você.

Essa não é a situação ideal nem mais segura (canguru + cinto de segurança), mas num momento de emergência,  é bom saber que temos essa opção.

- Carro alugado:

Já se sua viagem envolver um carro alugado você deverá levar sua própria cadeirinha de carro, ou então solicitar uma cadeirinha de aluguel pra empresa de locação.

Carros de passeio no Reino Unido são terminantemente proibidos de levar bebês e crianças (até 12 anos se não me engano) sem cadeirinhas específicas pra idade e tamanho/peso da criança, portanto não esqueça de reservar a sua no momento da reserva de seu carro!

- Trens:

Mas na verdade a grande maioria das pessoas que viaja pelo Reino Unido vai de trem, que graças a deus, são super confortáveis pra bebê e crianças!

Assim como nos vagões do metrô, os trens também tem vagões especiais com áreas específicas para cadeirantes, carrinhos de bebe, ou malas e até mesmo bicicletas.

Na dúvida, basta procurar pelo símbolo na porta do vagão.

E uma vez lá dentro, durante sua viagem, todos os trens terão ao menos 1 vagão com banheiro (geralmente são vários) que apesar de não serem os mais limpos da face da terra (nem serem exclusivos para bebês, como no Eurostar!), pelo menos tem uma area mais reservada com fraldário, lixeirinha e pia, onde você pode trocar a fralda de seu bebê com calma e espaço.

(Aqui vale minha dica sobre os trocadores descartáveis – depois de usar é só jogar fora junto com a fralda!)

 

Mas e o resto?

Museus, lojas, pubs e restaurantes? Como amamentar? Trocar fralda?

De maneira geral,  os ambientes em Londres são feitos para famílias, e mesmo os que não são, os Ingleses são politicamente corretos e educados demais para ter a indelicadeza de impedir que uma mãe amamente em público ou troque a fralda de um bebê num banheiro sem fraldário.

Eu nunca senti nenhum tipo de hostilidade por aqui por amamentar em público – o que é uma prática muito incentivada e apoiada no UK me geral. Claro, ser discreta não faz mal a ninguém (até pelo seu próprio conforto) então bastava cobrir a Isabella com uma lenço, fraldinha ou então uma “tendinha” de amamentação (eu usei essa aqui e adorei!). Amamentei em pubs, restaurantes, bares, parques e praças. Se alguém se incomodou com isso, foram discretos e educados o suficiente para não me deixar inconfortável por isso.

Mas infelizmente nem todos os restaurantes, bares e pubs tem a infraestrutura necessária para bebês, e a maioria dos lugares, quando tem fraldário, por exemplo, ele esta no banheiro feminino (se bem que isso esta mudando, e hoje em dia eles se encontram no banheiro de cadeirantes, portanto tanto mães quanto pais podem trocar a fralda de seus bebês tranquilamente). Mas nada que jogo de cintura e uma pia espaçosa não resolvam!

(olha aí o trocador descartável de novo)

Porém uma coisa importante a notar é que nem todos os Pubs e restaurantes tem licença para ter crianças em suas premissas depois de uma certa hora (por causa da venda de bebidas alcoólicas), então sempre mencione em sua reserva que um dos membros de sua família é menor de idade.

Geralmente durante o dia isso não tem problema nenhum, mas já fomos avisados, ao entrar num pub por exemplo, que teríamos que sair antes das 18:00 pois eles não tinham permissão para crianças depois desse horário.

Se isso acontecer, não se sinta ofendido (licenciamento para bebidas alcoólicas no Reino Unido é um assunto complicado e muito fiscalizado) – basta trocar de lugar, ou aproveitar o horário do almoço pra conhecer os restaurantes mais badaladinhos da cidade!

E como os melhores roteiros para passeios em Londres foram feitos para serem explorados a pé, coloque seu bebê no carrinho e seja feliz pelas ruas Londrinas!

Categorias: Baby Everywhere, Batendo perna, Conhecendo Londres, Dicas Uteis, Inglaterra, Transporte, Viagens, Viajando com crianças
33
21
Apr
2013
Motorista e Guia Brasileiro em Londres
Escrito por Adriana Miller

Há umas semana atrás recebi uma proposta de parceria e fiquei intrigada – uma empresa de guias e translados Brasileiros em Londres, a TAM Transfer London.

Essa é uma pergunta que recebo com muita frequência, mas infelizmente nunca tinha ninguém pra indicar.

Eu geralmente gosto de viajar de forma mais independente, mas volta e meia nao tem nada melhor que o conforto e a segurança de um motorista te esperando – principalmente quando viajando por um lugar desconhecido ou que não dominamos a língua muito bem.

Então troquei vários emails com o pessoal da Tam Transfer e gostei do estilo deles.

Mas como vocês sabem, aqui no blog eu só recomendo (e escrevo sobre) lugares e serviços que eu tenha testado e aprovado – e essa sem duvida seria minha prova de fogo!!

Então quando voltamos do Colorado (depois de um vôo noturno, muitas malas extras, bebe pequeno…) foi uma alivio ver o Fernando com uma plaquinha com meu nome nos esperando no desembarque do Heathrow!!

A Tam Transfer London tem uma frota com vários tipos e tamanhos diferentes de carros e vans, todos servidos por motoristas Brasileiros que moram a muitos anos em Londres.

Os carros são novíssimos e muito confortáveis – com água, chocolates e ate um iPad e wifi para que os passageiros possam aproveitar a viagem entre aeroporto-hotel (ou durante um tour ou passeio) para avisar a família que chegaram bem ou fazer confirmações de viagem de ultima hora.

A qualidade do serviço foi excelente – e basta dar uma olhadinha no site deles pra ver que não é atoa que eles já prestaram serviços pra inúmeras “personalidades” Brasileiras de passagem por Londres!!

Funciona assim: voce entra em contato com eles pelo email tamtourslondres@gmail.com (sempre por email – esse é seu recibo e o controle de qualidade deles), confirma seu vôo ou qual passeio quer fazer, hotel ou endereço final e eles estarão lá te esperando!
E ainda confirmam seu vôo e dão ate 90 minutos de prazo para eventuais atrasos (com um taxi ou mini cab normal qualquer atraso no seu vôo – ou na fila da imigração! – vai direto pro taxímetro!).

E além dos translados, eles também fazem city tour em Londres e passeios por todo Reino Unido, principalmente vários passeios nos arredores de Londres – que eu sempre recomendo, mas muita gente fica com receio de ir por conta própria com medo de se perder, não entender o Inglês Britânico e afins.

Entre alguns dos passeios mais comuns estão opções como:
- Castelo Windsor
- Hampton Court Palace
- Estúdio do Harry Potter
- Oxford

- Canbridge

- Dover Cliff

- Castelo Leeds

Entre outros, além da possibilidade de fazer seu próprio roteiro!!

A tabela de preço é ótima, e quando comparados com os custos de viajar de trem ou taxi pela Inglaterra eles sao ate barateiros (principalmente pra quem vier em grupo!)!

Screen Shot 2013-04-21 at 13.25.25

E para grupos de 3-4 pessoas ou mais (uma familia, por exemplo), sai bem mais barato fazer um transfer do aeroporto com eles do que comprar 4 passagens de trem e mais 4 passagens de metro! (sem contar o conforto, não ter que carregar malas pelas estações e afins…)

Screen Shot 2013-04-21 at 13.25.44

Uma segurança a mais é que além de acertar tudo por emails (tamtourslondres@gmail.com ) voce tem a opção de pagar ainda no Brasil (pro pessoal que gosta de já ir se livrando doa custos da viagem antes mesmo de embarcar) ou direto pro motorista, já aqui na Inglaterra – em dinheiro (Libras Esterlinas) ou com cartão (basta avisar antes e o motorista leva uma maquininha de cartão no carro). Ou seja, se preferir você só paga depois que o serviço já estiver feito (isso é bom pra quem tem receio de reservar/pagar coisas pela internet e levar calote!).

Screen Shot 2013-04-21 at 13.26.10

Pra entrar em contato com eles mande um e-mail para tamtourslondres@gmail.com e o Fernando Tavares, ou um de seus sócios darão todas as informações necessárias!

 

P.S.: A Tam Transfer London é o novo parceiro do blog, mas esse post não é um publipost – as opiniões e recomendações são minhas, e por ter testado e aprovado o serviço da empresa, aceitei a parceria :-)

tamtourslondres@gmail.com

 

Categorias: Aeroportos, Conhecendo Londres, Dicas Uteis, Inglaterra, Transporte, Viagens
56
25
Mar
2013
Guia Londres: O mais completo guia em lingua Portuguesa da capital Inglesa!
Escrito por Adriana Miller

Atenção! Atenção!!

É com muito orgulho que finalmente publico essa novidade aqui no blog: o “Guia Londres” com o selo Dri Everywhere de qualidade! :-)

guiaLondres

Afinal, já são quase 8 anos morando – e amando! – Londres, com mais de 400 posts publicados. Então você pode ter certeza: se esta procurando informações sobre Londres, elas estarão aqui!

Mas aí ao longo dos anos muitas informações foram se perdendo num emaranhado de posts e categorias, e volta e meia recebia algumas perguntas e pensava com meus botões ” já fiz um post sobre isso” – mas na hora de responder, muitas vezes nem eu mesma conseguia achar tal post.

Então estava mais que na hora de colocar ordem na casa e cria uma página exclusiva e dedicada a Londres – com novas categorias, sub categorias e mais organização!

Screen shot 2013-03-24 at 17.03.21

O GUIA esta dividido entre Roteiros, Transporte, Aeroportos, Hospedagem, Atrações Turísticas, Museus e Galerias, Musicais e Teatro, Eventos, Pubs e Restaurantes, Bares e Baladas, Chá da Tarde, Spas e Salões de Beleza, Compras, Bairros, Mercados e Feiras, Parques e Jardins, Dicas Úteis e várias outras!

E cada uma dessas áreas esta subdividida em várias outras categorias – então se você estiver procurando um restaurante Indiano, ou uma manicure, ou onde comprar eletrônicos: está tudo lá, tintin por tintin!

Screen shot 2013-03-24 at 17.06.07

E o melhor?! Ainda tenho muitos outros posts prontinhos pra sair do forno, deixando o guia cada dia mais completo!

Então agora é com vocês: Sugestões, críticas, perguntas…?!

O que esta faltando? O que mais gostariam de ver e saber sobre Londres?

A página do Guia será interativa, com atualizações constantes, com novos posts e novas categorias sendo adicionadas a cada dia, e sempre com a certeza de que absolutamente tudo que foi postado por aqui foi testado e aprovado por mim! Um selo de qualidade que quem lê e conhece o blog confia!

Mas a maior novidade mesmo ainda está por vir!!

Em breve será lançado o Guia Londres na versão impressa e e-book!

Com muitas dicas práticas inéditas e um formato perfeito pra quem esta de malas prontas pra vir a Londres!!

Vocês sabem que eu adoro um guia de viagem e não embarco sem um livro a tiracolo – então criar meu próprio guia esta tendo um gostinho todo especial, e muito carinho, com todas as dicas indispensáveis pra quem quer conhecer Londres como a palma da sua mão!! E tudo isso com dicas e comentários que só quem mora aqui a tantos anos sabe!

E esse é justamente o diferencial: não é um guia traduzido, nem adaptado e muito menos genérico!

Aguardem e aproveitem!!

 

Categorias: Blog, Conhecendo Londres, Dicas Uteis, Inglaterra, Viagens
58
03
Feb
2013
Wembley Stadium: Como assistir eventos esportivos em Londres
Escrito por Adriana Miller

Um dos estereótipos que o imigrante Brasileiro tem que conviver no exterior é o “futebol”. Em qualquer lugar do mundo que você falar que é Brasileiro, a reação provavelmente será um grande sorriso e algum comentário sobre nosso futebol!

6277824426_b120aaf276

Mas entre os povsa loucos por futebol o Brasil tá longe de ser o único, e na Inglaterra o esporte nacional também envolve 11 jogadores e uma Pelota.
E não é atoa que a Inglaterra tem uma das ligas nacionais de futebol mais ricas e famosas do mundo – a Premier League tem alguns dos times mais reconhecidos e seguidos do planeta!

4072796055_992dc12c10

E isso faz com que jogos de futebol e os estádios de Londres sejam vistos como atracões turísticas tão cobiçadas quanto muitos museus da cidade (afinal, tudo é uma questão de hobbies e gosto!).

6277300353_189d45d43f

Um dos principais estádios da cidade é o Wembley Stadium, que além sediar os principais jogos ainda é ima atracão a parte, podendo ser visitado o ano todo, tenha ou nao tenha jogos rolando.

Caso você nao consiga assistir nenhum jogo no Wembley, o próprio estádio organiza visitas guiadas o ano todo (mais informações aqui).

Mas nao só de futebol vive Wembley e os eventos esportivos em Londres.

Wembley tambem sedia uma serie de outros esportes ao longo do ano, como por exemplo foi o caso das Olimpíadas de 2012 em Londres ou os anuais jogos da NFL (National Football League – de futebol Americano) que acontece
em Londres no Wembley todos os anos (geralmente os jogos da NFL acontecem em Setembro/Outubro e sao parte dos Playoffs – e o Aaron vai todos os anos!).

6277820948_515680e00d

Assistir qualquer evento em Wembley é uma experiência a parte, e a organização Britânica transpira por todos os lados.


A começar pela entrada super organizada por portões específicos de acordo com seu assento (marcado).


Os portões sao eletrônicos e a prova de confusão e empurra-empurra, que automaticamente lêem o código de barra no seu ingresso e de quebra ainda fazem a vez se detector de metais.

Lá dentro os corredores sao amplos, os banheiros estão em todos os cantos, assim como os bares!!


Mas aqui entra um detalhe: devido a má fama doa Hooligans Ingleses, apesar de ser permitido vender bebidas alcoólicas no estádio, nao é possível beber no estádio. Ou seja, você pode comprar sua pint, mas tem que beber no corredor, e nao no seu assento!

Além do Wembley e dos outros estádios se futebol da cidade, um outro lugar que sempre sedia muitos eventos esportivos é a O2 Arena – famosa pelos shows e espetáculos monumentais, mas que devido a sua mega estrutura e tamanho gigante, tambem se transforma algumas vezes por ano para sediar os mais diversos eventos – como tambem foi o caso das Olimpíadas em Londres, ou os jogos de Tênis da ATP Tour ou alguns dos jogos da turnê internacional da NBA.

Mas nem sempre é fácil conseguir ingressos, principalmente para os jogos da Champios League e da Premier League (que é o equivalente a “Primeira Divisão” do futebol Inglês), já que o pessoal aqui é fanático mesmo e muita gente compra os passes anuais da temporada e tal, mas eu sempre recomendo o site do TicketMaster.co.uk (o mesmo que tambem sempre recomendo para compra de ingressos para teatro e shows), onde é possível comprar tickets e ingressos de acordo com seu esporte preferido (que pode variar de Polo a Rugby, Cricket e basquete e futebol).

 

Categorias: Atrações Turisticas, Dicas Uteis, Inglaterra, Viagens
12
04
Jan
2013
Wifi gratis em Londres! Como e onde achar os hotspots espalhados pela cidade
Escrito por Adriana Miller

Infelizmente Londres não é das cidades mais conectadas do mundo – mas pouco a pouco as coisas estão mudando e melhorando, e a cada ano que passa a coisa vai melhorando e novos pontos de Wifi publico vão surgindo pela cidade.

Eu já dei a dica por aqui dos cartões de Sim card para seu celular, que ainda é a maneira mais fácil de ficar conectado durante sua estadia na Inglaterra.

Mas nem sempre vale a pena comprar um Sim Card, principalmente pra quem fica poucos dias em Londres – mas não quer dizer que todo mundo não queria ficar conectado! Afinal, como dar Check in nos pontos turisticos? Postar suas fotos no Instagram? Ou atualizar seu status no Facebook – ou um simples dar uma “alô” pra familia no Skype…

Então é sempre bom ficar de olho nos simbolos de Wifi grátis, e pra facilitar a vida dos turistas, aqui esta minha listinha de dicas e points:

Metrô:

Querendo ou não, é praticamente impossível vir a Londres e não passar algumas horas nos tuneis subterrâneos da cidade, tentando chegar do ponto A ao ponto B. (pra entender tudo sobre o metrô de Londres, é só clicar aqui).

Para saber quais estações já estão incluidas é só ficar de olho nos posters (como o da foto acima), ou no site do TFL.

Mas basicamente todas as estações “turisticas” e centrais já oferecem wifi gratis, e mais estações serão incluidas ao longo de 2013.

O único porém é que o wifi só funciona nas areas internas das estações e nas pataformas – uma vez que você entre no trem e siga viagem, o sinal é cortado – então se programe pra fazer uma horinha na estação e ler seus e-mails no celular antes de ir para sua próxima estação.

Outra dica é o wifi dentro do trem do Heathrow Express (que já falei aqui) que funciona super bem, é 100% de graça e funciona durante toda viagem (não apenas nas plataformas). Uma boa pra dar aquela ultima verificada no endereço do hotel na sua chegada, ou confirmar o terminal do seu voô na volta pra casa!

 

Cafés Pubs e redes:

Hoje em dia é dificil ver um café/pub pela cidade que não ofereça wifi gratis – até porque essa é uma ótima maneira de atrair clientes e ganhar da concorrência.

Geralmente todos eles tem uma plaquinha na porta indicando “Free Wifi” ou então bem de cara no menu.

O lado negativo claro, é o consumo – final se você pretende entrar e ficar horas atualizando status e postando fotos na internet grátis, o mínimo que se espera é que você consuma alguma coisa – mas não se preocupe. Os Ingleses levam o mesmo jeitão Europeu de pedir um cafezinho (ou uma pint de cerveja!) e ver a vida passar, então não precisa ter pressa!

Abaixo é uma listinha de redes de cafés, lanchonetes e pubs que oferecem Wifi grátis aos seus clientes:

- McDonald’s: são mais de 181 restaurantes só em Londres com wifi gratis

- Pret a Manger: Além de ser uma das melhores lanchonetes e cafés pra comer bem e barato em Londres, o Pret ainda tem mais de 150 pontos de internet gratis espalhados pela cidade.

- Starbucks: A mais famosa das coffe houses do mundo infelizmente não oferece wifi gratis para clientes “normais”, mas quem for viciado mesmo em café pode fazer a carteirinha deles que dá acesso – sem custo – a mais de 400 lojas com wifi espalhadas pela cidade!

- Le Pain Quotidien: Um dos meus lugares preferidos pra tomar Brunch em Londres, eles já tem cerca de 15 restaurantes em Londres, sendo que 13 deles oferecem wifi gratis para seus clientes.

- Wetherspoons: Uma rede de pubs espalhadas por quase todos os bairros – já são cerca de 60 filiais com wifi gratis para seus clientes.

Outras redes facilmente encontráveis pela cidade pra ficar de olho:

- Costa Coffe

- Café Nero

- EAT

- Pizza Express

- Fullers Pubs

Nem todas as filiais oferecem wifi, mas basta ficar de olho nas plaquinhas na porta – não tem como errar!

 

Pontos de Wifi publico:

Esses realmente são mais difícieis de achar, e o pior, não são garantia de que a conexão seja boa o suficiente… mas na hora do aperto não custa nada colocar o celular pra trabalhar e tentar achar onde se conectar pelas ruas de Londres:

- Oxford Street & Tottenham Court Road:

Nem só se compras vive a Oxford Street! A Nokia é a patrocinadora do wifi de rua que cobre a região entre Oxford Circus e Tottanham Court Road. Não custa nada tentar… e de quebra voce ainda pode já postar uma foto de suas ultumas comprinhas pela cidade!

- The City:

O centro econômico e financeiro da cidade não poderia deixar faltar seus hotspots, certo? São dezenas de pontos “The Cloud” espalhados pela City, que supostamente funcionam entre os melhores da cidade, pr anão deixar os executivos na mão…

- St Pancras Station:

Além da rede de wifi na estação de metrô, St Pacras também conta com uma boa cobertura “the Cloud” em todo resto da estação de trem – perfeito pra quem está chegando/saindo da cidade via o Eurostar!

Por fim, vale a pena também ficar de olho nos pontos BT Openzone, que estão praticamente na cidade toda. O acesso wifi é pago, mas você pode comprar direto no seu cartão de crédito pacotes por hora, dias, meses etc com acesso ilimitado a todos os pontos BT Openzone que combrem as ruas, atrações turísticas, hoteis, aeroportos, Starbucks etc (até aqui no meu prédio tem um ponto Openzone!), então as vezes vale a pena!

 

E por fim, temos também as lojas da Apple, que apesar de não terem wifi livre, tem dezenas de computadores, iPads e afins conectados na internet – então é só passar em uma das lojas oficiais da Apple pela cidade (a principal fica em Regents Street, mas também tem uma outra enorme em Convent Garden) e dar aquela atualizada nos e-mails!

Categorias: Conhecendo Londres, Dicas Uteis, Inglaterra, Viagens
6
03
Jan
2013
Reveillon em Londres: 2012/2013
Escrito por Adriana Miller

Ha dois anos atras nós passamos o ano novo em Londres e isso acabou rendendo uma serie de posts bem legal e útil – com dicas práticas, como evitar furadas e não estragar seu revellion na cidade.

8334698432_9a62ae3e85_z

Esse ano ficamos na cidade mais uma vez e resolvemos repetir a dose – e pra completar, meus pais estavam aqui com a gente, e claro, não queriam perder a oportunidade de ver a queima de fogos!

Por sorte – ou azar! – choveu praticamente o dia todo em Londres, oque diminuiu consideravelmente a quantidade de pessoas “acamapando” nas ruas e nas pontes pra guardar um bom lugar pra ver os fogos… mas assim que o dia foi terminando, o tempo deu uma melhorada e não deu outra! Em questões de minutos as ruas foram tomadas por Londrinos e turistas de câmaras fotográficas a postos, garrafas de champagne nas mãos e muitos agasalhos!

Eu quis evitar a confusão, mas meus pais resolveram arriscar a multidão: seguiram minhas recomendações e em vez de tentar brigar por espaço na Westminster Bridge (a ponte do Big Ben), viraram pra esquerda e foram em direção a Lambeth Bridge – tudo bem que a vista não é a mesma pois pega o London Eye meio de lado, mas em compensação vc fica bem de frente pro Parlamento e consegue ver os fogos com menos confusão! (coloquei um mapinha no final do post).

Eles aprovaram!

Já eu e o Aaron não queríamos arriscar muita confusão na região do Tâmisa, então voltamos pro mesmo lugar que eu descobri (e recomendei!) da outra vez, na rua Lower Marsh, uma das ruas paralelas ao Tâmisa, ali atras da estação de Waterloo!

A rua já estava lotada, com todos os espaços entre predios com visualização do London Eye lotadas de pessoas, mas conseguimos um bom lugar mesmo assim, com direito a tripé das cameras e tudo mais!

E o melhor?! Ainda conhecemos um monte de Brasileiros por lá! Eles leram as dicas do revellion em Londres aqui no blog e conseguiram curtir a virada numa boa! :-)

Nesse post aqui tem o mapa oficial da prefeitura de Londres com as areas de visualização dos fogos de artifício da virada, e esse mapinha abaixo ajuda a localizar minhas dicas alternativas pra assistir os fogos em Londres com menos confusão:

Mapa revellion Londres

E pra finalizar o post, o Aaron publicou um tutorial sobre como fotografar fogos de artifício – pra já ir treinando até o ano que vem!

 

Categorias: Ano novo e resoluções, Conhecendo Londres, Dicas Uteis, Eventos, Inglaterra
9
28
Nov
2012
Londres em Dezembro 2012
Escrito por Adriana Miller

Desde que publiquei um post sobre o calendario de Londres em Dezembro ano passado, ele virou uma dos posts mais procurados e acessados – e tambem um dos que mais gera duvidas e confusoes pra quem esta com passagem marcada pra Londres nesse periodo.

20121127-115013.jpg

Entao pra atualizar as noticias e datas, resolvi fazer um novo post, versao 2012, e esclarecer novas duvidas que possam surgir.

Quase tudo continua valido – os eventos, os feriados, os dias que todo fecha na cidade… mas aqui vao minhas dicas para aproveitar melhor o fim do ano em Londres!

- Mercados de Natal:

O mais famoso na cidade eh o Winter Wonderland no Hyde Park; nao quer dizer que seja o melhor, mas sem duvidas o maior e ja virou tradicao na cidade.

Mas desde 2011 toda regiao de Southwark eh tomada por um mercado de Natal ali na Queen’s Walk em frente ao Southbank Centre – e eh um mercadinho bem fofo e autentico, patrocinado pela prefeitura de Colonia, na Alemanha.

20121127-115038.jpg

Ah! E claro, oque seria de Londres sem as areas dedicadas ao Natal em suas lojas de departamento e decoracao nas ruas?!!

- Compras e liquidacoes:

E ja que falei das compras nas lojas de departamento, nao esquecam que dia 26 de Dezembro eh o “Boxing Day“, feriado que inaugura a maior temporada de liquidacoes do ano no Reino Unido!

E apesar do valor da Libra, acredite, Londres eh um dos melhores lugares para compras do mundo – entao fique de olho em todas as dicas de compras em Londres AQUI!

- Eventos especiais:

Mas pra quem esta mais preocupado em curtir o clima na cidade (que realmente fica uma delicia!) do que fazer compras, essa eh a epoca do ano pra patinar no gelo em alguns dos monumentos mais bonitos da cidade!

 

20121127-114948.jpg

 

Ou entao, por que nao assistir algum espetaculo especial de fim de ano do Royal Ballet? A temporada 2012 ja esta a venda (corre que esgota rapido!) e dura apenas ate o inicio de janeiro (meu ingresso pro Quebranozes ja esta garantido!)

Ou talvez um concerto de Natal no Royal Albert Hall?

- Virada do Ano em Londres:

Sem duvida alguma eh um evento inesquecivel, e assistir a queima de fogos na beira do Tamisa eh uma daquelas coisas que todo mundo deveria incluir na lista de coisas a fazer nessa vida.

Mas por outro lado, eh um dos programas mais arriscados na cidade, que exige MUITO planejamento e sangue frio! As dicas e o passo a passo pra nao micar seu revellion em Londres estao aqui, aqui e aqui.

- Feriados e horarios de abertura:

Os dias de feriado de fim de ano na Inglaterra sao 25 e 26 de Dezembro e 1 de Janeiro, que esse ano todos caem em dias da semana.

Entao fiquem atentos aos horarios de abertura de todas as atracoes, passeios e monumentos durente esse periodo, pois quase tudo na cidade opera em horarios especiais, fechando suas portas mais cedo e com funcionamento limitado.

Principalmente pra quem estiver na cidade nos dias 24 e 31 de Dezembro, nao planeje nada sem antes verificar os “Opening Hours” nesses dias, para nao micar sua programacao – e principalmente no dia 31 de Dezembro, lembren-se que boa parte da area “turistica” da cidade fecha por causa das celebracoes de ano novo.

Ja o dia 25 de Dezembro, eh o maior e principal feriado do pais, onde tudo, absolutamente tudo na cidade fecha mesmo – lojas, museus, atracoes turisticas, bares, restaurantes, metro, onibus, trens, e oque mais voce puder imaginar (ate mesmo o principal mercado de natal da cidade, o Winter Wonderland, fecha no dia 25 de Dezembro!). Os pouquissimos servicos que funcionam nesse dia tem horarios limitadissimos, e portanto se planeje bem e tente reservar com antecedencia oque puder. Chegar no aeroporto ou na estacao de trem por exemplo, podem virar verdadeiros transtornos e acabar com sua viagem… (para saber como reservar taxis em Londres, veja aqui).

Essa semana a TimeOut publicou uma lista de alguns dos poucos restaurantes na cidade que estarao abertos no dia 25 de Dezembro (quase todos sao restaurantes dentro de hoteis), porque realmente ate pra comer a coisa fica precaria nesse dia (nao esqueca de estocar seu quarto de hotel, so por via das duvidas! Uma otima dica sao as cestas – ou “Hampers” da Fortnum & Mason ou da Harrods).

No dia 26 de Dezembro tambem eh oficialmente um feriado, mas como esse dia eh o Boxing Day e o comercio todo abre para a temporada de liquidacoes, a vida na cidade comeca a voltar ao ritmo normal (mas a maioria dos servicos ainda opera em horarios bem restritos).

Ja no dia 1 de Janeiro a cidade comeca a voltar ao normal, mas com muitas regioes ainda fechadas ou de acesso restrito, curando a ressaca das comemoracoes de revellion da noite anterior – e mais uma vez, nao planeje nada pra esse dia sem antes verificar bem os horarios de funcionamento e abertura de atracoes turisticas, lojas, restaurantes e transporte, pra nao cair em furadas!

Alem disso, no dia 1 de Janeiro ainda rola a “New Year’s Parade“, um desfile/festa que cruza o centro de Lndres no dia 1 e que causa um certo caos em varias areas turisticas (no site do evento voce encontra informacoes especificas sobre as ruas e bairros por onde a parade passa e como o transporte sera afetado).

 Ah!

E sem esquecer que essa eh uma das epocas mais frias, molhadas, cinzentas e escuras do ano, entao esteja preparado para o clima na cidade. Veja nesses posts aqui algumas dicas sobre como se vestir no inverno e onde comprar roupas de frio em Londres.

 

Categorias: Conhecendo Londres, Dicas Uteis, Eventos, Inglaterra, Viagens
14
20
Dec
2011
Calendario: Londres em Dezembro!
Escrito por Adriana Miller

Dezembro eh o mais mais chuvoso, mais escuro e muitas vezes mais frio de Londres – mas nada disso impede que a cidade continue sendo uma das mais animadas e charmosas do mundo!

Entao se voce estara por Londres nas proximas semanas, anotes as dicas, datas e eventos pra aproveitar bastante o mes (e evitar as roubadas e furadas!):

- Que conhecer um mercado de natal? O Winter Wonderland no Hyde Park esta longe de ser o mais legal ou mais bonito da Europa, mas ainda assim eh um programa bem legal de se fazer na cidade esses dias!

- Nao se engane com a conversao da Libra pro Euro ou Real, pois Londres tem algumas das lojas mais legais e mais cheias de desconto do mundo! E nao esqueca que todos os anos, no dia 26 de Dezembro comeca a maior temporada de promocoes do Reino Unido! Entao acontece oque acontecer, nao perca as barganhas do Boxing Day!

- E aproveite o clima invernal e va patinar no gelo em algumas das locacoes mais bonitas de Londres!

- Vai tentar a sorte da virada de ano em Londres esse ano? Entao se planeje bem e nao perca os posts onde eu dou o caminho das pedras pr nao micar seu revellion na cidade: Aqui, Aqui e Aqui.

- Se voce estiver na cidade durante o perio de Natal, fique atendo nos feriados nacionais: em todo Reino Unido dia 25 e 26 de dezembro e 1 de Janeiro sao feriados nacionais, mas como esse ano eles caem num fim de semana, os feriados automatcamente sao transferidos ao dia util seguinte. Portanto nessa temporada de hollidays os feriados serao os seguintes: 25, 26 e 27 de Dezembro e 1 e 2 de Janeiro.

Nos dias 25 de Dezembro e 1 de janeiro TUDO fecha mesmo! Metro, trens e onibus sao cancelados e as estacoes fechadas, deixando toda cidade ilhada em casa. Taxis geralmente so funcionam em servico especial de reserva, entao se voce precisa ir a algum lugar, reserve seu taxi com bastante antecedencia!

Dia 26 de Dezembro tambem eh feriado, e apesar de que o comercio funciona normalmente por causa das promocoes de Boxing Day, museus, atracoes e pontos turisticos estarao fechados.

Nos dias 24, 26 de Dezembro e 2 de Janeiro os transportes funcionam com servicos drasticamente reduzidos, entao planeje bem sua viagem antes de sair de casa/hotel.

Para confirmar horario de abertura de atracoes, bares e restaurantes, basta ir na pagina “Working Hours” dos lugares que voce pretende visitar para garantir que voce nao vai dar de cara com a porta (ou no Google, pra ter uma ideia masi generalizada)

- A boa noticia eh que na noite da virada do ano, do dia 31 de Dezembro pro dia 1 de Janeiro, todas as viagens de metro em Londres sao gratis! Porem, muitas estacoes fecham mais cedo que o normal, entao verifique o horario de funcionamento de sua estacao – principalmente se voce estiver tentando assistir os fogos no Embankment de Londres – todas as estacoes de todas as linhas fecham suas portas cerca das 3 da tarde (ver mais detalhes nos links sobre o revellion que postei acima).

- Nao conseguiu chegar perto pra ver os fogos da virada no London Eye? Nao tem problema! No dia 1 de Janeiro vai rolar uma parada/desfile de Ano Novo no centro de Londres (eu nunca fui, mas pode ser uma coisa divertida!). Nao quer encarar uma confusao dessas de jeito nenhum? Entao cuidado pois todo centro da cidade sera paralizado para dar vez para o desfile, entao os acessos a pontos turisticos serao restritos durante o dia.

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias: Aleatorios, Conhecendo Londres, Dicas Uteis, Eventos, Inglaterra
28
Página 1 de 3123