27
Feb
2006
Canterbury
Escrito por Adriana Miller

Eu jah deveria ter escrito essa post mil vezes, mas sempre esquecia, ou deixava pra depois, ou comecava a escrever e depois deixava no meio. Entao agora vai!   Fui passar o fim de semana em Cnterbury porque queria visitar a Sandra, que estuda lah na universidade de Kent, ealem de vontade de conhecer a cidade e a catedral (que eh uma das mais importantes na inglaterra) ainda tinha um pretexto que eles estariam fazendo uma festa de aniversario pra mim e pra Valentina (uma das roomates dela, que faz aniversario no mesmo dia que eu).   

A viagem em si foi um parto! Sabe aquele dia que TUDO que poderia dar errado, de fat DAH errado? Pois eh… foi a sexta feira…. Comecei o dia super mega atrasada pq esqueci de ligar o despertador!! Nao perguntem… ligar o despertador eh automatico, eh uma coisa que vc tem que fazer todo dia, e pele primeira vez na face da terra eu esqueci. Se nao bastasse estar atrasada pro trabalho, ainda tinha que improvidar uma mala, pq na vespera cheguei em casa tarde e com preguica e resolvi deixar pra depois…   Bem, sai correndo, duas mudas de roupa (que nao combinavam) na mochila, champu e escova de dentes, e logico (isso nao esqueco nunca!) a maquina fotografica. 

Cheguei na estacao de trem (ainda indo pro trabalho) atrasada, e perdi o trem, que mesmoa ssim estava atrasado. Mas foi aquela situacao que o trem ainda esta la… eu fiquei desesperadqamente apertando o botao que abre a porta, e nada…. lentamente o trem comeca a andar… Pois bem… fui trabalhar, o dia rolou tranquilamente. Minha chefa tinha deixado eu sair mais cedo, pra compensar as horas extras que eu ja¿ tinah feito. Otimo. Porem nao rolou. Sempre tem um imprevisto, um detalhe, uma reuniao, etc… Nao soh nao sai mais cedo como ainda sai tarde. Sai do escritorio correndo pra pegua o ultimo onibuszinho que vai pra estacao. Consegui! No meio do caminho percebi que esqueci o celular. Tive que fazer o motorista parar no meio do caminho pra eu descer e voltar andando. Um frio cao! Uma neve fininha que mais tem cara de chuva esquisita, que chova mas nao molha, mas congela que eh uma beleza! Peguei o celular, voltei andando ateh a estacao. Sai correndo pq o trem ainda estava lah. Tentei abrir a port a e de novo nao consegui. ODIO!!! Mais 15 minutos esperando no gelo o proximo trem. Ok. Peguei o trem seguinte, viagem tranquila, tinha mais uma menina aqui da Avaya no mesmo vagao, fomos conversando a viagem toda. Cheugei em Waterloo e ainda tinha que pegar o metro, pq o trem pra Canterbury sai de Charing Cross. Quano estava no meio do caminho me dei conta que deixei minha mochila no trem!!!! Como assim!!!! Nunca corri tao rapido na minha vida! Hoje em dia deixar uma mochila no trem pode dar ateh cadeia aqui, por causa dos atentados. E ate provar que alhos nao sao bugalhos, meu finde ia pro brejo! Por sorte o tem ainda estava lah, a mochila ainda estava lah. Cheguei em Charing Cross e consegui o pegar o trem pra Canterbury, mas na pressa, peguei o tremerrado que vai catando corno em todas as cidadeszinhas pelo sul da inglaterra e de quebra ainda nao deu tempo de fazer um lanchinho antes da viagem. Cheguei lah MORTA de cansaco, estressada e passando mal de fome!!!   

Bem, enfim. Vamos ao que interessa. O finde. Na sexta ainda sobrou energia pra ir no pub do campus. Conheci o resto da galera, fizemos uma social, showzinho ao vivo e umas Pints pra relaxar (eu bebi uma mistura esquisita ¿ delicia!- de rum com um troco de limao pq nao gosto de cerveja) e cama! Estaav exausta e sabia que teriamos um longo dia!   

No sabado comecamos o dai pela Catedral! Linda! Linda! Linda! Sem duvidas fazaia parte do meu Top 5 de catadrais lindas de morrer que eu morro de vontade de conhcer. Tudo impressionante, exatamente como eu imaginava que seria. A arquitetura, o tamanho a riqueza de detalhes, a historia em cada canto. E de quebra nao pagamos pra entrar pq o menino que trabalha na bilheteria eh vizinho da Sandra!! Depois fomos dar uma voltinha no centro da cidade, almocamos num restaurante frances (a Sandra, como boa francesa, detesta a comida inglesa) BBB (bom, binot e barato) e depois comecamos uma odisseia pra achar fantasias pra festa de sabado a noite! 

A cidade tm uma unica loja de fantasias, que fechava as 3 da tarde. Chegamos lah as 2:50 e fomos expulsos pontualmente dez minutos depois, de maos vazias. Entao, qual seria a solucao. Criatividade. Estavamos com um dos roomates dela, um ingles filho de mae Grega que se acha ¿o¿ mediterraneo, e que uma figura! Ele levou a gente em todas as lojas de roupa de segunda mao e caridade da cidade e ficou viajando nos nossos figurinos. A Sandra virou a ¿Slut Britney¿ e eu ¿Shagg-adelic baby¿ (anos 60 com um que de Austin Powers). 

A festa, como qualquer boa festa a fantasia, foi muito melhor enquanto ainda estavamos nos arrumando (e arrumando os meninos!!) e jogando Twister jah fantasiados!!! HAHAHAH. Conheci muito gente legal, muita gente esquisita, dancamos, comemos, tiramos fotos. A festa acabou as 3 da matina quando o seguranca do campus veio bater na nossa porta.  O domingo foi de lezera e ressaca total. O plano era ir ateh o litoral comer um tipico fish and chips, mas a chuva chata nao permitiu.  

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias: Aniversario, Cantebury, Party, Viagens, Viagens pelo UK
0