04
May
2004
Grotte di Frasassi
Escrito por Adriana Miller

Descoberta por acaso por um grupo de ragazzos da cidade de Ancona, as Grutas de Frasassi são o maior espaço fechado da Europa. Dentro dessa gruta poderia caber um prédio equivalente ao Duomo de Milão, que é a maior igreja da Europa (em volume e altura de nave). Para se chegar até lá, é preciso caminhar 2 km sob a terra, a temperatura é constante o ano todo (cerca de 14 graus), e a umidade relativa do ar é de 99%. 

O lugar é simplesmente MARAVILHOSO! Não há nada que se compare… são milhares de estalactites e estalagmites de milhões de anos numa caverna gigantesca que na verdade é uma montanha “oca”, pq vc nunca imagina, quando passa por lá de carro, que ali em baixo não tem pedra, nem terra, e sim um espaço vazio fenomenal cheio de esculturas de calcário! O Tour dura mais ou menos 1 hora (que é o suficiente p/ fazer qualquer ser humano passar mal, por causa da umidade), e a primeira coisa que nos disseram foi que era proibido tirar fotos… Tudo bem, fazer oque…?! 

Começamos a caminhada às profundezas da terra, e cada 500 metros umas portas vão se abrindo e gente vai mudando de câmera, p/ que o a atmosfera externa não penetre na gruta, e p/ irmos no habituando à umidade do ar (detalhe que lá dentro – 14 graus – estava mais “quentinho”do que do lado de fora). Quando a ultima cancela se abre e vc vê pela primeira vez as grutas não dá p/ acreditar…. É fenomenal… simplesmente. E lá dentro tudo é cheio de pontos de referência, pq a medida que o tempo vai passando (enquanto se está lá dentro) o efeito da umidade do ar somado ao fato de que tudo lá é gigantescamente enorme, as pessoas vão ficado meio “viajando”, vc perde o senso de direção e o senso de dimensão… Falando não dá p/ acreditar, mas depois de uns 15 minutos a guia começou a nos mostrar algumas estalagmites que pareciam ter tipo uns 2 metros de altura, mas que na verdade tinham 16 metros de altura….! É impressionante! 

E o calcário faz com que tudo se pareça um pouco como neve, ou um sorvete de creme derretendo, uma cobertura de um bolo… sei lá… mas é muuuuito bonito…   

É claro que, como se era de esperar eu não respeitei a regra do “no pictures”… hheheheheh… desliguei o flash da minha maquina, tirei o barulhinho hightech, me distanciei um pouco do grupo, e voilá! Meu vicio por fotos é tão grande que as pessoas já até sabiam que eu ia “burlar” a lei… Ninguém me viu, fui profissional, mas assim que saímos da gruta um monte de gente veio me perguntar “posso ver suas fotos? Vc tirou foto né? Aposto que sim!” heheheheheh! 

Que coisa feia…   

Ah! Uma coisa ridícula, mas que me surpreendeu: as Canadendeses e a Americana nunca tinham aprendido na escola oq era um estalactite e uma estalagmite!!!! Como assim!? Ficaram boquiabertas quando me viram falar sobre como esse fenômeno da natureza ocorre… Tipo “vc teve aulas de geologia na faculdade?”…. Não não querida…. na oitava serie mesmo… E ficavam me perguntando “como esse troço cresce do chão…?” “será que vai cai na nossa cabeça?”. Heim?! Ouvi direito…?! Mas tudo bem… É melhor do que ser surdo…   

FOTOS NOVAS 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias: Ancona, Viagens, Viagens pela Italia
0