25 Jan 2009
1 Comentário

O Segredo das Tailandesas

Bangcoc, Beauty Everywhere, Lua de mel, Tailandia, Viagens

Quer saber o segredo das Tailandesas pra ter aquela cabelao preto brilhoso, super escorrido, saudavel e brilhante?

Seria formol?

Escova Japonesa?

Alguma escova de “sabor” exotico?

dsc00334

Parece que nao. Que tal um shampoo de “ovos com cerveja”? Hahahhahaahaha

Estava em destaque na farmacia, como sendo um dos mais vendidos… Achamos MUITO engracado, e todos os ingredientes diferentes e esquisitos que vimos por lah, esse bateu todos os records. O Aaron naor esistiu e comprou um pra ele. Mas gracas a deus ele ainda nao teve coragem de usar…

Como a etiqueta esta toda escrita em Tailandes, nao consegui ler os “beneficios” dos ingredientes exoticos, mas lembei de umas das receitinhas caseiras da minha avo, que tem um cabelo super ultra liso e escorrido, e beeem fininho, e que ateh usa volta e meia faz umas mascaras malucas com spray de cerveja, que segundo ela ajuda a fortalecer os cabelos finos.

Com mais de 70 anos ela ainda tem os cabelos super brilhosos e pretos, com pouquissimos fios brancos…! (se deus quiser eu terei herdado os genes dela)

Vai ver que funciona!

Adriana Miller
1 Comentário
23 Jan 2009
2 comentários

Clara como a neve

Bangcoc, Beauty Everywhere, Lua de mel, Malasia, Tailandia, Viagens

Uma das cosias que mais me chamou atencao na Asia em termos de beleza foi a quantidade incrivel de cremes, pocoes, clinicas e promessas mirabolantes de produtos que prometem clarear a pele.

Mas nao eh um simples “eliminar de manchas” como nos estamos acostumadas nao, a industria de cosmeticos na Asia promete de deixar BRANCA.

Ele tem clareamento pra tudo: rosto, corpo, axilas, mamilos, etc. Fiquei boquiaberta!

Uma menina (Israelita) que conheci na viagem ateh comentou que o hidratente dela acabou e foi na farmacia comprar outro, e TODAs as opcoes eram pra clareamento, mas oque ela queria era justamente ficar bronzeada!

Principalmente na Tailandia (onde a populacao eh naturalmente mais escura doque os asiaticos do norte) e na Malasia (que tem muita influencia Indiana, que sao famosos pelos comerciais mais escabrosos de clareamento de pele e discriminacao) a coisa era sem nocao. Vimos muitas clinicas oferecendo mascaras de acido e tratamento com laser para retirada de melanina da pele. Saudavel nao deve ser!

E vi ateh uma mulher passando talco no rosto (dela e da filha) num banheiro enquanto retocava a maquiagem.

Asia TV

Um dos comerciais que vi na TV (sem entender nada, logico) era de um hidratante corporal, tambem para clareamento. A menina estava deitada em sua cama olhando para fotos das ferias na praia com os amigos e o namorado, toda feliz e contente. Ali ela olha para seu proprio ombro e ve uma marca de biquine, e fica horrorizada!

Entao ela descobre o tal hidratante, que imediatamente a deixa com uma pele estilo Scarlet Johanson, e ela volta a sorrir. Sai na rua toda serelepe e recebe varias cantadas.

Enquanto isso as Europeias se torrando no sol e aumentando as estatisticas de cancer de pele!

Adriana Miller
2 comentários
31 Dec 2008
1 Comentário

Siam, Phat Phong e Ping Pong

Bangcoc, Lua de mel, Tailandia

Tudo que mais queriamos era uma dia de preguica, sem “obrigacoes” de ver nenhum templo, nem correrias turisticas. Alem disso queriamos ver o outro lado de Bangkok, longe dos vendedores ambulantes e mochileiros.

Aproveitamos tambem pra finalmente andar de tuk-tuk, que por si so, jah vale a viagem…

Entao fomos para Siam, que eh o epicentro do destrito financeiro e moderno de Bankok. Um complexo de shoppings super ultra modernos e luxuosos, que corresponde a todas as fantasias de super modernidade da Asia.


Passamos a manha toda entrando e saindo de lojas que nao podiamos comprar nada, babando nas novidades tecnologicas e jah planejando outras viagens pra Asia!
Realmente a cultura Asiatica eh fantastica, os contrastes entre o super antigo e o ultra moderno, a comida, os sons, os cheiros… Uma vez aqui, queremos voltar sempre!!!

O calor estava de matar, e queriamos aproveitar o hotel e nao “desperdicar” as ferias correndo de uma lado pro outro todos os dias… Entao matamos horas e horas na piscina, admirando a vista enevoada por poluicao da cidade.

A noite resolvemos nos aventurar por uma area totalmente nova da cidade: Phat Phong, ou tambem conecida como o “red light district” de bangkok, que diz a lenda, gerou a industria de turismo que existe na regiao, ao entreter soldados americanos e europeus durante a 2a guerra mundial.
Mas na verdade na hora de sair do hotel, resolvemos nos poupar dos olhares repreensivos da recepcionista e pegamos um tuk-tuk de volta pra Siam square, onde pegamos o Sky-Train.


Esse era outro meio de transporte que queriamos “testar”, pois eh uma versao ultra futuristica do metro… Hehhe. Uma coisa meio Gothan City…
Eu adoro ver outdoors e propagandas em outros paises, e ver como se comporta a classe “trabalhadora” mundo afora.
Essa parte da cidade (Siam) eh legal, porque eh a Bangkok de verdade, dos Tailandeses de verdade, que acordam de manha e vao trabalhar, em lojas, escritorios, restaurantes, bancos, etc, depois pegam o sky train e voltam pra casa no fim do dia.

Mas essa passagem pela realidade Tailandesa acabou rapidinho, e 3 estacoes depois chegamos en Phat Phong.

 

Lah o mundo turistico volta ao normal, se normal fosse um mundo bizarro cheio de luzes de neon, strip clubs, travestis barbudos e de cabelo laranja e Tais de meia idade oferecendo “massagem para casais” e shows de “ping pong” (que na verdade sao shows de sexo ao vivo).
Demos varias voltinhas pela redondesas, evitando alguns becos duvidosos e quando percebemos que viramos “conhecidos” na porta de alguns “estabalecimentos” resolvemos pegar o sky-train e ir embora…

E entao quando chegamos de volta em Siam Square eh que a noite realmente comecou! Estava rolando uma noitada pre revellion com um showzinho Tailandes ao ar livre!

 

 

 

Como a comunicacao com o cara da porta nao foi das melhores, acabamos entrando mesmo assim, mas sentamos no bar, pra ficar longe do palco, onde volta e meia “pescavam” alguem da plateia pra participar das brincadeiras.
Ficamos lah ateh tarde, e foi super legal (fiz varios filminhos!!)

 

Adriana Miller
1 Comentário
Página 1 de 212