02
Dec
2013
Thanksgiving ao vivo!
Escrito por Adriana Miller

Começou a temporada oficial de festas de fim de ano!

Semana passada estivemos na Pensilvânia nos EUA visitando a família do Aaron para comemorar o feriado americano de Ação de Graças (e o primeiro da Isabella!).

20131202-114319.jpg

Visitar a família é sempre uma correria, mas sempre uma delicia – e agora com a Isabella ficou ainda mais legal (e ainda mais corrido!).

20131202-114445.jpg

20131202-114505.jpg

Conseguimos fazer quase tudo que planejamos, e principalmente ter bastante tempo com os avos, as bisas, tios e tias para que todo mundo pudesse curtir bastante a Belinha :-)

20131202-114654.jpg

20131202-114717.jpg

Foi também uma viagem emocionante e cheia de “primeiras”: a Isabella conheceu sua terceira Bisa, a bisa Ruth, com quem ela divide o aniversario de 10 de Janeiro – separadas por exatos 98 anos! (A Ruth nasceu em 1915, e a Isabella em 2013)

20131202-114924.jpg

20131202-114940.jpg

20131202-115005.jpg

Ela também conheceu os priminhos e vários filhos e filhas de amigos de infância do Aaron.

E claro, nao poderíamos esquecer seu primeiro ação de graças e sua primeira árvore de Natal!

20131202-115128.jpg

20131202-115152.jpg

20131202-115220.jpg

E por falar em agradecer, o ação de graças foi bem monotemático! :-)

20131202-115400.jpg

Eu já fiz vários outros posts sobre o feriado de ação de graças, mas não me canso de repetir que é uma de minhas tradições preferidas: uma festa super família, sem credo nem segregações, dedicado exclusivamente a agradecer pelo que temos na vida!

E parte da tradição de thanksgiving na família do Aaron é a montagem da árvore de Natal da avó.
Ela é uma senhorinha de 96 anos e na flor da idade! Mora sozinha, sai pra jantar com as amigas, participa de eventos e voluntariado na igreja da rua onde mora a 88 anos!

E nos duas compartilhamos a mania/paixão por colecionar enfeites de Natal (os meus sempre são relacionados a viagens, já ela coleciona enfeites vintage, que herdou se sua mãe).

20131202-115910.jpg

20131202-115927.jpg

20131202-115939.jpg

20131202-115953.jpg

A árvore dela é praticamente atração turística na cidade e ate hoje alguma dos amigos de infância do Aaron pedem pra ir lá ver a árvore!
E sim, dá uma trabalheira danada, e demoramos um dia inteiro pra organizar, montar, enfeitar e limpar tudo depois – mas é uma coisa que só se faz uma vez por ano, juntam a família toda e o evento vira uma festa por ai só!

Espero que um dia eu também chegue aos meus 90 e poucos anos ainda montando minha árvore de Natal cercada por amigos, filhos, netos e bisnetos!!

Mas infelizmente demos azar com o clima e pegamos muuuuito frio e neve a semana toda!

20131202-120705.jpg

20131202-120728.jpg

20131202-120749.jpg

Então alguns passeios pelos arredores e por Pittsburgh acabaram sendo cancelados, porque preferimos ficar de preguiça do lado da lareira!

E claro, onde tem Thanksgiving, também tem Black Friday!
Que é aquele dia louco de promoções que da o pontapé inicial na temporada de compras de Natal e fim de ano para os americanos!

Nós não encaramos a black Friday na sexta não (toda loucura tem limites), mas sempre tiramos o dia no sábado para ir ao outlet e shoppings da região!

(Que esse ano também foi mais tímido porque tava muito frio!)

20131202-121151.jpg

20131202-121203.jpg

Então daqui pra frente começa nossa temporada de festas, enfeites e comemorações – cujo ápice será nosso primeiro Natal como uma família de 3, no Brasil com minha família (e uma temperatura bem mais quentinha!!).

Categorias: Feriados e afins, Pittsburgh, USA
17
29
Nov
2011
Dando graças: Thanksgiving
Escrito por Adriana Miller

Entre as muitas coisas que os EUA exportam para o resto do mundo (algumas boas e outras nem tanto), o feriado de Ação de Graças é uma das celebrações/tradições que deveriam ser mais comum em outros países.

E muito rapidamente tem se tornado uma de minhas épocas preferidas do ano!

Deveria ser uma tradição mais copiada porque tem um simbolismo bem bonito: para os Americanos tem toda essa historia dos Peregrinos e Indios, mas no fundo é um momento e um feriado que celebra a arte de agradecer.

Uma celebração entre amigos e familia, onde todo mundo se junta, independente de sua religião ou crença, sem grandes propósitos comerciais (vamos ignorar a black friday por um segundo…) a não ser, ser grato.

Meu momento preferido é quanto todo mundo se senta a mesa e vamos um a um refletindo e dividindo tudo aquilo que somos gratos em nossas vidas. Saude, familia, amigos, emprego e até coisas bem especificias como um carro novo, uma viagem ou um sapato.

Todo mundo tem alguma coisa pra agradecer nessa vida, e é um exercicio que deveria ser mais frequente, e mais comemorado.

Além disso eu rapidamente adotei a tradição de dar graças porque eu acho que é uma desculpa oficial para dar inicio a melhor época do ano!

Então como a tradição na familia do Aaron sempre foi montar a arvore de natal e decorar a casa antes do Thanksgiving, isso significa que tenho a oportunidade de deixar minha casa decorada por quase 2 meses todos os anos!

E como eu adoro Natal, mas tenho implicancia eterna com essa fixação de comprar/dar/receber presentes, eu acabo sentindo que o Ação de Graças é o Natal perfeito, sem a pressão de gastar e comprar, comprar, comprar. A impressão que tenho é que esse feriado é um Natal fora de epoca mas sem pressão comercial.

Mas é claro que os Americanos tinham que dar um jeito de incluir um fenômeno consumista para dar uma agitada no maior feriado dos EUA, e eu que não sou boba nem nada, quando coincide de passarmos o Thanksgiving nos EUA sempre aproveitamos o fim de semana das promoções.

Se por um lado eu nunca tive coragem de enfrentar a loucura da sexta feira, a verdade é que o espirito consumista dura o fim de semana todo (já até existe a Cyber Monday – ou Cyber Week até… que extende o fenomeno Black Friday para as lojas on line) então sempre aproveitamos pra ir nos shoppngs e outlets no sabado – ha quem diga que nos sabado e domingo só sobram os restos, mas ainda estou pra ver uma loja naquele pais com estoque esgotado…

E sim, as promoções da Black Friday realmente são isso tudo mesmo! Mas com certas reservas… eu acho que as compras valem a pena por causa da cotação da libras X dolar vantajoso pra gente, porque o estado da Pensylvannia não tem taxa em roupas (que em outros estados pode varias entre 6% e 10% em cima do valor final) e principalmente porque minha sogra mora lá então recebe cupons, tem cartão de desconto, codigos promocionais e tals, então somando tudo isso acabamos conseguindo comprar coisas com uma diferença gritante de preço!

Mas se nao fosse o cambio, mais os cupons, mais o desconto normal de um shopping outlet não sei se acho a Black friday assim tããão bom negocio não…. (tanto que geralmente nunca compro quase nada no shopping “normal”…)

Definitavemente não compensaria uma viagem aos EUA só pra comprar, mas já que estamos por lá mesmo pra ver a familia, então porque não aproveitar a oportunidade, né?!

E sem esquecer de dar graças aos descontos e ao cartão de milharem que me deixa despachar uma mala extra!

Categorias: Feriados e afins, Pittsburgh, USA
20
28
Nov
2011
Pumpkin Pie: receita da torta de abobora
Escrito por Adriana Miller

Uma das coisas que eu estava mais na expectativa na viagem aos EUA era comer torta de abóbora! Talvez não tão animada quanto as compras da Black Friday… mas a Pumpkin Pie estava lá no topo da lista!

E um dos motivos pelo qual eu gosto tanto é porque a torta me lembra muito o doce de abóbora que minha mãe costumava fazer…

Como alguns leitores me pediram a receita aqui nos comentários e no Twitter, achei que seria uma boa oportunidade pra resgatar essa “categoria” que ficou tão abandonada em 2011…

A receita é facílima de fazer… o unico problema é que o ingrediente principal é quase impossível de achar fora dos EUA! E esse ingrediente é o recheiro “artificial” de abobora em Lata!

E nem adianta tentar subistituir pela abobora natural, por doce de abobora e afins (já tentei todas as variações “não-enlatadas” e todas ficaram MUITO ruins…) pois infelizmente não funciona.

E quando eu contei pra minha sogra e cunhada (e alguns colegas Americanos) que eu tinha tentado fazer torta de abobora com abobora de verdade…?! Caras de nojo sem fim…. acho que seria o equivalente a dizer pra um Brasileiro que você vai fazer feijoada usando o feijao enlatado Ingles!

Mas caso você consiga achar a abóbora em lata na internet ou em alguma loja de importados (pra quem esta na Inglaterra, nessa epoca do ano a Amazon.co.uk vende as latas Libby’s), a torta é super simples e facil de fazer:

Ingredientes:

- 1 lata de abóbora (425gr)

- 1 lata de leite evaporado (imagino que funcione com leite condensado também, mas nunca tentei)

- 2 ovos

- 3/4 de xícara de açúcar

- 1 colher de chá de canela

- 1/2 colher de chá de gengibre em pó

- 1/4 de colher de chá de cravo em pó

- Para a massa/fundo da torta você pode usar uma já pronta, ou usar a dessa receita aqui (feita com biscoito maizena/maria)

Preparo:

Misture todos os ingredientes secos (açucar, canela, cravo e gengibre), e bata os ovos inteiros (com um garfo mesmo, como se você fosse fazer um omelete).

Primeiro misture os ingredientes secos com a abóbora em lata, depois acrescente os ovos batidos, e por fim o leite evaporado.

Coloque numa forma de torta com fundo removível, e leve ao forno por 15 minutos a 220 graus (celcius) e sem tirar a torta do forno, reduza a temperatura para 180 graus por mais 45 a 50 minutos (até o centro da torta estar firme).

E pronto, é só deixar esfriar! (eu prefiro a torta já dormida, depois de passar a noite na geladeira!)

Mas cuidado, porque essa torta é viciante!

 

Categorias: Com a barriga no fogao, Pittsburgh, USA
31
22
Nov
2011
Isso aqui não é a casa da sogra!
Escrito por Adriana Miller

Essa semana estamos nos EUA, na cidade onde o Aaron nasceu e cresceu, e estamos hospedados na casa da minha sogra.

Ao contrario de outros ano, dessa vez resolvemos ficar a semana toda, já que as viagens pra visitar nossas famílias sempre sao uma correria, então viemos no fim de semana e ficamos até depois do feriado de Ação de Graças, que é quinta feira.

E esta sendo uma delicia essas dias por aqui, principalmente porque minha sogra tem uma das casas mais confortáveis que já vi na vida!!

20111122-083839.jpg

Não é que seja nada excepcionalmente diferente nem especial, mas é uma casa de “família” e tem uns sofás tão confortáveis que você se sente sendo engolida pelas almofadas fofinhaaaaa…

20111122-084013.jpg

E a cama?! Ela transformou o antigo quarto de solteiro do Aaron num quarto pra gente (ainda agora ela estava me mostrando os posters que o Aaron tinha na parede do quarto dele – entre fotos da Alissa Milano, Ninjas e Air Firce Jets…), e a cama é tão incrivelmente confortável que a gente já começa a sonhar com ela meses antes da viagem!!

20111122-084228.jpg

E sem falar que é um daqueles bairros ultra mega típicos americanos, onde me sinto assistindo um filme da sessão da tarde sempre que abro a janela…

Entre toda comilança do Thanksgiving, o “evento” que eu estava mais ansiosamente esperando (muito mais que as promoções da Black Friday!!) era montar a arvore de Natal da Avó do Aaron!

20111122-084445.jpg

Ela sabe que eu também coleciono enfeites de Natal, então essa é a nossa “thing”, e ela disse que ia esperar que eu chegasse pra participar da tradição!

E a arvore dela é o sonho de todo mundo que gosta de decoração de Natal!
Pra começar que ela – que já tem 95 anos e é 100% saudável e ativa – começou a coleção dela a mais de 60 (e muitos) anos atras, dando continuidade a coleção de enfeites que a mãe e a irmã dela já tinham.

20111122-084746.jpg

Então ela tem centenas, centenas de enfeites de mais de 100 anos, e o mais impressionante é que ela lembra de quase todos! Sabe de onde sao, de quem ela ganhou de presente, que ano foram comprados e as feiras de antiguidades onde ela achou cada im deles ao longo dos anos.

20111122-084945.jpg

E realmente é um evento: a família quase toda se junta pra ajudar a avó a montar a arvore, decorar tudo, colocar as luzes e tal… E a “matriarca” fica dando as coordenadas, onde ela quer que cada enfeite vá, se a quantidade de luzes esta no ou não, ou se algum canto da arvore não tem enfeites suficientes.

E da trabalho viu!! Sao uns 3 metros de altura (com uma base que tem quase 2 metros de diâmetro), então tem toda uma logística de ir montando e enfeitando pouco a pouco…

E tudo isso entre intervalos de visitar todos os amigos das épocas de high School do Aaron e algumas paradas estratégicas no shopping e nos restaurantes preferidos dele.

20111122-085437.jpg

Já teve restaurante de asinha de frango, lojinha de cachorro quente, pizzaria, hambúrguer…. Todas aquelas coisas super Americanoides e super saudável…

E isso porque o feriado e a comilança “oficial” do feriado ainda nem começou!!

Categorias: Feriados e afins, Natal, Pessoal, Pittsburgh, Viagens
38
03
Dec
2009
Esporte nacional: Compras! Compras! Compras!
Escrito por Adriana Miller

A verdade eh que ha meses jah sabiamos que esse dia ia chegar, entao ao longo do ano fomos guardando um budget para ser gastando em compras nos EUA e fomos deixando de comprar varias coisas em Londres com a desculpa de que “daqui a pouco” estaremos nos EUA e lah vai sar tudo mais barato.

Acabou que a viagem foi adiada algumas vezes e decidimos viajar soh no final de Novembro, que entao somou a fome com a vontade de comer: a necessidade de adquirir varias coisas com o maior fim de semana de compras e descontos do calendario Americano!!

Entao sabado, o Black Saturday, comecou ceeeedo! E as 7 d amanha jah estavamos na estrada em direcao a Grove City Prime Outlets, o maior shopping Outlet da regiao de Western Pensylvannia!

Um outro detalhe muito importante eh que o estado da Pensilvania eh um dos poucos nos EUA que nao cobra imposto em roupas, entao todos os shoppings da regiao atraem muitos turistas e visitantes – quando eh outlet entao, a coisa fica fora do normal!

A sogrinha, que eh entendida do assunto, jah tinha avisado, que tinhamos que chegar lah antes da multidao, ou entao jah era! Esse shopping eh conhecido na regiao por ter otimas lojas (Banana Republic, Guess, Gap, J. Crew, BCBG, Calvin Klein, Ralph Lauren, Coach, Tommy Hilfiger, Aldo, Nine West, Clumbia, NIke, Adidas, etc, etc) e recebe diariamente milhares de turistas que chegam em onibus fretados vindos dos estados vizinhos (que cobram impostos em roupas – Ohio, NY, Virginia) e ateh mesmo do Canada!

As 7:30 da manha chegamos e conseguimos estacionar o carro na PORTA da Banana Republic! Estrategico! Ficamos fazendo hora e comendo no Eat’n'Park (eca!) do estacionamento e as 8 em ponto fomos os primeiros a entrar na Banana Republic!

Outro detalhe eh que alem de jah ser uma shopping outlet, as lojas ainda estavam com descontos extras de 50% de desconto e pra cima! Em cima do preco jah de desconto das pecas!

Perdicao! Jah na primeira loja estourei metade do meu orcamento e renovei o guarda roupa social!

No fim das contas, comprei o dobro e gastei 1/3 doque gastaria pra compras as mesmas coisa em Londres!!! Foi uma daquelas situacoes que voce precisa gastar pra poder economizar!

Carregueitor-Sacolatronics Tabajara! Cara de saco cheio eh vendido separadamente!

Cada um de nos 4 tinha sua listinha de prioridades de compras: Eu precisava de roupas pra trabalhar e Aaron tambem, a cunhada precisava de sapatos, e a sogra roupas de inverno.

Varias partes da nossa manha foi passada separados dos outros 3, pois simplesmente nao dava tempo de todo mundo ficar passeando por todas as lojas. O shopping eh enorme, e distribuido tipo do “Down Town” na Barra da Tijuca, com varias casinhas separadas por jardinzinhos (ainda bem que o tempo tava bom!).

A minha estrategia nao foi das melhores, pois eu sou do tipo de consumidora que gosto de ver tuuuuudo primeiro, comparar precos, produtos, experimentar, sair pra dar uma voltinha, pensar a respeito, e soh depois voltar e abrir a carteira. Dessa vez nao deu! Foi uma coisa afobada mesmo! Gostou? Leva! E a medida que viamos os onibus de turismo desovando mais algumas centenas de Canadenses, apertavamos o passo mais ainda! Acabei comprando varias coisas por impulso que depois acabei vendo a mesma peca, em outras lojas (os precos estavam bem homogeneos, mas os tecidos, modelagens, cores etc mudam bastante. Comprei uns 7 pares (??) de calca social na Banana Republic e depois descobri que a Calvin Klein tambem esava tendo uma super promocao de calcas de alfaiataria! No final deu no mesmo, mas tive que me conter pra nao sair de lah com 14 (??) pares de calca social!!!

Quando nos demos conta de que algumas lojas jah estavam com fila na porta, decidimos seguir viagem e encarar o segundpo shopping do dia: Ross Park, que eh um shopping “normal”, mas que memso assim estava transbordando de promocoes e descontos! Nao deu tempo nem pra tirar fotos! No unico segundo que consegui juntar os 4 pra tirar essa foto ai em cima, logo pararam uns 3 carros a nossa volta perguntando quando iamos sair da vaga e buzinando sem parar! Tudo muito tenso!

Chegando em Ross Park foi cada um pro seu canto fazer suas compras, mas eu estava com tanta encomenda pra catar, que acabei nao tendo muito tempo de fazer uma pesquisa de campo das cosias que EU queria, e soh beeeem depois eh que me dei conta que simplesmente nao deu tempo de procurar alguns produtos que tinha na minha listinha, nem deu tempo de simplesmente bater perna no shopping e ver oque tinha por lah, se acasse alguma cosia legal.

Nao deu! Nos encontravamos a cada hora na praca de alimentacao, e entao eu pedia mais uma hora!

Passei uns 45 minutos na Forever 21 catando umas blusinhas bonitinhas, mais sei lah quanto tempo na fila da Victoria Secrets comprando encomenda pros outros, depois na Abercrombie & Fintch, depois na Sephora, depois da Expressa, etc, etc. Tentei ao maximo priorizar justamente as lojas que nao temos em Londres, mas nao deu tempo de nem seuqer entrar nas lojas de departamento.

E qoeu fizemos depois? Terceiro shopping do dia! Paramos o carro num strip mall e enquanto o Aaron correu pra Best Buy, eu corri pro Target, e de listinha na mao fui passando direto nos corredores chave, e nem tive tempo de ficar olhando com calma e pensando noque eu queria comprar, oque nao tem por aqui, as novidades do mercado, etc… Quando me dei conta o Aaron jah estava de volta, nervoso do meu lado perguntado porque eu estava comprando 6 Carmex!!! hahahahahah

E quando saimos de lah, exaustos e falidos, jah estava de noite!!!

Parte das aquisicoes (de beleza) do dia – ainda nao tive tempo (nem paciencia!) de desfazer as malas, entao as roupas ainda nao foram fotografadas!

Soh deu tempo de encarar um Wendy’s drive through e jah fomos direto encontrar com uns amigos do Aaron – mas ai jah eh oooooutra maratona de conhecer a casa nova, brincar com os bebes novos, relembrar os velhos tempos, atualizar as fofocas da galera do high school…. e quando o papo comecou a se encaminhar pra futebol americano, eu entreguei as pontas! Jah estavamos na rua ha 15 horas, sem parar um segundo e estava morta!

P.S. Repararam que uma das “categorias” do Post eh “Esporte e Corrida”?? Hahahaha! Maratona-Shimona! Quero ver aguentarem um dia como esse! Hahaha

Categorias: Beleza, Corrida e Esportes, Feriados e afins, Pittsburgh, USA, Viagens
20
02
Dec
2009
Varias festas. Um unico fim de semana!
Escrito por Adriana Miller

Mal fizemos a digestao da comilanca de Acao de gracas e jah iniciamos as comemoracoes de outro feriado: Natal!

Como esse ano vamos passar o natal com minha familia, resolvemos fazer um natal adiantado com a familia do Aaron.

Tanto a sogra, o sogro e a avo montaram suas arvores de natal a tempo pra dar mais “clima” pra comemoracao – levamos varios presentes, embrulhamos tudo e quando acordamos na sexta feira, dia 27 de Novembro era manha de natal! E foi uma white Christmas pois nevou a manha toda!!

Bebemos mimosa de laranja e cramberry (champagne com suco de laranja ou suco de cramberry), achamos nossas meias de natal na lareira e passamos a manha toda abrindo presentes!

Uma coisa muito legal que temos feito nos ultimos anos eh comprar presentes pra nossas familias ao longo do ano, em todas as nossas viagens, entao foi bem legal abrir cada um dos embrulhos e ir explicando pra elas onde compramos cada coisa, as historias por tras de tudo aqui, as historias de cada viagem, etc. (alem de sair economico, pois nao precisamos comprar todos os presentes de natal ao memso tempo!)

O almoco (de natal!) foi mais uma vez o repeteco do menu com as sobras do Thanksgiving.

E assim que acabou o almoco, adivinha oque fizemos?! Seguimos pra casa da avo do Aaron pra comecar tudo de novo!

E pra completar o espirito de comemorar todos os feriados ao mesmo tempo, o pai do Aaron nos levou a uma loja de balas e doces supre tradicional da cidade deles, que segundo o sogro jah era antiga na epoca que ele era crianca! Entao cada um pgou um baldinho e improvisamos um trick or treat de Halloween!

E essa foi a grande piada do fim de semana… Soh o coelinho da pascoa nao recebeu seu convite a tempo! hahahaha

A noite a comemoracao nao foi exatamente de natal, e sim uma mega reuniao de familia. A avo (que tem 93 anos e espirito de 20!) aproveitou que pela primeira vez em ANOS a familia inteira estava reunida na cidade e organizou uma super reuniao de familia!

Eu adoro o fato do Aaron tambem ter uma familia tao grande, pois assim sei que ele entende a minha!!!

Adoro, amo demais minha familia e nao consigo imaginar como teria sido minha vida sem minhas dezenas de tias, primos, as gritaria,s as gargalhadas, as brigas, as viagens,  as brincadeiras! cada uma de minhas tias e tios sao como segundas maes e pais pra mim, meus primos sao como irmaos! As vezes o Aaron ateh estranha que eu falo muito pouco dos meus amigos de infancia, porque na verdade meus primos foram os grandes personagens da minha vida!

E esse eh o tipo de coisa que soh quem tem familia muito grande e muito unida entende!

E como foi a primeira vez que conseguir ver todos ao mesmo tempo na mesma sala, eh que caiu a ficha que ele tambem tem uma familia gigante (talvez por isso tenha se adptado tao bem a minha! Hahaha). Eu adoro esses ambientes assim, com muita bagunca, bebe chorando, criancas correndo de um lado pro outro, todos falando ao mesmo tempo, gargalhadas em todos os cantos! Ia me sentir muito entediada numa familia bem comportada, pacifica e organizada!

Mas o mais legal foi passar a noite toda conversando com a avo, a matriarca da familia e ver o orgulho dela olhando pra todas aquelas pessoas em volta e se dando conta que todos ali eram um pouco parte dela! Aquela era a familia dela, que ela criou, que ela formou! E divagando oque quanto a vide teria sido diferente se ela nao tivesse tido filhos, se os filhos e sobrinhos nao fossem tao unidos, se os netos nao fossem tao amigos e os bisnetos tao “diversificados” (porque agora a familia jah escancarou de vez!).

Categorias: Feriados e afins, Natal, Pittsburgh, USA, Viagens
14
01
Dec
2009
Thanksgiving day
Escrito por Adriana Miller

Os Americanos sempre se referem a refeição de Ação de graças como “jantar”, seja lá qual for a hora da refeição…

Então na quinta feira tivemos 2 “jantares” de Thanksgiving: um na hora do almoço, e outro no meio da tarde. Ou seja, na verdade nao tivemos jantar nenhum! Coisas de Americanos…

Mas posso dizer que meu primeiro Thanksgiving autentico foi super legal!

A sogrinha, que geralmente é aversa a cozinha, se empolgou em fazer do meu primeiro acao de gracas verdadeiro um evento memoravel!

Oque nao faltou foi comida tipica, com tudo que tinhamos direito!

O fuso horario contribuiu bastante, e quando acordamos as 6 da manha, ela jah estava na cozinha temperando o peru e assando a orta de aborora!

E pronto! Dai pra frente nao paramos de comer nem um segundo o feriado inteiro!

Comecamos o dia com muuuuuuitas panquecas transbordando maple syrup (adoro!), um tempinho depois chegaram a avó e a tia chegaram pro almoço: peru assado, pure de batatas, bata doce, stuffing, vegetais, gravy e tudo mais que tinhamos direito!

De sobremesa, provei pela primeira vez a tal da pumpkin pie e a-do-rei! Acho que comi umas 3 tortas inteiras durante o fim de semana!! hahahahaha! (nao de uma vez soh, claro!), e a Chris tambem fez uma Pecan pie deliciosa!

Mal acabamos de comer e partimos para a fase 2 da comemoração! A tarde fomos “jantar” com o lado da familia do pai!

Repetimos o menu todo de novo!!

Foi tao divertido brincar com os novos sobrinhos postiços!!!

Sem jeito mandou lembranças…

Mas acho que definitivamente sou alergica a pelo de gatos! A madrasta do Aaron tem uns 3 gatos em casa e SEMPRE que vou lá passo muito mal! Nunca tinha ligado os pontos, afinal nao sou muito chegada a gatos e nem tenho muito contato, mas é a unica explicação plausivel…

(Alem disso, o Aaron vive me enchendo o saco pra adotar um gatinho, mas eu gosto mesmo é de cachorros!! Entao agora nao posso ter um gato! Eba! Hahahaha)

Pra fechar bem o dia, ainda demos uma passadinha na casa da avó do Aaron que no alto de seus 93 anos é uma das pessoas mais admiraveis do mundo! Mora sozinha, dirige e toma conta da propria vida, adora uma cervejinha, e dá tantas gargalhadas que se vc fechar os olhos ao conversar com ela, poderia jurar que ele tem uns 20 anos! Só pra dar uma ideia de seu espirito xoven, no seu aniversario de 90 anos, ha uns 2 anos atras, ela se fantasiou de Cheerleader na festa dada pelos netos e bisnetos!!!

E ainda por cima é dona da arvore de natal mais maravilhosa do mundo!!

É ou nao é um exemplo a ser seguido?!

Categorias: Feriados e afins, Pittsburgh, USA, Viagens
24
01
Dec
2009
A caminho de Butler
Escrito por Adriana Miller

Pra chegar em Butler, cidade natal do Aaron, no suburbs de Pittsburgh eh sempre uma jornada… geralmente voamos via NY, que eh pertinho, mas dessa vez o voo via Washington DC estava bem mais barato.

Sabiamos que ia ser apertado, mas arriscamos assim mesmo. No ultimo minuto vimos que a United fez uma cagada com nossa reserva e conseguimos descolar um upgrade… Tava bom demais pra ser verdade, mas nao reclamamos!

Por via das duvidas chegamos no aeroporto beeeem cedo (viajar pros EUA é sempre uma tensão), e quando começou a demorou demais pra embarcar sabiamos que ir dar algum problema!

Nao deu outra! O voo saiu de Londres com mais de 1 hora de atraso, que eh sempre um desastre quando se tem uma conexao!

O voo foi tranquilo, dormi, li e assisti varios filmes… E chegamos em Washington com apenas 30 min de atraso. O unico detalhe é que o fim de semana de Thanksiving é o feriado de maior movimento nos aeroportos americanos!!! Sempre que vamos pra lá, eu demoro hoooras pra conseguir passar pela imigraçõ na fila dos estrangeiros, e o Aaron tem que me esperar. Dessa vez, foi totalmente ao contrario! Meia duzia de gatos pingados na fila dos estrangeiros, e uma fila que virava o quarteirao lotado de americanos!!!

Corremos uma meia maratona e chegamos no portao 30 segundos depois que fecharam as portas! O aviao ainda estava lá!! Quase destruimos a porta (depois, pensando bem, nao é o tipo de coisa que deveria ser feito num aeroporto Americano…!) até que uma aeromoça veio falar com a gente e avisar que deram nossos lugares para passageiros em Stand by, e fomos remarcados pro proximo voo disponivel, quase 6 horas depois…

Quando em Washington….

Oque fazer?! Encher a cara no bar do aeroporto, comendo muitos nachos e chicken wings!!

Chegamos em casa praticamente 24 horas depois que saimos de Londres… exaustos!!

Categorias: Perrengues, Pittsburgh, USA, Viagens
2
27
Nov
2009
Black Friday
Escrito por Adriana Miller

Uma outra grande tradição do feriado de Ação de Graças é a “Sexta feira Negra“, que nada mais é que o MAIOR dia (fim de semana na verdade) de compras nos EUA, e inaugura, oficialmente, a temporada de compras pre-Natal.

Nas mega lojas, armazens e shoppings outlet rolam até acampamento na porta e fila madrugada a dentro!

Algumas lojas chegam a oferecer descontos de 80 e 90%, e os Americanos, pouco consumistas que são não prdem nenhuma pechincha!

No Google existem milhares de sites que dnao varias dicas para ajudar os consumidores a planejar e otimizar as promocoes, quais lojas estarão oferecendo os melhores deals, etc e até as lojas on line entam na festa!

Entao mesmo pra quem não estaiver nos EUA esse fim de semana, fique de olho nas promoções e nos codigos promocionais da Black Friday na internet!

A minha sogra, que é a versao meia idade da Becky Bloom, já mandou e-mails com dias e semanas de antecedencia avisando que apesar de nao podermos sair de compras na sexta por compromissos familiarares, sabado o dia todo será dedicado a gastar, gastar, gastar!

Seremos todos acordados as 6 d manha, pra já estar na estrada as 7 da matina, e chegar no Outlet as 7:30, meia hora antes da abertura oficial das portas: as 8 da manha (os shoppings e lojas vão abriar mais cedo especialmente por causa do feriado do Black Friday)!

P.S. Por isso precisava de uma mala vazia!!

Categorias: Feriados e afins, Pittsburgh, USA, Viagens
13
26
Nov
2009
Jantar de Ação de Graças
Escrito por Adriana Miller

Um dos feriados mais tradicionais dos Americanos é sem duvidas o Thanksgiving, ou Ação de Graças.

Eu já falei sobre esse feriados por aqui em outros anos, mas esse ano vai ser a primeira vez que terei uma comemoração “autentica”: primeiro que só passei a fazer parte desse feriado depois que conheci o Aaron (afinal os Americanos e Canadenses são os unicos do mundo que celebram a data), e porque de todos os Thanksgiving que passamos juntos, esse ano é a primeira vez que estaremo lá para as comemorações propriamente dita.

Então além de rever a familia completa, que não vemos desdo natal de 2007 (!) ainda va ter toda parte divertida da decoração e jantar tradicional!

A viagem é curta, penas 5 dias, mas como meus sogros sao divorciados, as comemorações são todas em dobro!

Então procurei on line algumas receitas dos principais pratos tradicionais que os Americanos gostam de comer nessa data:

- Peru assado: Mais que natal, o peru é a principal estrela do Ação de Graças. Oque não faltam sao opções de como assar um peruzão, mas linquei ai em cima uma receita que pareceu bem boa e facil. Varias outras ideias, aqui.

- Abobora: Toda e qualquer tipo de variação de receitas usando esse vegetal. Tortas, pure, canapes, etc, etc. Mas sem duvida a receita mais comum eh a Torta de Aborora.

- Pure de Batata: É o acompanhamento mais popular, e que tambem tem mais variações criativas (levando em consideração que é uma comida beeeem sem graça!), inclusive variações de seu tuberculo-irmão a Batata Doce.

- Cassarolas e vegetais: Assados, refogados, cozidos ou assados – como a tradição do janatar de Ação de Graças celebra as comidas do “novo mundo” apoós a chegada dos piligrinos na America, os vegetais são outra grande atração do jantar, e igualmente ganham um zilhao de variacões, como essas sugeridas aqui.

- Cramberry Sauce: O Cramberry é uma frutinha vermelha da familia das berries (morango, cereja, frambuesa, e afins) e é mais uma prova da adoração inexplicavel pelo gosto dos Americanos de misturar molhos e coisas doces em refeições salgadas (já vi até marshmellow no pure de batata e gelatina na salada). O molho de Cranberry pode ser comprado pronto (enlatado) ou feito na hora, com as frutas frescas.

- Gravy: que nada mais é doque um molho feito com os miudos e a gordura do peru assado, e servido junto com a carne, pra facilitar a secura do peru.

- Stuffing: É o recheio do peru, e que eu pessoalmente sempre faço pois ajuda a assar o peru por igual. Mas muita gente gosta de fazer do Stuffing um prato separado, e existem inumeras opções de receitas de recheiros que não recheiam o peru, como essa aqui!

Na verdad eu não faço a menor idea de como será o menu de quinta (dia de Thanksgiving oficial) e sexta feira (dia que vamos comemorar com a familia do sogro), mas apesar de ter me oferecido pra ajudar a assar o peru, a minha receita é segredo! :-)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias: Feriados e afins, Pittsburgh, USA, Viagens
1
Página 1 de 3123