11 May 2017
2 comentários

Doha – Souq Waqif e a cidade antiga

Oriente Médio, Qatar

Não importa quantos lugares diferentes eu conheça na África ou Oriente Médio, mas são sempre os mercados árabes que mais me encantam.

Souq Waqif

Acho que principalmente nos países do Golfo, onde rola toda uma mítica em relação a serem “artificiais” ou “sem história”, são justamente esses mercados que provam o contrário: eles são sim muito autênticos e cheios de histórias pra contar.

Então quando planejamos a viagem à Doha, j#a sabíamos que a intenção não era ficar turistando demais nem batendo perna incessantemente, mas eu sabia que não poderia deixar de conhecer o Souq Waqif, um dos símbolos da cidade.

Não que o mercado por si só seja assim tão centenário, vai. Mas já são mais de 100 anos de história, e que ajudou a formar a curltura do Qatar que conhecemos hoje.

A localização do mercado era estratégica: bem em frente ao antigo porto da cidade, onde até hoje estão ancorados os Downs, os barcos típicos da região, que vinham trazendo e levando mercadorias para todo Oriente Médio e Africa.

E originalmente, a água da baía chegava até lá, dando aos barcos acesso direto aos corredores do mercado e seus comerciantes.

Hoje, depois de ter passado por uma mega reforma em 2006, o mercado e o Golfo estão separados por uma avenida e um parque – mas de resto, o Souq ainda se mantem o mais autêntico possível às suas raízes.

Sim, existe wifi em todo mercado, e várias lojas de souvenirs – mas a grande maioria das lojas e barraquinhas vendem artigos locais e tradicionais. Além da própria organização das seções do mercado, que ainda tem um “hospital” de falcões (uma das aves mais tradicionais do Oriente Médio), e o mercado de Camelos, onde diariamente, pessoas de todo o país vem até aqui comprar e vender seus camelos!

Lá dentro também temos a área das joias e o mercado de ouro, as tapeçarias, artigos e móveis em madeira, especiarias, roupas típicas, e tudo mais que você puder imaginar que exista num mercado árabe! Até loja especializada em cela de Camelo nós vimos!

Mas o destaque do mercado ficou mesmo por conta da organização! Por um lado, os “do contra”, vão dizer que a modernização tirou o charme do Souq (eu discordo!), mas a verdade é que deixou a área bem mais acessivel e confortável, para os locais e turistas!

O estacionamento é todo subterraneo e climatizado! E tão grande que se você precisa de ajuda para carregar suas compras, carrinhos estilo campo de golfe te levam dos elevadores até seu carro. O acesso entre a garagem e o mercado é feito por elevadores e mapas interativos, de não deixar nada a dever aos maiores shoppings do ocidente!

Mas não se preocupe, é só abrir as portas que você se sente viajando no tempo, imaginando como seria a vida em Doha ha 100 anos atrás!

Mas confesso que nós fomos sem grandes expectativas – já visitamos algumas dezenas de Souqs mundo a fora, e imaginávamos que seria dificil entreter uma criança de 4 anos e um bebe de 7 meses…

Mas a verdade é que nos divertimos tanto e a Isabella ficou tão encantada com o passeio, as lojas e as quinquilharias, que acabamos ficando por lá até a noite, e cancelamos os outros planos!

 

E pra quem não assistiu, esse foi o vlog que fizemos no Souq Waqif mostrando um pouco mais de como é por lá!

 

Me Acompanhe!

Além de todas as dicas que eu posto aqui no blog, você também pode me acompanhar nas redes sociais para mais notícias “ao vivo”:

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Londres na Inglaterra, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!
Adriana Miller
2 comentários
05 May 2017
0 Comentários

Doha – The Pearl

Oriente Médio, Qatar

A “pérola” de Qatar é o novíssimo desenvolvimento de construção civil, “The Pearl” – um novo bairro que está sendo desenvolvido numa ilha artificial, construída sob medida para expandir a costa e “orla” de Doha, incluindo praias, uma mariana para barcos de luxo, muitos hotéis e condomínios.

The Pearl

Quando finalizada em 2018, a The Pearl terá mais de 30 quilômetros de orla adicional, e contará com cerca de 50.000 residentes fixos.

A construção segue o mesmo modelo e estilo de “ilha artificial” que é tão popular entre seus vizinhos do Golfo (principalmente Dubai, que foi o pioneiro na construção de áreas extras em seu território), e no caso de Doha, o nome “The Pearl” honra o passado de Qatar, que um dia já foi o pioneiro mundial de extração de pérolas naturais, cujo cultivo e extração se dava justamente na baía onde agora está a ilha.

Uma vez finalizada, o mapa da The Pearl, remeterá à um colar de pérolas, em homenagem à seu passado histórico.

O nosso hotel era bem ali do lado, e aliais, a vista do nosso quarto ficava bem de frente para a entrada da Pearl – então aproveitamos para passear por lá algumas vezes e não nos decepcionamos!

A ilha realmente ainda não esta 100% finalizada e vemos muitas construções ainda, mas já está bem funcional!

É ali que agora estão seus principais restaurantes, os apartamentos e condomínios mais caros de Qatar e uma marina com iates de cair o queixo!

O passeio pelo calçadão que beira a marina é uma delicia, e ganha vida no fim da tarde, quando o sol se baixa, as temperaturas diminuem e os Qataris e turistas começam a sair da toca (durante o dia é simplesmente quente demais!).

São muitos quilômetros de calçadão, parques e áreas a serem exploradas, e acabamos não conseguindo ver tudo, mas mesmo o pouco que vimos, impressionou, e realmente vale a visita!

 

Algumas opções de hotéis e hospedagem já disponíveis na ilha The Pearl e arredores:

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Londres na Inglaterra, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

 

Me Acompanhe!

Além de todas as dicas que eu posto aqui no blog, você também pode me acompanhar nas redes sociais para mais notícias “ao vivo”:

 

Adriana Miller
0 Comentários
04 May 2017
4 comentários

Hotel em Doha – The Ritz-Carlton

Oriente Médio, Qatar

Ha uns anos atrás, nós finalmente nos entregamos a um novo estilo de viagem: as viagem “de família”.

The Ritz-Carlton

Quando a Isabella tinha uns 2 anos, uns amigos nos convenceram a encarar um resort em Abu Dhabi, e foi uma experiência tão legal que foi o suficiente pra quebrar qualquer tipo de preconceito que eu tivesse.

Porque? Bem, porque com 2 anos, a criança já não é mais um bebezinho, que simplesmente aceita ficar sentada no carrinho o tempo todo, sendo apenas levada pelos pais e sem grandes endereços. Até então quando alguém me perguntava se tal lugar era “bom pra criança”, eu ficava meio sem entender, porque sempre parti do principio de que qualquer lugar é lugar, e a Isabella ia (e foi!) com a gente pra tudo quanto é canto do mundo.

Mas a partir do momento que fomos a Abu Dhabi me convenci de duas coisas: primeiro, que o Oriente Médio é o destino perfeito para uma escapada “fim de inverno”; e hotéis com boa infraestrutura para crianças e famílias fazem toda a diferença.

Porque realmente chega uma idade em que a criança começa a gostar de parquinhos, precisa de um tempinho pra brincar, mais estrutura pra comer e dormir, e já não rola (tanto) passar o dia todo saracoteando em pontos turisticos ad infinitum.

Então quando começamos a planejar uma viagem para a Páscoa de 2017, o Qatar me veio logo em mente, até porque eles também tem uma filial do St Regis, e queria não só um destino de sol/calor, mas que também oferecesse uma boa dose de cultura, porém sem excesso de turismo.

Então a principio fiz logo reserva no St Regis de Doha, mas quanto mais pesquisei sobre os hotéis e a cidade, de última hora cabei trocando a reserva e fomos para o The Ritz-Carlton Doha quando uma promoção de última hora apareceu on line!

Além do preço melhor, eu tinha lido ótimas coisas a respeito do hotel, e principalmente o fato dele ser o preferido por famílias.

São várias piscinas (inclusive uma piscina só de adultos, pois ninguém é obrigado a aturar os filhos alheios!) e um espaço enorme!

Os quartos são enormes, os corredores são enormes, 5 restaurantes, várias atividades para crianças (almoço em estilo picnic, chá da tarde infantil, caça ao coelhinho da páscoa, etc), parquinho etc.

E foi a decisão certeira pro nosso clima de nem querer sair do hotel!

Sim, fomos passear e conhecemos bastante coisa em Doha, mas foi o hotel que nos fez curtir a viagem de verdade!

O Ritz tem um programa “Ritz Kids” onde eles fazem de tudo para deixar os hóspedes mirins se sentindo em casa: que vai desde berços e caminhas especiais, amenities infantis no banheiro, comidas especiais, eventos especiais, e o que mais a família precisar, eles se viram!

E nem só de turistas vive o Ritz de Doha! Na verdade conhecemos várias famílias locais e de expatriados que moram em Doha que estava passando o fim de semana no hotel, justamente para curtir as piscinas e infraestrutura do Ritz, que – descobri quando já estava lá – é considerado o melhor da cidade para famílias!

O Ritz esta todo sendo reformado, então ficamos em um dos quartos da ala nova, que é simplesmente maravilhoso!

Muito espaçoso, uma banheiro todo de mármore de cair o queixo, e principalmente super moderno! Carregadores USB em todos os cantos, painéis eletrônicos nas paredes (tipo um ipad do futuro!) que regulam tudo – desde acender a luz ou abrir as cortinas, até pedir serviço de quarto ou camareira!

E claro, pelo fato de ter varanda em todos os quartos, podíamos ficar curtindo a vista e tomando um vinho a noite, depois do jantar e depois que as crianças já tinham ido dormir!

Ah! Vale a pena mencionar, que o Ritz vende/serve bebidas alcoólicas normalmente em seus bares, restaurantes (inclusive o da piscina) e no serviço de quarto (nem todos os hotéis tem essa licença do governo, já que bebidas alcoólicas não são permitidas no país).

O Ritz de Doha fica localizado na “West Bay”, que é uma região nova da cidade, bem na entrada do The Pearl (uma ilha artificial), então fica um pouquinho afastado do centro financeiro da cidade (que pra gente não fez a menor diferença), mas que conseguíamos acessar tudo que precisamos em cerca de 15/20 minutos (nós alugamos um carro e fez toda diferença também!).

A ilha The Pearl fica bem ao lado, com os melhores restaurantes da cidade, e bem na entradinha de West Bay fica o shopping Lagoona, também com várias opções de restaurantes, muitas lojas e até um supermercado Carrefour, onde fomos abastecer várias vezes!

Agora com licença que vou começar a planejar um viagem pro Oriente Médio pro Ano que vem!!

Para reservas:

The Ritz-Carlton Doha

 

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Londres na Inglaterra, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

 

Adriana Miller
4 comentários
Página 3 de 83612345678