20
Feb
2014
Roast – Borough Market
Escrito por Adriana Miller

Um dos programas mais legais pra quem visita Londres no fim de semana, são seus muitos mercados: eles variam de joias vintage e pecas de antiquários, a flores, quinquilharias e comida orgânica – tem pra todos os gostos!

20140220-211025.jpg

Mas todos tem em comum aquele elementos de “Londres como ela é”, com uma mistura incrível de pessoas e culturas.

Mas eh sempre legal combinar um dos mercados com alguma outra “experiência” – como por exemplo um pic nic no parque depois do Broadway Market, ou um almoço ou drinks no Kensignton Roof Gardens depois do Portobello Road Market e um Brunch ou assado de domingo no Roast, o restaurante dentro do Borough Market.

20140220-211036.jpg

Bem, na verdade o que não faltam são coisas a fazer por perto do Borough Market (o Queen’s Walk, Torre de Londres, Tower Bridge, Tate Modern, The Shard, Sheakerspere Globe, etc… uma das regiões mais fascinantes da cidade!) mas um brunch (sextas e sábados, quando o mercado esta funcionando) ou um almoço de domingo (mesmo sem as barraquinhas e burburinho do mercado) é uma opção perfeita de um programaço pela região!

20140220-211047.jpg

O Roast é o único restaurante dentro do mercado, ocupando toda area do “Flowers Halls”, no topo da estrutura, e tem como especialidade as carnes assadas, e o típico “Sunday Roast” Inglês.

20140220-211057.jpg

Aliais, não sei se já falei do “Assado de domingo” por aqui, mas esse é um costume que os Ingleses levam super a serio! Todo Pub que se preze serve Fish’n’Chips na sexta feira e “Sunday Roast” aos domingos, e é o que a maioria das famílias comem também.

20140220-211133.jpg

Os ingredientes do restaurante são todos fornecidos pelos produtores do mercado, garantia de tudo sempre fresquinho e de altíssima qualidade, e garantindo os melhores cortes de carnes Inglesas e Escocesas para os assados.

20140220-211114.jpg

Aos domingos eles só servem isso – o menu é único e a fila eh grande (TEM que reservar!), e é uma experiência super British! Começando pelos aperitivos made in UK (Bloody Mary, Gin & Tonic, Pimm’s), as entradas e as diferentes carnes assadas – todas acompanhadas por legumes e Yorkshire Pudding, uma massa “folheada” salgada típica do norte da Inglaterra que é servida com todos os assados. E claro, as sobremesas também super tradicionais do UK: Apple Crumble, Sticky Toffee Puddin, Eton Mess, etc

20140220-211222.jpg

Perfeito pra acabar com aquela ideia de que se come muito mal na Inglaterra, e que só se come bem em restaurantes internacionais!

Nos dias que estiver rolando mercado, o Roast fica extra especial, pois suas janelas tem a “vista” do mercado rolando lá em baixo – mas se engana quem acha que a area morre nos outros dias – o Borough Market é cercado por um emaranhado de ruelas com lojinhas, pubs e restaurantes – inclusive com aquela instalação dos guarda-chuva coloridos que eu postei no Instagram no outro dia!

20140220-211243.jpg

Roast

The Floral Hall, Borough Market,

Stoney St,  SE1 1TL

Categorias: Conhecendo Londres, Inglaterra, Mercados, Pub & Restaurantes, Viagens
0
08
Aug
2012
Jamie Oliver – Union Jacks
Escrito por Adriana Miller

A um tempao atras eu dei a dica do restaurante (que ate entao era novidade) do Jamie Oliver, o Jamie’s Italian, que rapidinho virou um dos favoritos entre quem vem passear em Londres e quer comer bem e barato.

E ao longo desses ultimos anos, Jamie entrou de cabeca em outras empreitadas, com varios outros restaurantes e redes pipocando pela cidade e pelo mundo.

Uma das novidades mais recentes foi o Union Jacks, que rapidinho fez sucesso e volta e mais outras filiais vao abrindo pela cidade.

O clima e estilo culinario do Union Jacks eh bem diferente dos outros restaurantes do Jamie – e como o nome sugere, eh um restaurante, essencialmente Britanico (Union Jack eh o “apelido” da bandeira do Reino Unido).

A proposta eh mostras a culinaria Britanica de uma maneira mais moderna, misturando alguns pratos e ingredientes tradicionais e contrados em qualquer Pub, com um estilo mais descontraido dos diners Americanos, e aplicando algumas formulas que fazem sucesso pelo mundo.

Uma das atracoes do cardapio sao por exemplo as “tapas”, que nada mais sao doque mini-porcoes dos pratos mais populares do pais (o mini fish and chips com molho tartaro eh sensacional!).

Outras opcoes incluem alguns pratos de curry indiano, as Pies Inglesas (tortas salgadas, tipo um empadao) e as pizzas (chamadas de “flats”), quase todas com opcoes de ingredientes diferentes e originais, que de alguma maneira, combinam!

E nem as sobremesas ficaram de fora dessa releitura da culinaria Britanica moderna, incluindo algumas opcoes como sorvete de “Sticky Toffee Pudding” (uma das sobremesas preferidas dos Ingleses) e ate um sorvete de cha Earl Grey com biscoito! (mais British impossivel!).

Os precos tambem sao otimos, e da pra ter uma refeicao bem boa e completa por menos de 30£ por pessoa!

(Veja as diferentes opcoes de endereco no site – link acima)

 

Categorias: Conhecendo Londres, Inglaterra, Pub & Restaurantes
13
04
Nov
2011
York & Albany: Gordon Ramsay
Escrito por Adriana Miller

Outro programa que vale a pena ser incluído em qualquer roteiro por Londres são os restaurantes dos tais “Celebrity Chefs” – porque os Ingleses tem verdadeira fascinação com eles e suas cadeias de restaurantes e já faz parte da cultura local!

Então por falta de disponibilidade nos restaurantes do Jamie Oliver (que as meninas conheciam mais), fizemos reserva pra ir um dia almoçar no York & Albany, um dos primeiros restaurantes que o Gordon Ramsay abriu sob seu nome.

As expectativas eram altas pois eu a-do-rei o Maze Grill, e eu imaginei que com a localização privilegiada na badalada vizinhança de Camden, ele não ia fazer feio, certo?

Beeeem…

Ok, nao vou falar mal do restaurante porque realmente a comida estava ótima, mas todo o resto deixou a desejar. Talvez por ter sido durante a semana, na hora do almoço? Sei lá…

Apesar de todo caso sobre reservas e exclusividade e afins, o restaurante estava completamente vazio, oque já cortou o barato dessa cosia de celebrity chef pela metade. E mesmo assim, sendo praticamente a única mesa ocupada, o serviço foi péssimo!

Era um sacrifico conseguir chamar atenção da garçonete, tudo demorou horrores pra chegar, e apesar da comida (realmente) deliciosa, as porções eram minúsculas.

Mas o problema é que o York & Albany nao h um restaurante “fino” de desgustação da cadeia do Gordon… supostamente esse é o restaurante familiar, com comida caseira bem feita e bem servida e tal, então quando nossos pratos chegaram foi um tanto quando decepcionante… e como tivemos que esperar horas pra sermos servidas, foi aquele desanimo!

Mas pode ser que a noite ou em fins de semana a experiência fosse totalmente diferente, e sem duvida o almoço teve o propósito que queríamos: um almoço mulherzinha bem bacana em Londres e matar a saudade da minha irmãzinha!

 

Categorias: Conhecendo Londres, Inglaterra, Pub & Restaurantes, Viagens
4
09
Mar
2011
O melhor Fish’n'Chips de Londres: Masters Super Fish
Escrito por Adriana Miller

Eu sou sempre a primeira pessoa a desconfiar de titulos que anunciem o “melhor” disso ou aquilo de Londres, simplesmente porque as opções aqui são tantas, que é impossivel alguem realmente conhecer opções suficientes para conseguir dar um parecer final… Além disso, sempre acho que essa coisa de melhor ou pior, varia muito de acordo com o gosto do fregues.

Mas quando voce começa a reparar que o mesmo nome começa a aparecer em listas de publicações conceituadas (e que provavelmente já provaram de tudo que existe por aqui) como TimeOut, Evening Standard, Guardian, etc isso deve ser visto como um sinal!

E pra completar, se esse tal lugar que esta sempre no topo das listas de “top” Fish’n'Chips da cidade fica a poucos quarteirõe da minha casa, tive que verificar de perto!

O Masters Super Fish é uma birosquinha que poderia facilmente passar despercebida nos arredores de Waterloo, e que já passou por varias gerações pela mesma familia de chippys. Eles também servem outras opções de frutos do mar, mas sua fama é conhecida em Londres definitivamente por causa de seus fish’n'chips – o peixe é fresco todos os dias, comprado todas as manhas no mercado Billinsgate Market (um mercado gigantesco de peixes no sul de Londres, na região das Docklands) e os pickles e gerkins servidos também são caseiros, feitos pelo proprio dono.

Eu não sou das maiores fans de Fish’n'Chips, mas não da pra ignorar que essa é a principal modalidade de junk food produzida no Reino Unido, e a comida mais tipica, facilmente encontrada em (literalmente) todas as esquinas do pais.

O “prato” consiste de peixe frio, batata frita e ervilhas – quem quer ser tipico mesmo, escolha suas ervilhas em forma de puré (mashed peas)! Minha modalidade preferida!

O peixe geralmente é bacalhau (fresco, não o bacalhau salgado que geralmente comemos em pratos portugueses) ou hadoque (que é outro tipo de peixe branco muito comum em pratos Ingleses), empanado com uma massa feita de cerveja (mas que não tem gosto de cerveja, garanto!), com batatas fritas e esvilhas, que podem ser “garden peas” (que eh a ervilha em conserva normal) ou “mashed peas” (tambem conhecido como “mushy peas”, que é um pure de ervilhas), e nos restaurantes mais tipicos, eles servem o prato com pickles e gerkins, ou simplesmente com rodelas de limão e molho tartaro.

Masters Super Fish

191 Waterloo Road, SE1 8UX


 

Categorias: Conhecendo Londres, Inglaterra, Pub & Restaurantes, Viagens
10
14
Jul
2010
Public House – Os Pubs Ingleses
Escrito por Adriana Miller

O Pub Ingles (Ou Irlandes, ou Escoces, ou Gales) eh definitivamente uma instituicao Britanica!

Quando ainda morava no Brasil volta e meia ia pros “Pubs” do Rio com as amigas e amava aquele clima de… Pub!

Os Pubs sao na verdade a versao Britanica de um bom boteco! Alguns sao lindos e otimos, outros… nem tanto! Mas nao interessa, cada bairro (ou seria quarteirao?!) tem o seu, e nao existe um unico vilarejo nessa ilha que nao tenha seu “local pub”. E nao tem uma cidade do mundo que ainda nao tenha sido invadida enao tenha seu tipico Pub atraindo multidoes.

E os Britanicos levam isso muito a serio, e a “pub culture” eh uma coisa bem presente na sociedade por aqui.

Todo mundo tem seu local pub, aquele que fica pertinho da sua casa, e onde vc sempre dah uma passadinha ao longo da semana.

Existem tambem os “gastro-Pubs” que sao os pubs que evoluiram e alem de servir “pub food” tambem servem comida tipica britanica de otima qualidade (tem um aqui perto de casa que recebeu ateh estrela Michelin!).

Aliais, pra quem quiser provar a tipica comida Inglesa, um bom Pub eh a melhor opcao! No cardapio de qualquer Pub voce encontra facilmente Bangers’n’ mash (linguica com pure de batata e molho), Shepperds Pie (torta de batata com carne moid de carneiro), Steak Pie (torta salgada recheada com carne – ou qualquer outra coisa, e geralmente servido com pure de batata), Sunday Roast (carne assada, com legumes, vegetais e Yorkshire Pudding) e claro, o mundialmente famoso Fish’n’Chips (posta de peixe empanada servido cm batata frita). E a grandissima maioria dos Pubs tambem serva o tipico English Breakfast todas as manhas.

Mas ainda mais importante que a Pub Food sao as cervejas… Eu nao sou entendedora, pois nao bebo cerveja, mas se tem uma cosia que os Ingleses realmente gostam sao suas Ales!

Dizem que as cervejas Inglesas nao sao boas pois sao servidas quente… oque nao eh inteiramente verdade… mas vejamos bem, num pais onde raramente faz calor, qual a necessidade de servir qualquer bebida estupidamente gelada?Entao, sim, a cerveja na Inglaterra eh servida gelada, mas sem ser “estupida”.

E alem disso, qualquer bebida de pub eh servido em proporcoes industriais! Se vc pedir uma bebida qualquer (Ale, Lager, Cider, coca cola, ou qualquer outro tipo de bebida on tap) ela vira num copo de “pint”, que eh a medida padrao na Inglaterra e tem cerca de 500ml! (acho muito engracado quando uma receita de comida pede 1 “pint” de leite por exemplo…).

Mas se doses de 500ml for demais pra voce, eh soh pedir uma “half pint”, que eh um copo com um tamanho ais normal, custa metade do preco e voce nao core o risco de ficar com sua cerveja quente antes de beber tudo!

Aliais os precos sao uma cosia que vale a pena mencionar ao falar de Pubs: no geral, os Pubs sao muito baratos! Os Pubs sao mesmo uma coisa bem povao, e por isso, mesmo os gastro-pubs ou pubs mais posh raramente cobram precos irreais.

A tabela de preco padrao cobra entre 3 e 3,5 Libras por uma Pint de cerveja ou cider, uma refeicao fica na media de 7 a 10 Libras (e as porcoes de Pubs sao sempre muito bem servidas!), uma taca de vinho (bom) por 3 a 4 Libras e assim sucessivamente!

Entao voce pode passar a noite toda enchendo a cara, e ainda assim nao ira a falencia!

Mas os Pubs, por terem essa coisa “bairrista” de “povao”, tem algumas regrinhas que precisam ser respeitadas e entendidas.

Pra comecar que Pub eh isso ai mesmo. Nao tem grandes frescuras, geralmente estao sempre lotados, nem sempre limpos (a rotatividade de clientes eh grande), muitos tem carpete no chao, e geralmente tem aquele clima “escuro” de inverno na Inglaterra, com a decoracao “rustica” com muita madeira, veludos, tecidos chadrez, lareiras, etc. Na verdade eu acho que eh justamente isso que dah o charme!

Depois, a regrinha numero um eh que no Pub todo mundo tem que se virar. Raramente um pub titpico reserva mesa, e mesmo se voce conseguir uma, teoricamente qualquer pessoa pode se sentar com voce, caso haja lugares vazios (por definicao Pub eh um lugar publico), e por fim os Pubs nao tem garcon e garconetes, entao voce tem que fazer seu proprio pedido.

As mesas geralmente tem os menus, e “baldinhos” com guardanapos, talheteres, molhos, etc. Ai voce escolhe oque quer comer ou beber, e eh soh ir direto no balcao e fazer seu pedido. As bebidas eles te servem na hora e voce mesmo que leva tudo pra mesa, e se pedir alguma comida, eles perguntam onde vc esta sentado e depois alguem vai lah te servir. Caso queira repetir sua bebida, eh soh levantar, voltar no balcao e fazer seu pedido de novo!

E isso eh importante lembrar, porque se nao voce vai passar hooooooras sentado numa mesa de Pub e ninguem vai te dar a minima bola! (serio, jah aconteceu comigo!).

E ainda tem a historia de que os Pubs fecham cedo, oque eh pura verdade!

Como falei antes os Pubs sao na verdade “Public House”, que eram casas de familia, que na idade media recebiam uma autorizacao do Rei para quem pudessem vender bebidas alcoolicas e hospedar pelegrinos e viajantes (Em 965 o Rei Edgar criou essa lei, que soh permitia um lugar publico por vilarejo que poderia vender alcool!)

Com o passar dos seculos, algumas dessas public houses acabaram virando Inns ou Tavernas, alugando quartos e hospedagem para os forasteiros, e a medida que a Inglaterra foi se integrando na sociedade Europeia, e mais pessoas circulavam pelo pais como comerciantes e trabalhadores, as Public Houses foram ficando mais e mais populares – e por isso tambem que tradicionalmente, cada cidadezinha tem seu Pub, e muitos deles existem a centenas e centenas de anos (isso sem falar nas dezenas de Pubs que se auto intitulam “pub mais antigo do Reino Unido”….).

E pasmem, essa mesma lei que regula quem pode e quem nao pode vender bebida alcoolica em locais publicos ainda existe! E eh justamente esse lei que regula os horarios de abertura e venda de bebidas alcoolicas.

Apenas em 2005 essa lei foi modificada e os estabelecimentos que quisessem ficar abertos ateh mais tarde, poderiam solicitar uma nova licenca. Eu lembro que essa lei foi aprovada logo que eu cheguei em Londres, e na epoca a polemica era que todos os pubs iam querer ficar abertos 24hrs por dia e o pais ia virar uma nacao de bebados.

Mas por incrivel que aprece, apesar de que agora eh permitido a venda de bebidas ateh mais tarde, os donos dos pubs tiveram muito pouco interesse em adquirir a nova licenca, e os proprios consumidores, estao tao acostumados que essa “Pub Culture” de comecar cedo e acbar cedo, que a mudanca da lei acabou nao dando certo (tambem ne? Depois de mais de 1000 anos acostumados a voltar pra casa as 11 da noite…).

Mas oque eu acho mais bonitinho na tradicao dos Pubs sao os nomes “criativos”, que tambem foram estabelecidos por lei no ano de 1393 pelo Rei Richard II. Como os donos as Public houses tinham que pagar impostos sobre a licenca para vender alcool, o Rei e os nobres queriam poder cobrar impostos, e a lei do seculo 14 determinou que todas Public Houses deveriam ser identificadas com placas em suas portas.

Mas como nessa epoca a grande maioria da populacao (e principais clientes) nao sabiam ler, os nomes tinham que ser bem simples, e na grande maioria das vezes nem nome tinham, apenas uma pintura ou desenho que indentificavam aquele estabelecimento. E por isso os nomes nos soam tao engracados hoje em dia, mas a 700 anos atras ees tinham que representar alguma coisa facilmente identificavel e que pudesse atrair mais clientes, e alguns nomes existem ateh hoje como: The Drunken Duck (O pato bebado), Mad Dogs (Cachorros loucos), Dirty Dicks (Pintinho sujo), The Horse and Shoevel (O Cavalo e Pah), etc, etc… ou os nomes mais comuns como Kings Arms (Exercito do Rei), The Queen Crown (A coroa da Rainha), Red Lion (leao Vermelho), etc.

Aqui no trabalho nos temos a tradicao de toda sexta feira sair pra almocar no local pub, e volta e meia adoro ir amocar um tipico Sunday Roast no pub aos domingos!

Uma das cosias mais tipicas que se pode fazer na Inglaterra!

Categorias: Conhecendo Londres, Inglaterra, Pub & Restaurantes, Vida na Inglaterra
25
07
Feb
2010
English Breakfast
Escrito por Adriana Miller

Uma das experiencias imperdiveis de Londres é comer um Full English Breakfast. Pode parecer meio exagerado e até nojento pro paladar mais “leve” brasileiro, mas o English Breakfast é uma “refeição” bem boa e tipicamente Inglesa!

É bem comum ver pubs e bares que servem “all day breakfast” (cafe da manha servido o dia todo) entao pra quem nao consegue se acostumar com a ideia de comer ovos fritos, linguiça, feijao de lata e batata rosti de manha cedo, pode encarar o PF na hora do almoço por exemplo!

Nao existe muita explicação historica do porque dessa mistureba ser tipica Inglesa, mas se parármos pra pensar na historia da Ilha, nao seria nada esperto pra um Ingles do seculo 16 acordar antes do sol nascer pra ir trabalhar no frio e chuva no campo/fazendo no meio do inverno e comer apenas umas frutas e queijo branco, certo? Quem conhece um pouco da historia medieval Britanica sabe que as coisas por aui nao eram nada facil ha uns seculos atras, e comidas pesadas eram a unica soulcao de sobrevivencia.

Nao pode faltar o cha com leite!

O Full English Breakfast do Aaron

E minha opção vegetariana!

Porem hoje em dia, a tradicao permanece e os Ingleses gostam de comer um full breakfast principalmente no fim de semana e é um otimo cura ressaca! Entao nao é nada surpreendente ver que os pubs ficam quase tao cheios num domingo de manha/brunch quanto numa sexta feira happy hour!

O English Breakfast mais comum consiste de ovos, salsicha e/ou bacon (que nao é o mesmo que o Americano – o bacon Ingles é mais “carnudo” em vez de ser apenas gordura frita), hash brown (tipo uma batata rosti , feijao branco (de lata), champignon e tomates assados.

No meu caso, geralmente peço a opcao vegetariana ou continental, que é um pouco mais leve e nao tem carne de porco…

Categorias: Conhecendo Londres, Dia a dia, Pub & Restaurantes, Tradicoes Inglesas, Vida na Inglaterra
23
07
Sep
2008
The Mitre
Escrito por Adriana Miller

Nao importa a quanto tempo vc more em Londres, tem sempre um lugar novo pra descobrir, um bar que voce nunca foi.
Ontem, fomos ao “The Mitre“, um pub meio escondido em Hollands Park. Provavelmente teria passado despercebido, e nunca descobririamos que essa pub eh um dos otimos gastro-pubs espalhados pela cidade.

Mas acabamos por lah, bebendo vinho rose e comemorando o noivado de um casal de amigos: o noivo Sul Africano e a noiva Australiana. Mais um casamento em Sidney ano que vem… Oh duvida cruel.. Agora nao temos escapatoria, MESMO!

Entao o tema da noite foram meus assuntos preferidos da atualidade: casamento e viagens!!




Categorias: Amigos, Conhecendo Londres, Pub & Restaurantes
4
30
Aug
2008
First Floor
Escrito por Adriana Miller

Sexta a noite saimos pra jantar com uns amigos do Aaron. Foi o aniversario de uma Sul Africana – Portuguesa, e o pre-casamento de um Sul Africano com um Inglesa (hj a noite). Os Ingleses nao fazem jantar de ensaio como os Americanos, entao estavamos todos lah, menos os noivos.

Chegamos atrasados porque o nome do restaurante eh “First Floor” (Primeiro Andar) em Portobello Road, mas ele sismou que o restaurante nao tinha nome… era apenas no primeiro andar de um restaurante qualquer…





O assunto da festa foi na verdade um outro casamento, ao qual todos nos fomos convidados, e estamos MUITO tentados a ir: em Sidney, Australia! O unico impedimento eh que esse casamento eh no final de Marco do ano que vem, praticamente logo depois da nossa lua de mel… Mas o argumento que todos os nosso amigos estao usando foi o mesmo que nos usamos no nosso casamento, pra convencer todo mundo a se deslocarem pro Brasil! Eh uma oportunidade unica de viajar com todos os seus amigos, e conhecer melhor a cultura local com os locais, e participar de um evento unico!
Sign me in!!




O Aaron nao esta taaaao animado assim pq ele jah conhece a Australia, mas nao darei paz ate comprarmos nossa pasagem!

O restaurante que fomos, eh na verdade uma ‘prived function room’ que qualquer pessoa pode alugar pra festinhas e jantares. Muito legal e cheio de style! Bem no meiao de Portobello Road. Mais Londrino impossivel.

Mas a parte mais engracada da noite foi quando estavamos voltando pra casa e passamos na porta da lojinha de caridade do hospital, onde ha umas semanas atras o Aaron levou um moooonte de roupa que ele nao usava pra doacao (ele queria jogar tudo fora, mas imagina se eu ia deixar!). E quando chegamos perto oque eu vejo na vitrine?!?!? MINHA MALA!
Ele levou as roupas dele na MINHA mala, pq estava ‘mais a mao’ do que a dele, e esqueceu lah!!
HAHAHAHAAHAHAHAHAHAH

Lah estava minha malinha… a venda em destaque, na vitrine, por meros 4 libras…

Categorias: Amigos, Conhecendo Londres, Pub & Restaurantes
7
15
Dec
2007
Secret Santa & Maggie Jones
Escrito por Adriana Miller

Sexta feira foi o jantar de fim de ano do RH. Somos poucos, e alguns nem sequer foram, mas foi uma noite bem legalzinha….

Pra comecar que o local escolhido foi um restaurante estilo gastro-pub, bem tradicional Ingles em Kensinghton High Street. Uma coisa de tao fofo. Recomendo pra quem esta na area. Lanca no Google “Maggie Jones“, e faca reserva.

Eles soh servem comida tipica Inglesa, e mais um vez pude provar minha teoria de que a comida Inglesa eh um delicia, porem muito mal compreendida. Adoro implicar com brasileiros que reclamam da comida Inglesa, p na verdade a comida Inglesa, se analisarmos bem depois de algumas tacas de vinho, tem o memso estilo da comida Brasileira.


E que estilo eh esse? Comida caseira, sem firulas, sem finuras. Aquela comida boa, de casa, que enche a barriga e alimenta, mas que fica feia no prato.

Ou vai me dizer que feijoada e bonita? Gordura pingando de picanha eh charme? Eh uma delicia, mas bonita nao eh.

A culinaria Inglesa eh a mesma coisa. Eh uma comida caseira, mas sem apresentacao. O tipo de cosia que nao adianta tentar abrir um restaurante posh e cobrar os olhos da cara pq nao cola. Oque os olhos nao veem, o coracao nao sente.

pelo mesmo motivo que comda Brasileira nao faz sucesso no exterior. Nao tem glamour, nao tem beleza.

Mas voltando ao assunto. O post sobre culinaria Inglesa fica pra um outro dia.

Nesse jantarzinho de sexta fizemos tambem o amigo oculto, que aqui se chama Secret Santa. Funciona mais ou menos como o Brasileiro: colocamos todos os nomes num saco, misturamos bem, cada um pegou um nome, guardou segredo, comprou um presente. A diferenca eh que aqui o Secret Santa (a traducao literal seria “Noel Secreto”) eh secreto MESMO. Ateh agora nao sei quem me tirou, o cara que eu tirei nao sabe que fui eu, e assim por diante. Imprimimos umas etiquetas no computador (pra ninguem decifrar as letras de quem escreveu), colocamos todos os presentes numa sacolona de lixo, e iamos distribuindo.

Mas por um lado foi bem legal. Ingles jah eh sem nocao, quando pode ser sem nocao em segredo entao, ai jah era. Soh rolou presente estranho. Os unicos “normais” foram o da menina que tah gravida e o meu. Entao das duas uma: Ou eu sou uma chata, sem nenhuma “exentricidade” aparente (logo, nada pra me sacanearem) ou quem me tirou foi a Chefona, que nao ia se rebaixar a essas coisas. Mas teve uma que recebeu lingerie de pon-pon, teve chapeu de cowboy, teve calendario de Gatos, teve “remedio pro mau humor” (esse quem comprou foi eu!), etc, etc.

Mas voltei pra casa cedo porque ainda tinha que preparar o peru pra amanha!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias: Conhecendo Londres, Natal, Pub & Restaurantes, Trabalho, Vida na Inglaterra
4