14
Dec
2012
Transporte em Londres: Os preços em 2013
Escrito por Adriana Miller

Um dos posts mais acessados aqui no blog eh o super post que fiz ha um tempinho atras sobre absolutamente TUDO que voce precisa saber sobre o metro de Londres (tem ate video de como recarregar seu Oyster!).

As informacoes no post continuam super atuais e imprencindiveis pra quem vem pra Londres e quer usar o principal e mais eficiente meio de transporte – o metro.

Porem, todos os anos em Janeiro, o governo atualiza os precos das passagens e portanto os valores que estao no post ja nao serao mais os precos praticados em 2013.

E  nos ultimos dias eu andei reparando que todas as estacoes estao cheias de cartazes e folhetos informando os passageiros sobre as mudancas e novas tarifas - Entao esse post eh pro pessoal que ja gosta de sair de casa com tudo planejadinho, gosta de saber exatamente quanto vai gastar com cada item da viagem e nao quer se estressar com detalhes!

Os principios da matematica do metro de Londres continua o mesmo (vale a pena ler o post original pra saber qual o melhor ticket pra sua situacao).

Tube2013

Os diferentes tipos de passagens disponiveis continuam os mesmos e sao: “Cash“, que eh a passagem unitaria, de apenas uma viagem, comprada com ticket de papel (e sempre o pior custo-beneficio) Travelcard de 1 dia, 7 dias (que te da acesso ilimitado ao sistema de transporte por um determinado periodo de tempo – um dia inteiro ou uma semana inteira), Return ticket (ida e volta unicos) e Single Fare (passagem unitaria, porem comprada no seu Oyster, em vez da versao de papel). E claro, todos os custos ainda variam de acordo com as zonas viajadas dentro da cidade (quanto mais longe voce for, mais caro sera sua passagem).

E quem for passar bastante tempo em Londres, ainda temos as opcoes mensais e anuais.

A regra de ouro eh que o custo de um Travelcard de 7 dias sempre vai valer a pena se voce vai ficar 4 ou mais dias na cidade.

Como disse acima, os bilhetes ”Cash” são aqueles que voce chega na hora, compra um Single Fare (passagem unitaria) na versao papel. Essa passagem unitaria, apartir de 2 de Janeiro de 2013 vai custar £4,50 para qualquer viagem entre as zonas 1 e 4.

Porem, se voce comprar a mesma passagem usando seus Oyster, o mesmo trajeto custara apenas £2,80 entre as zonas 1 e 2, ate £3,80 para a zona 4.

Mas se voce sabe que voce vai e voltar de algum lugar, entao um Return Fare, ou Day Pass custa £8,80 libras no bilhete de papel e £8,40 no Oyster (entre as zonas 1 e 2) te dara acesso total ao sistema de transporte de Londres durante aquele dia.

Então voltando a minha questao matematica, quem for passar ate 3 dias em Londres, a cada dia,  compre o seu passe do dia. Vai custar uma media de £8,40 libras por dia, totalizando £26,40 Libras.

Porem, se voce ja adicionar um quarto dia a sua viagem, a conta passa de £26,40 para £35,20, enquanto que um Travelcard para 7 dias custa apenas £30,40 – ou seja, uma economia de £4,80!

E lembrando que os Travelcards (sejam semanais, mensais ou anuais) sao contados por dias corridos, e nao por dia da semana ou do mes – ou seja, se comprou seu Travelcard na 4a feira de manha, ele sera valido interruptamente ate a terca feira seguinte a meia noite.

O Oyster eh sempre uma super vantagem – O custo do cartaozinho eh de £5 Libras, mas se voce comprar junto com um Travelcard semanal, o Oyster sai de graca (basta comprar seu Travelcard no guiche em vez de usar as maquinas).

Caso contrario voce pode guardar seu Oyster como souvenir (ou pra sua proxima viagem, pois tenho certeza que voce vai querer voltar em breve!!) ou entao develve-lo na estacao e receber seu dinheiro de volta.

E para todos os outros posts com informacoes sobre os meios de transporte em Londres:

- Metro

- Onibus

- Barco

- Taxi

 

ATUALIZAÇÃO:

Surgiram algumas duvidas em relação as zonas de Londres e se os passes pra determinada zona são limitantes ou não.

O mapa abaixo (tirado no proprio site do “Transport for London”) mostra todas as linhas de metro de Londres e em qual zona estão localizados – como vocês podem ver, realmente quase todas as atrações turísticas estão localizadas na zona 1 ou 2, portanto um Travelcard basico, que cubra essas duas zonas geralmente é o que basta para turistas.

Mapa metro Londres

Porém ao comprar um passe pra zona 1 e 2 não quer dizer que você não pode viajar pra fora dessas zonas, muito pelo contrario.

A diferença é que se seu passe só é válido na zona X e você quer viajar pra zona Y, basta ir no guichê ANTES de embarcar e pedir pra comprar uma extensão de seu bilhete da zona X pra zona Y (que sai bem mais barato que comprar um bilhete inteiro).

Caso você não faça isso, ao chegar na estação de destino, fora da zona de seu Travelcard, você não vai conseguir passar pela catraca e terá que pagar uma multa no ato (que geralmente custa £20 Libras, paga na hora e sem segunda chance!), e caso você tentar entrar numa estação fora de sua zona, seu passe simplesmente não vai funcionar, então você terá que comprar uma extensão (ou um novo bilhete).

 

Categorias: Conhecendo Londres, Inglaterra, Transporte, Viagens
23
01
Apr
2011
London Underground: Absolutamente TUDO que você precisa saber sobre o metro de Londres!
Escrito por Adriana Miller

Eu estou enrrolando meses pra fazer esse post, e sei que sempre é uma das principais duvidas que assolam quem vem pra Londres pela primeira vez.

O sistema de transporte é otimo, eficiente e te levará a cada canto da cidade. Mas por isso mesmo é complexo e pode ser extramamente confuso de pegar a manha!

E já aviso que o post vai ser longo… Vou tentar ser o mais detalhada e completa possivel, com fotos do passo a passo e no final de tudo tem até um filiminho com um “tutorial” de como pegar o metro em Londres!

- Oyster Card ou Travel Card?

As opções são mesmo muitas, e pode ser confuso decidir qual o melhor ticket pra sua situação. Alem disso, ha uns anos atras o Transport for London introduziu o Oyster Card que é um cartãozinho magnetico, que agilizou bastante as filas no horario de rush, mas tambem trouxe muitas vantagens pra moradores e turistas.

Oque muita gente não sabe é que voce também pode comprar um travelcard com seu Oyster, que fica bem mais pratico!

Então os tipos de passagems são: Travelcard de 1 dia, 7 dias, Return ticket e Single Fare, e isso sem falar nas diferenças entre as zonas!

E pra quem vai ficar aqui por muito tempo mesmo, ainda tem os Travelcards mensais, e até mesmo anuais!

Por regra, quanto mais longo for o periodo do seu Travelcard, mais barato cada viagem individual será, mas são as zonas cruzadas em seu trajeto que vão decidir o preço final.

Londres tem cerca de 9 zonas, mas para quem vem fazer turismo, como já comentei em outros posts, todas as atrações turisticas ficam na zona 1 ou 2, assim tambem como a grande maioria dos hoteis, teatros, e etc.

Mas não esqueça que o aeroporto de Heathrow, que é o principal do pais, e onde a maioria dos voos internacionais chegam/saem fica na zona 6 – então cuidado pra não acabar comprando um travelcard de 6 zonas, que será carissimo, sendo que voce provavelmente só vai usar a zona 1 e 2.

Pra evitar esse custo adicional voce tem duas opções: a mais facil é comprar uma passagem de ida do aeroporto até seu hotel (que provavelmente sera na zona 1 ou 2), e deixar pra comprar seu travelcard quando voce chegar na estação de metro proxima ao seu hotel. Ou então, ir no Ticket Desk da estação do aeroporto e pedir exatamente oque voce quer.

Mas o dificil mesmo é saber qual o ticket certo pra sua situação. E isso é facilmente solucionado com matematica.

O Travelcard de 7 dias sempre vai valer a pena se voce vai ficar 4 ou mais dias na cidade.

Essa tabelinha abaixo, disponibilizada pelo site do Transport for London mostra todos os valores das passagens de acordo com a duraçnao, o tipo, e as zonas percorridas.

As passagens em “Cash” são aquelas que voce chega na hora, na maquininha ou no ticket desk e compra um Single Fare (passagem singular) na hora. Essa passagem unica, vai te custar £4.

Mas se voce sabe que voce vai e voltar de algum lugar, entao um Return Fare, ou Day Pass custa 8 libras. Apesar de custar a mesma coisa, um Day Pass te da liberdade total de usar o sistema de transporte de Londres quantas vezes vc wuiser durante aquele dia.

Então se voce for passar 3 dias em Londres, a cada dia de manha, va na estação e compre o seu passe do dia. Vai custar 8 libras por dia (£6.60 nos fins de semana, que são considerados off-peak, pois não são horario de rush), num total de 24 Libras.

(Os horarios de rush são entre as 5 da manha e as 9:30 da manha)

Mas tudo muda se voce for ficar 4 ou mais dias na cidade, e nesse caso, oque vale a pena mesmo é o Travelcard de 7 dias.

O Travelcard de 7 dias custa £27.60 Libras e e dará acesso completissimo a todo sistema de transporte de Londres. E isso significa quantas vezes quiser e precisar, sem limites, nos onibus, DLR (metro de supercicie), e metro.

E onde o Oyster Card entra nisso tudo?

O Oyster é um cartão eletronico que te oferece mais flexibilidade, além de ser mais pratico doque o cartão de papel.

Com ele voce pode carregar seu passe pela internet, voce passa com mais rapidez pelas catracas da estação, e pode deicir quanto quer gastar em transporte.

Eu por exemplo, uso pouquissimo metro no dia a dia. Eu uso trem pra trabalhar, e vou a pé a quase todos os lugares em Londres.

Então o Oyster me permite usar o sistema “Pay as you go” (Uma tradução meio tosca seria “pague a medida que voce usa”) onde e quando preciso.

Com o Oyster cada viagem individual sai muuuuito mais barato , caindo de £4 para £1,90, e o mais legal é que o Oyster tem um “Cap” (teto de uso) que delimita que mesmo que voce use seu Osyter inumeras vezes por dia, voce nunca será cobrado mais que 8 Libras, que é o preço do passe diario.

Então o Oyster é uma otima vantagem pra quem vem ficar poucos dias na cidade e sabe que vai andar pouco de transporte publico – seja porque voce gosta de explorar a cidade a pé, ou esta super bem hospedado e pode chagar a pé em tudo quanto é canto. Assim voce pode ir colocando quantas libras quiser de credito e ir usando aos poucos. Se seu dinheiro acabar, basta colocar mais na maquininha.

Cada vez que voce tocar seu Oyster na catraca da estação seu credito vai aparecer o visor, te mostrando quanto foi descontado (que pode variar de acordo com qual estação voce entrou ou saiu) e seu credito final. Então é bem facil saber quanto dinheiro voce ainda tem no seu Oyster.

E pra comprar o Oyster tambem é facil. O cartãzinho custa £5 e é reembolsavel (voce pode devolver na estação no final da sua viagem e pegar seu dinheiro de volta), e pode ser comprado direto nas maquininhas ou no Ticket Desk de qualquer estação de metro. O Oyster card também pode ser comprado em varias bancas de jornal, mercadinhos, lojas de souvenier, etc espalhados pela cidade.

Mas a dica/truque é ir direto no guichê da estação e comprar seu Travelcard direto no Oystercard, e assim o preço do Oyster já vem incluido e voce não precisa pagar a mais!

Voce pode comprar sue Travelcard ou Oyster com moedas, dinheiro cartão de debito ou credito, e as maquininhas da estaçnao sempre vão indicar que forma de pagamento aceitam. Na duvida, basta ir diretamente no guichê.

- Mas e como sei qual minha estação de metro ou zona? Journey Planner!

Uma das melhores ferramentas oferecidas pelo Transport for London para moradores e turistas é o site (ou App, se vc tiver um Smart Phone) é o Journey Planner que calcula distancias, tempo de deslocamento e te diz exatamente como chegar de um ponto A ao ponto B em Londres!

Voce pode procurar por exemplo pela estaçnao de trem, metro ou onibus, o pelo endereço do hotel ou do restaurante onde voce quer ir.

O sistema calcula exatamente as melhores rotas pra chegar até lá, te avisa de possiveis interrupções nas linhas de metro, ou ruas fechadas por obras (que afetam os onibus) e te dá algumas opções.

E quando voce clica no mapinha, tem uma outra ferramenta chamada “Wizard” que é interativa e mostra todo trajeto sugerido, onde trocar de linha, por onde andar, etc.

É otimo e eu nunca saio de casa sem consultar o Journey Planner!

- Minda The Gap: as regras de uso do metro.

Alem da parte mais “teorica” sobre como usar o metro, tem toda a parte sub-entendida, e as regrinhas que todo mundo que mora aqui conhece que aprende a incorporar rapidinho, e geralmente são esses pequenos detalhes que identificam quem são os moradores e os turistas perdidos pela cidade!

A primeira regra é: tenha pressa! O Londrino é um ser apressado, estão sempre correndo de um lado pro outro, e se irritam se alguém impacar na frente deles.

Sempre tenha seu Travelcard ou Oyster pronto pra passar na catraca (quer irritar um Londrino? Resolve procurar o Oyster no fundo da bolsa já na boca da entrada da catraca! Vão te atropelar!), e passe rapido e decididamente!

Ande pela esquerda, para na direita. Essa é a principal regra do metro de Londres! Voce esta com pressa e quer subir ou descer as escadas rolantes andando? Então fique na “faixa” da esquerda. Cansou, e quer ficar no seu canto até chegar lá em cima? Se parar nas escadas rolantes, fique SEMPRE no lado direito!

E pode ter certeza absoluta que se voce quebrar essa regra, alguem vai te cutucar nas costas e mandar voce andar mais rapido ou sair da frente!

Os trens e tuneis do metro de Londres são antigos e consequentemente pequenos, oque significa que quase sempre estão lotados. Quando chegar sua vez de entrar no metro, deixe as portas desobistruidas, para que quem esta dentro possa sair primeiro, e então voce pode entrar.

E quando voce finalmente entrar no vagão, não empaque na porta, vai direto pro meio do carro, e deixe a passagem livre (se o carro estiver vazio, sente e não se preocupe mais).

- Sinalizações

As estações de metro em Londres são super bem sinalizadas, tanto fora quanto dentro da estação.

Todas as estações tem mapas com todas as zonas e estações de metro, mapas da area (não sabe que saida pegar pra chegar na loja que esta procurando? De uma olhadinha no mapa) e mapas e listagem dos onibus que passam pela região.

Dentro dos vagões também sempre tem mapas e listagens de estações e linhas, então é impossivel ficar perdido!

Mas se por acaso voce se sentir perdido, basta pedir ajuda a qualquer funcionario do metro. Por incrivel que pareça, todos snao super simpaticos e sempre prestativos!

Eu sei que o post ficou gigantesco, mas no outro dia estava no metro e resolvi fazer um filminho! Mostrando todo passo a passo de como usar o metro, quase um turorial, e consegui cobrir quase tudo que falei no post.

Mas ja aviso, o filme foi feito com o iPhone e muito na moita, pra não levar bronca dos guardinhas, então só quando fui editar tudo é que me dei conta de quanto esse video esta chaqualhado, e juro que fiquei até meio enjoada só de assistir! hahahahahah

Mas ficou bem legal pra ilustrar como é o metro por dentro, como usar a maquininha pra carregar o Oyster card, como comprar seu Oyster, as escadas, os mapas, etc.

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias: Conhecendo Londres, Inglaterra, T.V. EveryWhere, Transporte, Viagens
127