14 Jan 2016
17 comentários

Bye Bye 2015… Hello 2016!!!

Ano novo e resoluções, Pessoal

Ao longo desses muitos anos de blog, alguns posts ja viraram “tradicao” – historia que conto e reconto, ou pequenos momentos familiares que gosto de compartilhar e registrar para a posteriadae na blogsfera.

E o post da retrospectia do ano esta, sem duvida, no topo da lista! E pela quantidade de comentarios me “cobrando” pela publicacao do post, deu pra perceber que nao sou so eu que gosto desse ritual nao!

Quando comecei essa serie de posts, uns anos atras, a intencao era nada mais do que recaptular as viagens do ano. E sem duvida esse ainda eh o principal foco, mas aos poucos ele foi virando um post-reflexao e um post-esperanca para o ano que esta por vir!

Quando fechamos 2014, eu estava pronta para uma mudanca. Queria reinventar um pouco a vida, sair da minha zona de conforto, e estava esperancosa que algumas das acoes que iniciei no final de 2014, se solidificariam.

E acho que essa foi principal tendencia do ano: Mudancas. Mudei de emprego, mudamos de casa, e a Isabella cresceu de uma bebe para uma menininha.

Foi um ano bom em nossas vidas. Mudancas boas, desejadas e outras nem tanto, mas ao me despedir de 2015, me senti feliz. Realizada.

E claro, nao perco meu otimismo nunca, e acho que 2016 vai ser ainda melhor!

Mas vamos falar de viagens ne?!

Pois eh, so que justamente por causa de tantas mudancas, 2015 foi um dos anos mais quietos dos ultimos tempos em relacao a viagens…

Eu troquei de emprego logo no comecinho do ano, entao nao quis fazer nenhum grande planejamento de viagem pro ano com muito antecedencia, ate ter uma ideia melhor de como seriam as coisas na nova empresa (e sabem como eh, ne? Se nao for planejado com antecedencia, geralmente nao sai do papel!).

Uns meses depois, recebemos a noticia que teriamos que nos mudar do nosso apartamento, onde ja moravamos ha 5 anos e gostavamos demais. Por causa disso, tivemos que cancelar uma viagem, e demos mais uma freiada em planos de outras viagens por causa dos gastos extras com a mudanca e a casa nova.

E pra completar, foi um ano intenso na vida da Isabella,  consequentemente em nossa vida familiar. Com 2 anos e pouco em 2015, esse foi o ano que demos grandes passos na vida dela, como o desfralde, a troca do berco para uma caminha de menina grande, ela trocou de turminha na creche, e alem da propria mudanca de casa mesmo. Entao nao quisemos fazer viagens que atrapalhasse demais a nova rotina nem impactasse nem regredisse as mudancas na vida dela.

E por fim, depois que o verao passou, as coisas no trabalho engrenaram de vez tanto pra mim quanto pro Aaron, entao deixamos pra la outros planos de viagem e decidimos usar o resto das nossas ferias para ir pro Brasil, fechando o ano.

Entao nosso ano de viagens foi assim:

Nos comecamos 2015 em casa em Londres, com amigos e assistido a queima de fogos do London Eye.

E ja uns dias depois, embarcamos para Pensilvania, nos EUA, paa comemorar os 2 nos da Isabella e de sua Bisavo, que fazia 100 anos no mesmo dia!

Pegamos o maior frio do mundo! Desembarcamos em plena nevasca que devastou a costa Leste dos EUA< com temperaturas modicas de -27 graus (sim, MENOS).

A bisa da Isabella faleceu semanas depois, entao foi uma viagem emocionante de ter participado de sua comemoracao de 100 anos e ter tantas boas recordacoes das duas juntas no dia de seu aniversario!

No final de Janeiro fomos em direcao aos Pirineus, e (tentamos) visitar Andorra.

IMG_7073

A viagem foi frustradissima, fomos pegos por uma nevasca no meio do caminho e acabamos voltando pra casa de maos abanando (e a poucos quilometros de distancia da fronteira…).

Em Fevereiro, aproveitamos que maus pais estavam nos visitando em Londres, e demos uma escapulida ate Veneza, na Italia, sem a Isabella.

Ai, posso falaro quanto foi bom viajar sem ela?! hehehe

Viajar em familia eh uma delicia, mas foi um bom lembrete do quanto nos divertimos quando estamos so nos dois juntos, o que foi otimo!

Em Marco, fugimos do finalzinho do inverno no hemisferio norte rumo ao Oriente Medio, com um outro casal de amigos e seus filhos, e passamos uns dias curtindo o sol de Abu Dhabi, nos Emirads Arabes.

 

Mas em Abril voltamos a passer frio, e passamos a Pascoa em St Petersburgo, na Russia.

photo17-vi

E ao longo do mes de Abril, viajei a trabalho algumas vezes pra Basileia, na Suica.

Em Maio, eu e a Isabella acompanhamos o Aaron num fim de semana em Praga, na Republica Checa, onde ele correu a Maratona da cidade com uns amigos, para comemorar seus 40 anos.

Mas foi em Junho que tivemos a verdadeira grande comemoracao!

Depois de meses de planejamento e ansiedade, nem deu pra acretidar que tudo deu certo, e consegui surpreender o Aaron com uma festa surpresa em Las Vegas, no fim de semana de seu aniversrio, com um grupo de 25 amigos e familiars, em uma de suas cidades preferidas do mundo!

Julho foi um mes tranquiloa, curtindo Londres, arrumando a casa nova e a familia.

E no final de Agosto aproveitamos um feriado prolongado para explorer as Ilhas Faroe, um arquipelago no Atlantico norte, entre a Dinamarca/Escocia e Islandia.

Foi absolutamente incrivel!!! (apesar do frio e ventania!)

Sei que ainda estou devendo os posts e fotos das Ilhas Faroe, mas prometo que em Janeiro eles saem!

No final de Setembro fomos a Bucareste, na Romania para presenciar o casamento de uma amiga

IMG_2434-680x680

Em Outbro, outra viagem a trabalh me levou ao Pais de Gales para um congresso.

Gales

E minha viagem seguinte (a trabalho) em Novembro, foi justamente para Bucareste outra vez!

No final de Novembro, mais uma viagem a trabalho me levou a Kuala Lumpur, na Malasia – lugar por onde ja tinha passado algumas vezes, e foi uma delicia ter a oportunidade de voltar de novo!

Da Malasia, ememdei direto com outra viagem, e dessa vez fomos para a regiao da Alsacia, na Franca, visitar os mercados de Natal de Estrasburgo e Colmar.

E pra fechar o ano com chave de ouro, o Natal foi no Brasil, com minha familia!!

Natal15

Mas ja que estavamos por la, aproveitamos pra realizar um sonho antigo, e deixamos a Isabella com os avos e fomos para o Peru, explorer um pouco do pais e comemorar o ano novo em Lima!

Machu1

(outra viagem que ainda estou devendo tambem, mas ja ja publico!)

 

Outras parte “tradicional” desse post, eh a listagem de planos de viagem para o ano que comeca!

Tudo indica que 2016 sera um ano incrivel, e ja temos algumas viagens alinhadas!

Comecando na semana que vem, final de Janeiro, vamos passar um fim de semana prolongado em Barcelona, e (tentar!) mais uma vez conhecer Andorra.

Em Marco vamos pra Asia novamente! O plano eh passar umas 2 semanas entre Cingapura, Myanmar e Filipinas!

Em Maio vamos curtir um sol nas praias de Tenerife, nas Ilhas Canarias da Espanha.

E em Junho queremos voltar a Grecia (que foi a viagem cancelada ano passado).

Julho e Agosto ainda nao estao decididos, mas esse ano queremos viagens bem “familia” e tranquilas (leia-se praias e resorts confortaveis e mordomias), para que a Isabella possa curtir bastante e a gente possa descansar mais.

E voces? Quais os planos para 2016??

 

Planejando uma viagem para 2016?

Aqui voce encontra todas as dicas e recursos para planejar sua viagem, e podemos cuidar dos detalhes praticos para voce:

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella.
Atualmente morando em Londres na Inglaterra, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!
Adriana Miller
17 comentários
12 Jan 2016
19 comentários

Acido Retinoico – Cuidando da pele durante o tratamento com acido

Beauty Everywhere, Pele

Eu sempre falo bastante aquí no blog sobre usar acidos na pele, e se meus cálculos estao corretos, eu ja uso acido retinoico ha quase 15 anos.

Comecei com formulacoes bem fraquinhas que visavam equilibrar a oleosidade da pele na adolescencia e evitar acne (e eliminar marcas e manchas das que ainda apareciam), e aos poucos foi assumindo um papel preventivo de manutencao da qualidade da pele.

Claro que não são exatamente 365 dias X 15 anos de uso seguidos, e volta e meia faco alguns intervalos planejados, ou então meus cremes acabam entre os períodos de viagem ao Brasil (quando me consulto com dermatologistas), ou por períodos mais longos durante a gravidez e amamentação.

Como quase tudo cosmético, não é que seja um efeito transformador como muitas marcas pregam, muito pelo contrario, é um trabalho a longo prazo de prevenção constante. E é justamente nos periodos em que paro de usar o acido que me dou conta de como o efeito do retinoico é bom na pele!

Mas enfim, a realidade é que o acido retinoico é um produto tao agressivo quanto eficiente, e não é todo mundo que consegue usar e se adaptar numa boa. Por isso também que raramente comento sobre quais produtos ou intensidades especificas eu uso, pois acho que é imprescindível um acompanhamento medico durante o uso de uma intensidade eficiente.

Só um dermatologista poderá determinar qual intensidade do principio ativo, qual o meio (gel, creme, com outros princípios coadjuvantes, sem nada), avaliar as reações da pele e ir fazendo tratamentos e receitando cuidados complementares para que seu organismo se adapte ao produto e você consiga usar o acido por um período a longo prazo (ate porque se não, não adianta nada! Nao eh o tipo de produto que voce usa um potinho e pronto. Eh pr ausar a vida toda, tipo filtro solar).

Claro que existem vários produtos no mercado que usam tipos variados de acido retinoico (que nada mais eh do que vitamina A), mas geralmente suas intensidades são tao baixas (para que possam ser usados sem acompanhamento profissional) que os resultados geralmente deixam a desejar.

Então volta e meia quando escrevo sobre minha rotina de cuidados, quais cremes/produtos estou usando em determinado momentos etc e falo do retinoico é impressionante a quantidade de comentários que recebo em relação a “não consegui me adaptar” ou “mas você não fica com a pele sensível?!?” ou coisas do tipo, porque sim, usar acido retinoico é maravilhoso para pele, mas requer cuidados constantes e uma consciência de que sim, deixa pele sensível, as vezes descasca, arde e pode vir a ter vários efeitos colaterais desconfortáveis (se nao for receitado e monitorado por um Dermatologista).

Mas ao longo dos anos fui aprendendo a driblar esse tipo de reação e desconforto, por usar bons produtos complementares e ter minhas “técnicas” de aplicação.

Em primeiro lugar, hidratação é fundamental. Mesmo se sua pele for oleosa e você morar num lugar quente, se usar acido retinoico, tem que hidratar! (e lembrando que hidratacao = nivel de agua na pele, e nao = oleo. Uma pele oleosa pode – e geralmente esta – ser desidratada).

Tem que cuidar da pele nova que esta se reconstruindo por baixo, e se não tratar e hidratar sua pele vai ficar tao sensível e fragilizada que seu tratamento nao vai durar nem uma semana!

Alguns dos produtos que eu uso durante o dia e acho que ajudam a manter a qualidade da pele e a tolerancia ao tratamento com acidos sao:

retinol

 

–          Clarins Flash Balm: ja falei dele aquí, e eh um hidratante bem leve, porem eficaz.

–          Serum Advanced Night Repair: tambem ja falei dele algumas vezes aquí no blog (sou fa!) e gosto principalmente a versao “concentrada” que eh justamente para peles sensibilizadas por acidos ou peelings.

–          Kate Somerville Deep Tissue Repair: Um hidratante mega potente (em termos de eficacia) mas super leve (em termos de textura). A recomendacao eh que seja usado a noite, mas eu gosto mesmo dele eh para o dia a dia, pois ele tem uma textura deliciosa, espalha super bem, hidrata a pele SUPER bem, mas sem te deixar toda melequenta!

–          Embryolisse: Clasico, eficiente. Mas nao eh para todo mundo, e nem da para usar todo dia, pois ele eh bem pesado mesmo. Mas protege e hidrata a pele como ninguem, e eh perfeito para “segurar” a descamacao da pele nos periodos em que o acido esta reagindo mais.

–          Oleos faciais: Outra obcessao relativamente recente e nao consigo mais abrir mais de usar todos os días! As novas formulacoes deixam a pela hidratada e com “viço” saudavel, absorvem e protegem bem, mas sem adicionar muita “textura” na pele, como alguns cremes podem causar. O meu peferido do universo, eh esse aqui, da Balance Me (que ja apareceu em varios posts).

 

Mas e se voce exagerar a mao na esfoliacao da pele vai precisar de produtos que causem um alivio imediato e que ajudem a tratar e recuperar a pele, para evitar um efeito rebote. Um dos principais efeitos colaterais do rotinoico eh a pele “depenando”, com um descascado que parece que a pele esta se esfarelando.

Quando isso acontece, eh um bom sinal! A pele velha indo embora e dando espaco para a pele nova, ainda que seja meio irritante no dia a dia quando acontece (ninguem gosta de andar por ai com a pele descamando como se fosse um figurante do Walking Dead ne?!), mas quando isso se repete por muitos días seguidos (ou se o ar esta muito seco, ou muito frio por exemplo) pode levar a uma exfoliacao e sensibilidade excesiva, entao esses sao meus produtos de ataque!

–          Confort Balm, Balmology: Esse eh meu hidratante preferido para momento de desespero! Nao so quando exagero na exfoliacao com acido, mas tambem para os momentos pos peeling, ou quando a pele sofre por causa de excesso de sol ou frio. A sensacao de alivio ao pasar esse balm/oleo/creme na pele eh indescritivel, com um conforto imediato e uma recuperacao impressionante.

A textura eh oleosa (afinal eh um “balm”, que nada mais eh do que um oleo em estado solido), e nao eh indicado para passar no rosto pela manha antes de sair para trabalhar em plano verao da Bahia… mas eh puro paraíso para passar antes de dormir, ou entao em areas estratégicas do rosto quando esta muito frio (gosto de passar na regiao em volta da boca e nariz, ou entao nas macas do rosto e em volta dos olhos quando esta muito frio (e geralmente essa eh a única prte do rosto/corpo que fica do lado de fora!). Tambem uso bastante em volta das narinas quando pega daquelas gripes desgracadas que deixa seu nariz em carne viva!

–          Healing balm, The Honest Company: a marca Americana Honest eh toda organica e foi fundada pel atriz Jessica Alba para ser uma marca de cuidados com bebes e criancas, entao usa produtos de super alta qualidade, e sempre sem fragrancias, possiveis alergenios e ativos agressivos. E esse healing balm, ou “creme curador” eh justamente para ser usado quando a pele esta em estado de calamidade publica (tipo uma assadadura de fralda de bebe muito sinistra e agressiva!). Ou seja, hard core mesmo! Mas ele eh bem oleoso, e nao desse estilo de oleo fácil que absorbe e tals nao. Ele eh feito justamente para colar na pele e ficar la, criando uma barreira protetora externa enquanto seus ingredientes vao recuperando a superficie da pele. Ele eh perfeito para pos peeling, ou nas areas em que a pele fica coma quela sensacao de carne viva (que obviamente nao eh isso que acontece, mas eh uma sensacao de muita fragilidade na pele), nas areas mais sensiveis da pele, que no meu caso sempre eh ao redor da boca e nas macas do rosto. Tem vezes que nao da para evitar e exagero mesmo.

–          Skin Food, Welleda: como o nome sugere, esse creme eh uma Alimentacao completa para a pele, e tambem tem como intencao esse cuidado e recuperacao da pele em situacoes extremas. Ele eh um creme que pode ser usado no corpo todo, mas nao tenha medo de usar no rosto! Ao contrario dos outros dois, ele tem uma textura de creme mesmo, e quando sai do tubo ele tem uma textura grossa e consistente, como se fosse uma pomada de assadura de bebe. Mas em segundos ele derrete em contato com a pele das maos (sou meio contra essa coisa de ficar “aquecendo” produtos na mao #preguica mas com esse vale a pena!) e vira um creme mais fluido, que facilida na hora de espalhar na pele. Mas ele nao vai ser desses que “absorbe na hora” nao. Eh para ser usado em situacoes de emergencia, e cria um “filme” protetor na pele. Mas nao acho que le seja melequento nem oleoso, e uso no rosto numa boa durante o dia (mas tambem so nas areas criticas, tipo ao redro da boca o maca do rosto). Eu comprei o tamanho mini, pra viagem e levo sempre na bolsa e vou repassando ao longo do dia na regiao em volta da boca e olhos, nos dias que sei que a pele esta mais sensibilizada, ou quando esta fazendo muito frio.

 

Bem, para evitar que essas situacoes de “emergencia” acontecam, eu vou usando meu creme de retinoico com bastante cuidado. A concentracao recomendada pela minha dermato ja eh bem alta, pois desenvolvi uma tolerancia bem boa ao longo dos anos, mas nem por isso o tratamento deixa de ser agressivo (eficaz), entao eu geralmente uso 3 noites seguidas, ai dou um intervalo de 1 noite sem usar nada (apenas um creme hidratante bem potente ou uma mascara de tratamento noturno), e depois mais uma ou duas noites com um produto de acido latico (que ajuda a “engrossar” a pele de novo). E depois recomeco tudo de novo.

Como moro em Londres e sol forte nao eh exatamente a coisa mais comum do mundo, eu uso produtos com acidos o ano todo. Mas se sei que vou viajar para algum lugar onde vou pegar sol, entao eu paro de usar o acido retinoico com 1 semana de antecedencia.

E claro, chova ou faca sol, frio ou calor, na rua ou em casa, eu uso filtro solar acima de 30 FPS absolutamente todos os días (mesmo nos periodos em que nao estou usando acido retinoico).

 

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella.
Atualmente morando em Londres na Inglaterra, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!
Adriana Miller
19 comentários
07 Jan 2016
11 comentários

TV (#Beauty) Everywhere: Spa Aereo

Beauty Everywhere, Necessaire de Viagem, Pele, T.V. EveryWhere, viagem

Feliz 2016!!

Acabei de voltar de maravilhosas 3 semanas de ferias no Brasil e no Peru, e esta mais do que na hora de voltar a ativa aqui no blog tambem ne?

O video de hoje foi gravado durante o voo entre Londres e Kuala Lumpur que fiz no final de Novembro (que teve outro video dessa viagem aqui oh!), e eh um assunto que ja falei aqui no blog outras vezes (amo fazer um spa aereo!).

Spa aereo foto

E como nas ultimas semanas fiz varios voos longuissimos (13 horas cada voo pra Malasia e 12 horas cada voo pro Brasil, e mais umas 8 ou 9 para o Peru), o video (e meu spa aereo!) foram mais utilizados do que nunca!

Bem, o video ficou meio escuro e bem barulhento dificil graver dentro da cabine do aviao!), mas deu pra captar a mensagem ne?

Ja dei mais alguns detalhes sobre o passo-a-passo nesse post aqui, e algumas das referencias das miniaturas e produtos utilizados, aqui oh:

 

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella.
Atualmente morando em Londres na Inglaterra, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!
Adriana Miller
11 comentários
Página 1 de 79212345678