21 Mar 2019
4 comentários

Roteiro de Chicago – O que fazer em um fim de semana Chicago

Américas, Chicago, Dicas de Viagens, USA

Eu queria demais voltar com os posts “ao vivo” das minhas viagens aqui no blog, pois acho uma otima maneira de dar dicas rapidas e deixar links e enderecos registrados, mesmo quando nao rola um conteudo mais “substancial” para relatar de uma viagem.

E Chigaco foi assim: intenso e corrido!

Passei 3 dias por la, uma viagem a trabalho que combinei com um fim de semana visitando uma amiga, mas desses 3 dias, apenas 1 deles foi para realmente passear e conhecer a cidade!

Entao foram 36 horas intensas por la, mas que me deu um otimo gostinho dessas cidade incrivel!

E pensar que eu ja passei tantas vezes por conexoes no aeroporto de Chicago, mas nunca tinha conhecido a cidade!

E pra completar – por coincidencia total – acabou coincindindo que eu estava la justamente no fim de semana das comemoracoes de St Patrick’s day, que eh o santo padroeiro das Irlandas, mas que eh muito mais comemorado e celebrado pelos Americanos do que os Irlandeses propriamente ditos!

Minha primeira noite na cidade, eu fiquei hospedada no hotel W Chicago, que tem uma otima localizacao bem na regiao de “central Loop” – uma otima opcao seja para visitantes de business quanto para turistas! A partir dali, voce consegue explorar a cidade toda a pe!

Mas meu fim de semana comecou mesmo na sexta a noite, e passei o resto do fim de semana com uma amiga.

A sexta estava congelante de frio e com muito vento, mas ainda assim resolvemos fazer um mini-tour de rooftops pela cidade!

Fomos andando por toda avenida Michigan Avenue ate chegar no Millenial Park, e nossa primeira parada foi no Cindy’s – um bar/restaurante na cobertura de um predio bem de frente para o parque e o famoso “feijao” que virou simbolo da cidade!

A vista la de cima eh incrivel e junta tudoq ue ha de melhor em Chicago: o parque e o Bean (aquela escultura do Anish Kapoor que parece um grao de feijao), a vista dos predios iluminados e o lago de Michigan se espandindo ate perder de vista!

Mas a noite estava apenas comecando, entao saimos do Cindy’s e voltamos andando pela Michigan Avenue de volta em direcao ao rio Chicago, e nossa proxima parada foi no rooftop do London House – um outro hotel de localizacao imbativel e que tambem tem um otimo rooftop/bar na cobertura, e com uma vista sensacional da cidade!

O LondonHouse fica bem na meiuca do Chicago River, entao la de cima voce se sente literalmente “dentro da cidade”, e a combinacao das luzes e o reflexo nas aguas do rio foi realmente impactante!

E nosso mini-tour nao acabou por ai, e fomos em direcao ao bar “House f Blues” , outro bar considerado uma instituicao da cidade, com musica blues e jazz ao vivo.

Ah! E quando estavamos a caminho de la, ainda aproveitamos pra passar em frente ao iconico “The Chicago Theatre”! Como ir a Chicago e nao passar pelo menos em frente, ne? Ja que nao deu tempo pra assistir um musical autentico por la, pelo menos conseguimos passar na porta!

Quando nos demos por vencidas do frio que estava fazendo, terminamos nossa noite com um jantar super especial no “The Purple Pig”, um restaurante super badalado e considerado entre os top 5 da cidade!

 

No dia seguinte, sabado, era o dia da comecmoracao de St Patrick’s day, o que foi uma coincidencia incrivel!

St Patrick’s eh o Santo Padroeiro das Irlandas, mas uma data muito comemorada em certas cidades Americanas onde existe uma grande concentracao de descendentes de Irlandeses – e Chicago tem se tornado a festa mais famosa e iconica do pais, com uma vibe super “carnaval do inverno”!

Entao acordamos cedo e eu fiquei chocada com a quantidade de pessoas nas ruas! A cidade realmente estava LO-TA-DA de gente vinda do pais todo para comemorar a festa e para assistir o Rio Chicago ser pintado de ver.

Essa eh sem duvidas a atracao principal do dia. As imediacoes do Chicago River e Riverwalk ficam fechadas, e a tradicao da festa eh o Rio ser pintado de verde, honrando a cor simbolo da Irlanda e de St Patrick’s, que tem como simbolo o “Shamrock”, to trevo de 3 folhas.

A festa consumiu praticamente toda a nossa manha (como voces ver pelo vlog linkado a baixo!), e realmente a empolgacao era contagiante – um versao bem “micareta” mesmo! Todo mundo feliz, animado e empolgado!

Mas paramos para um brunch no Beatrix, and de seguir nosso passeio.

Entao de la, voltamos para a Michigan Avenue, de volta ao Millenial Park, para conseguir ver o Bean de perto e com a luz do dia!

Ah! E no caminho, paramos na famosa Garrett’s: uma loja tradicional de Chicago que tem como atracao principal a pipoca! Pipocas de todos os sabores e misturas!

Para economizar nosso tempo, pulamos num taxi e fomos direto para o Navy Pier, que eh um Pier no meio do Michigan Lake, onde fica a  roda gigante “Chicago Eye” (esse nao eh o nome “oficial”, mas eu acabo chamando de “Eye” todas as rodas gigantes das cidades espalhadas pelo mundo!), e varios museus interessantes, e principalmente para quem visitar Chicago com criancas!

Mas nao subimos na roda gigante, nem entramos em nenhum museu!

O que eu queria mesmo fazer para aproveitar o dia de sol (apesar da temperatura congelante no meio de Marco!) era andar de bicicleta pelo lago!

Entao alugamos uma bike e fomos pedalando ateeeeeee la no final, na regiao onde comecam as “praias”.

Fomos e voltamos, e devolvemos as bicicletas ja pertinho da Hancock Tower, outro ponto iconico da cidade, com plataforma de observacao (da pra ver a cidade TODA la de cima!), um restaurante e barzinho.

Mas resolvemos nao comer por la, e preferimos ir conhecer outro lugar iconico de Chicago: a Pizzeria Uno, que eh o restaurante onde foi inventado a famosa pizza de massa grossa de Chicago (a Chicago Deep Dish Pizza).

A pizzaria estava lotada por causa da festa de St Patrick’s, mas deixamos nosso nome na lista e fomos passear pelas lojas da redondeza (a Pizzeria Uno fica bem na meiuca de lojas da Michigan Avenue, uma especie de Quinta Avenida ou Oxford Street versao Chicago).

Para acabar nosso sabado, o plano original era sair para jantar e ir para os barzinhos da regiao do West Loop – mas estavamos exaustas e mortas de frio, entao acabamos passando no Eatlay, que eh bem ali do lado, para comprar umas garrafas de vinho e petiscos!

A viagem sem duvida foi express e ainda tenho muuuuuita coisa pra conhecer em Chicago, mas foi uma excelente primeira visita a cidade, e nosso roteiro ficou redondissimo para conseguir aproveitar o maximo possivel do curto tempo que eu tinha!

 

E pra quem curtir videos, o vlog da viagem esta aqui:

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Denver, Colorado, nos EUA, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

 

Nos Acompanhe!

Além de todas as dicas que eu posto aqui no blog, você também pode me acompanhar nas redes sociais para mais notícias “ao vivo”:

 

Adriana Miller
4 comentários
Comente pelo Facebook
Escreva o seu Comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui!
4 comentários
  1. Isabella - 22/03/19 - 03h41

    Dri, que delicia! E uma pergunta, vcs fizeram reserva antes nos rooftops e purple pig? Já tentei ir vaaarias vezes mas tá sempre lotado, vai ver tem alguma dica de nsider :) ou talvez vocês tenham ido. Fora da hora de pico?

    Responder
    • Adriana Miller - 22/03/19 - 04h01

      Não, nenhum milagre de insider não. Ainda mais que a cidade estava lotada por causa do St Patrick’s.
      Para o Purole Pig o que fizemos foi passar lá primeiro, deixar o nome na lista e depois seguir viagem para os rooftops.
      E nos bares sabíamos que seria uma mini tour, então não nos preocupamos em marcar mesa nem nada disso.
      Entramos direto em todos eles, aí é só pegar um drink no bar e admirar a vista é bater papo em pé mesmo, até vagar um lugar.
      No final do nosso circuitão, voltamos ao Purple Pig e nossa mesa ficou pronto 5 minutos depois 👍🏻

      Responder
  2. Ana Luisa - 25/03/19 - 11h36

    Dri,
    Saudades tbm do “ao vivo”!
    Adorei o relato do fim de semana em Chicago. Que bom que vc postou aqui tbm. Assisto a todos os vídeos, mas gosto mesmo é de ler suas informações e ver as fotos S2
    Dúvidas de quem nunca fez essas maratonas: no caso dos rooftops, eu sei que estava frio, mas vcs fizeram reserva antes? fazem uma visita rápida apenas para ver a vista de cada lugar ou sempre param para uma bebida?

    Responder
  3. Ana Luisa - 25/03/19 - 11h37

    Acabo de ver que vc já tirou minha dúvida sobre as reservas e o tempo…

    Responder