11
Jan
2011
Luxembourg City
Escrito por Adriana Miller

Luxemburgo foi uma surpresa agradabilissima em todos os sentidos da palavra.
O pais soh entrou no meu radar, quando por acaso achei uma passagem promocional da British Airways para fim de semana (ja que eh uma “ponte aerea” muito utilizada para negocios durante a semana), e fazendo uma pesquisa bem rapidinha, vi que a cidade parecia ser bem simpatica.

Oque nao me surpreendeu foi a dificuldade de char informacoes tursticas sobre o pais e sua cidade-capital (Luxembourg City)… a maioría dos guias de viagem colocam Luxemburgo como “anexo” de seus guias para paises mais populares, como Belgica ou Suica, e o pouquissimos blogs ou sites de viagem que sequer falam no pais, apenas o relatam de passagem.

E para completar ainda teve o pessimo clima que atacou a Europa ha umas semanas atrás, e Luxemburgo foi um dos paises mais afetados da Europa central, e eu ja estava considerando que a viagem provavelmente nao sairia dos planos.

Mas quando chegamos no aeroporto, logo me surpreendi com o terminal super moderno, e a avenida que liga o centro da cidade ao aeroporto parecia saida de um filme de ficcao cientifica em miniatura. Os predios super modernos, complexos empresariais com iluminacao de neon, arranha ceus de bancos de investimento… Eu nao sabia exatamente o que esperar, mas sabia que nao era aquilo!

Chegamos no hotel, sem cruzar pela parte historica, e a escuridao e chuva impediu que nos dessemos conta de onde estavamos! Mas na manha seguinte, acordamos com um sabado de sol, e vimos que nosso hotel tinha uma vista privilegiada pro vale central da cidade, e de cara eu soube que o fim de semana prometia!

Uma das cosias mais interessantes da cidade, eh que geograficamente, Luxemburgo foi contruida como um forte (parte da muralha ainda esta por lah) no alto de um morrinho, cercado de vales por todos os lados.
Dessa forma eles conseguiam avistar os inimigos que tentavam atacar a cidade, e se defendiam melhor lah do alto.

Hoje  m dia, a cidade cresceu para fora dos limites da muralha medieval, mas ainda eh dividida entre a Cidade Alta (Ville Haute) e Cidade Baixa (Ville Basse / Grund), que sao conectadas por Pontes e viadutos que dao a caracteirtica principal da cidade.

Na Haute Ville (cidade alta) eh onde esta o centro historico de Luxemburgo, e tambem sua parte mais comercial e turistica. O centro eh praticamente todo exclusivo para pedestres, com ruas cheias de bares e restaurantes charmosos e cafes e mercados se espalhando pelas pracas.

A “beirada” da cidade alta eh o “Corniche”, que eh uma palabra em frances muito usada para descrever a “orla” de uma cidade, ou ruas na beirada de precipicios – mas lógicamente, Luxemburgo nao tem mar, nem praia, nem litoral, as ruas que beiram a muralha da cidade antiga e teem a vista dos vales que cercam a cidade.

Entao uma das principias atracoes de Luxemburgo eh justamente o Corniche e sua vista, que a cada lado que vc vira tem um canto mais lindo que o outro!

E assim como na cidade alta uma das atracoes principias eh a vista da cidade baixa, lah em baixo a atracao principal eh a vista da cidade la em cima!

No Grund estao as casinhas tipicas mais bem preservadas, beirando o rio (que estava inundando algunas partes da cidade, por causa das chuvas fortes e neve derretendo nas ultimas semanas…) e que dao a Luxemburgo um ar que mistura a estetica da Suica com os canais da Belgica ou da Holanda.

E de quebra, eh impressionante ver as Pontes e os viadutos (muitos herdados dos aquedutos Romanos) la de baixo!

Uma pena que, a pesar de termos pego um tempinho razoavelmente agradavel, as semanas anteriores foram de chuvas fortes e muita neve, entao nao conseguimos passear por muitas das areas dos vales da cidade, que hoje em dia foram transformados em parques e jardins lindos!

Nos nos hospedamos no hotel Parc Belle-vue, que como diz o nome, tem um vista linda, e eh a versao “economico” do hotel Parc Plaza (que temu m perfil mais Business, e consequentemente mais caro).
Esse hotel foi realmente um achado, pois nao chega a ser um albergue nem pensao, mas pagamos apenas 50 euros por noite e de quebra ainda tinhamos a vista panoramica do vale (reservado pelo booking.com)!

A diaria nao incluia café da manha (que custava 20 Euros, e dispensamos!), mas na recepcao principal, eles temuma “cafeteria” permanente com mesinhas e afins, onde eh possivel usar Internet de graca, com uma maquina Nespresso, varios tipos de cha e croissants, disponiveis pros hospedes o tempo todo!

A pesar de ser um hotel bem basicao e sem frescura, o servico foi otimo, e eles ate alugaram um carro para gente no domingo! Ah! E sem falar no restaurante bem bom, com varios pratos tipicos da regiao (que varia do foundue e Raclete Suica aos mexilhoes Belgas) e um bar ixxxxperto, onde eu descobri que a cerveja com sabor de frutas de Luxemburgo eh MIL vezes mais gostosa que a cerveja Belga!

Definitivamente recomendo para quem for a Luxemburgo e nao quiser gastar muito, mas queiser ficar MUITO bem localizado!
O Parc Bellevue e Parc Plaza ficam a menos de 3 minutos do centro historico da Haute Ville.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias: Luxembourg City, Luxemburgo, Viagens
20