22 Jan 2013
8 comentários

Ainda dá tempo! Kooza – Cirque du Soleil em Londres

Dicas de Londres, Dicas de Viagens, Eventos, Inglaterra, Teatro / Musicais

Esse post é em especial pra quem esta em Londres, ou vai ficar/ chegar até Fevereiro.


Como todos os anos nessa época (Janeiro/Fevereiro) o Royal Alberta Hall sedia o Cirque du Soleil na cidade, tirando proveito da estrutura maravilhosa da RAH como palco pros malabarismos inacreditáveis da companhia.


Esse ano o show é o “Kooza”, um dos espetáculos principais do Cirque, e daqueles tradicionais mesmo, com direito a todas as contorcionismos e malabarismos possíveis e imagináveis, que te deixa na duvida se eles realmente sao humanos ou nao…


Apesar da lotação que esse eventos tem em Londres, ainda é possível encontrar ingressos a venda no lastminute.com, ticketmaster.co.uk e no próprio site do Cirque du Soleil (horários durante a semana e matinees no meio da tarde sao mais fáceis de achar disponibilidade).

Esse já é o terceiro ou quarto ano que assistimos o Cirque du Soleil no Royal Albert Hall nessa época e todo ano vale super a pena!
Um ótimo programa invernal na cidade, depois que toda animação de fim de ano passa..

Adriana Miller
8 comentários
24 Oct 2012
15 comentários

Cirque du Soleil em Londres – Michael Jackson, the Immortal Tour

Dicas de Londres, Eventos, Inglaterra, Teatro / Musicais

Ah, Londres…

A cidade esta longe de ser perfeita, e quem mora por aqui enfrenta aqueles dilemas eternos de amor e odio – as casas pequenas, os precos altos, o metro lotado, o clima cinzento ou seja qual for o problema que te assolou naquele dia. Mas nao da pra negar que eh um privilegio enorme morar numa das cidades “capitais” do mundo! Porque se tem um lugar nesse planeta onde tudo acontece, esse lugar eh Londres!

20121023-114710.jpg

E isso inclui quase tudo relacionado a entretenimento – dificil ver um artista (seja de qual area) de renome que nao inclua Londres numa tour mundial, por exemplo (sem falar no tanto que a cidade eh cultural, musical, teatral, e etc) e ja tive o privilegio de assistir muitos otimos artistas por aqui.

Entao logo que o Cirque du Soleil anunciou sua nova empreitada, com um musical inspirado na obra do Michael Jackson, ja fiquei logo de orelha em pe pra nao perder a oportunidade. Ate por que, um dos grande problemas de Londres (em todas as areas possiveis e imaginaveis) eh que a oferta eh sempre grande… mas a demanda sempre vai ser maior!

20121023-114727.jpg

Entao laaaa no comecinho de Fevereiro desse ano, quando os ingressos entraram a venda, eu lutei com o site do TicketMaster pra conseguir garantir nossos ingressos – e mesmo sabendo que o show nao chegaria na cidade ate Outubro, ainda assim todos os ingressos se esgotaram em questao de horas!

Bem, oito meses se passaram e finalmente chegou o dia de assistir mais um show do Cirque du Soleil em Londres! (a foto abaixo ilustra bem quanta coisa pode acontecer em 8 meses :-)

20121023-114823.jpg

Eu estava mais animada com as musicas e o “evento” doque com o show propriamente dito – acho que nao tinha grandes expectativas de que seria nada muito monumental depois que assisti o show “Love” (dos Beatles) em Las Vegas – para os fans do Cirque du Soleil chega a ser um pouco decepcionante… pois em vez de ser uma daquelas experiencias que te deixa boquiaberto, sao apenas musicais mais acrobaticos que o normal.

20121023-114657.jpg

E foi exatamente isso que achei do show do Michael Jackson – sim, foi divertidissimo, as musicas otimas, um show muito bem montado e tal… mas nao exatamente oque (eu) sempre espero do Cirque du Soleil.

Por sorte, o final do show me surpreendeu: ganhou pique, minhas musicas preferidas comecaram a tocar uma depois da outra e a empolgacao contagiou todo mundo!

20121023-114748.jpg

E o publico Londrino nao decepcionou!

Eu ja dei essa dica aqui outras vezes, mas quem esta com viagem marcada pra Londres, vale MUITO a pena ficar de olho no site do TicketMaster pra saber tudo que estara disponivel na cidade durante sua estadia (shows, pecas, musicais, esportes e eventos interessantes em geral!).

 

Adriana Miller
15 comentários
24 Jan 2012
12 comentários

Os Cassinos de Macau e a Cotai Strip

China, Dicas de Viagens, Macau

Nao é de hoje que Macau tem chamado atencao do mundo por causa de seus cassinos e seu apelo de “Las Vegas da Asia” – mas nos ultimos anos a cidade tem crescido de tal maneira que alem de ter multiplicado o numero de cassinos e quartos de hoteis, o faturamento proveniente de jogos em Macau ja ultrapassou os valores de Las Vegas e se tornou o novo big player da jogatina mundial! (vou lançar o slogan: Las Vegas, a Macau do Ocidente, pra ver se pega!)

Tudo comecou com o Hotel & Casino Lisboa na decada de 60, ainda na era colonial Portuguesa, e o ate então único cassino começou a atrair dinheiro da Asia.

Com o devolução de Macau a China e sua maior abertura a negócios internacionais a popularidade de Macau como destino de jogos tem crescido cada vez a cada ano, atraindo ainda mais visitantes e por sua vez, também atraindo os mega cassinos que hoje em dia ocupam e se distribuem por suas duas ilhas.

A principal diferença entre os cassinos Americanos e os Chineses é principalmente seu estilo. Las Vegas é muito mais que apenas jogos e cassinos. Sao shoppings, restaurantes, shows, baladas…. todo um mundo de entretenimento, para todas as idades. A jogatina é apenas a fachada da cidade.

Porem o estilo dos Asiaticos é muito diferente dos ocidentais e Americanos, e por lá, a grande maioria das pessoas que vai aos cassinos de Macau, vai pra jogar.

O pessoal se concentra mesmo, e gasta (e ganha) uma grana serissima. A primeira coisa que estranhamos foi que na grande maioria dos cassinos a musica eh bem discreta, e nao tem aquele ambiente barulhento louco das sirenes das maquinas de slot!

Outra diferenca crucial eh a ausencia de bares dentro dos cassinos. Alguns ate tem, porem sao discretos, e um pouco separados. nas mesas de jogos, garrafinhas de agua mineral e cha a vontade, enquanto que LV entorna bebidas alcoolicas (afinal, quanto maior seu teor etilico, maiores chances de que voce vai perder e a casa vai ganhar).

Ilha Macau:

A principal eh a ilha Macau, a “capital” colonial e onde se encontram oa primeiros e mais tradicionais cassinos da regiao.

O principal eh o Hotel & Casino Lisboa (que ja ganhou post exclusivo aqui), cuja fachada luminosa é tambem um dos principais cartões postais da cidade e sua marca registrada.

No inicio dos anos 2000, para fazer frente a nova onde de cassinos internacionais (e mais modernos), alem de uma reforma geral no predio antigo, tambem foi inuagurado o Grand Lisboa, hotel adjacente e complementar.

O Grand Lisboa eh definitivamente mais moderno e mais na linha dos cassinos modernos que encontramos em varias partes do mundo, mas principalmente em Las Vegas.

Sua torre possue mais de 2000 quartos e em sua base um mega cassino em plano aberto com varias opcoes de bares e restaurantes.

No mezzanino acima do cassino existe uma restaurante Asiatico e uma Deli estilo americano, mas com uma carta de vinhos Portugueses de dar gosto!

Exatamente em frente ao complexo Lisboa de hoteis estao a primeira leva de novos cassinos com bandeira e investimento internacional (que foram justamente os impulssionadores da construcao do Grand Lisboa), entre eles o Wynn e Encore, MGM, Mandarin Oriental, Grabnd Hyatt e Galaxy.

Todos eles sao hoteis enormes, mas apenas o Wynn e o MGM sao tambem cassinos, ambos seguindo o modelo de seus predecessores Americanos.

O Wynn segue a mesma pomposidade de sua versao Vegas, com uma decoracao exagerada, porem em cores claras.

Antes mesmo de chegar no cassino voce tem que passar por um mini shopping, com lojas que incluem Chanel, Dior accessories, Botega Venetta, joalherias e afins.

O cassino eh enorme, com certeza entre os maiores de Macau, com areas separadas para os “high players” (que fazem apostas com valores altissimos). Foi la que passamos praticamente toda nossa primeira noite na cidade, e como conseguimos ganhar bastante nas mesas de blackjack, so sobraram boas memorias do Wynn!

Alem disso, ja que Macau nao tem um Bellagio pra chamar de seu (pelo menos nao por enquanto!), o Wynn se encarrega do show de agua e luzes no lago artificial em frente ao hotel – eh uma versao mini do show do Bellagio, mas ainda assim bem legal, principalmente com as luzes do Casino Lisboa como pano do fundo!

 

Logo ali do lado esta o MGM, outra filial do gigantesco hotel Americano.

Logo na entrada, o inconfundivel leao dourado da MGM, e apesar de nao ser tao grande quanto a versao Vegas 9que eh o maior cassino de LV) eles seguem a linha de “estudio cinematografico” MGM.

La dentro parece um estudio cenografico, com entradas secretas e portas camufladas, e antes mesmo de se chegar no cassino voce tem que passar pela “Grande Praça“:

Uma pracinha cenografica tematica, reproduzindo os predios do centro colonial de Macau e a arquitetura Portuguesa, incluindo o chao de pedras portuguesas branco e preto e muitos azulejos nas paredes!

 

Apesar de seu cassino nao ser tao grande, o MGM faz parte do complexo de hoteis e lojas One Central, que inclui um shopping enorme e luxuosissimos e os hoteis Mandarin Oriental e Grand Hyatt.

 

– Ilha Taipa:

Porem eh do outro lado da baia de Macau onde a verdadeira revolução esta acontecendo, e onde o dinheiro da China emergente esta sendo gasto!

A ilha Taipa, que ate poucos anos atras nao tinha nada, eh a responsavel pelo boom imobiliario e hoteleiro de Macau.

Bem no centro de Taipa foi construida a Cotai Strip, concorrente direta da Las Vegas Boulevar, ou “The Strip”.

A intencao eh que daqui a uns anos ambas Strips serao equivalentes em tamanho, enquanto que Macau ja esta ganhando na categoria faturamento!

A principal atracao da Cotai Strip eh sem sombra de duvidas o megalomaniaco Venetian!

Mais um hotel da leva Las Veguiana, construido sob a mesma marca e estilo: decoracao estilizada Italiana, e toda uma estrutura tematica de Veneza, inlcuindo canais e gondoleiros, as casinhas tipicas e a Piazza San Marco!

Dizem ate que o Venetian de Macau eh maior que o de LV, mas eu achei que sambos sao igualmente gigantescos!

E o venetian tambem esta lancando uma nova “moda” Las-Veguiana para o universo de entretenimento de Macau, lancando o primeiro espetaculo fixo do Circo de Soleil da regiao, o show Zaia !

Em Macau o venetian nao tem o co-hotel Palazzo, mas em compensacao tem um Four Seasons, que nao tem cassino proprio, porem usufrui da mesma estrutura, alem de adicionais mais alguns milhares de quartos 5 estrelas ao complexo – e sem esquecer eh calro de seu luxuosserimo shopping “The Shoppes”!

Exatamente oposto ao Venetian na Cotai Strip esta o complexo City of Dreams, que incluiu os hoteis e cassinos City of Dreams e Hard Rock Cafe, alem de outro hotel Hyatt.

O cassino do Hard Rock foi o nosso preferido, por seguir um estilo mais Americano de jogatina = festa = diversao, enquanto que os outros cassinos tem um estilo e estrutura bem diferente.

Musica alta, o tilintar das maquinas de slot/jackpot, garconetes usando poquissimas roupas (todas ocidentais) e um bar bem no meio do cassino! Alem de que, assim como nos cassinos Americanos, enquanto voce esta numa mesa de jogos, pode beber a vontade, sem pagar!

Nao eh por acaso que pelo menos 80% dos turistas jogando no Hard Rock eram ocidentais, principalmente Americanos, Australianos e Ingleses!

Nos divertimos demais, e passamos praticamente o dia todo por la!

Anexo ao Hard Rock fica o City of Dreams, que eh uma mistura de parque de diversoes, com hotel, cassino, centro de entretenimento e shopping.

Um ambiente mais familia, com muitas atracoes pra criancas, e um shopping mais ecletico, com lojas que variam tranquilamente entre Chanel e H&M!

 

A Cotai Strip esta longe de estar concluida, e a expectativa eh que na proxima decada a “Strip” vai se multiplicar, abrindo novas dezenas de hoteis, cassinos, shoppings e centros de entretenimento, todos interconectados por monorails e tuneis, criando uma cidade unica e fluida.

Ja eh possivel ver quais serao as proximas inauguracoes, com um novo Shangri-La, que se conectara a um Sheraton e um St Regis atravez de um outro complexo de cassinos e shoppings com uma tematica Asiatica (“The Traders”, que ja da pra ver que vai ser lindo e extremamente suntuoso!), alem de um Hilton, um Conrad, Fairmont, Intercontinental e Holiday Inn… alem de uma novissima arena esportiva e (alguns) campos de golfe. Uff…

Entao Macau esta naquela lista de cidades a visitar varias vezes ao longo da vida e ir presenciando suas transformacoes!

Definitivamente os investidores de Macau nao estao dormindo no ponto e ja estao se preparando para a dominacao Chinesa do mundo!

 

 

Adriana Miller
12 comentários
Página 1 de 212