30 Jul 2010
19 comentários

Gorjeta – Como funciona no Reino Unido?

Dicas (Praticas!) de Viagem, Dicas de Londres, Dicas de Viagens, Dicas Uteis, Inglaterra

Uma duvida que sempre aflige muitos turistas quando viajam pro exterior eh a questao da gorjeta. E a duvida fica ainda pior quando esse mesmo turista jah viajou pros EUA e se acostumou com o sistema de gorjetas por lah e entao um belo dia resolve descobrir o resto do mundo…

Entao eu recebo muitas duvidas repetidas sobre como “retribuir” os servicos aqui em Londres (na verdade no Reino Unido em geral), pois muita gente cai no erro de achar que o Reino Unido eh praticamente igual aos EUA… afinal eh a mesma lingua, parceiros politicos, ex colonia, etc…. mas nessa questao nao podiam ser mais diferentes!

Nos EUA rola muito o conceito de tudo ser pago “por fora”. Todo e qualquer servico prestado deve ser reconhecido em foma de um trocado. Seja o carinha que abriu a porta pra voce na porta do hotel, a cabeleireira, o moleque que empacotou as compras no supermercado, o taxista, o garcon, etc, etc. Sempre que vou aos EUA, todo e qualquer orcamento que planejo sempre leva pelo menos uns 20% a mais, para incluir tambem as gorgetas e garantir que nao irei a falencia no fim da viagem…

Mas vamos direto ao ponto: Aqui eh tudo diferente!

Na verdade em relacao a gorjetas a Inglaterra esta mais pro sistema Brasileiro doque o sistema Americano…!

Existem diferentes categorias de “servicos” e voce soh deve dar gorjeta nas situacoes onde foi literalmente servido por alguem, como por exemplo nos restaurantes.

Mas mesmo assim, na grande maioria dos restaurantes por aqui adicionam uma taxa de servico de 12% a 15% na sua conta, que eh totalmente opcional (discretionary) e que funciona como a tal da gorjeta.

Na verdade muitos restaurantes desincorajam seus clientes a deixar gorjetas individuais a seus funcionarios (como na foto acima, que era o texto no menu de um restaurante – tradução abaixo), pois querem garantir um tratamento igualitario, pois afinal um bom nivel de servico deve ser igual para todos os clientes e de todos os garcons/garconetes. Entao teoricamente essa taxa de servico paga por todos os clientes eh depois dividida (igualmente ou proporcionalmente) entre todos os funcionarios do estabelecimento, sem favoritismos.

Alem disso, muitos dos restaurantes e pubs por aqui nem sequer tem ninguem pra te servir (como contei aqui, sobre os Pubs), e sao os proprios clientes que escolhem sua comida no menu e vao ao balcao fazer seu pedido – nesse caso, nem a taxa de 12% eh adicionada a nada, e caso vc queria dar gorjeta pra alguem, pode entao deixar sua contribuicao na “caixinha” do bar, que gerealmente fica ao lado da caixa registradora (e depois tambem eh dividida entre todos).

Para todo e qualquer outro tipo de servico, dar ou nao gorgeta varia de acordo com a generosidade do cliente.

Eu por exemplo nunca fui muito fiel a salao de beleza nenhum. Nao tenho uma cabeleireira nem manicure preferida e tal, e portanto nao sinto a menor “obrigacao” em deixar nenhum pagamento a mais pelo servico que jah estou pagando. Se o corte ficou bem feito, eu parto do principio que ela(e) nao fez mais doque sua obrigacao pelo servico pago, e se ficar mal feito, mudo pra outro lugar e eles perdem um cliente. Porem conheco algumas pessoas que sao fieis a suas manicures e cabeleireiras, e em prol do bom relacionamento dao uma gorgeta “arredondada” (tipo 1 ou 2 libras) como agradecimento.

O mesmo para taxi. Por aqui os taxistas nao esperam receber gorgeta nenhuma, e a maioria das pessoas nunca paga nada a mais doque o preco da corrida. Eu pessoalmente sempre tive o costume de dar gorjeta a taxistas, porem nada muito extravagante e geralmente arredondo a conta: se a corrida deu 13 Libras por exemplo, pago 15 e o taxista fica com o troco.

Outra situacao muito comum em bares e restaurantes na Inglaterra sao as pessoas que trabalham no “coat room” (lugar onde voce pode guardar seu casaco durante o inverno, jah que todos os lugares fechados sempre terao aquecimento). Geralmente esse servico de guardar casacos nao eh pago, pois faz parte do servico do restaurante/bar, mas apesar de nao ser uma coisa obrigatoria, eh visto como uma gentileza de “bom tom” deixar uma gorjeta pra pessoa que cuidou de seus pertences enquanto voce estava se divertindo. Essa gorjeta geralmente deve ser de 1 ou 2 libras por peca guardada. O mesmo vale para os bares/restaurantes que tem uma pessoa cuidando dos banheiros, garantindo que tudo esta limpinho entre um cliente e outro, distribuindo sabonete liquido, perfumes, toalha etc pra quem usar os banheiros. Esse servico, logicamente, nao eh pago e essa pessoa eh funcionaria do bar/restaurante, mas geralmente recebem salarios super baixos, e portanto eh uma gentileza “de bom tom” dar uma gorjeta para eles tambem. Mas claro, essa brincadeira pode ficar cara se voce pagar 1 ou 2 libras cada vez que for fazer xixi ao longo de uma balada, entao geralmente eu deixo minha caixinha lah pro final da noite, como um agradecimento.

E as vezes vejo tambem que em restaurantes ou pubs onde nao eh comum que a taxa de servico (entre 12 e 15%) esteja incluida na conta, mas caso voce pague sua conta com cartao (debito ou credito), antes de pedir seu PIN a maquina do cartao vai perguntar se voce quer deixar uma “gratuity” (outra palavra pra “tip”, que eh uma versao mais Americanizada) e de quanto. Nesse caso sua contribuicao e gratuity eh totalmente opcional, jah que teoricamente voce nao foi servido, mas mesmo assim nao esqueca que com ou sem servico ‘a mesa, alguem estava trabalhando nos “bastidores” para garantir que tudo estava certinho no seu pedido. Nao eh obrigatorio, e voce pode simplesmente aprtar o botao “NO”, mas geralmente uma gorgeta de pelo menos 10% tambem eh recomendavel. (E cuidado pra nao colocar sua senha PIN como “Gratuity”! Um amigo uam vez legou um prejuizo de mais de 2 mil libras por cuasa disso e foi um saco pra recuperar o dinheiro pelo banco!)

Outra situacoes onde eu sou coracao mole (e bolso furado) e sempre dou gorgetas sao nas entregas a domicilio! Apesar de que isso geralmente nao afeta muito quem vem pra ca a turismo, mas mesmo assim deixo aqui minha recomendacao! Sempre que peco comida por telefone, entrega de supermercado ou oque seja, sempre dou um “troco” de gorgeta, pois morro de pena, afinal sao justamente os dias que nao to afim de sair de casa (geralmente porque esta chovendo, frio, nevando, ou muito calor) que acabo pedindo “take out” e fico com pena do motoboy que teve que enfrentar a chuva Londrina pra entregar minha pizza quentinha enquanto eu nem sequer sai do sofa!

Mas se por acaso alguem abrir a porta pra voce, carregar suas sacolas e afins, com certeza nao estarao esperando uma gorjeta por isso, e cabe a voce turista ser ou nao ser generoso!

* Tradução do texto na primeira foto:

A taxa de serviço de 12,5% opcional será adicionada na sua conta.
Roubar do Paul pra dar pro Peter? Não no Sketch, cada centavo da taxa de serviço e gorjetas é dividida entre nossos funcionarios além do salario justo que recebem. E é por isso que o Rob, o Paul e o Peter e muitos outros trabalham com a gente ha tanto tempo

Adriana Miller
19 comentários
Comente pelo Facebook
Escreva o seu Comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui!
19 comentários
  1. Renilse - 30/07/10 - 15h33

    Também ñ me importo de dar gorjeta…mas quando me pedem te confesso que detesto quando me pedem!!! Fiquei assustada quando fui a Buenos Aires, o povo para pedir gorjeta!! Rola dos sutis bilhetinhos ao pedido na cara de pau mesmo!!!
    Beijos

    Responder
    • Adriana - 30/07/10 - 18h39

      Tambem odeio!! No Egito tao sao assim… depois que vc jah pagou a conta, ou jah saiu do carro eles vem te avisar que “a gorjeta nao esta incluida”!!! E isso quando nao reclamam que a gorjeta nao foi suficiente, que vc deveria ter deixado no minimo X.
      E isso quando nao pedem gorjeta a troco de nada… puro suborno e ameaca mesmo… essas sao as piores…

      Responder
  2. Lucia - 30/07/10 - 16h19

    Bem interessante e diferente daqui. Como voce mencionou, aqui voce da gorjeta pra tudo, mas nao para os que empacotam suas compras de supermercados como voce mencionou (nunca vi isso em lugar nenhum). Muitos restaurantes tb incluem uma gorjeta de 18% se voce tem uma mesa com um certo numero de pessoas, mas a maioria eh sua escolha.

    Eu sempre deixo 20% do total a nao ser que tenha tido um pessimo servico e nesse caso, nao deixo absolutamente nada. Aqui, ja que eh costume deixar gorjeta, isso fala alto mostrando o desprazer com o servico ou entao a pessoa eh pao dura mesmo.

    Engracado voce mencionar sobre saloes. A minha madrasta levou uma amiga brasileira la na minha stylist e depois mencionou pra mim que ela so deixou uns 2 dolares de gorjeta. Eu fiquei morrendo de vergonha por ela, pois ja que eh um salao bom com precos de acordo, o certo seria deixar no minimo uns 10% do total, entende? Minha madrasta tb ficou rindo quando eu mencionei isso a ela.

    Sabe que eu nao tenho a minima ideia de como esse sistema de gorjeta funciona la no Brasil?

    bjos

    Responder
    • Adriana - 30/07/10 - 18h38

      Me chamem de pao dura, mas gorjeta em salao eh uma cosia que nao entre na minha cabeca! Talvez porque nunca tenha sido fiel a salao algum nem nunca tive nenhum “relacionamento” com nenhu salao….
      Mas tipo, acho meio absurdo ter uqe pagar a mais (10%?!???!?!) por um servico que jah esta sendo pago? Parto do principio que seu dever eh fazer um bom trabalho e ponto! Jah vi garcons sendo grossos com clientes porque a gorjeta foi baixa… mas perai, neh? Fazer um trabalho bem feito eh apenas sua obrigacao!
      Sao conceitos bem diferentes, mas sei lah… acho que por nunca ter morado muito tempo nos EUA, e ser bem apo dura mesmo, fica meio horrorisada com tudo isso… heheheh

      Responder
      • lucia - 31/07/10 - 02h15

        Dri, rsrs, vc nao eh pao dura. Concordo plenamente que ja pagamos mais do que o suficiente pros servicos do salao, mas infelizmente esse eh o costume aqui. Vc ate que acostuma, mesmo nao gostando, ainda mais vc tendo uma especifica stylist. Se eu fizesse como vc e nao tivesse um salao especifico que visitasse, seria um pc diferente, mas mesmo assim deixaria algo (nao sei como vc confia em qq uma assim, vc eh corajosa).

        Agora garcon brigando pela gorjeta ter sido baixa???? Que ousem a fazer isso comigo!!! Se eu nao deixei ou dei gorjeta baixa foi devido a um pessimo servico e se ele ousar a reclamar, acho que ate o dono do restaurante vai ter que se envolver nessa historia.

        Bjos

        Responder
        • Adriana - 31/07/10 - 18h13

          Ah…. cabelo cresce! Nao grilo com essas coisas nao!

          Responder
  3. Beta - 30/07/10 - 16h29

    Adriana, estive em NY recente, e prestando atenção nas gorjetas alguns restaurantes estão incluindo no valor da nota a taxa de serviço (além do imposto). Então, pessoal, quando pidirem a conta deem uma olhada se o serviço está ou não incluso. Para não deixar o cash a mais se já pagou a gorjeta. ;)

    Responder
    • Adriana - 30/07/10 - 18h35

      Bom saber disso!
      Geralmente a gorjeta era sempre por fora e ia direto pro bolso do garcon, neh?

      Responder
  4. Fernanda - 30/07/10 - 19h12

    No Brasil, teve altos casos de donos de estabelecimentos que embolsavam as gorjetas dos garcons. Para os entregadores também dou gorjeta, concordo com o que vc falou mas, em salao de beleza onde o servico é bem pago nao vejo o porque.

    Responder
  5. Elaine - 30/07/10 - 19h49

    Dri, adorei o post. To pra escrever um sobre isso faz tempo. Eu tb nao gosto de dar gorjeta, mas depois que virei garconete e “entendi” o sistema eu aprendi que muita gente aqui soh vive dela, pois o salario nao eh bom.

    Por exemplo, aqui nao adicionam a taxa jah a sua conta como no Brasil, alguns restaurantes fazem isso quando recebem uma mesa grande, uma turma grande.
    Mas fora isso nao. Entao o salario de uma garconte aqui eh super baixo em comparacao com o salario minimo “geral”. Eu ganho por hora 4 dolares a hora, menos a taxa, menos o desconto da comida, menos isso e menos aquilo da uns 2 dolares a hora. Entao imagina se ninguem deixasse gorjeta???

    A mesma coisa pra salao de cabelereiras. Eu deixo porque aqui elas ganham apenas uma “porcentagem” que nao eh grande do que elas fazem. Entao eu sempre deixo. Infelizmente a mentalidade do povo aqui eh de “nao dar salario bom” pros empregados pra eles dependerem das gorjetas.

    Eu fico P da vida se ninguem deixa gorjeta. Eu vivo delas.
    Adorei saber como funcina por aih.
    Beijos
    .-= Elaine´s last blog ..To melhorzinha! =-.

    Responder
  6. […] This post was mentioned on Twitter by Viajando c/Pimpolhos, Carolina Rodrigues. Carolina Rodrigues said: Li no Google Reader: Gorjeta – Como funciona no Reino Unido? http://goo.gl/fb/pwLb1 […]

    Responder
  7. Neide - 31/07/10 - 14h00

    Eu também não sou a favor da gorjeta, pois aqui no Japão isso é ofensa. Fiquei mal acostumada(rsrs) e quando vou ao Sudeste Asiático ou ao Brasil, fico inconformada com essa prática de TER que dar gorjeta, gratificação, proprina, esmola, etc…

    Responder
    • Adriana - 31/07/10 - 18h12

      Eu não tenho nada contra gorjeta nao, oque não concordo 100% é a obrigação de dar gorjeta alta e acho uma injustiça que algumas profissoes dependam quase que integralmente da boa vontade e generosidade dos clientes. Todos deveriam ganham um salario justo (como aqui em LOndres) e a gorjeta é um “bonus”, assim como quase todas as empresas e profissoes tambem dão bonus a seus funcionarios.

      Responder
  8. Ma - 31/07/10 - 22h12

    Oi Adriana,
    Achei engracado quando vc escreveu “Esse servico, logicamente, nao eh pago” referente aos banheiros. Aqui na Holanda geralmente vc paga para ir ao banheiro quando sao restaurantes mais baratos e/ou em cidades maiores. Nada escandaloso, de 30 a 50 centavos de euro. Mas os banheiros sao relativamente limpos e vc pode entrar sem vergonha em uma loja grande somente para ir ao banheiro.

    Responder
    • Adriana - 31/07/10 - 22h43

      Serio?
      Aqui alguns banheiros sao pagos tambem, mas apenas nas estações de metro ou trem, nos banheiros das ruas e outro lugares publicos. Em restaurantes, lojas e afins é sempre de graça!

      Responder
  9. Si - 03/08/10 - 01h36

    Aqui nos USA como os gracons(netes) ganham bem a baixo da hora minima o q faz rolar mesmo e o tip. Se vc gostou mesmo do servi;o 20% e o ideal. Alguns estabelecimentos ja incluiem uma taxa de 18% em mesas a partir de seis ou oito pessoas. Caso queira deixar mais cabe a vc. E o tip e exclusivamente do gra;om, embora alguns restaurantes o gra;om no fim da noite tenha q da uma porcentagem ao buss boy, food runner e ao bartender. Eu mesma ja trabalhei de garconete e o melhor de todos foi quando o q ganhava nao tinha q dividir, pois o restaurante pagava uma hr melhor as posi;oes de apoio. Dai compen;ava mesmo!
    Aqui muitos nao gostam de servir estrangeiros pois eles nao dao gorgetas apropriadas. Falo pq ja trabalhei na area.
    Legal ter mencionado sobre esse assunto.

    Responder
  10. Eduardo Behle - 14/08/10 - 16h18

    Olá, Adriana!
    Primeiramente, parabéns pelo excelente site. De muito bom gosto e conteúdo muito interessante mesmo, estou adorando. Parabéns.
    Bom, tenho estudado muito sobre a vida em Londres e uma dúvida que tenho é quais as distâncias “aproximadas” entre as zonas que está dividida a cidade de Londres? Exemplo: distância aproxima de Trafagar Square até o limite da zona 1; qual a distância aproximada do centro ate a zona 2 e da zona 3? Queria me informar sobre isso e, caso não possa me ajudar, já me ajudaria muito me dizendo “+/-” por onde começar a procurar esa informação.
    Sei que não são respostas precisas nem muito objetivas, até pq essa divisão é imaginária, mas queria ter uma “idéia” das distâncias comparando com as distâncias que conhecemos.
    Obrigado por sua a tençaõ e pelo seu tempo e atenção.
    Abraço,
    Eduardo Behle.

    Responder
    • Adriana - 15/08/10 - 08h27

      Oi Eduardo,
      Olha, não existe pergunta mais impossivel de responder que essa ! :-)
      Se usarmos a Trafalgar Square como exemplo, vc poderia “cruzar” a zona 1 em inumeros pontos da cidade. A fronteira sul? Norte? Leste? Oeste? Sudoeste? Nordeste? E assim inifnitamente…
      A pé? De onibus? De metro? Qual linha de metro?
      Além disso o mapinha do metro não é nem um pouco propocional, e ao comprar o mapa com a cidade “real” duas estações que parecem super longe, estao na verdade separadas por poucos metros de distancia, e as vezes estações que parecem uma oa lado da outra, estao a kilometros de distancia…
      Mas de maneira geral, na zona 1 tudo é relativamente perto, e a medida que vc cruza pra zona 2 ou 3 as distancias ficam enormes, apesar de que no mapa do metro parece tudo bem pertinho e proporcional. Por exemplo, na central line (a vermelha, que cruza a cidade na horizontal), nos pontos na area da zona 1 ou 2, estao mais ou menos a 5 minutos de distancia do proximo ponto, depois que vc passa pra zona 3, 4 e 5 algumas estações chegam a estar a 15/20 minutos de distancia entre elas.

      Se vc tem alguma duvida especifica, por exemplo, se estiver procurando casa pra morar, uma site bem util é o “Jouney Planner” do Transport for London, que calcula extamente como chegar e quanto tempo leva de um canto a outro.

      Responder
      • Eduardo Behle - 27/09/10 - 16h03

        Oi Adriana!
        Obrigado por responder.
        Sei que é uma pergunta difícil de responder objetivamente, mas mesmo assim vou seguir procurando pelo site que me indicastes.
        Obrigado.
        Abraço.
        Eduardo.

        Responder