08 Oct 2010
21 comentários

Safari dia 3: Cratera Ngorongoro

Dicas de Viagens, Safari, Tanzania

Como eu comentei no outro post, a regiao da Tanzania/Kenya eh considerada com uma das melhores area do mundo pra se fazer Safari por causa de sua “densidade populacional” de animais, e o Parque do Serengueti eh um dos mayores emelhores parques para isso.

E parte na parte sul do Serengueti esta a cratera do Ngorongoro (a pesar de que ofcicialmente deparados nos ultimos anos), que eh a cereja do bolo, e o creme de la creme do mundo dos Safaris.

O Ngorongoro nao eh considerado um parque ambiental como os outros parques da regiao, e sim uma reserva florestal, pelo simples fato de que eles permitem que as tribos que moram pela area possam manter seu estilo de vida nomade, entrando e saindo do parque, montando seus acampamentos e cuidando de suas boiadas, sem que eles disturbem a vida selvagem no parque e vice e versa.

Mas geográficamente falando o parque eh uma caldeira de um vulcao que explodiu ha centenas de milhos de anos atrás e por isso tem o formato de…. Uma caldeira! E tanto na parte de cima, quanto jah dentro do parque essa estrutura geografica eh muito nitida, oque faz com que o parque seja considerado o MELHOR lugar do mundo para Safari.

Se a Tanzania como um todo jah eh um otimo lugar, entao imagina uma area “fechada”, onde os animais sao livres para entrrar e sair, migrar a vontade…. Mas nao precisam… comida abundante, agua abundante e ainda por cima migrar seria um trabalhao… subir e descer aquelas montanhas…

Nesse dia nos vimos 4 dos Big 5, e varias vezes cada um! O unico animal que nao vimos foram os Leopardos, que geralmente se escondem nas arvores durante o dia e cacam a noite.

O nosso guia jah tinha avisado, mas eu sinceramente nao levava muita fe… sempre ouvi falar que os animais mais “selvagens” eram mais raros, dificeis de encontrar… e ele continuava repetindo que realmente era verdade… menos em Ngorongoro!

Entao logo na entrada, pertinho do lago central, que estava lotado de flamingos rosa-choque vimos uma Hiena! Nossa, que cachorrinho feio! Mas lah estava ele, catando os restos de alguna carcaca. Paramos o carro e ficamos esperndo para ver oque ia acontecer… e la veio a Hiena, parou, olhou. Chegou pertinho do jeep e seguiu viagem.

Continuamos pela estradinha ate que cruzamos por outro jeep e os motoristas trocaram meia duzia de palabras em Swahili, que foi o suficiente para nosso guia dar uma virada de 180 graus e saimos correndo atrás de alguna coisa. E entao cometamos as apostas! Oque sera?! Ele manteve o segredo, e disse que era um animal raro de ver em acao, mesmo em Ngorongoro, mas era nosso dia de sorte!

E quando cegamos perto, la estava ela! Uma Cheeta femea, prontinha para dar o bote num grupo de gazelas!

Momento ultra National Geographic, e a cheeta nem se afetou com os carros parados a observando…

Nossa, que momento fantastico! Ficamos lah um tempao, e ela acabou nao atacando o grupo (segundo o guia ela abortou o bote poque teria que passar por um laguinho, e o instinto animal felino nao gosta memso de agua!).

Foi uma pena nao conseguir ver o animal mais rapido do mundo em acao, correndo atrás de uma gazela, mas foi hipnotizante ficar ali observando cada movimento, como ela se posicionada para avaliar as presas, como se ericava cada vez que o grupo de gazelas se mexia, e como ela ia se arrastando pelo chao para tentar passar despercebida! Incrivel!

Mas segumos em frente… nao estavamos no parque nem a meia hora e ainda tinhamos um dia inteiro de Safari pela frente!

Quando chegamos na planice central presenciamos um grupo de Ginus e Zebras migrando em grupo de um canto pro outro, e aprendemos que os Gnus e as Zebras temu m relacionamento super co-dependente e sempre migram juntos, principalmente por areas onde a presenca de predadores eh grande.

O motivo para isso eh que as Zebras enchergam muito bem, mas ouvem muito mal, e os Gnus ouvem muito bem e tem um olfato super apurado e conseguem sentir o cheio de agua fresca e vegetacao abundante a dezenas de quilimetros de distancia.

Entao os dois grupos sempre viajam e se movimentam pelo parque juntos, e sempre em fila indiana! Pois assim conseguem se espalhar melhor pelo territorio e alem de parecer que estao em quantidade maior, essa tecnica tambem confundo os predadores, pois quando a fila se quebra (num momento de defesa) os predaroes acabam tendo que escolher uma unca vitma, diminuindo os riscos ao grupo.

Nessa mesma planice, porem no lado perto do lago vimos uma miragem la longe! O super raro Rinoceronte Negro! Ate nosso guia ficou impressionado, pois aprentemente soh existem cerca de 100 Rinocerontes negros no mundo, e eles estimam que cerca de 7 vivam em Ngorongoro, mas eles tem medo dos humanos e por isso nunca saem da “toca”.

Nao conseguimos cegar perto do Rinoceronte, pois ele esava bem longe, e numa area onde nao tinhamos estradinhas para passar, mas com nossos super zoom e binoculos, conseguimos ve-lo bem!

Ate que vimos no fundo da estrada um grupo de jeeps parados e sabiamos que alguma coisa interessante deveria ter acontecido!

La fomos nos e demos de cara com um grupo de Leoes! 3 machos e uma Femsa, tirando um cochilo na beira de um riacho!!

Depois que vimos as leoas em Tarangire, eu tava louca para conseguir ver um leao macho, e de uma vez soh, demos de cara com 3!!

Eles estavam sonolentos e bem alimentados, super pacificos na beira do riacho, mas o mais surreal era ver um grupo de bufalos passando pertinho e como imediatamente ambos os grupos de animais perceberam a presencao dos outros em seu territorio!

Mas segundo o guia, os leoes (nem nenhum outro animal) nao matam por matar, e apenas matam para se alimentar, entao ele garantiu que os bufalos estavam seguros (queria muito ter visto uma cena de perseguicao! Hahahahha) pois pelo tamaño das barrigas, sonolencia e quantidade de moscas em volta deles, eles devem ter cacado na noite anterior e nao estariam com fome!

E por falar em fome, nos aproveitmaos para parar e fazer um picnic na beira do laguinho dos Hipopotamos, tentando nos desviar dos passaros que ficavam dando razantes nas comidas dos turistas! (todos os dias de Safari nos levavamos comida para fazer picnic nos parques, jah que por lah nao tem restaurantes, café, nem nenhuma estrutura turistica).

Mal conseguimos ver os hipopótamos, pois eles estavam muito no finalzinho do lago, e queriamos voltar para planice central e ver mais animais!

Entao na volta passamos pelo mesmo grupo de leos, e para nossa surpresa um dos machos se levantou e comecou a andar na direcoo dos carros!

Tivemos aqueles momento de tensao, todo mundo correndo para fechar as janelas do jeeps, e a pesar de saber que um leao nao atacaria um carro, nao eh todo dia que vimos um animal selvagem daquele tamanho andando n asua directo!

E para nossa surpresa, ele andou ateh o jeep que estava bem na nossa frente e deitou na sombrinha do jeep!!

Nossa, eu achei aquilo TAO engracado… Um bicho daquele tamnho, o rei da selva… e tudo que eles queria mesmo era sombra e agua fresca para digerir sua comida!!

Muito fascinante ver como um animal daquele tamanho se comporta como se Fosse um gatinho domestico! Ele se virava de um lado, depois pro outro, fechava os olhos, bocejava… lambia a pata… Se ele nao Fosse tao bem alimentado, e quase to tamanho o jeep, eu ia jurar que poderia descree e ir lah fazer um carinho na juba dele….!! E quando o jeep saiu do lugar… ele deu uma reclamadinha, e prontamente se arrastou para sombra do outro jeep! Sensacional!

Seguimos viagem e vimos pais duas cheetas, dessa vez uma dupla de machos tambem se preparando para caca rumas gazelas! Como eles sao lindos! A “estampa” do pelo eh absolutamente perfeita, a pose, a estrutura dos ombros e das costas… fascinantes.

Pelo caminho vimos infinitos grupos de Elefantes, Gazelas, Jacal, Javali, bufalos e mais bufalos, zebras, Gnus, avestruz, veados, flamingos, cegonhas, passaros de todas as cores e formatos…

E muitos Masais tamebm, que sao a tribo “nativa” que mora e migra por essa regiao entre o Kenya e a Tanzania.

A pesar de que nao quisemos fazer nenhum desses passeios guiados pelos acampamentos dos Masai (pq sempre ouvi falar que eh tudo muito falso e “engana” turista demais), cada vez que pasábamos por um grupo ou uma tribo era um aue. As roupas coloridas, os colares, brincos e pulseiras mil, e as lancas! Mas o interessante mesmo era ver como eles andavam por ali como se Fosse o quintal de casa… sem o menor medo de leoes, leopardos, cheetas, hienas, nem nada… As vezes viamos um unico Masai com seu grupo de ovelhas… Mas eles nao deveriam estar morrendo de medo de serem atacados?!

Segundo o guia, nao. Segundo nosso guia, os animais selvagens nunca atacam os homens, apenas os hipopótamos. Mas os animais selvagens, quando ficam cara a cara com seres humanos, fogem, a nao ser que se sintam encorralados e precisem se defender… entao os masai que moram dentro de Ngorongoro andam para cima e para baixo com sinos no pescoco e em suas lancas, para que os animais nao sejam surpreendidos com sua presenca. E aparentemente eles nunca tinham tido nenhum “acidente” dentro do parque.

Jah no fim do dia, quando estavamos nos preparando para sair da caldeira, achamos mais um grupo de leoes, e dessa vez, com filhotinhos!

Um grupo de 2 leoas com 4 filhotes, com cerca de 2 ou 3 meses. Que coisa mais fofa!!

E eles sim pareciam  e se comportavem exatamente como gatos domestico! Pulavam e corriam de um lado pro outro, ficavam pulando em cima das maes, as maes lambendo as crias, os filhotes bricando de correr um atrás do outro… Que coisa mais linda!! Assim! Totalmente selvagem!

E pela primeira vez, vimos que as leoas estavam meio em alerta, e davam a entender que sabiam que estavamos por perto de seus filhotes…

E uns metros depois, seguindo a mesma estrada achamos o pai! Um Leao GIGANTE deitado no meio do nada, na beira de uma estrada, super bem alimentado e sonolento.

Ele lah paradao olhando para gente… e nos lah, hipnotizados olhando para ele, a menos de 2 metros de distancia!

Com isso fechamos noss dia em Ngorongoro com chave de ouro e voltamos pro hotel!

Adriana Miller
21 comentários
Comente pelo Facebook
Escreva o seu Comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui!

21 comentários
  1. Luciana Bordallo Misura - 08/10/10 - 21h06

    Muito bacana Dri! Sempre ouvi falar muito bem de Ngorongoro mesmo, que e a maior densidade de animais por km2 (nao sei se e verdade, mas nao duvido!). Pena que a cheetah nao atacou! Nos vimos os leoes tomando um chega pra la dos bufalos e depois os leos comendo uma gazela, e realmente foram os pontos altos do nosso safari. E o leopardo so vimos muito rapidinho, tenho uma foto meia-boca dele, dificil mesmo de ver, ja conversei com muita gente que fez safari e tambem nao conseguiu.
    .-= Luciana Bordallo Misura´s last blog ..Primeira aula de dança =-.

    Responder
  2. carolina - 08/10/10 - 21h18

    O Serengueti é uma reserva florestal extremamente importante para estudos de comportamento animal, evolução, ecologia , estudei muuuuitos dados de pesquisas realizadas nessa região durante minha graduação….rolou até uam nostalgia lendo seu post e lembrando de todos os gráficos, tabelas, papers que vi sobre esse lugar.

    Muito bacana.
    .-= carolina´s last blog ..coisas bonitas que vi por aí =-.

    Responder
  3. Que lindo!
    Bem melhor que o simba safari que eu fui quando era criança!
    ahahahhaha

    Só faltou ver o Taz!

    beijos
    .-= Nathalia T. | Coisas que Amamos´s last blog ..Esmalte do dia- Açaí =-.

    Responder
  4. Carol - 08/10/10 - 21h39

    Lindo, lindo, lindo!!!
    Mas tem que ser rico para poder fazer esta quantidade de viagens que vcs fazem!
    Mas quem pode, pode.
    Quem nao pode…confere teu blog!(e sonha!) :)
    Obrigada pelas dicas!!

    Responder
  5. Juliana X - 08/10/10 - 21h50

    Nossa, que fotos maravilhosas!!! Um safari nunca passou mto pela minha cabeça, mas vendo suas fotos e lendo esses posts me deu mta vontade!
    Beijos

    Responder
  6. Malka - 08/10/10 - 22h03

    Que experiencia fantastica!!!!!adorei as suas fotos!!

    Responder
  7. Helena - 09/10/10 - 02h23

    Dri,
    Mais uma vez venho aqui para parabenizar vcs. pelas fotos incrííííveis.
    Isso realmente não tem preço e são recordações que ficam para sempre.
    O Aaron nunca pensou em expor as fotos que ele faz? Ele é um artista e tanto.
    Meus parabéns a vcs. dois. O seu blog é incrível!!!! Vai ser difícil algum blog, algum dia, conseguir superar o seu (aliás naquela votação dos 100 melhores blogs votei muitooooo em vc!).
    Beijão!
    P.S. – Que comentário recalcado da amiga aqui em cima, hein? Hahahaha! Ninguém merece!

    Responder
  8. carol braun - 09/10/10 - 03h36

    nossa!!!! como vc escreve bem! a gente “viaja” junto com vc nos seus posts!!!! boa linguagem, com detalhes, sem se tornar chato ou cansativo!!!
    mais uma vez, parabéns!!!!
    :)

    Responder
  9. Renata - 09/10/10 - 05h32

    sensacional!!!!!!! o passeio, o post, os animais!!! amei!!!!

    Responder
    • Renata - 09/10/10 - 05h33

      e as fotos tb!!! estao maravilhosas!!!!

      Responder
  10. isabel Moura - 09/10/10 - 08h28

    Decididamente vc deveria pensar em publicar um livro…fala sério, como vcs dizem!;)(sei que me repito mas pensa nisso!!)
    Tem tudo para empolgar e aliciar amantes de viagens e fotografia!!
    Tou fortemente decidida em comprar uma nova máquina e gostei da sua dica!;)

    Também nunca pensei num safari, mas vendo estas suas fotos, estes animais que costumamos ver ou na tv ou apenas no circo…uauuuu…estão lindas!!!bem, a iena, essa nem uma foto bem tirada ajuda…é mesmo feia!!:)
    já cheeta parece um peluche!!fofo!
    .-= isabel Moura´s last blog ..Comer- orar- amar =-.

    Responder
  11. Tamires - 09/10/10 - 15h56

    Oi, Adriana, tudo bem?
    Eu acompanho seu blog há um tempão, e acho que primeiro de tudo preciso te agradecer!
    Sentadinha aqui na cadeira, na frente do meu pc, viajo pra vários lugares legais com você, só lendo o que você posta aqui! =)
    Estou de viagem marcada pra Londres, em Janeiro! E posso te garantir que 70% do meu planejamento foi lendo tudo que você já escreveu no seu blog sobre a Inglaterra!
    Por isso e pela oportunidade de conhecer, pelo menos um pouquinho, tantos lugares maravilhosos, um SUPER obrigada!

    Ps: se não for te incomodar nem nada, você acha que a gente poderia sair pra tomar um chá (rs!) por aí? Eu vou viajar sozinha, e vou ficar na casa de um amigo em Londres…

    Beijo!
    Tamires

    Responder
  12. mi - 09/10/10 - 17h53

    acho q vc viu varios lindos gatinhos!!!! hahahahahaha esse foi meu post predileto de toda a saga africana :-)

    Responder
  13. Carol Gavião - 09/10/10 - 23h47

    Olha o Pumba!!! Me senti dentro de O Rei Leão olhando essas fotos lindas!!

    Responder
  14. RoCosta - 09/10/10 - 23h58

    Menina! Que aventura! Meu sobrinho que é louco pelo mundo animal está maravilhado com suas fotos e perguntou ela é bióloga, tia? Ele tem apenas 8 anos e pelo jeito não vai escapar da biologia. Algumas fotos não abriram :-( seu marido posta fotos onde mesmo?
    Beijão!

    Responder
    • Adriana - 11/10/10 - 09h13

      OI Ro, ele posta suas fotos no Flickr, que eu coloquei um banner na lateral do blog – mas ele anda atrasadissimo com suas fotos e ainda nao postou as fotos da Africa. Todas as fotos dos posts sobre a Tanzania foram tiradas por mim, com minha camera.

      Responder
  15. Marília Lucena - 10/10/10 - 16h15

    Que legal, Dri!! Que experiência maravilhosa essa tb!! Ver esses animais tão de pertinho…
    A do leão indo descansar na sombra do carro foi muito fofo hahahahahaha…
    Beijooo

    Responder
  16. Ana lúcia - 10/10/10 - 22h28

    Fotos Maravilhosas!

    Boa semana.

    Responder
  17. cristina cabrita - 14/02/11 - 17h25

    Ola Adriana
    Ando a seguir as suas viagens desde que descobri o seu blog há 2 anos quando estava planeando a minha viagem ao Cambodja e Vietname. Segui alguns conselhos seus que foram bem úteis. Agora estou planeando uma viagem à Tanzânia (Ngorogoro e Zanzibar) e a Moçambique (Ilha de Moçambique) para o próximo Agosto. Embora seja uma africana (de Angola) e conheça Moçambique, nunca fui à Tanzânia e gostaria muito se voçê me desse dicas sobre como chegar a Ngorongoro e onde me alojar, já que o dinheiro é sempre curto e, pelo que percebi, voçê é super económica a viajar.
    Um abraço e parabéns por um blog tão divertido e útil
    CC

    Responder
  18. […] ao contrario do Ngorongoro na Tanzania (que deviso a sua geografia eh praticamente um mega zoologico de dimensoes gigantescas), […]

    Responder
  19. Diogo dos Reis Ruiz - 09/12/12 - 01h32

    Dri, por gentileza vc pode entrar em contato comigo. Estou indo pra Tanzania em jan/fev e queria algumas infos.
    Obrigado!

    Responder