24
Mar
2013
Nice: Comptoir du Marche
Escrito por Adriana Miller

Como contei no post sobre Nice, nós fomos num restaurante muito bom na Vieux Nice (cidade antiga de Nice) numa de nossas noites na cidade – foi tão bom, que mereceu um post especial!

O Comptoir de Marché fica escondidinho numa rua da cidade antiga, que se não estivéssemos seguindo um amigo “local” teria sido difícil de encontrar – e talvez isso faça mesmo que o restaurante tenha um gostinho mais de “achado”!

O restaurante é, logicamente, de culinária Francesa, mas não tem nada a ver com aquele estilo frescurite-máxima-porção-minima típica da culinária Francesa. A especialidade deles é a comida caseira tradicional da região sul da Provence, com uma mistura de comida da avó, num estilo meio caipira, mas cheia de flair Francês.

Eles não tem um menu fixo, já que cada dia o menu é diferente, de acordo com a época do ano e os ingredientes disponíveis. E a medida que a noite vai passando e os ingredientes vão acabando, os pratos vnao sendo cortados do quadro negro onde as opções do dia são expostos.

Então a garçonete traz o quadro negro na sua mesa e vai explicando prato a prato os especiais da noite.

Além disso o restaurante em si é uma delicia! Bem pequeno e aconchegante, com uma decoração toda “vintage”, sendo que muitas das peças expostas são originais da estrutura da casa, que (se entendi bem) foi um frigorífico nos anos 50.

De lá, aproveitamos a localização central pra dar uma esticadinha num dos bares do Marche des Fleurs!

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, 34 anos, Carioca. Economista e profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella.
Atualmente morando em Londres na Inglaterra, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

Categorias: França, Nice, Viagens
3

3 Comentários em:
"Nice: Comptoir du Marche"

  1. Luara - 24/03/2013

    Oi. Acompanho seu blog há um tempão, mas nunca comentei. Eu tenho um filha de 3 aninhos, e gostaria de saber como vc fez pra viajar e deixar a Isabela. Vc contratou uma babá, teve ajuda de familiares? Enfim, como vc se organizou?
    Bjos

    • Adriana Miller - 25/03/2013

      Oi Luara,
      Como disse no outro post, essa viagem foi em Agosto de 2012, eu estava gravida de 4/5 meses.
      Mas quando eu viajar de novo com minhas amigas a Isabella vai ficar com o pai.

      • Sérgio LB - 28/03/2013

        Dri,

        Valiozíssimo o teu ‘sacrificante’[sic] esforço em narrar para os teus fãs/leitores/viajantes as experiências vividas nas tuas infindáveis viagens pelos recantos do nosso mundo (muitas vezes acompanhadas do Aaron)…. É D+++!!!

        Já fiz viagens seguindo em parte a descrição dos teus roteiros… Nenhuma decepção; pelo contrário!

        No início de junho próximo eu e minha esposa estaremos por 30 dias na Europa… ‘sem medo de errar’ [because? drieverywhere!].

        Somos viajantes galáticos… Esperamos continuar com saúde para, num futuro ainda distante, lermos dicas e descrições de viagens da sucessora de Adriana/Aaron: A Babyeverywhere!!! Que tal, Dri?