19 Sep 2016
11 comentários

TV Everywhere: O que levei na Mala da Maternidade (versão Mãe!)

Baby Everywhere, Dicas de Maternindade, Gravidez

O vídeo de hoje é um bate papo sobre algumas das coisas que eu levei na minha mala da maternidade, para o parto do Oliver.

Por ter sido meu segundo parto, fui bem objetiva no que queria e precisaria levar, fui bem prática e pragmática e usei tudo que sabia que iria precisar! E graças a Deus não precisei usar algumas das coisas que levei só por “emergências”!

mala-maternidnade-mae

Eu fiquei apenas 1 dia no hospital no hospital, e a quantidade de roupas foi a medida certa!

Quando eu gravei o vídeo, ainda estava grávida, então agora posso fazer uma análise do que usei ou nao:

Camisola/roupas para usar durante o trabalho de parto:

Eu fui pro hospital com um vestido, e foi oque acabei usando por boa parte do tempo que estava em trabalho de parto; estava confortável o suficiente, e acabei não lembrando/precisando de trocar por uma camisola. A medida que o trabalho de parto foi avançando e tomei a peridural, troquei por um roupão do hospital mesmo.

Pijama/roupas para o pós parto:

A primeira noite eu passei com o roupão do hospital mesmo, pois além de facilitar os exames e monitoramento pós parto, facilitou as horas que passei fazendo “pele com pele” com o Oliver (praticamente a noite toda).

Assim que acordei, tomei banho e me troquei para uma calça de yoga e a regata de amamentação, com uma das malhas por cima – foi a combinação perfeita e confortável para voltar pra casa!

E só!

Não usei mais nada do que levei, até porque acabei ficando pouquíssimo tempo no hospital, e em menos de 24 horas já estava de volta em casa.

Mas como disse no vídeo, apesar de não ter cometido exageros, sabia que tinha que estar preparada para imprevistos e emergências, então acho que no geral foi uma ótima mala!

 

Nós próximos dias eu vou escrever um post mais detalhado contando como foi o parto e como tem sido nossos primeiros dias em casa!

 

Os créditos de alguns itens que eu mencionei no vídeo estão abaixo:

Regatas de amamentação: (pós parto, com cintura reforçada) http://fave.co/2cTfeqy (normais) http://fave.co/2cGh7Uu

Cinta pós parto http://amzn.to/2ciSuAn

Casaco de malha http://fave.co/2cTh1fe

Necessaire Preta http://fave.co/2cTg4DW

Necessaire de maquiagem http://fave.co/2cGgURe

Itens de maquiagem:

Base Make up Forever HD http://fave.co/2cTgAlo

Bronzer e iluminador Becca http://fave.co/2cTfQNd

Blush MAC “Dainty” http://fave.co/2cTgMRC

Shampoo a seco http://fave.co/2cTfSVh

 

Kit Amamentação:

Protetor de seios http://fave.co/2cThgaa

Concha protetora http://fave.co/2cThyOi

Creme de Lanolina http://fave.co/2cGi4fe

Absorvente http://fave.co/2cThKgG

 

Não esqueçam de dar um jóinha no vídeo e assinar o canal (deixei vários vídeos gravados, então as próximas semanas serão animadas!)

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Londres na Inglaterra, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

 

 

Me Acompanhe!

Além de todas as dicas que eu posto aqui no blog, você também pode me acompanhar nas redes sociais para mais notícias “ao vivo”:

 

Adriana Miller
11 comentários
Comente pelo Facebook
Escreva o seu Comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui!
11 comentários
  1. Virginia - 19/09/16 - 23h02

    Tive tres experiências de parto. Sempre tentei uma mala enxuta e quanto digo mala é mala mesmo, naõ comprei “mala de maternidade” como é comum por aqui! É mais um trambolho que se compra e não se usa depois…

    No mais, nada melhor que um parto normal para poder sair do hospital logo. Aqui no Brasil exige-se praticamente dois dias em razão do teste do pezinho que tem momento certo para fazer e não pode ser logo após o nascimento. Evitam que as mães saiam sem fazer e não voltem. No meu terceiro, consegui sair no dia seguinte cedo (24 horas depois de entrar), mas assinando documento me compromentendo a voltar para o exame. Não tem sensação melhor do que sair do hospital como todos bem e saudáveis!

    Boa sorte nessa nova etapa! E sim, o segundo é muito mais fácil, o terceiro então… se cria sozinho! ahahahahahah

    Responder
    • Adriana Miller - 20/09/16 - 00h02

      O teste do pezinho aqui é feito no 5′ dia de vida, é uma midwife/parteira vem em casa fazer o exame, então fica bem mais fácil!

      É sim, sair do hospital é um alívio!!

      Responder
  2. Ana Julia - 19/09/16 - 23h59

    A pessoa tem que ser muito azeda pra criticar a outra porque quer passar um pouquinho de maquiagem só pra ficar mais apresentável depois do parto né… como a raça feminina é desunida kkkk

    Quando for escrever sobre o parto (suponho que já vá fazer isso) mas se puder conte as diferenças em relação a quanto demorou (na maioria dos casos demora bem menos o segundo parto normal.. foi assim com vc tb?) e se esta sendo mais facil/mais dificil/mesma coisa pra amamentar, obrigada!

    Responder
    • Adriana Miller - 20/09/16 - 00h12

      Que nada! O parto foi mais tranquilo, mas o mesmo número de horas (21/22 horas para ambos!) – estava esperançosa para um parto vapt-vupt como reza a lenda, mas não foi o caso.
      Mas em compensação, amamentação está sendo infinitamente mais fácil!!

      Responder
  3. Shirlei - 20/09/16 - 14h03

    Dri que bom q vc pode voltar logo p casa, imagino que já tendo uma menina mais velha (em casa) , nao precisar passar mto tempo fora de casa, seja ótimo . Vou amar o post sobre a sua experiencia c Oliver. Minha segunda filha vai nascer e estou seguindo suas dicas no que posso. Mas a minha será outra menina, então acho q nao terei esse up no processo de amamentação. Todo mundo diz q c elas a amamentação é mais difîcil, independente de ser 1a ou 2a gestação 😩. Beijos ! Ps: o Oliver é muito lindinho. ❤️

    Responder
  4. Shirlei - 20/09/16 - 14h07

    Ah, eh verdade, como a leitora falou, aqui no brasil temos – além da “festa” na maternidade, c doces, lembranças etc, a saga da mala especifica para maternidade. Siiiim! P maioria das mães daqui a mala tem de ser cheia de frufru e combinando c a do bebê, tb toda frufruzenta. Me diz, pra quê? Eu nao entendo essa nossa forma de ter filhos aqui. Acho tudo over, beirando a cafonice. Eu proíbo visitas no hospital, nao sendo os avós e irmãos. Ahhhh valha-me Deus, vc ali cheia de gases, dores, vazando líquidos e ter que receber visita? Nao! Nao aceito ! Rsrs bjs

    Responder
  5. Tatiana - 20/09/16 - 14h53

    Eu tb acho que não custa nada a gente ficar apresentável! Eu fiquei 13 horas em trabalho de parto e foi durante a madrugada, então estava um caco no dia seguinte… Mas a primeira coisa que fiz assim que fui para o quarto foi tomar um banho (viva o parto normal!) e me arrumar. Até hoje não me arrependo, pois estou super bonitinha nas fotos… E são fotos que vão ficar pra sempre, ne, ninguém quer estar UÓ.

    Responder
  6. Tatiana - 20/09/16 - 23h01

    Ahh uma dica boa: no começo usei sutiãs de amamentação, mas depois enchi o saco e comecei a usar aqueles sutiãs sem aro e sem bojo estilo triangulo, pois são fáceis de abaixar. Deu super certo!!

    Responder
  7. Ana - 21/09/16 - 12h59

    Amor por esse vídeo! Vou assistir novamente na hora de montar a minha mala (estou com 29sem, do primeiro filho, família e amigas longe)! São filhos são lindos demais! ❤️

    Responder
    • Ana - 21/09/16 - 13h00

      Seus* filhos são lindos :)

      Responder
  8. Aline - 21/09/16 - 13h14

    Oi Dri! Gostei da praticidade, tb sou assim e admiro isso nas pessoas, principalmente nas mulheres rs. A minha mala da maternidade foi bem parecida mas acabei colocando as minhas roupas e as roupas do bebê em uma única mala mesmo. Aqui no Brasil a gente tem o costume de receber as visitas na maternidade, então rola lembrancinhas e afins, mas acho que é cultural. Somos festeiros e ponto final hahahaha. E não acho que seja a última moda não, minha mãe guarda as lembrancinhas do meu nascimento há exatos 31 anos. Mas consigo admirar essas diferenças culturais e levo numa boa, cada um com seu cada qual. Outra diferença que notei é que o trabalho de parto normal aqui, desde o início é com aquele avental do hospital e só colocamos a roupa depois do parto. Como vc mesma disse, a maquiagem é irrelevante no durante, mas depois que nasce a gente toma um banho e vida que segue. Coloca uma make e já dá um up no visual. Aqui existem vários serviços de SPA em algumas maternidades, como massagens, manicure e maquiagem. Naaaada demais, bem básico e discreto mas acho um carinho com a mãe, uma atenção num momento de tantas emoções. Bjs

    Responder