17 Apr 2015
6 comentários

Roteiro de viagem em Abu Dhabi

Abu Dhabi, Dicas de Viagens, Emirados Arabes, Oriente Médio

Antes de começar a escrever, deixo um disclaimer: Geralmente quando eu escrevo roteiros e itinerários, eu me baseio 100% nas minhas experiências e nas atividades que eu mesma fiz em determinado lugar, mas aqui em Abu Dhabi eu vou incluir várias outras coisas que eu gostaria de ter feito, mas que não deu tempo o não pudemos mesmo fazer – mas que acho que vale a pena incluir em qualquer roteiro de viagem em Abu Dhabi!

Além disso, Abu Dhabi é quele tipo de lugar bem “férias” mesmo: você pode ficar dias e mais dias por lá e simplesmente optar por não fazer nada além relaxar, comer e beber muito bem. Ou então, a opção de muita gente eh tentar fazer tudo – ou o máximo possível – em um único dia, num bate e volta a partir de Dubai, por exemplo.

 

Roteiro Abu Dhabi dia 1:

No meu primeiro rascunho sobre esse roteiro, a minha primeira opção era começar o dia direto na Mesquita, já que ela realmente é a tração principal do Emirado. Mas na verdade, deixa ela por último!

Todos os dias a mesquita organiza uma tour gratuita as 17:00, conhecida como a “visita do pôr do sol”, e realmente ver o sol das Arábias baixando no mármore Branco da mesquita enquanto suas luzes vão iluminando seus arcos aos poucos não tem igual!

Então em vez disso, comece o dia no Emirates Palace, considerado uma dos hotéis mais luxuosos do mundo, e o hotel que (supostamente) inspirou o filme “Sex and the City” a ser situado em Abu Dhabi (mas na verdade o filme foi gravado em Marrocos).

Infelizmente o hotel foi uma das “atrações” que nós acabamos dispensando, mas me arrependi de não ter dado uma passadinha pra conhecer!

Depois de passear pelos jardins e instalações do hotel (áreas públicas também abertas a não hóspedes), você pode também aproveitar pra tomar café da manhã ou brunch por lá mesmo, em um de seus muitos cafés espalhados pelos jardins e piscina.

De lá, siga em direção a “Corniche“, que é toda a região da Orla de Abu Dhabi, com direito a calçadão, parques, parquinhos, muitas opções de lojinhas, cafés e restaurantes típicos – tudo isso com a vista da baía do Golfo Árabe.

Roteiro de viagem em Abu Dhabi

No fim da tarde então, cruze a cidade até chegar na região da Mesquita.

Um passeio pela Mesquita pode ser feito a qualquer momento do dia, mas achei o fim de tarde por lá realmente mágico!

Se você quiser participar da “Sunset Tour”, que começa as 17:00, tente chegar lá pelas 16:00 para dar tempo de estacionar, recolher sua Abaya no posto de atendimento (se o grupo tiver mulheres) e estar pronto no ponto de encontro da visita com uns 10 a 15 minutos de antecedência.

A visita guiada dura apenas 1 hora, mas com certeza você vai querer ficar mais tempo lá, fotografando e apreciando a arquitetura do lugar!

Por fim, dependendo de onde você estiver hospedado, e do orçamento da viagem, o hotel St Regis na ilha Saadyiat tem ótimas opções de bares e restaurantes (principalmente pra quem gosta de drinks, vinho ou uma boa cerveja no fim do dia, os restaurantes de hotéis são a melhor opção, pois a maioria dos restaurantes “abertos” da cidade não servem bebidas alcoólicas).

No St Regis Saadyiat, tanto o Asiático Sontaya quanto o de carnes 5th55 são ótimas opções!

Para recomendações mais locais e mais em conta, o Atayeb no hotel Viceroy da ilha Yas também é uma ótima opção!

 

Roteiro Abu Dhai dia 2:

Já o segundo dia de roteiro na verdade pode ser facilmente transformado em mais 2 dias de roteiro, depende se voce eh super fan de carros, corridas, formula 1 e parques de diversao ou não.

Entao por exemplo, se voce eh desses que adora um parque tematico, montanhas russas e atracoes desse tipo, podera passar um dia inteiro no parque da Farrari World. E acho que tem mais eh que passar o dia todo por la mesmo!

As credenciais do parque as impessionantes: a montanha russa mais rapida do mundo, o maior parque de diversoes indoor do mundo, e brinquedos, simuladores e jogos com o toque Ferrari de velocidade, qualidade e design.

Amigos que já foram, recomendam!

(nos optamos não ir, justamente porque o Ferrari World eh um parque qu tem um estilo mais “aventura e emocao” e a grandissima maioria das atracoes tem limites de altura e idade aos uais a Isabella ainda não cumpriria.)

 

Roteiro de Abu Dhabi dia 3:

No terceiro dia na cidade, volte para a Ilha Yas (caso voce não esteja hospedado por la!). Chegue cedo e va direto pra Yas Central.

Voce pode comecar o dia com um café da manha com a vista da pista de ormula 1 e assistir um treinamento (mas não espere nada elborado no Café Tucano – croissants, bolos e muffins, sanduiches e afins. Mas o café eh otimo!).

Não esqueca de reservar sua “experiencia” com antecedencia: voce pode fazer um tour pela pista (organizada pela propria Yas Central) e bastidores da Formula 1, ou alguma das outras inumeras atracoes “alta velocidade” disponivel: go carting, exposicao de carros, dirigir um carro de Formula 1 ou Indy ao redor da pista, dirigir um Aston Martin, o que seja la o que faca mais o seu estilo.

De la, voce pode almocar na Marina Yas – dependendo da epoca do ano voce pode jantar nas sacadas externas dos restaurantes, que variam dos badalados Cipriani e Iris, ate varios opcoes de culinaria Arabe e local (o arabe Rozanah eh super bonitinho e com precos otimos).

(no resto do ano, como o calor eh intenso, deixa pra almocar na parte interna dos restaurantes mesmo!)

Se ainda sobrar tempo, a parte de tarde pode ser passada pelo shopping Yas Mall, uma dos maiores e mais competos de Abu Dhabi (ao contrario de Dubai, os shoppings não são tao abundantes assim em Abu Dhabi).

A noite, voce pode jantar na ilha Saadyiat ou na propria Ilha Yas, dependendo de qual foi a escolha do dia anterior.

Eu recomendao o Atayeb do hotel Viceroy, ou um dos restaurants da marina (caso voce nao tenha ja almocado por la!) que eh o complemento e fechamento perfeito pra um dia inteiro na Ilha Yas.

 

Porem esse roteiro ainda pode (e deve) ser extendido a varios outros dias!

As praias de Abu Dhabi são lindas, os mercados e Souks Arabes, super culturais. Alem de outros passeios mais turisticos, como safaris no deseto, cruzeiros pela baia do Golfo.

E se sua viagem acontecer depois de 2015/2016 #JaNaLista! , o centro Cultural da Ilha Saadyait vai facilmente ocupar mais 1 ou 2 dias na cidade!

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Denver, Colorado, nos EUA, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

Adriana Miller
6 comentários
08 Apr 2015
8 comentários

O que fazer em Abu Dhabi: Ilha Yas, Ferrari e a Fórmula 1

Abu Dhabi, Dicas de Viagens, Emirados Arabes

Alem da grande Mesquita Sheik Zayed, que é sem duvidas o grande atrativo de Abu Dhabi, o Emirado tem investido fortemente em seu lado cultural, e novos atrativos para incentivar o turismo.

Afinal, apesar de ser o emirado-capital do EAU, o maior (em território) e também o mais rico dos emirados, Abu Dhabi tem a forte concorrência de Dubai, que continua sendo a atracão número 1 da região, o que acaba levando os visitantes a acharem que o emirado não tem tanto a oferecer, e acabamos ficando sem saber o que fazer em Abu Dhabi.

Então além de estarem focando num diferencial cultural para o país (em 2015 e 2016 Abu Dhabi inaugurará alguns museus de ponta e totalmente inéditos do mundo, como uma filial do museu Frances Louvre, um museu Gugenheim, um museu sobre a cultura Islâmica, e uma arena para shows e performances, entre outros, que farão parte do novo “Distrito Cultural” de Abu Dhabi, sendo construídos na Ilha Saadiyat – onde ficamos hospedados – e já entrando na lista de desejos de viagem em 3,2,1…), Abu Dhabi também tem investido em atracões interativas, com foco nas artes, esportes e diversão.

Então alem do polo cultural na Ilha Saadiyat, a outra ilha de Abu Dhabi que merece a visita é a ilha Yas, que foi transformada nos últimos anos gracas a ter se tornado sede oficial de mais um circuito mundial de Fórmula 1.

O que fazer em Abu Dhabi

Sem poupar esforços ou recursos, Abu Dhabi literalmente comprou sua posição no topo dos circuitos de elite de um dos esportes mais caros e populares do mundo. E visando concorrer e desbancar circuitos mais tradicionais, como Mônaco ou Cingapura, Abu Dhabi construiu seu circuito sob medida.

Pistas topo de linha? Check.

Cenário magnifico? Check?

Bastante espaço para o glamour e festas dos ricos&famosos? Check! Check! Check!

Um dos principais atrativos da pista de Abu Dhabi é o hotel Viceroy, construído especialmente para dar esse “toque” único à nova pista, com vistas para a corrida e o mar do Golfo.

A construção do hotel por si só já merece a visita de qualquer fan de arquitetura e/ou tecnologia, pois ele reúne tudo que o mundo oferece atualmente em termos de modernidade na área de construção.

O mais impressionante é o painel curvilíneo de LED que também faz as vezes de painel de energia solar e proteção FPS para o prédio nos meses de calor intenso, e foi o primeiro do mundo a ser construído não só sobre uma pista de formula 1, mas também construído de proposito para ser integrado na pista do Grand Prix.

O hotel Yas Viceroy, logicamente fica aberto a hospedes o ano todo, mas mesmo pra quem não se hospedar por la, o edifício vale a visita – não apenas por sua arquitetura, mas pela experiencia em si!

Nos fomos no hotel em duas ocasiões: primeiro durante o dia para conhecer o hotel e conhecer o circuito, e uma segunda vez a noite, para jantar por la com nossos amigos.

Jantamos no restaurante de culinária Libanesa Atayeb, cuja parte externa tem uma vista privilegiada do circuito Grand Prix, da marina da ilha Yas e da arquitetura do hotel.

E fica a dica: apesar de que o Grand Prix de Abu Dhabi só acontece em Novembro, a pista recebe treinos e outras corridas ao longo do ano todo, e o barulho eh ensurdecedor! Mas todas as terças feiras a noite, a pista se abre para o public, e os visitantes e moradores de Abu Dhabi lotam o circuito com suas famílias, amigos, patins, bicicletas, carrinhos de bebê e afins para curtir uma noite ao ar livre.

Então marcamos nosso jantar na varando do Atayeb de proposito para uma terça feira, justamente pata poder jantar na varanda, sem o barulho dos motores!

Por fim, ainda esticamos a noite no bar da cobertura do Viceroy, com uma decoração & arquitetura futurísticas incriveis, que dá pra ver bem como é a estrutura do prédio por dentro.

E não é atoa que o bar recebe as maiores e melhores festas da Fórmula 1!

Mas também passamos por la durante o dia, e tivemos o privilegio de assistir parte de um treino.

O que fazer em Abu Dhabi

A Ilha Yas tem um centro turístico (“Yas Central”) onde é possível assistir os treinos (gratuitamente) em uma das suas varandas de observação, ou então almoçar/lanchar por la – nos optamos por chegar bem cedo, e tomamos café da manha no Café Tucano da Yas Central de onde assistimos pate de um treino.

Mas quem for muito fan de Formula 1 ou corridas e carros em geral, o centro tem uma lista invejável de “experiências”, onde é possível dirigir o circuito com diferentes tipos de carros, fazer aulas particulares em carros de formula 1, fazer tours guiadas pelos bastidores do circuito, ou quem sabe, dirigir um Aston Martin customizado ao redor do Circuito?

O que não faltam são atracões e experiencias para os fans de carros e corridas!

E pegando carona no clima de “need for speed” da Ilha Yas, é lá também que fica localizado a primeiro e único parque de diversões temáticos da Ferrari!

O Ferrari World Abu Dhabi é um parque de diversões 100% interno e climatizado (para que possa ser usado o ano todo, mesmo nos meses de verão intenso das Arabias!), sendo o maior parque de diversões “interno” do mundo!

Nos acabamos optando por não ir, pois a maioria das atracões tem um limite de idade e altura, ao qual a Isabella não cumpre ainda…

Mas ainda assim é impossível ignorar o toldo gigantesco que domina a paisagem da ilha, ocupando uma área equivalente a 7 estádios de futebol e om o maior logo da Ferrari já criado!

Ou seja, apesar de que ilha Yas é apenas uma pequena região de Abu Dhabi, so ali daria pra passar uns 2 dias (no minimo!) só participando das atividades, assistindo as corridas e se esbaldando no parque de diversões, restaurantes, bares e lojas!

Do outro lado da ilha fica a Marina Yas, onde além de uma marina/Yatch club, ainda term um ótimo “calçadão” ao ar livre (também com a vista da pista de corrida e do Viceroy), com várias outras opções de restaurantes, como os badalados Cipriani e Iris.

Ah! E ainda na Yas Island ainda tem um parque aquático e um mega shopping (que na verdade são raros em Abu Dhabi, em comparação com Dubai!).

(Alguma dúvida de que qualquer dia desses nos voltamos a Abu Dhabi?!)

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Denver, Colorado, nos EUA, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

Adriana Miller
8 comentários