31 Oct 2012
47 comentários

Adaaran Select Resort & Spa – Raa Atol (Ilha Meedhupparu)

Dicas de Viagens, Maldivas

Como disse no post anterior sobre planejamento de uma viagem as Maldivas, a escolha do hotel eh crucial e eh essa decisao que vai definir qual estilo de viagem, opcoes de atividades, qualidade de servico e principalmente custos de uma temporada por la.

Entao da pra imaginar que essa eh uma super tarefa e pode vir a ser um pouco estressante…

As opcoes sao muitas, mas se pararmos pra pensar, nem sao tantas assim, se considerarmos que o pais inteiro tem apenas cerca de 90 hoteis… fica facil ir refinando sua pesquisa e diminuindo as duvidas. Eu usei sites como TripAdvisor e Booking.com para rankear os comentarios e recomendacoes de hoteis baseado em localizacao, custos, opcoes de alimentacao e afins, e acabei reparando que comecei a ver sempre os mesmo na lista, e com as opcoes reduzidas, ficou bem mais facil fazer uma escolha acertada.

Nossa escolha final foi o Adaaran Select Resort & Spaque fica no Raa Atol, especificamente na ilha Meedhupparu, mais pro norte do pais (eu tambem li que os Atois ao norte das maldivas tem um clima mais seco e com menos incidencia de chuvas, alem de terem sido menos afetados pelo Tsunami de 2004 e portanto tem corais mais bonitos).

A rede Adaaran (que se nao me engano eh de origem Sri Lanka) possui 5 hoteis-ilhas espalhados pelas Maldivas, todos 5 estrelas de perfil Spa-boutique. Eles dao muito foco a saude e bem estar, ambientes que seguem os ensinamentos Ayurveda (que eh bem tipico do Sri Lanka) e uma integracao entre as construcoes, os hospedes e a natureza.

Os ambientes sao modernos, porem clean e “naturais” – nao espere esculturas de arte moderna, nem paineis de cristal com cromo, muito pelo contrario – muita madeira, fibras naturais, linhos brancos e areia no chao de quase todos os ambientes sociais do hotel.

E como eu esperava, o Spa Chavana era maravilhoso, e eu fiz massagens e tratamentos todos os dias de nossa hospedagem, e foram todos maravilhosos!

20121031-115246.jpg

Por acaso o Spa era todo comandado por terapeutas Balinesas e Tailandesas (dois tipos de massagem que ja testei e aprovei in locoaqui e aqui), num clima super calminho e delicioso, com muitas opcoes de tratamentos individuais e para casais ( o Spa usava produtos da linha Britanica Elemis ou de sua linha propria, toda feita com produtos naturais nativos das Maldivas).

20121031-115306.jpg

Eles nao tinham nenhum tratamento especifico para gravidez, mas ainda assim uma das terapeutas mais experientes veio me ver e conversar e preparou um pacote especifico pra mim, misturando tecnicas e produtos que fossem seguros pra gravidez que eu pudesse fazer todos os dias! Isso eh que eu considero um bom servico!

20121031-115333.jpg

Ja na parte da alimentacao, eu estava muito apreensiva em ficar num hotel All Inclusive, mas nao queria correr o risco dos custos de um hotel sem essa opcao – Entao o Adaaran ofereceu uma mistura ideal de pacote All Inclusive, mas com 3 restaurantes individuais a la carte.

E foi a melhor decisao da viagem! Na verdade, nos gostamos tanto da comida que acabamos nao comendo em nenhum dos restaurantes e bares avulsos, pois simplesmente nao sentimos necessidade.

20121031-115358.jpg

Eu nao sou muito fan do estilo “buffet” dos hoteis All Inclusive, e continuo nao sendo e preferindo restaurantes “normais”, mas como a comida era boa e muito variada, isso nao me incomodou muito nao (mas como eu detesto ter que usar aquelas pulserinhas de resort!). Na verdade foi uma boa oportunidade de conhecer outros hospedes e pegar algumas dicas de atividades e passeios.

A cada dia o buffet tinha um menu completamente diferente, e algumas noites “tematicas”, com comida tipica das Maldivas, ou Italiana, Espanhola, etc.

20121031-115137.jpg

As carnes eram sempre grelhadas na hora (numa grelha ou numa churrasqueira na brasa), as massas tambem eram preparadas e misturadas com os molhos na hora ao gosto do fregues, e pela manha as opcoes de cafe da manha “cozidos”, tipo ovos, omelete, panquecas etc tambem eram todos feito na hora.

E as frutas?! Ah…. as frutas… A selecao de sobremesas era sempre otima e sempre com muitas, muitas frutas frescas (geralmente tambem cortadas na hora, direto no seu prato). 20121031-115224.jpg

Mas foi otimo saber que tinhamos outras opcoes, tanto ao longo do dia (o “Mass Cafe”, numa das praias, servia pratos grelhados e sanduiches a qualquer hora, porem a la carte) quanto para jantar, com opcoes privadas (ele montavam uma mesa na beira da praia pro casal e serviam pratos especificos, como churrasco, lagostas e frutos do mar, etc) e algumas noites “tematicas” no Grill Bar, que ao longo do dia servia opcoes a la carte, e a noite se transformava em restaurante Mexicano num dia, Espanhol no outro, Frances no outro, etc.

Quanto a hospedagem, nos optamos pelos Beach Bungalows, que sao os chales na areia da praia, mas eles tambem oferecem bangalos nos jardins internos (mas todos a poucos passos da praia ja que a ilha eh tao pequena) e as Water Villas que sao os quartos sobre as palafitas no mar.

20121031-115206.jpg

Isso pra nos nao foi sequer um dilema, ja que nunca fizemos questao de ficar sobre as aguas, e quando chegamos no hotel, chegamos a pedir um upgrade (pago), mas acabamos desistindo – nao vimos a vantagem em pagar tantas vezes mais por um quarto que nos ofereceria basicamente a mesma coisa: mesmo conforto, mesmo hotel, mesmo servico, mesma praia e mesma comida.

Mas sim, ha diferencas.

Justamente por pagar (tanto) a mais pelas Water Villas, os hospedes tem algumas regalias a mais, como um servico de mordomo (por exemplo, em vez de ter que levantar da praia pra pegar sua propria bebeida, voce pode pedir pro mordomo te servir), acesso a uma segunda piscina mais escondida no interior da ilha e um quarto restaurante a la carte, que nao eh aberto aos outros hospedes. Ah! E se voce preferir, tambem pode escolher fazer seus tratamentos do Spa em seu quarto, em vez de ir ate o Spa.

Se isso justifica a diferenca de preco…? Para algumas pessoas acredito que sim. Mas nosso quarto era tao confortavel, espacoso e bem localizado que nao sentimos necessidade de um upgrade. Preferimos entao gastar nosso orcamento aproveitando bastante as ferias, fazendo passeios, mergulhos, Spa etc.

E pra falar a verdade, nos fizemos tantas cosias legais enquanto estavamos por la, que so voltavamos pro quarto na hora de tomar banho e dormir.

Mas nao da pra negar que as palafitas tem seu apelo… so nao sei se nos dois teriamos aproveitado o suficiente, entao nao me arrependo da escolha. Mas se voce quer ter um toque a mais de exclusividade e de paparicacao, ou gosta mesmo de ficar lagartixando no sol o dia todo, entao por nao?!

20121031-115117.jpg

E por falar em atividades, acredito que isso seja uma coisa que quase todos os resorts oferecem, mas acho que justamente por causa desse perfil “wellness” o Adaaran era super relax e nada de programacoes mil, se essa nao for sua praia.

Mas eles tem um Diving Center (para mergulho) e um Water Centre (atividades aquaticas) ,onde podiamos nos inscrever e praticar uma infinidade de passeios e atividades.

Todas as atividades extras eram pagas a parte, mas com precos razoaveis, variando entre $20 dolares por um passeio de barco no por do sol, ate $30 a $60 pelos passeios de snorkel ou mergulho e cento e muitos dolares caso voce quisesse algugar um barco exclusivo so pra voce e ir passar o dia numa ilha deserta da vizinhanca.

Fizemos alguma “atividade” todos os dias e sempre demos sorte de nao pegar grupos grandes nos barcos e os guias sempre nos deram todo tempo do mundo pra curtir e aproveitar bastante.

O hotel tambem tem uma serie de lojinhas na recepcao central, vendendo souvenirs, joias, filtro solar, mascaras de mergulho, brinquedos etc.

Ah! E nao podia deixar de mencionar que eles tambem tinham um pronto socorro com um medico de plantao 24 horas na propria ilha – oque pra mim foi importantissimo, afinal estando gravida, todo cuidado eh pouco! (gracas a deus nao precisei do medico, mas num lugar tao ilhado como as Maldivas, eh sempre bom ter essa precaucao e tambem levar isso em consideracao na escolha do hotel).

Para reservas: AQUI

E para quem preferir ficar nos quartos sobre as aguas (palafitas), reserve AQUI.

Planejando uma viagem para as Maldivas ou a Lua de Mel dos seus sonhos?

Aqui você encontra todas as dicas e recursos para planejar sua viagem, e podemos cuidar dos detalhes práticos para você:

Adriana Miller
Siga me!

Adriana Miller

Sobre a Autora at Dri EveryWhere
Adriana Miller, Carioca. Profissional de Recursos Humanos Internacional, casada e mãe da Isabella e do Oliver.
Atualmente morando em Denver, Colorado, nos EUA, mas sempre dando umas voltinhas por ai.
Viajante incansável e apaixonada por fotografia e historia.
Adriana Miller
Siga me!

Latest posts by Adriana Miller (see all)

Adriana Miller
47 comentários
06 Feb 2012
7 comentários

Massagem Balinesa

Bali, Dicas de Viagens, Indonésia

Uma das grandes vantagens de viajar pra Ásia, a meu ver, a quantidade enorme de Spas acessíveis, e mil e uma oportunidades de descolar uma massagenzinha no fim do dia cansativo de turistagem.

Na Viagem pra Tailandia ja tinha sido assim, e acho que passei mais tempo nos tatames de massagem Tailandesa, doque nas areias das praias… Entao estava esperançosa de que em Bali, a cosia seria pelo menos parecida… E foi!

Mas a principal diferença entre esses dois paises esta justamente na diferença dos estilos de massagem: na Tailandia se pode fazer massagens em qualquer canto, pois a massagem Tailandesa é, em essencia, uma massagem “seca”, apenas utilizando alongamentos e pressoes.

Já a massagem Balinesa envolve outras técnicas também, e portanto é mais confortável quando fita num ambiente de Spa.

A massagem Balinesa envolve tres tecnicas diferentes: Acumpressão, reflexologia e aromaterapia, que tem como principal objetivo estimular o relaxamento da mente, através de pressões estrategicas e o uso de aromaterapia que ajudam a estimular musculos especificose também proporcionando o relaxamento e recuperação do corpo.

A primeira etapa do ritual de um Spa Balines é a escolha do aroma que você quer usar: dependendo de sua escolha a massagista vai saber se voce quer uma massagem mais estimulante ou mais relaxante.

Depois tem todo ritual de te preparara para a terapia, que começa pela limpeza e relaxamento dos pés e pernas, utilizando técnicas de reflexologia, dando inicio a sessão.

Os ambientes são sempre lindos e caprichados, independentemente se você esta num spa de super luxo, ou na birosquinha da praia. Eles usam muitas kangas/saris de seda com as estampas tipicas da ilha, flores e musica bem calma e quase sempre você tambem pode escolher um aroma especifico de insenco que vai ser utilizado no quarto.

As masagens Balineses tendem a ser mais longas doque uma massagem normal (ou Tailandesa, por exemplo), pois envolve mais tecnicas e “passos” que devem ser combinados e alternados entre si para relaxar a mente e estimular um melhor funcionamento do corpo.

A massagem é bem forte, porem mais confortavel doque a Tailandesa, apesar de terem muitos dos mesmos principios e tecnicas.

Para fechar o tratamento, geralmente voce pode escolher se quer tomar banho (já que a massagem Balinesa utiliza oleos essenciais como aromaterapia que vão te deixar meio melecado), e no final de tudo, não dispense um chazinho de capim limão (lemongrass) ou gengibre e canela com mel!

Mas por sorte dos turistas que visitam Bali, as massagens não se limitam apenas a Spas não! Os spas de reflexologia e aromaterapia estão em todos os cantos, indo das areias da praia (em Seminyak voce nem precisa se mover de sua espreguiçadeira – as massagistas veem até voce!) aos pequenos salões espalhados pelas ruas dos centros das vilas (como em Seminyak e Ubud, por exemplo) e até mesmo no aeroporto, pra relaxar antes de enfrentar seu voo!

 

 

Adriana Miller
7 comentários
26 Jan 2012
11 comentários

Amadea Resort & Spa

Bali, Dicas de Viagens, Indonésia

Uma das otimas escolhas que fizemos durante nossa estadia em Bali foi o hotel escolhido.

Fiz uma pesquisa rapidinha e sabia que queriamos ficar na area de Seminyak, que tem uma das praias melhorzinhas, mas tem tambem otimos restaurantes, bares, baladinhas e boas conexoes com o aeroporto.

As opcoes por la foram muitas, e tinhamos alguns pre-requisitos: um estilo “boutique” de acomodacao, que nao fosse nem um albergue muito fuleirao, nem tanpoco um resort enorme e caro.

Quartos espacosos e novos, piscina (sabia que ia estar muito calor nessa epoca do ano, e ja sabia que as praias nao sao la grandes coisas) e um boa infraestrutura dentro do hotel.

Entao segui o feedback de sites como booking.com e Tripadvisor e escolhi o Amadea Resort & Spa, um hotel bem no meiao da “restaurant street” de Seynimiak, novissimo e com otimo feedback!

E a escolha nao poderia ter sido melhor! Foi um daqueles lugares onde voce se sente totalmente em casa, todos os funcionarios tao simpaticos, que na hora de ir embora ate bate uma saudade!

Na noite que chegamos, rolou um certo estresse por causa de um errinho na reserva (resumindo: eu fiz uma reserva inicial pelo booking, mas modifiquei as datas uns meses depois diretamente com eles, entao o preco da diaria estava aparecendo errado pra mim e pra eles), mas prontamente o gerente veio falar comigo e nos ofereceu um upgrade no tipo de quarto, para uma versao maior e com vista pra piscina nos fundos da propriedade.

Aliais, uma cosia que me preocupou um pouco era se teriamos barulho a noite, ja que o hotel eh tao no meio do burburinho, mas gracas a deus, nao ouvimos nada nem de longe! A fachada do hotel eh um restaurante (do hotel, onde eh servido cafe da manha, mas aberto a nao-hospedes tambem), depois tem um jardim interno e o estacionamento, depois todas as villas, e so la no fundao fica a recepcao e os blocos de quartos e piscinas. Ou seja, perto suficiente da badalacao, mas longe o suficiente pra poder desligar totalmente!

E alem da infraestrutura novissima e super confortavel, funcionarios simpaticissimos, otima comida, otimos drinks no bar da(s) piscina o hotel ainda tem um spa delicioso na cobertura, oferencendo inumeros tratamentos tipicos Balineses e todo tipo de relaxamento e massagens!

Nao poderia ter fechado 2011 (e comecado 2012!) de jeito melhor! nada como uma boa massagem balises pra relaxar e invigorar!

O Spa fica na cobertura do hotel, com vistas para a piscina e o jardin interno, e tem varios quartos de tratamento individuais e para casais, tudo naquele climinha delicia oriental.

E foi tambem gracas ao hotel que conhecemos o Roby, nosso maravilho motorista e guia que nos mostrou tudo que bali tem de melhor me mais interessante!

A apesar de nao ser um resort peh na areia, o Amadea, que fica bem no meio da “rua dos restaurantes” (uma coisa assim, DEMAIS no clima da Rua das Pedras em Buzios – so que muito menos charmosa e menos cuidada, infelizmente para os Baliseses), fica a apenas uns 10 ou 15 minutos (andando) da praia de Seminyak, onde estao varios otimos restaurantes, bares e beach clubs (todas as dicas em breve!), oque fez dele a localizacao perfeita!

Para reservas, clique aqui no Booking.com ou direto no site do hotel.

 

Adriana Miller
11 comentários