27
Feb
2014
Teatro The Old Vic (e seus túneis!)
Escrito por Adriana Miller

Quem passar pela estação de trem Waterloo em Londres é impossível não reparar no teatro “The Old Vic” – a casa ocupa um quarteirão inteiro, bem na esquina de duas das principais ruas da região: a Waterloo Road e a The Cut.

20140227-195642.jpg

Ele ocupa esse espaço desde 1818, quando abriu as portas pela primeira vez, com o principal propósito de exibir pecas baseadas nas obras de Shakespeare, já que o “Shakespeare Globe” na época ainda não tinha sido reformado e retomado seus espetáculos (na verdade isso so aconteceu quase 200 anos depois, em 1997!).

20140227-195711.jpg

Ao longo de suas existência, o The Old Vic teve diferentes nomes, esteve sob inúmeras direções, e também foi parcialmente destruído pela Blitz durante a Segunda Guerra Mundial, finalmente recebendo seu atual nome e recuperando seu prestigio na década de 70.

O The Old Vic se destaca principalmente por uma característica: ao contrario das outras centenas de casas de espetáculos em Londres, ele nunca foi ocupado por musicais nem pecas de “massa”, mantendo sua reputação na area de artes literárias e teatro tradicional, sempre com espetáculos de altíssima qualidade e aclame critico.

20140227-195651.jpg

Outro destaque do Old Vic é seu papel nas artes cênicas Britânica, sendo um dos principais palcos de formação teatral para todos os tipos de artistas, de atores a produtores, roteiristas, cinegrafistas e todas as diversas áreas envolvidas numa produção teatral, e muito frequentemente eles oferecem cursos ou abrem concursos que “descobrem” novos talentos em Londres e em todo Reino Unido.

20140227-195700.jpg

Em 2003 o ator Kevin Spacey “adotou” o teatro e ate hoje ocupa o cargo de Diretor Artístico, o que sempre atrai bastante atenção da mídia, colocando o Old Vic ainda mais em evidencia, e por sua vez atraindo mais nomes de peso a seus palcos, e conferindo mais qualidade e melhor reputação a suas obras.

20140227-195725.jpg

E nem adianta tentar dar “dicas” de pecas, pois a cada temporada (mais ou menos a cada 6 meses) o The Old Vic apresenta uma nova produção – mantendo seus salões sempre cheios e o críticos de teatro sempre favoráveis!

E além do teatro propriamente dito, a fundação The Old Vic também comanda os “tuneis” Old Vic Tunnels, que eh o espaço escondido em baixo dos trilhos da ferrovia de Waterloo, com centenas de galerias, tuneis e galpões que se expandem em mais uma infinidade de ações culturais.

A maioria deles é fechado a eventos privados, atraindo grandes nomes como uma exposição de Banksky e festas fundraising comandadas por Bill Clinton a Gwyneth Paltrow, desfiles da London Fashion Week e restaurantes pop up de chefs estrelados.

Porem um dos tuneis esta sempre aberto a visitação, e eh um espaço único em Londres, cedendo suas paredes livremente para artistas de ruas, onde podem pintar e grafitar livremente e legalmente.

8418562008_1237a485fb

O túnel fica meio escondidinho entre Waterloo e o London Eye, e do lado de fora pode ate parecer um pouco assustar para os turistas desavisados – mas vale a pena se desviar um pouquinho do caminho e passar pelo túnel.

3709674743_636f56baef

E sempre que passo por lá vejo uma “atração” diferente – além de que as pinturas mudam praticamente todos os dias, sempre vemos muitas gravações e sessões fotográficas (de vídeo clipes e sessões fotográficas de altíssima produção, a infinitas sessões de “look do dia”), além de que os próprios artistas são um caso a parte! Acho fascinante suas pinturas e métodos, e “assistir” um dos painéis sendo elaborado!

Categorias: Conhecendo Londres, Inglaterra, Teatro / Musicais, Viagens
3
16
Mar
2013
The Book of Mormon – Em Londres!
Escrito por Adriana Miller

Depois de menos de 1 ano após sua abertura na Broadway em Nova Iorque, o musical “The Book of Mormon” já alcançou feitos e uma reputação estratosférica!

Além dos meses e mais meses de lotação esgotada em NY, o musical já ganhou o Tony de melhor musical, e até um Grammy de melhor trilha sonora, e a raridade de ter sua trilha sonora no Top 3 da Billboard!

Então qual seria o próximo passo? Sua estréia no West End Londrino, é claro!

Desde seu anúncio oficial em 2012 os ingressos já esgotaram com meses de antecedência – então quando um casal de amigos nos convidou pra assistir com eles (que milagrosamente conseguiram comprar ainda na pré-venda! A peça só estreiou aqui em Londres semana retrasada) nem pensamos duas vezes!

Eu fui sem saber muito bem sobre o que era o musical, ou sequer quem (ou oque) são os Mormons – mas não precisa! Tudo que eu sabia era que a peça foi escrita pelos criadores de “South Park”, e a música composta pela mesma equipe de Avenue Q – então a coisa seria boa!

A peça é uma sátira sobre a religião Mormon, mas que na verdade é uma sátira super inteligente sobre todas as religiões, relacionamentos humanos, política e sociedade (principalmente os Americanos). Então não é preciso saber nada sobre eles – mas atenção, um nível de Inglês excelente é imprescindível, já que a peça é um musical “conversado”, com um humor muito irônico e inteligente, então se você não conseguir entender bem a conversa e os diálogos, vai acabar perdendo toda a essência da peça.

E olha, não é atoa que o “Book of Mormon” está ganhando todos os prêmios teatrais do mundo e sendo aclamado por críticos como o melhor musical dos últimos tempos!

A peça conta a história dessa religião e seu surgimento nos EUA – e segue dois missionários que vão pra Uganda tentar catequisar novos fiéis.

A história é incrivelmente simples, mas tão bem escrita, e brilhantemente encenada – chorar de rir não consegue fazer jus ao quão engraçado é! A gente riu tanto, mas tanto, que volta e meia um de nós perdia a piada seguinte, pois ainda não tínhamos nos recuperado do ataque de riso da piada anterior!

Bem no nosso lado estava o David Cameron, o Primeiro Ministro da Inglaterra, com sua esposa (e cercado de seguranças por todos os lados!) – e seja qual for sua orientação política, não é todo dia que vemos o Primeiro Ministro Inglês enxugando lágrimas e batendo a mão nas pernas de tanto rir!!

Mas… como era de se esperar, e assim como quase tudo em Londres, o musical esta super esgotado! Nem sequer é possível comprar ingressos pra antes de Junho de 2013, então planejamento é preciso!

Quem já souber que está de passagem marcada pra Londres daqui ha uns meses, vai logo pro site já tentar comprar seus ingressos! (ingressos estão a venda no site do musical ou no TicketMaster, como já expliquei nesse post aqui).

Mas a dica mesmo é que dá pra ter esperanças de assistir o musical aqui em Londres, mesmo se você não conseguiu se planejar com tanta antecedência! Todos os dias rola uma “loteria” de 21 ingressos a 20£ direto na bilheteria do teatro (o “Prince of Wales” bem ali entre Piccadilly Circus e Leicester Square). A loteria abre todos os dias as 5:30 da tarde (mas eles recomendam chegar antes pra esperar na fila), aí você se inscreve e tem que ficar lá esperando os nomes serem sorteados. Apenas 1 ingresso é sorteado por pessoa (então estiver em grupo – ou familia – tem que inscrever e esperar todo mundo, sem garantia de que o grupo todo será sorteado), e os ingressos são sempre para a apresentação daquele mesmo dia.

É meio arriscado, mas não custa nada tentar!

The Book of Mormon London

Prince of Wales Theatre, Coventry Street, W1D 6AS

 

Categorias: Conhecendo Londres, Inglaterra, Teatro / Musicais
5
22
Jan
2013
Ainda dá tempo! Kooza – Cirque du Soleil em Londres
Escrito por Adriana Miller

Esse post é em especial pra quem esta em Londres, ou vai ficar/ chegar até Fevereiro.


Como todos os anos nessa época (Janeiro/Fevereiro) o Royal Alberta Hall sedia o Cirque du Soleil na cidade, tirando proveito da estrutura maravilhosa da RAH como palco pros malabarismos inacreditáveis da companhia.


Esse ano o show é o “Kooza”, um dos espetáculos principais do Cirque, e daqueles tradicionais mesmo, com direito a todas as contorcionismos e malabarismos possíveis e imagináveis, que te deixa na duvida se eles realmente sao humanos ou nao…


Apesar da lotação que esse eventos tem em Londres, ainda é possível encontrar ingressos a venda no lastminute.com, ticketmaster.co.uk e no próprio site do Cirque du Soleil (horários durante a semana e matinees no meio da tarde sao mais fáceis de achar disponibilidade).

Esse já é o terceiro ou quarto ano que assistimos o Cirque du Soleil no Royal Albert Hall nessa época e todo ano vale super a pena!
Um ótimo programa invernal na cidade, depois que toda animação de fim de ano passa..

Categorias: Conhecendo Londres, Eventos, Inglaterra, Teatro / Musicais, Viagens
8
13
Dec
2012
London Coliseum: O Quebranozes em Londres
Escrito por Adriana Miller

Continuando a programacao incrivel de fim de ano em Londres, ontem fui com a Tati assistir o ballet “The Nutcracker” (O Quebranozes) no The London Coliseum, numa performance to English National Ballet.

20121213-125005.jpg

O ballet eh uma adaptacao do livro de Alexandre Dumas (escritor Frances do seculo 19, que entre outras obras tambem escreveu “Os Tres Mosqueteiros” e “O Conde de Montecristo”), lancada em formato de ballet em St Petersburg na Russia em parceria com o compositor Tchaikovsky (e vale ressaltar como toda trilha sonora do ballet eh linda e reconhecivel! A musica no London Coliseum eh ao vivo, performance da Orquestra da Opera Real).

20121213-125016.jpg

Hoje em dia, O Quebranozes eh um dos ballets mais representados em todo mundo, e um dos mais conhecidos, principalmente na epoca de Natal.

20121213-125030.jpg

E Londres, nao poderia ser diferente – todos os anos, o English National Ballet traz pra cidade apresentacoes do Quebranozes, oque sempre vira uma dos eventos mais esperados do ano, com ingressos que esgotam com meses de antecedencia! Os meus, eu comprei em Setembro, pra conseguir garantir! (ano passado fui assistir a “A Bela Adormecida“, pois o Quebranozes ja estava esgotado).

20121213-124940.jpg

Dessa vez a obra foi apresentado no The London Coliseum, que tambem faz parte da “English National Opera” e uma das casas mais espetaculares da cidade!

O predio, original de 1904, ja serviu como cantina para soldados de guerra durante os “London Raids” da Segunda Guerra mundial, e ate mesmo Cinema, mas em 2004, na comemoracao dos seus 100 anos, foi inteiramente reformado e desde entao se solidificou como uma das principais casas de show do pais.

20121213-124955.jpg

Eh possivel assistir esptaculos de danca, teatro e musica ao longo do ano todo no Coliseum, e assim como Royal Opera House, eh super facil comprar ingressos on line, e os precos sao super variados – comecando na casa das 10 Libras!!

Basta seguir as instrucoes na tela, e voce pode escolher sua poltrona de acordo com a localizacao ou preco – o proprio site te mostra um mapinha, entao basta passar o mouse por cada secao e ver as medias de preco e oque ainda esta dispionivel:

Coliseum1

Ai eh soh clicar em qual area voce quer comprar seu ticket, escolher sua poltrona (todas sao coloridas de acordo com a diponibilidade e preco – Ah! E fique atento as notinhas que avisam quando determinada poltrona tem visao limitada!)

Coliseum2

Os ingressos podem ser pagos com cartao de credito internacional, e entregues direto na sua casa, antes de sua viagem, ou direto no seu hotel em Londres.

O teatro eh uma coisa de lindo, e todas as secoes e poltronas tem otima visualizacao!

20121213-125043.jpg

E o London Coliseum fica bem ali na Trafalgar Square, a poucos passos do National Gallery e da estacao de Charing Cross – facilimo de chegar e com muitas opcoes de pubs e restaurantes em volta.

 

Categorias: Conhecendo Londres, Eventos, Inglaterra, Natal, Teatro / Musicais, Viagens
13
23
Nov
2012
The 39 Steps – Alfred Hitchcock
Escrito por Adriana Miller

Os fans de teatro e pecas classicas tem mais uma otima opcao de peca imperdivel no West End Londrino – nao que seja uma novidade, pois a peca ja esta em cartaz desde 2006 e vem consistentemente ganhando muitos premios todos os anos!

20121123-090912.jpg

A peca “The 39 Steps” eh uma adaptacao do filme de Alfred Hitchcock de mesmo nome, de 1935 – um thriller de misterio que se passa em Londres e Escocia no periodo pre Segunda Guerra Mundial.

20121123-090943.jpg

Pra quem gosta de historias de misterio, e da historia desse periodo, eh um prato cheio, mas a adaptacao da peca em Londres eh bem diferente e surpreendente, pois eh na verdade uma comedia! E das mais dinamicas que ja vi!

20121123-090958.jpg

O enredo ainda eh o mesmo, baseado no filme de Hitchcock, mas a peca surpreende por ter apenas 4 atores que se revesam e fazem o papel dos 139 personagens da historia!!

20121123-091006.jpg

Isso acaba deixando a peca (que eh uma adaptacao curta, de apenas 1 hora e meia) ultra dinamica e muito engracada – realmente teatro eh uma arte e demanda muito talento pra que os 4 atores consigam se transformar tanto, tao rapidamente!

20121123-091023.jpg

Essa peca eh uma outra otima opcao pra quem gosta de teatro de verdade, ou que ja viu os musicais classicos em cartaz em Londres e quer assistir alguma coisa mais original e unica!

Principalmente tendo por tras um genio como Alfred Hitchcock, um dos maiores nomes do cinema Britanico de todos os tempos – e ja agora, fique atento as referencias e “aparicoes” de Hitchcock ao longo da peca!

O “The 39 Steps” esta em cartaz no teatro Criterion, que fica bem ali no meiao de Piccadilly Circus – impossivel perder! E para comprar ingressos, de uma olhada aqui.

 

Categorias: Conhecendo Londres, Inglaterra, Teatro / Musicais
2
24
Oct
2012
Cirque du Soleil em Londres – Michael Jackson, the Immortal Tour
Escrito por Adriana Miller

Ah, Londres…

A cidade esta longe de ser perfeita, e quem mora por aqui enfrenta aqueles dilemas eternos de amor e odio – as casas pequenas, os precos altos, o metro lotado, o clima cinzento ou seja qual for o problema que te assolou naquele dia. Mas nao da pra negar que eh um privilegio enorme morar numa das cidades “capitais” do mundo! Porque se tem um lugar nesse planeta onde tudo acontece, esse lugar eh Londres!

20121023-114710.jpg

E isso inclui quase tudo relacionado a entretenimento – dificil ver um artista (seja de qual area) de renome que nao inclua Londres numa tour mundial, por exemplo (sem falar no tanto que a cidade eh cultural, musical, teatral, e etc) e ja tive o privilegio de assistir muitos otimos artistas por aqui.

Entao logo que o Cirque du Soleil anunciou sua nova empreitada, com um musical inspirado na obra do Michael Jackson, ja fiquei logo de orelha em pe pra nao perder a oportunidade. Ate por que, um dos grande problemas de Londres (em todas as areas possiveis e imaginaveis) eh que a oferta eh sempre grande… mas a demanda sempre vai ser maior!

20121023-114727.jpg

Entao laaaa no comecinho de Fevereiro desse ano, quando os ingressos entraram a venda, eu lutei com o site do TicketMaster pra conseguir garantir nossos ingressos – e mesmo sabendo que o show nao chegaria na cidade ate Outubro, ainda assim todos os ingressos se esgotaram em questao de horas!

Bem, oito meses se passaram e finalmente chegou o dia de assistir mais um show do Cirque du Soleil em Londres! (a foto abaixo ilustra bem quanta coisa pode acontecer em 8 meses :-)

20121023-114823.jpg

Eu estava mais animada com as musicas e o “evento” doque com o show propriamente dito – acho que nao tinha grandes expectativas de que seria nada muito monumental depois que assisti o show “Love” (dos Beatles) em Las Vegas - para os fans do Cirque du Soleil chega a ser um pouco decepcionante… pois em vez de ser uma daquelas experiencias que te deixa boquiaberto, sao apenas musicais mais acrobaticos que o normal.

20121023-114657.jpg

E foi exatamente isso que achei do show do Michael Jackson – sim, foi divertidissimo, as musicas otimas, um show muito bem montado e tal… mas nao exatamente oque (eu) sempre espero do Cirque du Soleil.

Por sorte, o final do show me surpreendeu: ganhou pique, minhas musicas preferidas comecaram a tocar uma depois da outra e a empolgacao contagiou todo mundo!

20121023-114748.jpg

E o publico Londrino nao decepcionou!

Eu ja dei essa dica aqui outras vezes, mas quem esta com viagem marcada pra Londres, vale MUITO a pena ficar de olho no site do TicketMaster pra saber tudo que estara disponivel na cidade durante sua estadia (shows, pecas, musicais, esportes e eventos interessantes em geral!).

 

Categorias: Conhecendo Londres, Eventos, Inglaterra, Teatro / Musicais
15
01
Aug
2012
Os festivais de musica e shows do verao Londrino
Escrito por Adriana Miller

Entra ano, sai ano, uma coisa eh certeira: Londres eh uma cidade mestre em sediar grandissimos eventos!

E vai chegando o verao entao, a cidade acorda e se anima como nunca, pra aproveitar cada dia e cada fim de semana dessa estacao como se fosse o ultimo.

Entre os muitos eventos imperdiveis do verao Londrino que ja contei em outras ocasioes, tem uma area que os Ingleses sao verdadeiros especialistas: os shows e festivais de musica!

Alguns sao legendarios, como o mitico Glastonbury, outros mal entram na lista oficial (como o Guildfest, Hahahhaha, que eu ja fui ha uns anos atras!), mas voce pode ter certeza que praticamente toda semana, e todos os condados do pais terao seu festival de verao pra chamar de seu!

Mas Ingles que eh Ingles mesmo, e principalmente o pessoal “entendido” de musica vao concordar que festival que se preze eh aquele que dura varios dias, voce acampa, passa perrengue e “vive” aquela experiencia musical como nunca.

Em Londres especificamente, entre Junho e Agosto comecam a pipocar shows em quase todos os parques, atraindo os grandes nomes da musica mundial, com performances pra agradar a qualquer gosto!

Os maiores e melhores acontecem no Hyde Park – alguns sao shows independentes e avulsos, outros fazem parte de line ups mais organizados, como se fossem um “mini” festival (so que de proporcoes Londrinas!).

Eu tive o privilegio de ir em dois shows dos (meus) sonhos no Hyde Park, um ano passado (que acabou nao entrando no blog…) quando fui assistir o Bon Jovi no line up do “Hard Rock Calling Festival”, e esse ano fui no show da Madonna!

O espaco eh perfeito pra esse tipo de evento, com uma super infraestrutura montada. O lado negativo é que qualquer evento no Hyde Park é sempre 100% ao ar livre. Ano passado, no show do Bon (delicia) Jovi, pegamos uma dia ma-ra-vi-lho-so de sol, calor com um por do sol de matar.

Já esse ano, uma dos verões mais “molhados” dos ultimos tempos, não só peguei tempo ruim no show da Madonna, como alguns shows da semana anterior foram cancelados devido ao mal tempo (e excesso de lama no parque!).

E pra quem encara os grandes festivais INgleses, que duram varios dias, só aumenta a probabilidade de pegar tempo ruim em pelo menos algum dia.

Ou seja, tem que estar preparado pra curtir o show chova ou faça sol. Afinal, você compra seu ingresso com 6+ meses de antecedencia, e nunca se sabe como estara o clima naquele dia.

Entao a peça do vesturio Ingles que já virou sinonimo de festivais de verão são as tipicas galochas!

Mas voltando aos shows/festivais no Hyde Park.

A infraestrutura, como era de se esperar, absolutamente excelente!

Eu sempre chego com muitas horas de antecedencia pra custir bastante o clima do show – e lá você tem tudo que precisar: muitas barraquinhas com as mais diversas opções de comidas e bebidas

E os banheiros de primeirissima classe!

O principal é que são muitos! Raramente você pega fila, e mesmo quimicos/portaveis, você tem banheiros de verdade, com papel higienico, pia com ague corrente, sabonete liquido e afins.

(moral da história: pode ir nas barraquinhas de bebidas e tomar quantas pints quiser, e depois é só dar uma passadinha no banheiro antes de pegar a proxima rodada!)

A entrada e saida dos shows tambem são muito bem organizadas – na entrada todos passam pela inspeção de ingressos e pela segurança, e na saida, quando vocí começa a achar que vai dar confusão pra evacuar aquele mundarel de gente ao mesmo tempo, surpresa: varios portões ao redor do parque se abrem, liberando a galera de vota pras ruas (que ficam fechadas para carros, pra evitar acidentes) sem confusão.

Mas o principal mesmo é conseguir comprar os ingressos! Como tudo que rola em Londres, qualquer show, festival e evento esgota em questão de segundos, então todo mundo tem que ficar super esperto com datas, e sempre, sempre tentar comprar com a maior antecedência possivel!

Eu já dei a dica do TicketMaster antes (quando falei sobre ingressos pra peças e teatro em Londres), e é sem duvida o melhor site pra comprar (e ficar de olho) nos shows e eventos em Londres.

Voce compra tudo online, recebe confirmação por e-mail, imprime seu ingresso e pronto! Ready to rock!

Eu já me adaptei totalmente ao style Ingles e sou super organizazda (=neurotica) com planejamento, datas e afins, então prefiro comprar ingressos com muita antecedencia – então pra quem esta planejando viagem pra Londres (tanto no verão, mas tambem rolam altos shows o ano todo!) é uma boa já ficar de olho no site do TicketMaster e ver oque vai estar rolando na cidade durante sua estadia.

 

Categorias: Conhecendo Londres, Eventos, Inglaterra, Teatro / Musicais, Tradicoes Inglesas, Viagens
14
06
Dec
2011
Royal Opera House
Escrito por Adriana Miller

Semana passada finalmente consegui assistir um ballet na Royal Opera House em Londres, e realmente foi uma experiência única!

A Royal Opera House é a sede da compania de Opera Britanica real, assim como a casa da Orquestra real e do Royal Ballet, que hoje esta hospedade em Covent Garden no predio contruido em 1858, mas construido no mesmo local onde outras casas de Opera já existiam, mas haviam sido destruidos por incendios ao longo dos seculos.

É ali que são realizados os principais espetaculos classicos de Londres, uma experiência de beleza e cultura sem igual!

Os ingressos da temporada são disputadissimos, assim como tudo que é bom em Londres, então é sempre bom ficar de olho no site da Royal Opera House para ver quais espetaculos entrarão em cartaz e comprar seu ingresso o quanto antes!

Geralmente cada espetáculo fica em cartaz por apenas algumas semanas, e têem horários variados ao longo do dia e da semana e os preços variam bastante, de acordo com a qualidade/visibilidade do assento.

Oque pouca gente sabe é que apesar da pompa e da concorrência, assistir um espetaculo de ballet ou Opera na Royal Opera House em Londres é um programão super acessivel!

Os preços começam em apenas £5 libras! Não são todas as apresentações que teem preços tão baixos, mas a media do preço “inicial” sempre fica na casa dos 10 ou 15 Libras!

Nao espere os melhores assentos da casa, nem uma bancada bem em cima da orquestra, mas sabendo comprar, você consegue assistir o show perfeitamente e sem ir a falência. Já o preço máximo é ad infinitum… podendo chegar facilmente a 400 libras por pessoa dependendo do show e da epoca do ano.

Então lá em Setembro eu vi um cartaz da temporada de inverno da ROH e resolvi entrar no site pra ver oque ainda estava disponível- infelizmente já não tinha muita coisa, mas consegui comprar ingressos pra Dezembro por apenas 15 libras!

Então eu e a Tati fomos assitir a “A Bela Adormecida”, sem saber muito bem oque esperar.

Mas comprar os ingressos é facílimo, e podem/devem ser comprados diretamente no site deles.

No link Book Now você verá o calendário com todas as datas e espetaculos disponíveis – voce pode procurar por data e por tipo de show: ballet, Opera, jazz, dança contemporânea, etc Basta selecionar oque você gostaria de assistir e verificar se as datas estão disponiveis.

O proximo passo é selecionar a area do teatro: A Balcony e o Amphitheatre são onde estão os assentos mais baratos (variando de 5 Libras a 80 Libras).

Mas não precisa ficar com medo! Em “Pick Seats” você verá os assentos disponiveis, ao clicar nas “bolinhas” você o preço daquele assento e qualquer outro aviso, como por exemplo “Restricted View” (significa que você terá visão limitada do palco – que pode significar que sua cadeira será atras de uma pilastra, ou então você só terá um ângulo parcial do palco), ou “No Armrest” (que significa que sua cadeira será um pouco mais desconfortável, sem descanso de braços).

E por fim, na tab “Photo Previews” estão disponiveis fotos que mostram o angulo e avisão da seção escolhida! Mostrando por exemplo o quanto a pilastra vai atrapalhar sua visão, ou qual o angulo que você terá do palco.

E pronto. Basta selecionar seu assento, fazer um registro rápido e comprar sue ticket com cartão de credito ou debito, e por fim, na hora final da compra você pode escolher se quer que o ingresso seja entregue na sua casa por correio (para endereços no Reino Unido apenas), ou então você vai receber uma confirmação por e-mail para poder retirar seu ingresso na bilheteria da Royal Opera House!

E experiência foi incrível, de arrepiar do começo ao fim. A adaptação da Bela Adormecida estava linda, e nem vimos o tempo passar!

 

 

Categorias: Conhecendo Londres, Inglaterra, Teatro / Musicais, Viagens
26
21
Aug
2011
We Will Rock You!
Escrito por Adriana Miller

Oque seria uma viagem a Londres sem assistir pelo menos um musical?!

Então ultima noite que minha irmã estava aqui com as amigas, nós fomos assistir o musical “We Will Rock You“, no teatro Dominion.

Esse musical é considerado uma dos mais animados do West End Londrino, e sempre ganha vários premios de produção.

Mas o que realmente diferencia o “We Will Rock You” é sua trilha sonora: todas as musicas e o enrredo, são inspiradas nas musicas do Queen! Então pra quem é fã da banda, esse musical é imperdivel!

A historia da peça fala sobre um mundo futurístico (alto tipo ano 2.300 e qualquer coisa) onde rock e instrumentos musicais foram proibidos, e só as musicas eletronicamente criadas podem ser ouvidas.

Então um grupo de jovens rebeldes resolvems resgatar as “lendas” sobre musica e rock e achar os ultimos instrumentos musicais ainda existentes na terra.

A história é engraçadinha, e tem umas parts bem legais, porque eles justamente fazem paródia com musicas, cantores e artistas que temos hoje em dia, e qual seria – supostamente – seu impacto daqui a 300 anos.

Mas sinceramente? Tirando as músicas, que realmente são otimas, achei o musical bem fraquinho… A produção esta longe de ser uma super produção tipica de musicais (o Wicked é incrivelmente impressionante!), com um cenario e figurino bem pobrinhos, e uma historia de fundo meio boba…

Mas no final da peça a sensação é de que você acabou de sair de um show de rock super legal, porque todo mundo canta, dança, bate palmas e a plateia de anima mesmo!

Nós compramos nossos tickets no site TicketMaster que eu já dei a dica aqui.

E olha que engraçado, só pra mostrar como esse musical é famosinho e popular por aqui: na mesma noite, duas leitoras do blog me viram por lá! Com direito a foto “paparazzi” e tudo, que a MrsD me mandou pelo Twitter!

Fique me achando super BranGelina!

 

 

Categorias: Conhecendo Londres, Inglaterra, Teatro / Musicais, Viagens
11
18
Feb
2011
Cirque du Soleil – Totem
Escrito por Adriana Miller

O show Totem do Cirque du Soleil esta passando alguns meses de sua temporada internacional em Londres, em exibição no Royal Albert Hall, que é uma casa de shows incrivel na regiao do Hyde Park (que já falei aqui).

A historia do show fala um pouco sobre a evolução da humanidade, e como todos os shows do Cique du Soleil, é uma daqueles experiencias que te deixa boqueiaberto do inicio ao fim, pensando “como isso é possivel?!?! Eles são humanos?!?”

Assistir o Cirque du Soleil no Royal Albert Hall é uma experiencia a parte, pois o teatro é enorme, com um pé direito altissimo, em fomrato de semi circulo, então em qualquer lugar da plateia a vista para a performance sempre é excellente.

E por ser um lugar tão grande, tem opções pra todo mundo e todos os bolsos!

Os ingressos estão a venda no proprio site do Cirque du Soleil, na bilheteria do RAH, ou em sites de desconto como Lastminute.com ou Ticketmaster.co.uk.

Infelizmente a temporada em Londres é limitada, mas eles já estão agendados pra voltar a Londres em 2012, e os ingressos já podem ser reservados em pre-venda! E como tudo em Londres esgota na velocidade da luz, quem quiser garantir um ingresso é melhor correr…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categorias: Conhecendo Londres, Teatro / Musicais, Viagens
5
Página 1 de 3123